Cuiabá, 17 de Setembro de 2014

RDTV

A | A

Terça-Feira, 30 de Março de 2010, 14h:12 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

INVESTIGAÇÃO

Receita Federal descobre rombo de R$ 204 mi em Mato Grosso

   Um rombo de R$ 204 milhões nos cofres públicos foi detectado pela Receita Federal no Estado. O motivo de tamanho desvio é a sonegação, provocada por empresas de combustível na venda do álcool. A fraude só foi descoberta após o cruzamento de informações da Receita com os dados divulgados pela Agência Nacional do Petróleo e a secretaria estadual de Fazenda, comandada por Eder Moraes. O número de empresas fantasmas envolvidas no esquema ainda não foi levantado, mas os responspaveis deverão responder por crime contra a ordem tributária.

   O diretor de Defesa da Concorrência do Sindicato Nacional das Empresas Distribuidoras de Combustível, César Guimarães, lamentou a ocorrência desse tipo de fraude por todo o país e admite que é impossível, no momento, evitar a proliferação das distribuidoras fantasmas. Além de omitir os tributos, elas ainda podem alterar o combustível, o que causa problemas nos veículos.

---------------------------------------------------
Clique no play
e confira a reportagem da TVCA

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • marcio | Sábado, 03 de Abril de 2010, 10h36
    0
    0

    a intidade rsponsavel pela qualidade dos combustiveis tem que fiscalizar todo mes os postos de combustiveis...pagamso caro pelo combustivel e vem sujo...cade o inmetro? procon?

  • ZICO ALVES | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 21h05
    0
    0

    Aqui no vale do araguaia todos nós vamos com Mauro Mendos, 40 neles, para senador é Blairo

  • ZICO ALVES | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 21h02
    0
    0

    AQUI NO INTERIOR DO ESTADO VAMOS TODOS COM MAURO MENDES, TODO VALE DO ARAGUAIA 40 NELES.

  • Luiz Carlos | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 17h14
    0
    0

    Tudo isto ja era sabido, e agora eles acham que descobrirarm a roda. Trata.se de bate e assopra, no final nao vai dar em nada, pois tem muito politico e secretarios envolvidos com os sonegadores.

  • MARIA LUCIA | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 09h00
    0
    0

    MARIA LUCIA, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • maria | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 08h43
    0
    0

    maria, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • arnaldo | Quinta-Feira, 01 de Abril de 2010, 08h41
    0
    0

    arnaldo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Maria Aparecida | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 23h19
    0
    0

    Esta denúncia foi feita por mim pessoalmente, ao sr Eder e ao Governador e alguns fiscais que estavam reunidos, sobre a farra do combustivel e de nada adiantou. A farra também foi com o ICMS!!! E toda fiscalizacão que era feita as distribuidoras e postos eram anunciados antes, como se com isso estivessem avisando aos bandidos para tomarem cuidado.

  • Jedae | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 18h58
    0
    0

    No final, o crime sempre compensa. Só não pode ser pouca coisa. Se for uma lata de leite em pó, e cana da brava e dura!

  • Silva | Quarta-Feira, 31 de Março de 2010, 04h27
    0
    0

    Uma pergunta: De que adianta descobrir tantos escândalos nesse país, se no fim não dá em nada para os seus autores?