Curtinhas

Quarta-Feira, 13 de Setembro de 2017, 11h:48 | Atualizado: 13/09/2017, 14h:35

Parlamentar fica sem discurso

ezequiel fonseca curtinha

Ezequiel Fonseca, presidente do PP-MT, terá dificuldade em construir o discurso pela reeleição. Sempre fez campanha explorando o jeito pobre e humilde de trabalhar, mas, agora, terá que conviver com a acusação de que, por um bom tempo, foi abastecido por mensalinho pago pelo ex-governador Silval Barbosa. E, para piorar, ele aparece na lista de parlamentares flagrados recebendo maços de dinheiro no gabinete de Silvio Corrêa. As imagens e o áudio destroem ainda mais a sua imagem perante à sociedade. Sua trajetória política até aqui vinha sendo vitoriosa. Foi vereador e ex-prefeito de Reserva do Cabaçal, depois comandou a AMM, atuou como adjunto de Educação, se tornou deputado estadual e, depois, federal. Tanto êxito se deve à ajuda de padrinhos políticos que hoje estão na “lona” como é o caso de Henry e Riva. Para muitos, sua reeleição seria um milagre. Já outros apostam na tese de que o eleitor tem memória curta.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Roberto Mário | Sábado, 16 de Setembro de 2017, 12h14
    1
    0

    Eu gostaria se possível um dia ainda uma mídia praticasse um jornalismo investigativo e fizesse um levantamento de quantos eleitores vendem o voto ou apoio, pois na época da eleição vejo muita gente com adesivando carros e ouvi falar que fazem isso em troca de gasolina, é gente distribuindo santinhos porque foram supostamente contratados, é supostamente eleitores vendendo o voto. Eu penso que isso se confirmar que uma parcela significativa do povo vende o voto, é preciso para com essa vergonhosa hipocrisia, e ver que se há corrupção então começa em nós mesmos, pois somos os responsáveis em elegê-los e reelegê-los, parem depor a culpa na justiça, em outras pessoas, a culpa é de cada um que votou errado, sem consciência de mudança, ou supostamente vendendo votos, assuma a sua parcela da culpa!

  • Maxuel | Sábado, 16 de Setembro de 2017, 12h08
    1
    0

    Sinal dos tempos, eu nunca imaginei com meus 55 anos de vida iria conviver com o lema: "rouba mas faz", eu não estou acusando ninguém, mas não sou obrigado a declarar apoio a um político sob suspeita, o que devemos fazer é não reeleger mais ninguém, se eles fazem obras coletivas não fazem nada mais do que a obrigação.

  • Cabral | Sábado, 16 de Setembro de 2017, 12h05
    1
    0

    O pensamento de Nelson Rodrigues está mais atualizado do que nunca e vem se confirmando: Os idiotas vão tomar conta do mundo; não pela capacidade, mas pela quantidade. Eles são muitos. O que eu penso não deveríamos reeleger mas nenhum político, ainda com muito mais convicção os que estão sob suspeita, o erário não pode correr o risco, mas eu corto o meu pescoço como a maioria que está sob investigação de supostamente pegar pegar propina será reeleita, não reeleja! Depois não adianta xingar dizer que a culpa é da justiça, alias a justiça e a imprensa que está salvando este país, quem está enterrando somos nós eleitores que temos o habito feio de reeleger! Antes de atirar a pedra em alguém olhe pra si e tome consciência de suas escolhas!

  • Manoel | Sábado, 16 de Setembro de 2017, 11h58
    1
    0

    Se se comprovar pela justiça que ele pegava dinheiro não seria possível que ele teria comprado votos? Quer apostar que mais da metade dos que apareceram no vídeo supostamente pegando propina irão se reeleger? Isso só não irá com certeza acontecer se a justiça sentenciá-los por um colégio de magistrados, parabéns à justiça que está fazendo a sua parte, eu confio em suas investigações e decisões, mas é uma pena não eu não poder dar os parabéns aos eleitores que tem todos os supostos fatos a sua frente e não consegui substituir todos os políticos, até parece que todo mundo supostamente vende o voto ou que todo mundo vota mal.

  • João Vasconcelos Junior | Sexta-Feira, 15 de Setembro de 2017, 13h45
    2
    0

    Acho que a melhor resposta que estes políticos dariam a sociedade é dependurar a chuteira da reeleição e ir pra casa esperar a justiça a sua porta bater.

