Executivo

Segunda-Feira, 29 de Março de 2010, 17h:43 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

CUIABÁ

Wilson adia renúncia por atraso na obra de ampliação do HPSMC

Wilson adia renúncia por atraso na obra de ampliação do HPSMC

Wilson Santos   O prefeito Wilson Santos (PSDB) se viu forçado a adiar por mais um dia a data da renúncia devido a problemas na conclusão de obras feitas às pressas. Em vez de sair no feriado da Sexta-Feira da Paixão, ele deixa o Palácio Alencastro em 3 de abril, data-limite estabelecida pela legislação eleitoral aqueles que atuam no Executivo ou em outros órgãos que venham a concorrer às eleições de 3 de outubro. O comunicado foi enviado pelo tucano, por meio de ofício, ao presidente da Câmara de Cuiabá, vereador Deucimar Silva (PP), nesta segunda (29) à tarde.

   Agora cabe à Mesa Diretora convocar sessão extraordinária para a transmissão de posse ao sucessor de Wilson, petebista Chico Galindo. A tendência é que Galindo e Deucimar cheguem a um entendimento para a posse ocorrer no mesmo 3 de abril, ou seja, no próximo sábado para evitar que a Capital fique sem chefe do Executivo durante o final de semana.

   A mudança na agenda de Wilson foi motivada pela dificuldade da empresa responsável pelas obras de ampliação e reforma do Hospital e Pronto-Socorro Municipal de Cuiabá (HPSMC) em concluir os trabalhos até esta terça (30), data prevista para a solenidade de inauguração. Segundo fontes ligadas ao Alencastro, as chuvas intensas prejudicaram o término da empreitada. Os transtornos já eram previstos diante do alagamento de parte da estrutura, conforme antecipou o RDNews - confira aqui.

   Preocupado com a possibilidade de sofrer novas críticas, como as geradas pelo rompimento de uma das adutoras da ETA Tijucal apenas 24 horas após o lançamento, Wilson resolveu adiar para 3 de abril a inauguração oficial da reforma no HPSMC. Ele faz questão de ser o protagonista do ato na tentativa de angariar votos na área da saúde, uma das que mais trouxeram desgaste a administração tucana, tanto que o prefeito concluir o mandato com o sexto secretário da pasta. A obra orçada em R$ 6 milhões está sendo custeada com recursos federais. Metade desse valor é empregado na reforma da unidade hospitalar e, o restante, na aquisição de novos equipamentos.

Postar um novo comentário

Comentários (21)

  • Renata Medeiros Mendes de Sá | Domingo, 04 de Abril de 2010, 11h39
    0
    0

    Então. nunca muda os frentistas da nossa políticas, mas esta na hora do Governador parar de investir em soja e ajudar a criar o Hospital Infantil, se ele pensa que nós cidadãos são bobos somos não! Esta protocolado que o Estado não ter contrapartida para a existência do mesmo! RDNEWS comece a ir atrás de notícias concretas, para ajudar a população e não atrapalhar pois a impressa tem que ser para o povo e não contra o povo! Valeu!!!

  • toco 1000 | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 10h36
    0
    0

    Na minha opinião acho melhor não catucar o galo com vara curta,o galo está na sombra mais não está morto

  • Sandra | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 09h08
    0
    0

    Gosto de ler os blogs de noticias de MT, mais confesso que estou ficando de saco cheio dos cometários dos DAS do Estado, e da equipe do Mauro Mendes, que ficam torcendo para que tudo de errado na nossa cidade.

  • O Indignado | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 08h45
    0
    0

    O Indignado, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • José Berlanda | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 07h39
    0
    0

    Tá dificil de largar a teta hem...

  • Resposta pro João de Rondonópolis | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 07h36
    0
    0

    João, porque voces não façam um favor pra nós e levam o Wilson Santos pra Rondonópolis, assim como fizeram com o Pátio ? Nós iriamos agradecer.

  • Maria Enfermeira | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 00h12
    0
    0

    PARA INICIO DE CONVERSA, A OBRA DO PRONTO SOCORRO NÃO VAI FICAR PRONTA. O QUE VÃO TENTAR INAUGURAR É UMA FACHADA. ATÉ PORQUE A OBRA DEVERIA TER SIDO FEITA EM 2 ANDARES E ATÉ AGORA SOMENTE UM ANDAR ESTÁ SENDO REFORMADO. DEPOIS QUE A CHUVA NÃO ATRAPALHOU EM NADA A QUESTÃO DA OBRA. TUDO MAIS UMA DO PINÓQUIO. A SACOLADA VEM AÍ PINÓQUIO. É MELHOR VC FICAR ONDE ESTÁ, OU FEZ ACORDO ESPÚRIO COMO MURILO FEZ EM VÁRZEA GRANDE. A DIFERENÇA É QUE MURILO ACORDOU E RESOLVEU NÃO SAIR. E VC PINÓQUIO PARECE QUE ESTÁ NO PAÍS DAS MARAVILHAS.......... MAURO MENDES EM VCS. ELE TAMBÉM É DA BAIXADA CUIABANA E GERA MUITOS EMPREGOS PRIVADOS......... E VC PINÓQUIO GERA MUITA CONVERSA FIADA.

