Judiciário

Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 17h:35 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

JUDICIÁRIO

TJ retoma processo que exige exame de DNA de magistrado

    A Quinta Vara Cível do Tribunal de Justiça julgou nesta quarta (31) procedente o recurso de uma ação de reconhecimento de paternidade envolvendo um desembargador. No processo, uma suposta ex-profissional do sexo, identificada como M. V. N.D, e representada por sua mãe J.N.D, afirma que um magistrado é pai de seu filho e exige que seja feito o exame de DNA.

   O processo havia sido cancelado, mas, com a nova decisão, retornará à primeira instância. A decisão do TJ mantém a recomendação do Ministério Público que solicita à realização do exame de DNA sob o argumento de ser um direito constitucional garantido a quem quer evidenciar a paternidade de uma criança. "Não estamos aqui julgando a mãe ou o magistrado, mas sim resguardando os direitos da criança", declarou o relator do recurso de apelação, desembargador Rubens de Oliveira. A ação foi proposta por uma defensora pública.

   O processo corre em segredo de Justiça e, por isso, o nome do desembargador é identificado apenas pelas iniciais M.O.A. Na defesa, ele alega que a suposta ex-garota de programa quer enriquecer por meio de “manobra lotérica”.

   Ao retornar para análise da primeira instância, a ação pode sofrer novos adendos e até mesmo parar no Conselho Nacional de Justiça, já que a defesa do desembargador promete não aceitar facilmente a realização do exame de DNA.
 

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Gilcélia Mussi | Quinta-Feira, 08 de Abril de 2010, 00h51
    0
    0

    DR. SILVÉRIO, SEI QUE O SENHOR É UM HOMEM SÉRIO E HONESTO, E ENTENDE AS ANGÚSTIAS QUE UM CONCURSEIRO PASSA, POR GENTILEZA, PEÇA A BANCA QUE LIBERE AS NOTAS DOS QUE REALIZARAM AS PROVAS QUE FORAM ANULADAS. ALGUNS TIVERAM ACESSO A TAIS NOTAS, MAS A GRANDE MAIORIA NÃO TEVE. PRA QUEM SE PREPAROU PRA ESSA PROVA DURANTE ANOS, ESPEROU UM MÊS PELO RESULTADO, NADA MAIS JUSTO QUE APESAR DE NÃO MAIS SER RELEVANTE AO CERTAME , POSSA TER CONHECIMENTO DO NOTA OBTIDA. ISONOMIA, DÊ ACESSO À TODOS. NÃO A APENAS ALGUNS. FICO TRISTE DE PERCEBER O DESCASO QUE ESTA BANCA ESTÁ TENDO CONOSCO. ANULAM A FASE DO CONCURSO , E DIZEM QUE NÃO REVELARÃO AS NOTAS OBTIDAS PORQUE ESTAS JÁ NÃO SÃO RELEVANTES. PRA QUEM FICOU 5 HORAS ALI SENTADO, LEVOU MALAS DE VADEMECUMS, VIAJOU DE OUTRO ESTADO, GASTOU COM HOTEL, TEVE ESPERANÇAS NA SERIEDADE DO CONCURSO, NADA MAIS JUSTO QUE TAL BANCA DISPONIBILIZASSE TAIS AVALIAÇÕES. SERÁ QUE TODAS ESSAS PESSOAS TERÃO QUE PERDER MAIS TEMPO AINDA COM ESSE CONCURSO REDIGINDO HABBEAS DATA E RECLAMAÇÕES AO CNJ. ONDE ESTÁ O PRINCÍPIO DA TRANSPARÊNCIA?

  • tereza | Segunda-Feira, 05 de Abril de 2010, 14h47
    0
    0

    tereza, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Brenda | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 19h20
    0
    0

    Se a população tomar ciência de que a filha de uma ex-juiza e de um coronel(falecido) empurrou a babá do segundo andar e ainda usou a influencia do pai e da mãe para que esse BO nem chegasse a virar processo, com é que ficaria a cara do TJ mais uma vez?

  • Zé Antonio | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 20h52
    0
    0

    Zé Antonio, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Vortex | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 20h51
    0
    0

    Vortex, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • João Moessa | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 20h05
    0
    0

    Estou enganado ou a legislação atual reconhece a paternidade automática do suposto pai que nega fazer exame, se está negando é porque teme que o resultado seja positivo.

