Cuiabá, 25 de Maio de 2017

Gastronomia

A | A

Sexta-Feira, 23 de Dezembro de 2016, 07h:45 | Atualizado: 25/12/2016, 10h:50

Em Chapada, Villa do Chocolate tem muita diversão, guloseimas e chalés

Assessoria

Villa do Chocolate

Villa do Chocolate aposta no ineditismo de espaço novo para passeios de pais e filhos ao pôr-do-sol 

Seguindo uma tradição alemã, onde são construídas feiras temáticas com estandes feitos de doces e há até mesmo um museu do chocolate, em Colônia, dois amigos resolveram abrir uma Villa do Chocolate em Chapada dos Guimarães (distante cerca de 60 quilômetros de Cuiabá).

A ideia era replicar em Mato Grosso uma espécie de tradição de cidades serranas brasileiras, como Gramado (Rio Grande do Sul), Campos de Jordão (São Paulo) e Petrópolis (Rio de Janeiro), de oferecer casas temáticas alusivas ao mais famoso derivado do cacau em todo o planeta.

Por isso, a ideia sempre foi oferecer um espaço carregado de ludicidade e referências infantis. Então, dá-lhe bonecos e bichos construídos em 3D e tamanho real com personagens do universo da fase mais doce da vida. Há Elsie da animação Frozen, Willy Wonka e seus oompa loompa (do clássico A Fantástica Fábrica de Chocolates) e A Bela e A Fera (versão Disney).

Mas, a decoração, claro, é só pra agradar aos olhos. Para outros sentidos há o cardápio, pronto para os pequenos, mas também com vistas aos adultos. Tudo feito a partir da produção própria, como gosta de frisar um dos sócios, Douglas Silva. “Nós mesmos fazemos nosso chocolate e oferecemos várias sobremesas finas, ao estilo Café Paris, como picolé na taça, sorvete de avalanche e brigadeiros gourmet, como os de manjericão e limão siciliano”.

Espaço aberto há somente uma semana (desde sábado, 17), o planejamento vem de muito antes, no entanto. Douglas explica que sempre teve por hábito, assim como o amigo e agora sócio Vinícius Walber, de viajar bastante pelas cidades serranas brasileiras e sempre perceber essa espécie de digamos, apego, às chocolaterias. Sempre há as casas de chocolate.

Como ele já locava chalés antes, decidiu transformar as construções na hoje Villa do Chocolate. “Já tinha os chalés, só transformamos na chocolateria e transformamos tudo num espaço temático onde as crianças e seus pais vão se sentir bem, um lugar para um passeio de fim de tarde, depois de outras atividades”, mas que também pode se tornar um ponto turístico, de visitação mesmo, como acontece em outras cidades, considera o empreendedor.

Galeria: Villa do Chocolate

Para ele, o diferencial são os preços cobrados, bastante acessíveis, garante. Além das diversas opções de bebidas quentes e frias, servem também cascatas de chocolate para serem degustadas com frutas, fondues e várias sobremesas criadas pelo espaço. Como as crianças são grande parte da inspiração, há pula-pula e brinquedos para que elas se distraiam quando a vontade de comilança arrefecer.

A aposta é no ineditismo de um espaço novo para passeios de pais e filhos ao pôr-do-sol e na qualidade dos produtos oferecidos. “Resolvemos não comprar chocolates prontos, mas produzir chocolates artesanais e desenvolvermos variações locais. Estamos criando receitas com licor de pequi para incorporarmos ao chocolate”, continua Douglas, visando que só utiliza chocolates de boa qualidade, normalmente importados, para fazer suas receitas.

Para quem quiser passar um final de semana na Villa do Chocolate, é possível alugar um chalé para até quatro pessoas por R$ 290 a diária. São três chalés, cada um com TV por assinatura, ar-condicionado, internet, roupas de cama e banho, cozinha, churrasqueira, utensílios domésticos, geladeira, cama de casal, uma bicama e garantia de privacidade total.

No futuro, a ideia é também alugar a própria chocolateria para a realização de festas infantis, com um pacote de doces mais em conta. “Mas estamos com preços bastante populares, nada exorbitante, preços realmente acessíveis”, encerra Douglas. 

Serviço

A chocolateria Villa do Chocolate funciona de quarta a domingo das 08h às 20h e fica localizada na rua dos Girassóis, Loteamento Portal Samambaia, na Aldeia Velha (só seguir a sinalização para o lugar a partir da rodovia).  Informações e reservas podem ser obtidas pelo telefone (65) 99200-8083 (também com WhatsApp) e na fan page deles no Facebook.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Douglas Araujo Silva | Segunda-Feira, 26 de Dezembro de 2016, 17h52
    1
    0

    Adorei a reportagem! Só um detalhe, não somos amigos e sim casados.

Matéria(s) relacionada(s):