ARTIGOS

Terça-Feira, 13 de Setembro de 2011, 23h:47 | Atualizado: 14/09/2011, 07h:32

Artigo

Cuiabá terá mais vereadores do que Estado de MT de deputados

É o máximo!

Franco Querendo    A notícia de que a Câmara Municipal de Cuiabá vai aumentar o número de sua composição de 19 para 25 foi amplamente divulgada assumindo destaque na pauta eleitoral. Somente por mera reflexão e apego ao debate precisamos aclarar a questão.

   A primeira votação da emenda à Lei Orgânica de Cuiabá foi aprovada por ampla maioria, devendo ela ser submetida à nova apreciação do plenário em 10 dias, conforme determinação legal. O que destoa são as justificativas para o aumento no número de seis cadeiras na Câmara de Cuiabá.

   A Emenda Constitucional nº 58/2009 deu nova redação ao Artigo 29, IV, e suas alíneas, alterando a proporção entre o número de vereadores e o de habitantes dos municípios, e consequentemente modificando a composição das câmaras municipais.

   Ocorre que na maioria das Casas Legislativas municipais há posicionamento dúbio sobre o assunto quando afirmam que estão apenas adequando a Lei Orgânica ao que determina a Carta Magna. Ou, no silêncio de suas leis municipais, argumentam pela adequação estabelecida na Constituição como se realmente fosse esta a determinação ali contida.

   Resta claro que a Carta Magna não determina que o município como Cuiabá, com 530.308 habitantes, deva ter 25 vereadores. Diz apenas que 25 serão o “limite máximo”, como podemos ler: “Art. 29. (...) IV - para a composição das Câmaras Municipais, será observado o limite máximo de: (...) i) 25 (vinte e cinco) vereadores nos municípios de mais de 450.000 habitantes e de até 600.000 habitantes”.

   Observem que não cabe a interpretação de que há uma determinação constitucional de que o número deva ser de vinte e cinco vereadores. Há apenas um parâmetro constitucional, um limite máximo.

   Portanto, aumentar o número de vereadores até o limite máximo estabelecido na Constituição é uma decisão política e constitucional de qualquer Câmara de Vereadores. O que não podemos é afirmar o contrário, como se o fato de a Câmara Municipal de Cuiabá ter dezenove vereadores atentasse contra norma constitucional. Quem rege o Município nesta matéria é a Lei Orgânica. Rondonópolis, por exemplo, já votou em primeiro turno e se alterar sua lei, abrirá mais 9 (nove) vagas, saltando de 12 para 21 legisladores municipais.

    Assim, se todos os municípios do Estado adotassem em sua Lei Orgânica o limite máximo adotado pela Constituição, teremos um aumento de 148 vereadores no Estado, saltando de 1.293 para 1.441 legisladores. Cuiabá, por exemplo, terá maior número de vereadores (25) que o Mato Grosso tem de deputados (24). O município de Pedra Preta, por ter ultrapassado em apenas dois o limite de 15.000 habitantes (15.002), ganharia mais dois vereadores.

   A decisão está nas mãos dos legisladores e no voto do eleitor.

   Franco Querendo é advogado e professor em Cuiabá - francoquerendo@hotmail.com

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Fernando Pessoa | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 13h12
    1
    0

    É por essas e outras que sou apaixonado pelos comentários em todos os sites/blogs. Não é à toa que é a sessão mais interessante, ao meu ver. Se por um lado temos o ilariante Suelmi, com um comentário pra lá de bem humorado, sem deixar de ser apimentado, por outro vemos o rancoroso Valdinei Barbosa, que após ter feito tudo o que fez (pilantragens, traições e coisas do gênero) agora se apresenta como salvador da pátria, com insinuações e soluções merabolantes para tudo que diz respeito ao PDT que ele pensa que ajudou a crescer em nosso estado, mas que, na verdade, só cuidou de seus próprios interesses. O que há em comum nos dois comentários??? Falta de respeito por um homem de bem que só tratou de expor sua opinião sobre assunto geral e de interesse público. Que mal há nisso??? A sessão comentários deveria estar na primeira página!!! Sim, porque tem uns cidadãos que são "de última"!!!!

