Cuiabá, 04 de Setembro de 2015

Curtinhas

  • Acordão, cargo e agora da base

    Quinta-Feira, 03/09/2015 20h:17

    janio calistro camara curtinhas vg   A oposição do presidente da Câmara de Várzea Grande, Jânio Caslistro (PMDB), à gestão Lucimar não durou 3 meses. Em meio a barganhas, bastou a prefeita atender a um dos pedidos do peemedebista para este se tornar governista. Lucimar nomeou Viviane Calistro, irmã do vereador, como secretária-adjunta de Educação. E ela já iniciou as atividades sendo "promovida" à secretária temporariamente, em substituição a Zilda Pereira Leite, que saiu de licença por 15 dias para cuidar de assuntos pessoais. Enquanto a irmã de Jânio toca a Educação, maior pasta do governo Lucimar, o parlamentar busca argumentos para justificar a mudança de posição tanto aos colegas na Câmara quanto junto à sociedade. É mais um que se entrega às benesses do poder, primeiro com o colega peemedebista Walace e, depois que este foi cassado, com a democrata Lucimar. Cola-se em quem estiver no poder.

  • Câmara, hacker e incompetência

    Quinta-Feira, 03/09/2015 18h:42

    O site da Câmara de Cuiabá, que amanheceu estampado com uma imagem do deputado federal Jair Bolsonaro (PP-RJ), nesta quinta (3), graças a um ataque de hackers, ficou a tarde toda fora do ar e passará a noite dessa forma. Isso porque o expediente da equipe técnica, que tentou restabelecer o domínio do site, sem sucesso, encerrou às 13h30, conforme informa a assessoria do Legislativo. As tentativas de normalizar o sistema serão retomadas a partir das 7h, desta sexta (4). Até lá, uma página em branco, com os dizeres “site em manutenção, voltamos em breve” é a única coisa que os usuários encontrarão. Antes de ficar completamente sem acesso, o site apresentava imagem de Bolsonaro fazendo um coração com as mãos. A autoria do ataque ao site partiu, supostamente, de um grupo denominado “Monsters Defacers”, que já promoveu ataques em outras páginas institucionais como da Polícia Civil de Mato Grosso e das prefeituras de Vitória e de Arica.

  • Cria de Henry e cargo no MAPA

    Quinta-Feira, 03/09/2015 09h:23

    jose de assis guaresqui curtinhas   Wellington Fagundes emplacou José de Assis Guaresqui (foto) no cargo de superintendente do Ministério da Agricultura em MT. Trata-se de um sujeito com alto índice de rejeição, de difícil trato com os servidores e considerado inoperante. É um velho aliado do ex-deputado mensaleiro Pedro Henry e que acabou sendo "adotado" por Wellington. Desde março, dois meses após Wellington assumir a cadeira de senador, Guaresqui passou a atuar no gabinete em Brasília como auxiliar parlamentar júnior. Os servidores do MAPA estão revoltados com essa nomeação. Guaresqui foi vice-prefeito de Cáceres e adjunto e secretário estadual de Esportes no Governo Silval.

  • 2 novos coronéis e convocados

    Quinta-Feira, 03/09/2015 08h:52

    O governador Taques promoveu dois tenentes-coroneis ao posto de coronel. Clelcimar Santos Rabelo de Sousa chega a mais alta patente da carreira militar pelo critério de merecimento. Paulo Roberto Costa, por "requerimento". O governo passa a considerar agora duas datas anuais para promoções de praças e oficiais e não mais três. E estão sendo convocados mais 1.340 candidatos do concurso público da PM para iniciar o curso de Formação de Soldados. Destes, 600 foram aprovados e 740 são do cadastro de reserva. Essa convocação faz parte do programa Transforma Mato Grosso e trata da recomposição do efetivo da Segurança Pública. Pelo programa, a secretaria já incluiu 147 novos soldados do Bombeiros e mais 300 alunos soldados que estão em curso de formação. Outros 450 investigadores e 150 escrivães da Civil terminaram o curso e foram distribuídos nas delegacias de polícia. No próximo dia 21, mais 491 do cadastro de reserva para os cargos de investigador e escrivão devem iniciar o curso de formação na Acadepol.