  • caio pereira silva | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 19h15
    0
    0

    Chamem o CORREGEDOR, para acabar com essa bagunça.

  • joao concho | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 18h46
    0
    0

    Tenho certeza de que o Corregedor Geral da Justiça do Estado de Mato Grosso, desembargador Manoel Ornellas de Almeida, tomará medidas severas para restaurar a respeitabilidade do TJ MT.

  • Paulo | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 17h53
    0
    0

    Será que a CORREGEDORIA DO TRIBUNAL DE JUSTIÇA, encaminhará para o CNJ esse caso? Pois pela forma que foi sentenciado o o processo em primeiro grau, no minímo houve falha grosseira por parte do magistrado de plantão.

  • Maneporrete | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 17h43
    0
    0

    Maneporrete, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Malouf e acerto com quadrilha de Silval

Em mais um depoimento à juíza Selma, da 7ª Vara Criminal da Capital, Alan Malouf, quando questionado acerca de um esquema no Governo Silval que resultou no desvio de R$ 16 milhões do erário, reconheceu ter recebido R$ 950 mil num contrato de gaveta e que não pagou impostos sobre o montante. Contou que em 2010 foi procurado por Eder Moraes, então secretário da Casa Civil, para poder realizar a solenidade de posse do governador para mil...

Ex-governador nega "surra" de Piran

valdir piran curtinha   O emblemático encontro entre Valdir Piran (foto) e Silval para acerto de contas foi questionado pela promotora de Justiça Ana Bardusco, durante depoimento do ex-governador na 7ª Vara Criminal de Cuiabá, nesta quinta. Diferente do que afirmou o ex-secretário Nadaf, Silval amenizou a...

Propinoduto "bancou" posse de Silval

alan malouf curtinha   O Buffet Leila Malouf, que tem como um dos sócios o delator Alan Malouf (foto), recebeu uma "bolada" para fazer a cerimônia de posse de Silval como governador. De fato, o evento realizado em 1º de janeiro de 2011 foi marcado por muito requinte. Na época, não se falava em valores. Eis que agora,...

Tirando dúvidas no CCC sobre propina

pedro nadaf depoimento curtinha   No 3º dia de confissão de Silval à Justiça, nesta quinta, ele contou que conversava com os demais membros da organização criminosa nos momentos de brechas, especialmente na hora da limpeza das celas, dentro do Centro de Custódia de Cuiabá, onde esteve preso por...

Forçando a barra para homenagear pai

vinicyus clovito curtinha   Diferente do pai Clovito Hugueney, parlamentar sensato que teve o 3º mandato de vereador interrompido por sua morte há 2 anos, Vinicyus Hugueney (foto), vereador de 1º mandato licenciado e hoje à frente da pasta de Trabalho e Desenvolvimento da Capital, não demonstra as mesmas habilidades...

Mais 11 em situação de emergência

Mais 11 municípios têm situação de emergência reconhecida pelo governo estadual, após prefeitos terem pedido socorro por causa de problemas ocasionados, principalmente com as chuvas. No mês passado, o Estado havia homologado situação de emergência em 15 cidades. Desta vez, o governador Taques referendou decretos municipais já assinados pelos gestores de Canabrava do Norte, Chapada dos Guimarães, Colniza,...

Citando outros líderes para ter delação

cezar zilio   A demora na homologação da colaboração premiada de Silval junto ao Supremo se deve, entre outras coisas, ao entendimento da Corte de que líder de organização criminosa não pode delatar. E percebe-se que o ex-governador se esforça para não ser enquadrado como tal. Nos...

O silêncio de Silval sobre conselheiros

De volta nesta quarta à sala da juíza Selma Arruda, da 7ª Vara Criminal da Capital, Silval Barbosa foi perguntado sobre comentários do seu ex-secretário Pedro Nadaf de que dinheiro do Estado teria, em forma de propina, abastecido bolso de conselheiros do Tribunal de Contas do Estado. Em resposta, o ex-governador que comandou o Estado de março de 2010 a dezembro de 2014 se limitou a dizer que prefere não comentar sobre esse assunto. Selma...

Efeito-Silval e tensão no meio político

walace guimaraes vg   Réu em vários processos, cinco deles na 7ª Vara Criminal de Cuiabá (nas quatro fases da Sodoma e mais a Seven), o governador Silval Barbosa tem provocado muita tensão no meio político, inclusive entre figurões, a cada notícia de que prestará depoimento. De sua boca...