Shows

Sexta-Feira, 21 de Abril de 2017, 07h:45 | Atualizado: 23/04/2017, 09h:00

Banda Velhos Jovens encanta com blues cantado em português conheça


De Rondonópolis

Divulgação

Velhos Jovens

Os caras do Velhos Jovens amam rock desde a infância. Desde 2007, resolveram tornar isso algo sério

Em 2004 dois amigos de faculdade com gostos musicais parecidos, Vinícius Rangel da Costa, 32 anos, e Emanuel José dos Santos, 36 anos, se uniram para fazer um som juntos.

Sem pretensão, tocavam em casa e até em um celeiro no sítio de Emanuel, o Manu. Depois de várias formações, em 2007, conheceram Felipe Cézar, 26 anos, e começaram a levar o que era um passatempo como algo mais sério. Surgiu aí a formação atual da banda Velhos Jovens.

Buscando espaço com som autoral, o Velhos Jovens lançou em 2015 seu primeiro DVD, uma produção própria, em parceria com o Sesc de Rondonópolis.

Centro-Oeste Blues é cantado em português. A inspiração, segundo Vinícius, vem de Celso Blues Boy, no que diz respeito às letras cantadas na língua portuguesa. “Ele é a inspiração para fazer encaixar o português na melodia blues americana”, acrescenta Felipe.

Nas letras da banda sempre há algo autobiográfico, como conta Felipe. “Carro prateado, por exemplo, é o carro do Manu”, relata, sobre a música do DVD de 2015, que conta com o primeiro single do trio, gravado em 2008, mas que teve a letra alterada.

Entretanto, para chegar até o DVD um longo caminho foi percorrido. A partir de ensaios em locais improvisados, com equipamentos usados com criatividade, a banda foi criando seus espaços. “Chegamos a usar cabo de vassoura para colocar o microfone porque não tínhamos um pedestal”, diz Felipe.

Divulgação

WhatsApp Image 2017-04-20 at 10.27.57.jpeg

Velhos Jovens, como toda banda independente, já passaram perrengues como não ter nem pedestal

Das primeiras apresentações em festas pequenas, os Velhos Jovens saíram de Rondonópolis e tocaram em Cuiabá, outras cidades de Mato Grosso e São Paulo. Mas ainda esperam alçar voos mais altos.

Enquanto isso, nos shows buscam dar destaque às músicas autorais, mesmo que o cover esteja presente. “Não tem tanto espaço para som autoral, infelizmente. Geralmente nos shows temos que mesclar nossas músicas com covers”, explica Manu. “É bem mais emocionante tocar sua própria música. Não tem comparação. É um filho seu”, complementa Felipe.

Nos covers, a banda toca de Pink Floyd, Jimi Hendrix e Eric Clapton a Tim Maia. “Tocamos o que gostamos, mas sempre mesclamos os covers com nossa música para o público ir se acostumando com o nosso som autoral”, ressalta Vinícius.

 

Manu destaca que em Rondonópolis as dificuldades para gravar são grandes. “Faltam boas equipes para gravar seu áudio, o orçamento é alto e falta patrocínio, o público muitas vezes não abraça a ideia e as rádios não tocam a sua música”, relata Manu.

Segundo Vinícius, também há um problema com a falta de oferta de bandas autorais na cidade e isso faz com que não se crie uma maior demanda. “Quanto mais bandas autorais existirem, mais demanda se cria, é uma questão de se formar um nicho no mercado, um público”.

Celso Blues Boy é a inspiração para cantar em português

Para gravar o DVD, os três economizaram cachês por um ano e conseguiram apoio financeiro de apenas duas empresas. Mas contaram com apoio de algumas casas de shows e festivais que abriram as portas para as apresentações da banda.

 

Mesmo com dificuldades vêm novidades por aí. A promessa é lançar ainda este ano, mais cinco novas músicas. “Já está planejado”, finaliza Felipe.

