ECONOMIA E AGRONEGÓCIO

Quinta-Feira, 23 de Março de 2017, 16h:43 | Atualizado: 23/03/2017, 17h:12

JBS suspende produção de carne em 10 das 11 plantas frigoríficas de MT

Newtrade

frigorifico-jbs

Segundo JBS, ação objetiva  ajustar produção a embargos de países que compram a carne no Brasil

A JBS anunciou nesta quinta (23) que suspendeu por três dias a produção de carne bovina em 33 unidades de processamento no país, sendo que 10 delas são em Mato Grosso. A medida afeta 44% das unidades em Mato Grosso, já que o estado tem 25 unidades de processamento que atuam com o Serviço de Inspeção Federal (SIF), de acordo com a Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).

A ação da JBS atingiu mais de 90% das unidades da empresa, já que são 36 no total. Das três que permanecem abertas, uma está em Mato Grosso. O empreendimento não detalhou quais das unidades foram paralisadas e quais estão na ativa. 

Segundo a JBS, o objetivo da ação é ajustar o volume da produção em relação aos embargos tomados por alguns países que importam a carne brasileira.

Em Mato Grosso a empresa opera com confinamento em Lucas do Rio Verde. Nas cidades de Água Boa, Alta Floresta, Araputanga, Barra do Garças, Colíder, Confresa, Diamantino, Juara, Juína, Pedra Preta e Pontes e Lacerda a JBS atua em parceria com pecuaristas. 

Mato Grosso detém o maior rebanho bovino do Brasil. Conforme dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), são aproximadamente 30 milhões de cabeças. Segundo dados de 2016, foram enviadas para o abate no Estado 4,5 milhões de cabeças de gado. 

O Estado tem hoje capacidade total instalada para abater 787,6 mil cabeças por mês. Mas, se considerarmos apenas as unidades em atividade, esse número cai para 523,4 mil.

Chile, União Européia e China impuseram restrições à carne brasileira após a deflagração da Operação "Carne Fraca", da Polícia Federal (PF). Os três foram responsáveis por 33% das compras das carnes mato-grossenses no ano passado. 

 

Veja, abaixo, a íntegra da nota da JBS:

A JBS confirma que suspendeu, por três dias, a produção de carne bovina em 33 unidades das 36 que a empresa mantém no país. Para próxima semana, a Companhia irá operar em todas as suas unidades com uma redução de 35% da sua capacidade produtiva. Essas medidas visam ajustar a produção até que se tenha uma definição referente aos embargos impostos pelos países importadores da carne brasileira. A JBS ressalta que está empenhada  na manutenção do emprego dos seus 125 mil colaboradores em todo o Brasil.

 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Mariazinha | Sexta-Feira, 24 de Março de 2017, 07h33
    1
    0

    A titulo de combater a corrupção ,estão mandando Pais pro brejo. Se a Friboi,a JBS pararem adeus 2 milhões de empregos. Dai entram as MULTI ,e agora SEM carteiras assinadas. Uma festa. Midiótas ,voces não tem mais DEMOCRACIA ,CARTEIRA ASSINADA , RGA e nem APOSENTADORIA!!! E a corrupção continua. SATISFEITOS ???!!!

  • arnaldo correia da silva | Quinta-Feira, 23 de Março de 2017, 17h25
    0
    0

    POR CONTA DE MEIA DUZIA DE CORRUPTOS OLHA AI . COLOCA EM RISCO A MAIORIA DOS EMPREGOS DE QUEM REALMENTE PRECISA ; QUANTAS FAMILIA NÃO VIVE COM ESSE EMPREGO. UM PAIS SEM COMANDO SO UM MONTE DE POLITICOS SEM COMPROMISSO SO PENSA NELES E A POPULAÇÃO QUE SE FODASSSSSSSS

Matéria(s) relacionada(s):

Adin para garantir 15% aos fazendários

rogerio gallo curtinha   Com a folha de pessoal "estourada", superando o limite prudencial da lei fiscal, o governo do Estado deveria agradecer ao TCE que, sob medida cautelar, suspendeu o reajuste de 15% concedido pelo Executivo aos agentes fazendários ao longo dos próximos dois anos, além de verba indenizatória...

Plano de se afastar para ser candidato

jayme campos curtinhas   Jayme Campos, hoje principal referência do DEM no Estado, revelou neste domingo que está decidido a se desincompatibilizar do cargo de secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande para "costurar" candidatura majoritária, seja ao Senado, seja para governador. A saída do...

Governo Taques avança na Segurança

gustavo garcia curtinha   A área de Segurança Pública, hoje sob Gustavo Garcia Francisco (foto), foi apontada pelo governador Taques como prioritária desde o início da gestão. Nos dois primeiros anos (2015 e 2016), aumentou o contingente policial, armamentos, serviços de inteligência e...

Empenho e solidariedade às famílias

pedro taques curtinha   O governador Taques acompanhou pessoalmente a operação policial na madrugada deste sábado, que resultou no "estouro" do cativeiro, na prisão dos assaltantes e na liberdade da empresária Milene Falcão Eubank, mantida refém por 13 horas. O secretário de Segurança,...

Estado perde seu único time na Série B

helmute fmf   Após quatro anos consecutivos na Série B, algo inédito na história de um time mato-grossense que não tinha representante desde 1994, o Luverdense foi rebaixado à Terceira Divisão. Precisava vencer para ter chance de seguir na Segundona, mas empatou nesta sexta, em 0 a 0, com o Guarani....

Taques ignora pressão e elogia Soares

luiz soares curtinha   Coube ao ex-prefeito cuiabano e apresentador do programa Resumo do Dia, Roberto França, tornar público o posicionamento do governador Taques quanto ao movimento de várias lideranças, especialmente de deputados, pela queda de Luis Soares da pasta da Saúde. No quadro "Bomba do Dia", apresentado...

Sintap defende servidores do Intermat

candido teles curtinha   O Sintap não defendeu Cândido Teles (DEM), presidente "inoperante" do Intermat que passou a usar a estrutura do órgão com pretensões eleitorais - é pré-candidato a deputado estadual, mas garante que, quanto aos servidores, estes são dedicados ao trabalho. Em nota, nega...

Pré-candidatura já ganha repercussão

mauro mendes artigo   A notícia revelada pelo Blog do Romilson de que Mauro Mendes, que deve se filiar ao DEM ou ao PR, está determinado a disputar o governo estadual e, sem alarde, começa a se distanciar de Taques, ganhou muita repercussão nos meios político e empresarial e no Palácio Paiaguás. Deu...

Dificultando planos políticos de Taques

nilson leit�o curtinhas   Pedro Taques está na bronca com o deputado federal Nilson Leitão (foto) por entender que este busca atrapalhar seus planos políticos majoritários. É desejo do governador disputar a reeleição com dois aliados fortes no palanque como candidatos ao Senado,...