Variedades

Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 08h:40 | Atualizado: 13/08/2017, 10h:13

Superação

Homem consegue emagrecer 57 quilos em dois anos sem cirurgia e sem remédios

Denner Rodrigues

Denner: menos 57 qulios sem cirurgia ou barbitúrico

Denner Campos, 23 anos, sempre foi um ser humano feliz, sorridente, bem resolvido consigo mesmo. À parte seus 165 quilos encaixados em 1,77m, nunca ligou muito com os risos tortos à visão de seu corpo, também não se importava com os olhares de régua, às vezes de nojo, ante sua gigante figura. O peso extra, conta, foi se acumulando a partir dos 10 anos de idade, pois, diferentemente da maioria dos obesos mórbidos, ele não nasceu gordo.

Tudo corria dentro da normalidade em sua vida. Gostava de passar horas na internet (seu principal passatempo, sempre beliscando alguma coisa) e dessa rotina só saía para ir à escola; era rodeado de amigos, dentro e fora dela, on e off line. Foram anos assim, até que numa das muitas noites em claro, repentinamente, sentiu um mal-estar.

Começou com mãos e braços dormentes, suor frio na testa, viu tudo piorar com a dificuldade de respirar e chegou até a sensação de morte iminente, fraqueza e tontura insuportáveis. Acabou internado e medicado. O diagnóstico? Uma crise de hipertensão ocasionada pela massa corpórea excessiva e ausência total de qualquer exercício físico. As horas passadas no hospital, entretanto, foram o sinal para um renascimento pleno. Dois anos após aquela noite, Denner conseguiu, sem cirurgia bariátrica ou qualquer medicamento, perder nada menos que 57 quilos.

“Ainda no hospital eu fui atendido por uma endocrinologista e uma nutricionista. Elas me conscientizaram do problema. Comecei então um processo de reeducação alimentar e um plano de exercícios”, conta Denner ao . Quando as opções foram colocadas à sua frente, decidiu que a dieta o faria sofrer menos que a cirurgia bariátrica.

Sua história começou a inspirar outras pessoas, seu Facebook lotou da noite pro dia e ele passou conversar com todo mundo que o procura para tirar dúvidas sobre como controlar o apetite e por onde começar a sempre difícil luta contra a obesidade – algo bem diferente de perder alguns quilinhos para caber num vestido ou calça ou simplesmente “parecer bem” no verão.

De saída, deu adeus a prazeres comezinhos como comer pão com manteiga pela manhã e a fartura de carboidratos na hora do almoço. “Há dois anos não sei o que é pão ou arroz com feijão, mas te digo: não sinto falta, pois posso comer batata doce e mandioca às vezes”, explica. Pra acompanhar, habitualmente, salada e uma proteína, seja carne, frango ou peixe. As manhãs são feitas de cereais, iogurtes, frutas, “às vezes, um omelete”. Isso envolve rígida disciplina com horários, o alimentar-se a cada três horas impreterivelmente (em pequenas porções, óbvio) e pelo menos uma hora e meia de exercícios físicos todos os dias.

Há dois anos ele não sabe o que é comer pão ou arroz e feijão, mas diz não sentir falta alguma da velha vida

Lembra, entretanto, que cada um tem que ter sua dieta elaborada por profissionais nutricionistas após avaliação de médicos endocrinologistas, assim como os planos de exercícios devem ser necessariamente elaborados por profissionais competentes. “Acho muito errado algumas pessoas que não são formadas em nada disso, mas saem por aí receitando dietas e planos de educação física, muitas vezes cobrando”, diz, referindo-se a alguns digital influencers ou body builders em mente.

O rapaz tem plena consciência de que o caso dele é atípico, pois não precisou de nenhuma outra grande crise para disciplinar-se e jamais perder o caminho de novo. Mesmo jovem, afirma que a estética física foi a última das razões para perder boa parte do que o definia – ao menos aos olhos das outras pessoas --, “isso só veio depois que perdi cerca de 20 quilos, comecei a me olhar mais no espelho, a ver que roupas bem menores cabiam, mas a mudança de vida veio por causa da saúde mesmo”, continua.

Gilberto Leite

Denner Rodrigues

Foi um longo caminho para o menino que começou a engordar a partir dos 10 anos de idade

Como numa espécie de corrente de atração de boas vibrações, questionado como faz para não sentir fome, ele diz que acima de tudo ocupa o tempo, e que 75% deste se esvai trocando experiências com internautas interessados em seu sucesso. E quer que isso aumente, pois gosta de saber que outras pessoas o veem como reflexo de metas a serem superadas, porque ele mesmo ainda tem algumas a alcançar.

“Quero perder mais oito quilos, aí eu acho que estará bom”. Considera, porém, isso como mera parte do processo, ele ainda tem um longo caminho pela frente, dado o fato de – à parte estar com o peso já estabilizado há alguns meses, com perdas ocasionais de um a três quilos por mês em uma dieta de poucos carboidratos – que passou a considerar algumas cirurgias plásticas para retirada de pele.

Nada demais para o menino ainda hoje de sorriso fácil, cabeça bem resolvida e que, há uma década e meia, viu os limites de seu corpo tomarem-lhe espaço indevido em sua existência. Mero contratempo, hoje devidamente superado.

