Cuiabá, 30 de Março de 2017

12-12-16 08h:40

Para promotora, Congresso se divorcia da sociedade

Promotora de Justiça Marcelle Faria, candidata à Presidência da Associação Mato-Grossense do Ministério Público, fala de projetos e analisa PEC 55 (congelamento de gastos públicos) e a lei da intimidação. "Mais uma vez quem vai pagar é a sociedade".

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Selma Fonseca | Segunda-Feira, 12 de Dezembro de 2016, 21h31
    1
    1

    Vendo a nobre promotora falando, até parece que o MP é um exemplo de probidade. Deveriam olhar para os supersalários que recebem, acima do teto, demonstrando total desprezo pela Constituição federal.