Executivo

Quarta-Feira, 11 de Janeiro de 2017, 16h:39 | Atualizado: 11/01/2017, 17h:05

CAB Cuiabá

Interventor rebate prefeito e diz que não é submisso ao fiscalizar serviço

Gilberto Leite/Rdnews

marcelo oliveira_gilberto leite (1).jpg

Diretor operacional da RK Partners e Interventor da CAB, Marcelo Oliveira, não vê conflito entre as atribuições da Arsec e pontua que, o importante é  a concessionária cumprir o contrato assinado

O diretor operacional da RK Partners e interventor da CAB Cuiabá, Marcelo Oliveira, rebateu o prefeito de Cuiabá, Emanuel Pinheiro (PMDB), sobre a Arsec ter o poder de indicar e, ao mesmo tempo, fiscalizar a direção operacional da concessionária. “Eu vejo problema em ser submisso. Porém, a partir do momento em que você não é submisso e que esteja lá para, realmente, fazer cumprir o contrato, eu não vejo nenhum problema”, afirma o interventor.

No decreto em que determinou a inspeção nos contratos da CAB, assinado em 1º de janeiro, Emanuel questionou o poder da Arsec. Para o prefeito, as atribuições de indicação e fiscalização não estão claras. Por isso, pediria explicações à agencia reguladora.

O ex-secretário de Obras pontua, ainda, que a declaração do prefeito é um retrocesso considerando, em sua opinião, que a CAB ficou encarregada do saneamento por quatro anos e não fez nada pela Capital. Ele sustenta, ainda, que tem comprometimento com Cuiabá e que o cargo se faz necessário para fiscalizar o andamento das obras. “O que precisa é ter pessoas comprometidas com saneamento porque, senão, vai acontecer o mesmo que aconteceu. Ficaram quatro anos ai e cadê investimento em água e esgoto?”, questiona.

A CAB Cuiabá ainda encontra-se em intervenção até a RK Partners ter autorização de todos os municípios em que a CAB realizava os trabalhos de saneamento. Conforme o novo contrato, a concessionária tem compromisso de viabilizar R$ 204 milhões em 18 meses, sendo R$ 91 milhões para sistema de água e R$ 113 milhões para o esgotamento sanitário. 

 Nos próximos sete anos, RK Partners deverá investir R$ 1,21 bilhão para coletar e tratar 100% do esgoto em Cuiabá. À empresa foi concedido o prazo de 180 dias para iniciar os trabalhos, ou seja, até maio deste ano.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Gerson Carrera | Quinta-Feira, 12 de Janeiro de 2017, 10h42
    0
    0

    Gerson Carrera, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • eduardo | Quarta-Feira, 11 de Janeiro de 2017, 18h22
    3
    1

    E as coisas irão ficar como antes querem apostar ??

Matéria(s) relacionada(s):

Binotti critica "jogo de cena" de Jiloir

binotti curtinha lucas   Assim como fez com os demais que comandaram a prefeitura, o presidente da Câmara de Lucas do Rio Verde, vereador Jiloir Pelicioli (PDT), passou a criticar de forma dura o prefeito Luiz Binotti (foto), do PSD. Em sessão nesta semana, disparou de novo a metralhadora giratória, afirmando que Binotti...

Aliados de Suelme entregam cargos

corgesio albuquerque curtinha   Mais uma confusão no Palácio Paiaguás em meio a conspirações e brigas por cargos e espaço político. O governador decidiu tirar do 1º escalão a recém-nomeada Vanessa Queirós da pasta de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários para...

Alguns ex-aliados fora do manifesto

fabio garcia curtinha   Nem todos da lista de fortes aliados da gestão Taques e que, gradativamente, foram se distanciando do Palácio Paiaguás assinaram o manifesto contra o projeto de reeleição do governador do PSDB. Eis dois exemplos: os deputados federais Fábio Garcia (foto), do DEM, e Adilton Sachetti...

Ex-aliados em dura reação a Taques

carlos favaro curtinhas   Nunca na história deste país se juntaram tantas lideranças que eram aliadas e que agora estão contra o projeto de reeleição do governador Taques. Nada menos que 31 assinaram manifesto, expondo as razões de terem pulado do barco, entre eles 4 ex-prefeitos, como Mauro Mendes...

Blairo "lava as mãos" sobre o PP-MT

ezequiel fonseca curtinha   O senador licenciado e ministro Blairo Maggi (Agricultura) "lavou as mãos" em relação ao PP-MT, hoje tocado no Estado pelo deputado federal Ezequiel Fonseca (foto). Em algumas reuniões internas, o ex-governador defendeu que o partido abrisse as portas para novos filiados, independente destes...

Suplente se articula para cassar Diego

demilson nogueira vereador curtinha   O suplente de vereador Demilson Nogueira (foto), dirigente do PP de Cuiabá, está se articulando nos bastidores para derrubar o titular da cadeira Diego Guimarães, do mesmo partido. Ele juntou documentos, fotografias, discursos e registro de solenidade para tentar cassar o mandato de Diego....

Governo veta Maldonado à Unemat

adriano silva caceres curtinha   O suplente de deputado Adriano Silva (DEM), ex-reitor da Unemat, com sede em Cáceres, está revoltado com governador Taques. Enquanto atuava como deputado, substituindo o dono da cadeira Botelho, Adriano apresentou neste ano um projeto, aprovado em duas sessões, "rebatizando" a Unemat como...

15 vão concorrer pela Grande Cáceres

moraes curtinha   Pelo menos 15 da região Oeste, que agrega mais de 20 municípios, estão se articulando para concorrer a deputado, sendo 7 deles de Cáceres. Dois vão a federal: Ezequiel Fonseca (PP), de Reserva do Cabaçal e que busca a reeleição, e o estadual Leonardo Albuquerque (SD), baseado...

Ataques de Pivetta dividem opiniões

otaviano pivetta curtinha lucas   Os ataques do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta (foto), do PDT, ao governador Pedro Taques (PSDB) dividem opiniões. Uns acham que ele agiu com desrespeito quando definiu Taques como vagabundo, mentiroso, ladrão de sigla partidária e narcisista. E, diante disso, disseram que...