Gastronomia

Sexta-Feira, 23 de Dezembro de 2016, 07h:45 | Atualizado: 25/12/2016, 10h:50

Em Chapada, Villa do Chocolate tem muita diversão, guloseimas e chalés

Assessoria

Villa do Chocolate

Villa do Chocolate aposta no ineditismo de espaço novo para passeios de pais e filhos ao pôr-do-sol 

Seguindo uma tradição alemã, onde são construídas feiras temáticas com estandes feitos de doces e há até mesmo um museu do chocolate, em Colônia, dois amigos resolveram abrir uma Villa do Chocolate em Chapada dos Guimarães (distante cerca de 60 quilômetros de Cuiabá).

A ideia era replicar em Mato Grosso uma espécie de tradição de cidades serranas brasileiras, como Gramado (Rio Grande do Sul), Campos de Jordão (São Paulo) e Petrópolis (Rio de Janeiro), de oferecer casas temáticas alusivas ao mais famoso derivado do cacau em todo o planeta.

Por isso, a ideia sempre foi oferecer um espaço carregado de ludicidade e referências infantis. Então, dá-lhe bonecos e bichos construídos em 3D e tamanho real com personagens do universo da fase mais doce da vida. Há Elsie da animação Frozen, Willy Wonka e seus oompa loompa (do clássico A Fantástica Fábrica de Chocolates) e A Bela e A Fera (versão Disney).

Mas, a decoração, claro, é só pra agradar aos olhos. Para outros sentidos há o cardápio, pronto para os pequenos, mas também com vistas aos adultos. Tudo feito a partir da produção própria, como gosta de frisar um dos sócios, Douglas Silva. “Nós mesmos fazemos nosso chocolate e oferecemos várias sobremesas finas, ao estilo Café Paris, como picolé na taça, sorvete de avalanche e brigadeiros gourmet, como os de manjericão e limão siciliano”.

Espaço aberto há somente uma semana (desde sábado, 17), o planejamento vem de muito antes, no entanto. Douglas explica que sempre teve por hábito, assim como o amigo e agora sócio Vinícius Walber, de viajar bastante pelas cidades serranas brasileiras e sempre perceber essa espécie de digamos, apego, às chocolaterias. Sempre há as casas de chocolate.

Como ele já locava chalés antes, decidiu transformar as construções na hoje Villa do Chocolate. “Já tinha os chalés, só transformamos na chocolateria e transformamos tudo num espaço temático onde as crianças e seus pais vão se sentir bem, um lugar para um passeio de fim de tarde, depois de outras atividades”, mas que também pode se tornar um ponto turístico, de visitação mesmo, como acontece em outras cidades, considera o empreendedor.

Galeria: Villa do Chocolate

Para ele, o diferencial são os preços cobrados, bastante acessíveis, garante. Além das diversas opções de bebidas quentes e frias, servem também cascatas de chocolate para serem degustadas com frutas, fondues e várias sobremesas criadas pelo espaço. Como as crianças são grande parte da inspiração, há pula-pula e brinquedos para que elas se distraiam quando a vontade de comilança arrefecer.

A aposta é no ineditismo de um espaço novo para passeios de pais e filhos ao pôr-do-sol e na qualidade dos produtos oferecidos. “Resolvemos não comprar chocolates prontos, mas produzir chocolates artesanais e desenvolvermos variações locais. Estamos criando receitas com licor de pequi para incorporarmos ao chocolate”, continua Douglas, visando que só utiliza chocolates de boa qualidade, normalmente importados, para fazer suas receitas.

Para quem quiser passar um final de semana na Villa do Chocolate, é possível alugar um chalé para até quatro pessoas por R$ 290 a diária. São três chalés, cada um com TV por assinatura, ar-condicionado, internet, roupas de cama e banho, cozinha, churrasqueira, utensílios domésticos, geladeira, cama de casal, uma bicama e garantia de privacidade total.

No futuro, a ideia é também alugar a própria chocolateria para a realização de festas infantis, com um pacote de doces mais em conta. “Mas estamos com preços bastante populares, nada exorbitante, preços realmente acessíveis”, encerra Douglas. 