Galeria de Fotos

Credito: Arquivo
Denner Campos ainda nos tempos em que chegou a pesar 165 quilos. Alimentação inadequada era parte da rotina
Credito: Arquivo
Hoje, os pratos de Denner são sempre baseados em comidas frescas e melhor balanceadas
Credito: Arquivo
No primeiro quadro, Denner com 165 quilos, há 2 anos, e hoje, já com 108
Credito: Arquivo
Surpreendentemente, Denner conseguiu o tratamento da obesidade via SUS

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Vicente | Terça-Feira, 22 de Agosto de 2017, 16h02
    0
    0

    Muito bom parabéns! Também faço parte do Grupo de Denner. Pessoal, estou disponibilizando Receitas Detox GRÁTIS Aqui ->>> ����� http://bit.ly/2tH347c

  • Mário Alberto Lopes | Sábado, 12 de Agosto de 2017, 14h41
    4
    4

    De qualquer forma é um mal exemplo pois representa milhares de jovens que vivem enfurnados diante de computadores em vez de de ter outras atividades sociais como por exemplo dialogar em portugues.

  • Luciana | Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 22h02
    7
    1

    Parabéns Denner pelo esforço, dedicação e vida nova cheia de saúde 💪💋

  • Natiele | Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 17h52
    6
    1

    Parabens dener pela sua força de vontade sei que e mt dificil pois luto pra perder 20k e ainda n conseguir vc e um guerreiro👏👏👏

  • Ilze | Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 14h39
    8
    0

    A força de vontade e disciplina é tudo em qualquer desafio difícil que temos que enfrentar para conseguir alcançar uma meta e objetivo na vida. E no caso do Dener, isso foi fundamental. Conheci pessoas tão jovens quanto ele que fizeram a cirurgia bariátrica, infelizmente algumas destas até vieram a óbito e outras ainda sofrem muito com sequelas desse procedimento. Espero que muitos em situação de obesidade possam ter o Dener como inspiração para conseguir vencer o sobrepeso.. Parabéns garoto!

  • Cicero | Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 12h26
    8
    0

    Para chegar no 2º passo é preciso dar o 1º passo.

  • Aline olegario de Sousa | Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 11h14
    7
    0

    Denner Campos é minha inspiração, quando estou desanimada,vem ele com aquelas frases encorajadoras no face,aí levanto coloco minha roupa e vou caminhar,na volta passo no Sacolão e assim vou,e o melhor: ele é gente como a gente,conversa com todas nós, sou do Rio de Janeiro, Denner vc é meu ídolo !!! Parabéns! !!!!

  • Karol | Sexta-Feira, 11 de Agosto de 2017, 09h05
    16
    0

    Amo histórias inspiradoras com finais felizes. Parabéns, Denner! Vc é um caso raro de pessoas que conseguiram melhorar a saúde "só" com a força de vontade, disciplina e o principal, o amor à vida! Desejo tudo de bom pra você!

Matéria(s) relacionada(s):

Derrota aos Viana e novo grupo político

leo bortolini curtinha   Léo Bortolini (foto), prefeito peemedebista interino, "enterrou" de vez o grupo dos Viana, ao vencer a vereadora Carmen Betti (PSC) neste domingo com 69% dos votos válidos, na eleição suplementar em Primavera do Leste. O peemedebista segue no comando do Executivo até 2020. Léo...

Adin para garantir 15% aos fazendários

rogerio gallo curtinha   Com a folha de pessoal "estourada", superando o limite prudencial da lei fiscal, o governo do Estado deveria agradecer ao TCE que, sob medida cautelar, suspendeu o reajuste de 15% concedido pelo Executivo aos agentes fazendários ao longo dos próximos dois anos, além de verba indenizatória...

Plano de se afastar para ser candidato

jayme campos curtinhas   Jayme Campos, hoje principal referência do DEM no Estado, revelou neste domingo que está decidido a se desincompatibilizar do cargo de secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande para "costurar" candidatura majoritária, seja ao Senado, seja para governador. A saída do...

Governo Taques avança na Segurança

gustavo garcia curtinha   A área de Segurança Pública, hoje sob Gustavo Garcia Francisco (foto), foi apontada pelo governador Taques como prioritária desde o início da gestão. Nos dois primeiros anos (2015 e 2016), aumentou o contingente policial, armamentos, serviços de inteligência e...

Empenho e solidariedade às famílias

pedro taques curtinha   O governador Taques acompanhou pessoalmente a operação policial na madrugada deste sábado, que resultou no "estouro" do cativeiro, na prisão dos assaltantes e na liberdade da empresária Milene Falcão Eubank, mantida refém por 13 horas. O secretário de Segurança,...

Estado perde seu único time na Série B

helmute fmf   Após quatro anos consecutivos na Série B, algo inédito na história de um time mato-grossense que não tinha representante desde 1994, o Luverdense foi rebaixado à Terceira Divisão. Precisava vencer para ter chance de seguir na Segundona, mas empatou nesta sexta, em 0 a 0, com o Guarani....

Taques ignora pressão e elogia Soares

luiz soares curtinha   Coube ao ex-prefeito cuiabano e apresentador do programa Resumo do Dia, Roberto França, tornar público o posicionamento do governador Taques quanto ao movimento de várias lideranças, especialmente de deputados, pela queda de Luis Soares da pasta da Saúde. No quadro "Bomba do Dia", apresentado...

Sintap defende servidores do Intermat

candido teles curtinha   O Sintap não defendeu Cândido Teles (DEM), presidente "inoperante" do Intermat que passou a usar a estrutura do órgão com pretensões eleitorais - é pré-candidato a deputado estadual, mas garante que, quanto aos servidores, estes são dedicados ao trabalho. Em nota, nega...

Pré-candidatura já ganha repercussão

mauro mendes artigo   A notícia revelada pelo Blog do Romilson de que Mauro Mendes, que deve se filiar ao DEM ou ao PR, está determinado a disputar o governo estadual e, sem alarde, começa a se distanciar de Taques, ganhou muita repercussão nos meios político e empresarial e no Palácio Paiaguás. Deu...

MAIS LIDAS