  • marcio campos | Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 00h09
    0
    0

    Este sr. Wilson Santos é o melhor e mais competente mentiroso que Mato Grosso já conheceu.

  • timoneiro | Segunda-Feira, 29 de Março de 2010, 22h34
    0
    0

    sendo em abril pode ser qualquer dia mesmo,e o mes da mentira mesmo,assim como começou seu mandato com mentiras esta terminado o tempo que wilson pinoquio esteve ha frente do alencastro,no mes da mentira,qualquer semelhaça sera meira conicidencia.

  • Guto | Segunda-Feira, 29 de Março de 2010, 22h31
    0
    0

    realmente "geraldo" cuiabá e principalmente os funcionários públicos e principalmente os eleitores dele, que não conseguiu eleger nem dep. estadual, morrem de saudades de frança, 8 anos no governo com salários atrasados, vc acha certo?

Frustrado pela própria desorganização

emanuel pinheiro curtinhas   O prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro foi vítima da desorganização da própria gestão ao não conseguir chegar ao Parque Tia Nair a tempo de assistir a apresentação da Esquadrilha da Fumaça neste domingo. Ficou preso na trânsito que congestionou...

Malouf e acerto com quadrilha de Silval

Em mais um depoimento à juíza Selma, da 7ª Vara Criminal da Capital, Alan Malouf, quando questionado acerca de um esquema no Governo Silval que resultou no desvio de R$ 16 milhões do erário, reconheceu ter recebido R$ 950 mil num contrato de gaveta e que não pagou impostos sobre o montante. Contou que em 2010 foi procurado por Eder Moraes, então secretário da Casa Civil, para poder realizar a solenidade de posse do governador para mil...

Ex-governador nega "surra" de Piran

valdir piran curtinha   O emblemático encontro entre Valdir Piran (foto) e Silval para acerto de contas foi questionado pela promotora de Justiça Ana Bardusco, durante depoimento do ex-governador na 7ª Vara Criminal de Cuiabá, nesta quinta. Diferente do que afirmou o ex-secretário Nadaf, Silval amenizou a...

Propinoduto "bancou" posse de Silval

alan malouf curtinha   O Buffet Leila Malouf, que tem como um dos sócios o delator Alan Malouf (foto), recebeu uma "bolada" para fazer a cerimônia de posse de Silval como governador. De fato, o evento realizado em 1º de janeiro de 2011 foi marcado por muito requinte. Na época, não se falava em valores. Eis que agora,...

Tirando dúvidas no CCC sobre propina

pedro nadaf depoimento curtinha   No 3º dia de confissão de Silval à Justiça, nesta quinta, ele contou que conversava com os demais membros da organização criminosa nos momentos de brechas, especialmente na hora da limpeza das celas, dentro do Centro de Custódia de Cuiabá, onde esteve preso por...

Forçando a barra para homenagear pai

vinicyus clovito curtinha   Diferente do pai Clovito Hugueney, parlamentar sensato que teve o 3º mandato de vereador interrompido por sua morte há 2 anos, Vinicyus Hugueney (foto), vereador de 1º mandato licenciado e hoje à frente da pasta de Trabalho e Desenvolvimento da Capital, não demonstra as mesmas habilidades...

Mais 11 em situação de emergência

Mais 11 municípios têm situação de emergência reconhecida pelo governo estadual, após prefeitos terem pedido socorro por causa de problemas ocasionados, principalmente com as chuvas. No mês passado, o Estado havia homologado situação de emergência em 15 cidades. Desta vez, o governador Taques referendou decretos municipais já assinados pelos gestores de Canabrava do Norte, Chapada dos Guimarães, Colniza,...

Citando outros líderes para ter delação

cezar zilio   A demora na homologação da colaboração premiada de Silval junto ao Supremo se deve, entre outras coisas, ao entendimento da Corte de que líder de organização criminosa não pode delatar. E percebe-se que o ex-governador se esforça para não ser enquadrado como tal. Nos...

O silêncio de Silval sobre conselheiros

De volta nesta quarta à sala da juíza Selma Arruda, da 7ª Vara Criminal da Capital, Silval Barbosa foi perguntado sobre comentários do seu ex-secretário Pedro Nadaf de que dinheiro do Estado teria, em forma de propina, abastecido bolso de conselheiros do Tribunal de Contas do Estado. Em resposta, o ex-governador que comandou o Estado de março de 2010 a dezembro de 2014 se limitou a dizer que prefere não comentar sobre esse assunto. Selma...

MAIS LIDAS