Cidades

Sexta-Feira, 28 de Janeiro de 2011, 14h:15 | Atualizado: 28/01/2011, 15h:54

RIO BRANCO

Candidato a prefeito defende cassado por compra de votos

   Os eleitores de Rio Branco voltarão às urnas em 20 de fevereiro para escolher o novo prefeito, já que o eleito em 2008, Antônio Milanezi (PT), teve o mandato cassado por compra de votos, assim como seu vice, José Miguel (PT). O candidato Geovani Ferrari (PT) concorre ao comando do Executivo, entretanto diz que acredita na inocência de Milanezi e revela que pretende dar continuidade ao trabalho do prefeito cassado. “Apesar da cassação, eu acredito na inocência do meu colega de partido. Foi uma injustiça, mas o TRE entendeu que ele era culpado e a justiça teve que ser feita. Isso eu respeito, mas acredito nele”, pondera. Além de Geovani, concorre também ao cargo Antônio Xavier de Araújo pela coligação "100% Rio Branco".

   Em relação aos planos de governo, caso ganhe as eleições, o petista garante que pretende continuar os projetos já iniciados por Milanezi, priorizando a saúde e a educação. Garante que mesmo não podendo fazer campanha política na rádio da cidade, já que a emissora é comunitária, irá gastar  "sola do sapato" nos dias que antecedem a eleição. Segundo ele, os gastos previstos para a campanha devem chegar a R$ 150 mil. Geovani foi secretário de Saúde do município por quatro anos na gestão passada, presidente da Câmara por dois anos e segundo ele, trabalha como professor atualmente.

   O prefeito cassado Antonio Milanezi perdeu o mandato após uma denúncia ter sido feita por meio de uma gravação em vídeo que mostrava a tentativa de compra de votos. Mesmo tendo recorrido, perdeu o cargo. Geovani o defende e diz que foi tudo um mal entendido por parte do TRE. “Foi num comício e na hora que houve uma conversa entre ele e uma outra pessoa, estavam gravando e o Tribunal entendeu que era tentativa de compra de votos".

  

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Adin para garantir 15% aos fazendários

rogerio gallo curtinha   Com a folha de pessoal "estourada", superando o limite prudencial da lei fiscal, o governo do Estado deveria agradecer ao TCE que, sob medida cautelar, suspendeu o reajuste de 15% concedido pelo Executivo aos agentes fazendários ao longo dos próximos dois anos, além de verba indenizatória...

Plano de se afastar para ser candidato

jayme campos curtinhas   Jayme Campos, hoje principal referência do DEM no Estado, revelou neste domingo que está decidido a se desincompatibilizar do cargo de secretário de Assuntos Estratégicos de Várzea Grande para "costurar" candidatura majoritária, seja ao Senado, seja para governador. A saída do...

Governo Taques avança na Segurança

gustavo garcia curtinha   A área de Segurança Pública, hoje sob Gustavo Garcia Francisco (foto), foi apontada pelo governador Taques como prioritária desde o início da gestão. Nos dois primeiros anos (2015 e 2016), aumentou o contingente policial, armamentos, serviços de inteligência e...

Empenho e solidariedade às famílias

pedro taques curtinha   O governador Taques acompanhou pessoalmente a operação policial na madrugada deste sábado, que resultou no "estouro" do cativeiro, na prisão dos assaltantes e na liberdade da empresária Milene Falcão Eubank, mantida refém por 13 horas. O secretário de Segurança,...

Estado perde seu único time na Série B

helmute fmf   Após quatro anos consecutivos na Série B, algo inédito na história de um time mato-grossense que não tinha representante desde 1994, o Luverdense foi rebaixado à Terceira Divisão. Precisava vencer para ter chance de seguir na Segundona, mas empatou nesta sexta, em 0 a 0, com o Guarani....

Taques ignora pressão e elogia Soares

luiz soares curtinha   Coube ao ex-prefeito cuiabano e apresentador do programa Resumo do Dia, Roberto França, tornar público o posicionamento do governador Taques quanto ao movimento de várias lideranças, especialmente de deputados, pela queda de Luis Soares da pasta da Saúde. No quadro "Bomba do Dia", apresentado...

Sintap defende servidores do Intermat

candido teles curtinha   O Sintap não defendeu Cândido Teles (DEM), presidente "inoperante" do Intermat que passou a usar a estrutura do órgão com pretensões eleitorais - é pré-candidato a deputado estadual, mas garante que, quanto aos servidores, estes são dedicados ao trabalho. Em nota, nega...

Pré-candidatura já ganha repercussão

mauro mendes artigo   A notícia revelada pelo Blog do Romilson de que Mauro Mendes, que deve se filiar ao DEM ou ao PR, está determinado a disputar o governo estadual e, sem alarde, começa a se distanciar de Taques, ganhou muita repercussão nos meios político e empresarial e no Palácio Paiaguás. Deu...

Dificultando planos políticos de Taques

nilson leit�o curtinhas   Pedro Taques está na bronca com o deputado federal Nilson Leitão (foto) por entender que este busca atrapalhar seus planos políticos majoritários. É desejo do governador disputar a reeleição com dois aliados fortes no palanque como candidatos ao Senado,...