Variedades

Sexta-Feira, 17 de Junho de 2016, 12h:34 | Atualizado: 17/06/2016, 12h:44

Genius nega plágio e vê dois pesos e duas medidas na licitação da Gcom

Reprodução

junior brasa 500

Empresário Luiz Gonzaga Júnior, o Brasa, da Genius Publicidade, que entrou em queda-de-braço e no embate jurídico com governo estadual por ter sido desclassificada no certame sobre conta publicitária

A Genius Publicidade, desclassificada na reta final do processo licitatório que escolheu cinco agências para cuidar da comunicação do governo estadual, nega, em nota, prática de plágio, embora esta tenha sido uma das razões apresentadas pela comissão de licitação para "eliminá-la" - saiba mais aqui.

Propriedade de Luiz Gonzaga Júnior, o Brasa, a empresa lembra que está no mercado há 36 anos e que foi a primeira agência de Mato Grosso a se filiar ao CENP, órgão que assegura as boas práticas comerciais entre anunciantes, agências e veículos de comunicação no Brasil.

Sustenta ser a mais premiada do mercado mato-grossense e que "sempre norteou suas ações pela ética e profissionalismo" e que é "contra todo tipo de plágio ou ação que fira o direito à propriedade ou autoria de uma criação, seja ela artística ou publicitária".

De acordo com a Genius, o plano de comunicação apresentado e defendido na licitação cita o nome do artista que serviu de inspiração para a criação das peças gráficas. "O recurso visual criado pelo artista Khristian Mendoza é referência para muitos trabalhos na arte e na publicidade. Ou seja, tanto a Mercedes quanto outros anunciantes já utilizaram o recurso em suas comunicações e nem por isso foram considerados plágios, afinal, apesar de compartilharem o mesmo recurso visual, possuem conceitos e propósitos diferentes".

Sustenta que a comissão julgadora fez comparativo das peças de maneira superficial. Observa que tanto "a peça da Mercedes quanto à criada pela Genius utilizam o mesmo recurso visual (transparência, profundidade, ponto de fuga), mas com propósitos e mensagens completamente diferentes, pois a peça da Genius fala em transparência e a da Mercedes promove reflexo/espelho".

Prossegue a nota, pontuando que "a comissão aceitou uma denúncia anônima de uma fonte sem qualquer credibilidade - um perfil de Facebook pirata - e sem dar à Genius o direto à ampla defesa garantido pelo artigo 5º da Constituição" e considera que foi uma decisão arbitrária e que põe em risco toda a lisura do processo.

Sem resposta

Afirma também que, após a Genius ingressar como uma ação na Justiça alegando descumprimento da lei, o governo teve 10 dias úteis para responder o porquê tê-la desclassificado sem lhe dar o direito de defesa e nenhuma resposta foi concedida.

 "Para tornar o certame ainda mais nebuloso, o recurso legítimo requisitado pela Genius, que apontava plágios e irregularidades em outras campanhas participantes da licitação foi desconsiderado". Para a Genius, “o mínimo que a comissão deveria fazer seria reavaliar a decisão ou desclassificar todas as agências que supostamente cometeram irregularidades". "Assim, não teríamos dois pesos e duas medidas, todas seriam penalizadas da mesma forma e o processo ganharia lisura, garantindo a transparência que tanto é defendida pelo atual governo".

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Matéria(s) relacionada(s):

Binotti critica "jogo de cena" de Jiloir

binotti curtinha lucas   Assim como fez com os demais que comandaram a prefeitura, o presidente da Câmara de Lucas do Rio Verde, vereador Jiloir Pelicioli (PDT), passou a criticar de forma dura o prefeito Luiz Binotti (foto), do PSD. Em sessão nesta semana, disparou de novo a metralhadora giratória, afirmando que Binotti...

Aliados de Suelme entregam cargos

corgesio albuquerque curtinha   Mais uma confusão no Palácio Paiaguás em meio a conspirações e brigas por cargos e espaço político. O governador decidiu tirar do 1º escalão a recém-nomeada Vanessa Queirós da pasta de Agricultura Familiar e Assuntos Fundiários para...

Alguns ex-aliados fora do manifesto

fabio garcia curtinha   Nem todos da lista de fortes aliados da gestão Taques e que, gradativamente, foram se distanciando do Palácio Paiaguás assinaram o manifesto contra o projeto de reeleição do governador do PSDB. Eis dois exemplos: os deputados federais Fábio Garcia (foto), do DEM, e Adilton Sachetti...

Ex-aliados em dura reação a Taques

carlos favaro curtinhas   Nunca na história deste país se juntaram tantas lideranças que eram aliadas e que agora estão contra o projeto de reeleição do governador Taques. Nada menos que 31 assinaram manifesto, expondo as razões de terem pulado do barco, entre eles 4 ex-prefeitos, como Mauro Mendes...

Blairo "lava as mãos" sobre o PP-MT

ezequiel fonseca curtinha   O senador licenciado e ministro Blairo Maggi (Agricultura) "lavou as mãos" em relação ao PP-MT, hoje tocado no Estado pelo deputado federal Ezequiel Fonseca (foto). Em algumas reuniões internas, o ex-governador defendeu que o partido abrisse as portas para novos filiados, independente destes...

Suplente se articula para cassar Diego

demilson nogueira vereador curtinha   O suplente de vereador Demilson Nogueira (foto), dirigente do PP de Cuiabá, está se articulando nos bastidores para derrubar o titular da cadeira Diego Guimarães, do mesmo partido. Ele juntou documentos, fotografias, discursos e registro de solenidade para tentar cassar o mandato de Diego....

Governo veta Maldonado à Unemat

adriano silva caceres curtinha   O suplente de deputado Adriano Silva (DEM), ex-reitor da Unemat, com sede em Cáceres, está revoltado com governador Taques. Enquanto atuava como deputado, substituindo o dono da cadeira Botelho, Adriano apresentou neste ano um projeto, aprovado em duas sessões, "rebatizando" a Unemat como...

15 vão concorrer pela Grande Cáceres

moraes curtinha   Pelo menos 15 da região Oeste, que agrega mais de 20 municípios, estão se articulando para concorrer a deputado, sendo 7 deles de Cáceres. Dois vão a federal: Ezequiel Fonseca (PP), de Reserva do Cabaçal e que busca a reeleição, e o estadual Leonardo Albuquerque (SD), baseado...

Ataques de Pivetta dividem opiniões

otaviano pivetta curtinha lucas   Os ataques do ex-prefeito de Lucas do Rio Verde Otaviano Pivetta (foto), do PDT, ao governador Pedro Taques (PSDB) dividem opiniões. Uns acham que ele agiu com desrespeito quando definiu Taques como vagabundo, mentiroso, ladrão de sigla partidária e narcisista. E, diante disso, disseram que...