  • PAULO SALEM | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 09h01
    1
    0

    Parebens pelo artigo. Notadamente os senhores vereadores não iriam acrescentar apenas alguns numeros a mais, o minimo no caso. Em todas as cidades brasileira essa prática será adotada, colocar o màximo permitido por lei. A VOZ DO POVO com PAULO SALEM

  • Suelmi | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 08h54
    1
    0

    ESSE ADVOGADO É A CARA DO JUIZ LEOPOLDINO,VÔTE PARECE DEMÁSSSS! O FRANCO QUERENDO OCUPA O CARGO DE SECRETARIO DO EMPRESARIADO DA EXECUTIVA MUNICIPAL DO PDT DE CUIABA. É PRA RIR OU CHORAR? É PRA RIR PORQUE O SENHOR FRNACO QUERENDO NUNCA TOCOU NEM BOTECO DE PONTA DE ESQUINA. É PRA CHORAR, PORQUE SECRETARIA DO EMPRESARIADO EM UM PARTIDO COMO O PDT É DE ULTIMA,COISA PRA BRIZOLA E DARCI RIBEIRO LEVANTAR DO TUMULO,FORA O FATO DE QUE UMAS DAS MAIORES LIDERANÇAS DO PARTIDO É PAULINHO DA FORÇA SINDICAL. COMO DIZIA BRIZOLA: "ISSO É COISA DE PELEGO". PDT É DOS TRABALHADORE E NÃO DOS PATRÃO!!!!

  • Valdeir | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 08h25
    1
    0

    Parabéns FRANCO pelo artigo muito esclarecedor quanto ao tema proposto, cabe agora aos eleitores de Cuiabá decidir por nomes sérios e comprometidos, para elegermos como Vereador de Cuiabá em 2012. Geralmente os cidadãos é muito combativo antes de sair candidato e se eleger Vereador, depois, parece que acaba o ideal, com isso a decepção da sociedade cuiabana. não poderia deixar de parabenizar ao camarada Miranda Muniz pelo Adendo e ampliação do tema para a redução do repasse constitucional. Vamos lá QUERENDOOOOO 2012

  • Jedae | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 08h08
    1
    0

    Por mim, podia ficar uns cinco somente! Sempre digo isso, este nosso país nunca vai sair da lama. Haja imposto. Na verdade, o caboclo entra pra politica só pra ver o seu lado. Povão que se dane!

  • edesio do carmo adorno | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 07h59
    1
    0

    O talentoso professor universitário e brilhante advogado com atuação destacada na seara eleitoral, por oportuno e com a precisão lapidar de sua caneta, aborta um tema que deve ser debatido à exaustão, ou seja, o aumento do numero de vereadores nas câmaras municipais, notadamente no parlamento cuiabano. Ora, 19 vereadores já representam um custo elevado e desnecessário para o contribuinte, imagine 25 parlamentares que, salvo microscópica exceção, não parlamentam, ao contrario, sacramentam negociatas e vivem grudados na extensoria testicular do chefe do executivo. Via de regra, o parlamento se tornou improdutivo, palco de sucessivos escândalos e extremamente oneroso para o sacrificado contribuinte. E mais: justo no momento que a juventude conquista as ruas e deflagra vigoroso movimento de combate as práticas lesivas aos cofres públicos, os vereadores de Cuiabá completamente alheios ao clamor popular deliberam pelo aumento da composição do parlamento. É legal, porem de uma imoralidade assustadora. O que justifica Cuiabá ter mais vereadores que o Estado ter deputados estaduais, somente o interesse pessoal, vez que existindo mais vagas presume-se que a reeleição dos atuais vereadores seja facilitada. O tiro pode sair pela culatra. O povo precisa se manifestar e cobrar explicações de cada vereador. E não venham dizer que assim agiram por força de determinação da CF/88. O professor Franco, com clareza e brilhantismo, deixa claro: a constituição faculta, permite, todavia não obriga. Parabéns, Franco.