  • AGOSTINHO GUERREIRO | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 19h27
    0
    0

    AGOSTINHO GUERREIRO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Julho | Quinta-Feira, 14 de Setembro de 2017, 07h40
    3
    8

    Vai reeleger e com muito mais voto. Aguarde pra ver.

  • MOSSUETO | Quarta-Feira, 13 de Setembro de 2017, 15h36
    12
    0

    Agora fica mais fácil, é só exibir as imagens do vídeo que está circulando na net, onde o mesmo enfia nos bolsos o nosso dinheiro, mas com certeza esse discurso não vai dar a ele um novo mandato, pois até lá, ele já estará cassado e com os seus direitos políticos suspensos, e se por acaso ele conseguir furar essa barreira, nós eleitores vamos arrancar este corrupto da politica, que não poderá voltar nem para a sua antiga função, pois os seus ex-colegas não vão aceita-lo no quadro de educadores, por vergonha e proteção das crianças que frequentam o educandário pretendido por ele.

Matéria(s) relacionada(s):

Adin para garantir 15% aos fazendários

rogerio gallo curtinha   Com a folha de pessoal "estourada", superando o limite prudencial da lei fiscal, o governo do Estado deveria agradecer ao TCE que, sob medida cautelar, suspendeu o reajuste de 15% concedido pelo Executivo aos agentes fazendários ao longo dos próximos dois anos, além de verba indenizatória...

Plano de se afastar para ser candidato

jayme campos curtinhas   Jayme Campos, hoje principal referência do DEM no Estado, revelou neste domingo que está decidido a se desincompatibilizar do cargo de secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande para "costurar" candidatura majoritária, seja ao Senado, seja para governador. A saída do...

Governo Taques avança na Segurança

gustavo garcia curtinha   A área de Segurança Pública, hoje sob Gustavo Garcia Francisco (foto), foi apontada pelo governador Taques como prioritária desde o início da gestão. Nos dois primeiros anos (2015 e 2016), aumentou o contingente policial, armamentos, serviços de inteligência e...

Empenho e solidariedade às famílias

pedro taques curtinha   O governador Taques acompanhou pessoalmente a operação policial na madrugada deste sábado, que resultou no "estouro" do cativeiro, na prisão dos assaltantes e na liberdade da empresária Milene Falcão Eubank, mantida refém por 13 horas. O secretário de Segurança,...

Estado perde seu único time na Série B

helmute fmf   Após quatro anos consecutivos na Série B, algo inédito na história de um time mato-grossense que não tinha representante desde 1994, o Luverdense foi rebaixado à Terceira Divisão. Precisava vencer para ter chance de seguir na Segundona, mas empatou nesta sexta, em 0 a 0, com o Guarani....

Taques ignora pressão e elogia Soares

luiz soares curtinha   Coube ao ex-prefeito cuiabano e apresentador do programa Resumo do Dia, Roberto França, tornar público o posicionamento do governador Taques quanto ao movimento de várias lideranças, especialmente de deputados, pela queda de Luis Soares da pasta da Saúde. No quadro "Bomba do Dia", apresentado...

Sintap defende servidores do Intermat

candido teles curtinha   O Sintap não defendeu Cândido Teles (DEM), presidente "inoperante" do Intermat que passou a usar a estrutura do órgão com pretensões eleitorais - é pré-candidato a deputado estadual, mas garante que, quanto aos servidores, estes são dedicados ao trabalho. Em nota, nega...

Pré-candidatura já ganha repercussão

mauro mendes artigo   A notícia revelada pelo Blog do Romilson de que Mauro Mendes, que deve se filiar ao DEM ou ao PR, está determinado a disputar o governo estadual e, sem alarde, começa a se distanciar de Taques, ganhou muita repercussão nos meios político e empresarial e no Palácio Paiaguás. Deu...

Dificultando planos políticos de Taques

nilson leit�o curtinhas   Pedro Taques está na bronca com o deputado federal Nilson Leitão (foto) por entender que este busca atrapalhar seus planos políticos majoritários. É desejo do governador disputar a reeleição com dois aliados fortes no palanque como candidatos ao Senado,...