Executivo

Quinta-Feira, 20 de Abril de 2017, 12h:32 | Atualizado: 20/04/2017, 12h:34

protesto

Grupo do MST tenta invadir Sema por regularização de assentamentos

Um grupo de integrantes do Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem-Terra tentou invadir a sede da secretaria estadual de Meio Ambiente (Sema), na manhã desta quinta (20). Na ocasião, o grupo foi impedido, contudo, uma reunião com o secretário Carlos Fávaro (PSD) foi marcada para as 14h desta tarde.

Os integrantes reivindicam regularização ambiental de uma área. Ao , a assessoria da Sema explica que há a possibilidade de representantes do Incra e do Ibama participarem da reunião, tendo em vista que são estes os órgãos responsáveis por regularização fundiária.

Pelo menos 400 integrantes do MST ocuparam o prédio do Incra, no Centro Político Administrativo, na Capital, nesta segunda (17). O que se sabe, até o momento, é que o grupo cobra o assentamento imediato de 1 mil famílias que estão acampadas em vários pontos do Estado, em barracos de lona preta, à beira de estradas ou dentro de fazendas, sujeitas a despejo, vivendo em clima de insegurança.

Inclusive algumas destas famílias já estão nesta situação há mais de seis anos, e, por isso, cobram um posicionamento do Incra com relação à estruturação básica dos novos assentamentos, que estão sem estrada, energia elétrica e água encanada. 

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Wagner | Quinta-Feira, 20 de Abril de 2017, 14h04
    2
    1

    99% dos que estão ai ,não sabem NADA de terra . São GRILEIROS profissionais ,fazem da invasão um meio de vida. Em Primavera ,um dos centros de grilagem ,os chefes das gangues possuem chacaras ,casas , carros ,e até imóveis alugados . Todo o patrimonio adquirido provem da venda das terras griladas. Existem pastores,advogados ,agrimensores que fazem parte destas quadrilhas. A justiça tem continuar firme com estes facínoras. Há muito tempo o movimento foi desvirtuado.

Matéria(s) relacionada(s):

Citando outros líderes para ter delação

cezar zilio   A demora na homologação da colaboração premiada de Silval junto ao Supremo se deve, entre outras coisas, ao entendimento da Corte de que líder de organização criminosa não pode delatar. E percebe-se que o ex-governador se esforça para não ser enquadrado como tal. Nos...

O silêncio de Silval sobre conselheiros

De volta nesta quarta à sala da juíza Selma Arruda, da 7ª Vara Criminal da Capital, Silval Barbosa foi perguntado sobre comentários do seu ex-secretário Pedro Nadaf de que dinheiro do Estado teria, em forma de propina, abastecido bolso de conselheiros do Tribunal de Contas do Estado. Em resposta, o ex-governador que comandou o Estado de março de 2010 a dezembro de 2014 se limitou a dizer que prefere não comentar sobre esse assunto. Selma...

Efeito-Silval e tensão no meio político

walace guimaraes vg   Réu em vários processos, cinco deles na 7ª Vara Criminal de Cuiabá (nas quatro fases da Sodoma e mais a Seven), o governador Silval Barbosa tem provocado muita tensão no meio político, inclusive entre figurões, a cada notícia de que prestará depoimento. De sua boca...

Ex-governador não compromete Faiad

francisco faiad   Silval revelou que o braço mais forte do seu esquema de corrupção na secretaria de Administração estava sob a tutela de Cézar Zílio que, mesmo deixando o cargo, continuou a fazer a coleta da propina paga por empresários para manter contratos com o Estado. Por outro lado,...

Silval temia governo paralelo de Riva

jose riva curtinha   Chamou atenção na oitiva de Silval, nesta segunda na 7ª Vara Criminal de Cuiabá, quando confessou que tinha se tornado "refém" da Assembleia, então comandada por José Riva (foto). O ex-governador revelou ter sido procurado por Riva, que queria trocar a Consignum, responsável...

Oitiva de Silval bastante "concorrida"

silval barbosa curtinha   O 1º depoimento de Silval pós-liberdade - ficou preso por praticamente dois anos -, está mais concorrido do que final de Copa do Mundo. Nesta segunda, o ex-governador deve confessar crimes investigados na operação Sodoma 2. Entre os réus desse processo estão o ex-presidente da...

Filho de prefeito e salário de R$ 2 mil

emanuel filho curtinha   O federal de terceiro mandato Valtenir Pereira confirma que, de fato, nomeou para o seu gabinete Emanuel Pinheiro da Silva Primo (foto), filho do prefeito cuiabano Emanuel. O jovem assessor ganha R$ 2,4 mil mensais. E nem precisa pisar os pés no gabinete do deputado em Brasília. Presta serviços em...

Ex-cunhado empregado no gabinete

marcelo bussiki curtinha   Dois ex-vereadores estão lotados hoje na Câmara de Cuiabá. Com salário superior a R$ 10 mil, Eronides Dias da Luz, o Nona, integra o quadro jurídico. Responde como secretário de Apoio Legislativo. Edmilson Prates, ex-vereador pelo PMDB entre 2001 e 2004, é chefe de gabinete...

Divulgar direitos de quem tem câncer

gilmar fabris   Se tornou lei em MT, desde a última quinta (13), sob a chancela do governador Taques, um projeto do deputado Gilmar Fabris (foto) que obriga os órgãos públicos a divulgar em sites oficiais na internet, de forma clara e de fácil acesso, todos os direitos das pessoas com neoplasia maligna...