  • Renivaldo diz que exigiu respeito

    Quinta-Feira, 03/09/2015 08h:16

    O vereador Renivaldo Nascimento (PDT) nega que tenha se infiltrado na fila do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), no bairro Dom Aquino, em Cuiabá, para passar pessoas na sua frente de outras. A afirmação é uma reposta a Curtinha Ação politiqueira e tumulto. Ele reconhece, entretanto, ter reclamado do atendimento. Segundo o parlamentar, ele chegou às 8h10 no local, após passar por uma unidade de saúde, e apenas exigiu que o portão fosse aberto porque o atendimento deveria ter iniciado às 8h. Renivaldo relata ainda que cerca de 100 pessoas estavam na fila e que a responsável pelo local chegou apenas às 8h20. "Só exigi isso. Não pedi que atendessem A ou B". Para o parlamentar, que se filiará ao PSDB nos próximos dias, a distorção dos fatos tem cunho político de pessoas que já têm interesse em concorrer às eleições do ano que vem.

  • Prefeito, crime e prescrição

    Quarta-Feira, 02/09/2015 23h:22

    helio goulart guiratinga curtinhas   O pecuarista e prefeito de Guiratinga Hélio Gourlart (DEM) só não foi parar na cadeia por causa da morosidade da Justiça. O Ibama o denunciou e o puniu por crime, em novembro de 2004. Foi autuado por guardar e manter em depósito substâncias tóxicas, nocivas à saúde humana e ao meio ambiente. O processo ficou engavetado todo esse tempo. O Ministério Público detectou indícios suficientes de autoria e materialidade para condenação de Hélio Goulart em até 4 anos. Mas ocorreu a prescrição do delito em novembro de 2012, oito anos depois. Por isso, o promotor de Justiça, Antonio Sérgio Piedade, pediu o arquivamento dos autos. A Justiça assim entendeu.

  • Ação politiqueira e tumulto

    Quarta-Feira, 02/09/2015 20h:51

    renivaldo curtinhas   O vereador de primeiro mandato Reninaldo do Nascimento (PDT) aprontou a maior confusão nesta quarta na unidade do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS), no bairro Dom Aquino, em Cuiabá. Acompanhado de assessores, Renivaldo, que mora no mesmo bairro, chegou no momento em que dezenas de pessoas estavam organizando fila para serem atendidas, com vistas às incrições para o programa Minha Casa, Minha Vida. Muitos chegaram de madrugada para garantir vaga. Segundo os atendentes, Renivaldo, numa ação politiqueira e demagógica, já pensando em angariar eleitores para o seu projeto de reeleição, acabou provocando tumulto, pois tentou infiltrar uns na frente de outros. Houve bate-boca. A interferência do parlamentar, inclusive com arrogância, atrasou em mais de duas horas o início do atendimento.

  • Parlamentares esperam janela

    Quarta-Feira, 02/09/2015 17h:31

    adevair cabral  Vereadores e deputados continuam inseguros sobre a possibilidade de troca de partido. Acontece que, até agora, não foi aberta a janela de 30 dias, que visa autorizar a troca de legenda sem que sejam enquadrados na Lei de Fidelidade Partidária. Assim, começam a viver um verdadeiro pesadelo. Alguns já estão em um partido onde perderam força e influência. Este é o caso do deputado estadual Leonardo Albuquerque. Ele definiu que irá para o PSDB, acompanhando Taques, mas não pode oficializar a saída porque, hoje, corre o risco de perder o mandato. Dentro do PDT, Leonardo não é mais convidado sequer para as reuniões. Outros estaduais vivem situação parecida. No PSD, enquanto Neurilan define os rumos da legenda, Janaína, Satélite e Fabris ficam alheios às articulações. Querem mesmo é trocar de legenda. Janaína estão com um pé no PMDB e Satélite no PSDB. Já Fabris ainda é uma incógnita. O Congresso promete apreciar a lei ainda neste mês.

  • PSDB faz análise de filiados

    Quarta-Feira, 02/09/2015 17h:05

    Nilson Leitão, presidente estadual do PSDB, acatou sugestão feita pelo governador Pedro Taques, recém-filiado na legenda, no sentido de criar uma comissão para definir critérios e analisar a situação de cada futuro filiado. Com a entrada de Taques no PSDB, o partido é procurado por diversas lideranças, inclusive, com mandato. A preocupação de Taques é de que a sigla cresça de forma sólida e de que, com habilidade, sejam resolvidos conflitos paroquiais. O governador reconhece que pessoas de grupos adversários nos municípios possam fazer parte da legenda. Assim, a missão da comissão também será auxiliar a resolução destas possíveis desavenças.    

INíCIO
ANTERIOR
1 de 935