Serviço

A chocolateria Villa do Chocolate funciona de quarta a domingo das 08h às 20h e fica localizada na rua dos Girassóis, Loteamento Portal Samambaia, na Aldeia Velha (só seguir a sinalização para o lugar a partir da rodovia).  Informações e reservas podem ser obtidas pelo telefone (65) 99200-8083 (também com WhatsApp) e na fan page deles no Facebook.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Douglas Araujo Silva | Segunda-Feira, 26 de Dezembro de 2016, 17h52
    3
    0

    Adorei a reportagem! Só um detalhe, não somos amigos e sim casados.

Matéria(s) relacionada(s):

Suplente se articula para cassar Diego

demilson nogueira vereador curtinha   O suplente de vereador Demilson Nogueira (foto), dirigente do PP de Cuiabá, está se articulando nos bastidores para derrubar o titular da cadeira Diego Guimarães, do mesmo partido. Ele juntou documentos, fotografias, discursos e registro de solenidade para tentar cassar o mandato de Diego....

Governo veta Maldonado à Unemat

adriano silva caceres curtinha   O suplente de deputado Adriano Silva (DEM), ex-reitor da Unemat, com sede em Cáceres, está revoltado com governador Taques. Enquanto atuava como deputado, substituindo o dono da cadeira Botelho, Adriano apresentou neste ano um projeto, aprovado em duas sessões, "rebatizando" a Unemat como...

15 vão concorrer pela Grande Cáceres

moraes curtinha   Pelo menos 15 da região Oeste, que agrega mais de 20 municípios, estão se articulando para concorrer a deputado, sendo 7 deles de Cáceres. Dois vão a federal: Ezequiel Fonseca (PP), de Reserva do Cabaçal e que busca a reeleição, e o estadual Leonardo Albuquerque (SD), baseado...

Ataques de Pivetta dividem opiniões

otaviano pivetta curtinha lucas   Os ataques do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta (foto), do PDT, ao governador Pedro Taques (PSDB) dividem opiniões. Uns acham que ele agiu com desrespeito quando definiu Taques como vagabundo, mentiroso, ladrão de sigla partidária e narcisista. E, diante disso, disseram que...

Irmão de senador disputa a estadual

wener santos nova marilandia curtinhas   O ex-prefeito de Nova Marilândia Werner dos Santos (foto), derrotado à reeleição em 2016, vai concorrer a deputado estadual, mesmo sem apoio irrestrito do irmão, o empresário e senador Cidinho Santos. Filiado ao PP, depois de sair do PR de Cidinho, Werner tem fomentado...

Salgadeira é "pepino" em 2 gestões

Não foi desta vez que a população pode começar a desfrutar das belezas do Complexo Turístico da Salgadeira. Pela segunda vez, o governo adiou a inauguração das obras de reestruturação. O local está fechado há quase 8 anos. O problema se arrastou por toda a gestão Silval e, ao que parece, vai ser resolvido no último ano do governo Taques, que se encerra em dezembro, caso ele não seja reeleito. Era...

Deputados com chances de reeleição

eduardo botelho curtinhas   Quase todos deputados estaduais consideram que entre 10 e 12 dos 21 que vão tentar a reeleição devem obter êxito nas urnas. E apontam, em privado, os com as maiores chances, inclusive com expectativa de mais de 30 mil votos: Botelho (foto), Nininho, Janaína Riva, Zeca Viana e...

Rede de aliados para se tornar federal

neri_geller_curtinha.jpg   Com a estatura de quem foi ministro da Agricultura do Governo Dilma e depois retornou como secretário de Política Agrícola da gestão Temer, Neri Geller (foto) montou uma rede estruturante de aliados capaz de já projetá-lo como futuro deputado federal. Aproveitou os últimos...

Assumindo culpa por "fantasma" na AL

abilio moumer curtinha   Numa postagem em sua página pessoal no Facebook, Abilio Moumer (foto), pai do vereador por Cuiabá Abílio Júnior e marido de Damaris Rasteli, tem a coragem de usar o nome de Deus e da igreja para, depois, pedir perdão. Se revela culpado pelo deputado Sebastião Rezende, evangelista da...

MAIS LIDAS