  • Miranda Muniz - PCdoB | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 07h25
    1
    0

    Meu grande camarada Franco Querendo, Como é de custume, seus esclarecimentos foi de uma nitidez impar. Só tenho um pequeno adendo à sua matéria quanto ao tão propalado "aumento dos gastos com o legislativo", como alguns, por ignorância ou má fé, vem alardeando. Na verdade, a emenda aprovada determinou foi uma redução do repasse constitucional às câmaras, nas proporções que seguem: Até 100 mil habitantes Passa de 8% para 7% De 100 mil a 300 mil hab. Passa de 7% para 6% De 300 mil a 500 mil hab. Passa de 6% para 5% De 500 mil a 3 milhões hab. Passa de 5% para 4,5% De 3 mi a 8 milhões hab. Passa de 5% para 4% Acima de 8 milhões hab. Passa de 5% para 3,5%

  • Valdinei Barbosa | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 07h16
    1
    0

    REALMENTE NAO ENTENDI ESSE ARTIGO DO ADVOGADO FRANCO QUERENDO. ELE COMO MEMBRO DA COMISSÃO PROVISÓRIA DE CUIABA,MESMO SENDO ESSA COMISSÃO ARBITRARIA E IMORAL,DEVERIA SE MANIFESTAR COMO MEMBRO DA EXECUTIVA E PROPOR QUE OS VEREADORES DE SEU PARTDO SE POSICIONASSEM CONTRA. SENAO FICA PARECENDO QUE SÓ QUER APARECER,PASSA A IMAGEM DE DEMAGOGIA PURA E APLICADA. AFINAL TODOS DE SEU PARTIDO FORAM FAVORÁVEL A ESSA LEI ABSURDA,OU O ADVOGADO NAO TEM A MÍNIMA MORAL E VOZ DENTRO DO PARTIDO DO QUAL E MEMBRO DA EXECUTIVA, E ESTA FAZENDO PAPEL DE BOBO,OU O ADVOGADO ESTA TENTANDO FAZER NOS DE BOBO,QUAL DAS DUAS SENHOR FRANCO QUERENDO? O advogado pode responder aqui pelo comentários,caso tenha resposta!,,

  • tapayuna | Quarta-Feira, 14 de Setembro de 2011, 06h58
    1
    0

    VAMOS TAMBEM COLOCAR 4 PREFEITOS QUEM SABE MELHORA POIS UM SÓ É MUITO POUCO...E AINDA SE FOR INCOMPETENTE COMO GALINDO...

Verba a quem não tem litígio à União

emanuel pinheiro 400 curtinha   Apesar do governo estadual anunciar que está recebendo os R$ 359 milhões da União, essa verba oriunda do chamado Orçamento da Guerra (Emenda Constitucional 106) para ajuda no combate ao coronavírus só será liberada a partir do próximo dia 9 e para quem, seja...

Salgadinhos sim; caminhão pipa, não

humberto bolinha 400 curtinha   Em Guiratinga, o prefeito Humberto Domingos, o Bolinha (foto), resolveu homologar na última segunda, 1º de junho, processo licitatório para contratar uma empresa com vistas a fornecer salgadinhos nas 11 secretarias municipais. Vão ser gastos com salgados R$ 21,7 mil. No mesmo dia, Bolinha...

Nepotismo e demissão na gestão Pátio

leandro junqueira 400   Acuado pela notificação recomendatória do Ministério Público Estadual, o prefeito de Rondonópolis, Zé do Pátio, não teve outra saída senão exonerar a servidora Renata Castilho Moreno do cargo comissionado de gerente do Departamento de Engenharia e...

Candidatíssima à vereadora em Cuiabá

gisele almeida 400 curtinha   A apresentadora de TV, Gisele Almeida (foto), vai mesmo encarar o teste das urnas como candidata à vereadora em Cuiabá. Irmã do ex-vereador, ex-deputado e hoje conselheiro afastado do TCE, Sérgio Ricardo, ela não perde tempo nas articulações. Recentemente, recebeu no...

Quebra-cabeça para definir a chapa

eduardo botelho 400 curtinha   Eduardo Botelho (foto) está postergando ao máximo a definição dos nomes de sua chapa ao comando da Mesa Diretora. A eleição já acontece no dia 10, na próxima semana. Como 12 dos 24 deputados brigam por espaço, o presidente da Assembleia sabe que, ao final,...

Secretário terá de explicar contrato

alex vieira 400 curtinha   O secretário de Educação de Cuiabá, Alex Vieira (foto), tem dois dias para apresentar defesa ao TCE sobre uma representação da empresa F. M Paragas, propriedade de Fernando Marcelo, que apontou supostas irregularidades na contratação, por dispensa de...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.