Galeria de Fotos

Credito: Divuilgação
Em 2007 surgiu a formação atual da banda Velhos Jovens.
Credito: Divuilgação
Velhos Jovens lançou em 2015 seu primeiro DVD
Credito: Divuilgação
Centro-Oeste Blues é cantado em português
Credito: Divuilgação
Banda Velhos Jovens encanta
Credito: Divuilgação
Centro-Oeste Blues é cantado em português
Credito: Divulgação
Os caras do Velhos Jovens amam rock desde a infância. Desde 2007, resolveram tornar isso profissional

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • LOURIVAL | Domingo, 23 de Abril de 2017, 07h38
    0
    0

    EU GOSTARIA MUITO DE CONHECER A MÚSICA DELES! ONDE ENCONTRAR O DVD?

  • Velhos Jovens | Sexta-Feira, 21 de Abril de 2017, 11h55
    0
    0

    Mto boa a materia!! Os Velhos Jovens agtadecem!! Sensacional!!!

Matéria(s) relacionada(s):

Leitão ainda é incógnita ao Senado

nilson leitao curtinha   Nilson Leitão (PSDB) não está convicto de que será candidato ao Senado. Vai manter o projeto até o final de maio. E, caso não se viabilize, mesmo tendo duas vagas em jogo, buscará o terceiro mandato como federal. Assim como para o Senado, Leitão enfrentará...

Candidatos para todos os gostos

O cenário que se desenha, com os principais nomes a governador, é que o eleitor terá candidatos para todos os gostos. Os nomes colocados, até agora, já foram testados no Executivo e/ou Legislativo. Os mais notáveis são Taques (PSDB), Wellington (PR), Rossato (PSL) e Pivetta (PDT), que tende a substituir Mauro (DEM). O primeiro foi senador e, agora, apresenta os resultados de seu primeiro mandato como chefe do Executivo estadual. Pivetta foi...

Binotti critica "jogo de cena" de Jiloir

binotti curtinha lucas   Assim como fez com os demais que comandaram a prefeitura, o presidente da Câmara de Lucas do Rio Verde, vereador Jiloir Pelicioli (PDT), passou a criticar de forma dura o prefeito Luiz Binotti (foto), do PSD. Em sessão nesta semana, disparou de novo a metralhadora giratória, afirmando que Binotti...

Aliados de Suelme entregam cargos

corgesio albuquerque curtinha   Mais uma confusão no Palácio Paiaguás em meio a conspirações e brigas por cargos e espaço político. O governador decidiu tirar do 1º escalão a recém-nomeada Vanessa Queirós da pasta de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários para...

Alguns ex-aliados fora do manifesto

fabio garcia curtinha   Nem todos da lista de fortes aliados da gestão Taques e que, gradativamente, foram se distanciando do Palácio Paiaguás assinaram o manifesto contra o projeto de reeleição do governador do PSDB. Eis dois exemplos: os deputados federais Fábio Garcia (foto), do DEM, e Adilton Sachetti...

Ex-aliados em dura reação a Taques

carlos favaro curtinhas   Nunca na história deste país se juntaram tantas lideranças que eram aliadas e que agora estão contra o projeto de reeleição do governador Taques. Nada menos que 31 assinaram manifesto, expondo as razões de terem pulado do barco, entre eles 4 ex-prefeitos, como Mauro Mendes...

Blairo "lava as mãos" sobre o PP-MT

ezequiel fonseca curtinha   O senador licenciado e ministro Blairo Maggi (Agricultura) "lavou as mãos" em relação ao PP-MT, hoje tocado no Estado pelo deputado federal Ezequiel Fonseca (foto). Em algumas reuniões internas, o ex-governador defendeu que o partido abrisse as portas para novos filiados, independente destes...

Suplente se articula para cassar Diego

demilson nogueira vereador curtinha   O suplente de vereador Demilson Nogueira (foto), dirigente do PP de Cuiabá, está se articulando nos bastidores para derrubar o titular da cadeira Diego Guimarães, do mesmo partido. Ele juntou documentos, fotografias, discursos e registro de solenidade para tentar cassar o mandato de Diego....

Governo veta Maldonado à Unemat

adriano silva caceres curtinha   O suplente de deputado Adriano Silva (DEM), ex-reitor da Unemat, com sede em Cáceres, está revoltado com governador Taques. Enquanto atuava como deputado, substituindo o dono da cadeira Botelho, Adriano apresentou neste ano um projeto, aprovado em duas sessões, "rebatizando" a Unemat como...