ARTIGOS

Sexta-Feira, 22 de Maio de 2020, 15h:15 | Atualizado: 22/05/2020, 15h:23

José Wenceslau Júnior

Energia: a faísca do progresso

Wenceslau Junior artigo

Imaginar os tempos atuais sem eletricidade é inconcebível, pois ela é sinônimo de progresso, prosperidade e bem-estar, além de ser o ponto determinante para o desenvolvimento da sociedade.

Portanto, para retomarmos o desenvolvimento da nossa economia o mais rápido possível, depois da pandemia causada pela Covid-19,  uma das medidas sugeridas é a isenção de tributos na energia elétrica para indústrias instaladas em Distritos Industriais, em diversas regiões do estado.  Desta forma, esses locais se tornariam atraentes para a instalação de empresas.

Atualmente, Mato Grosso exporta energia elétrica para outros estados sem cobrar nenhum imposto. Essa negociação torna outras unidades federativas mais prósperas para investimentos de grandes indústrias, deixando nosso estado sem competitividade, com isso perdemos milhões de reais em investimentos, e centenas de postos de trabalho.

Nestes casos vale bem, aquele ditado: “a grama do vizinho é mais verde."

Mato Grosso tem uma das tarifas de energia mais caras do país, devido ao ICMS cobrado, sendo que, desde os anos 90, ele é autossuficiente na geração de energia. Nos últimos dez anos, ainda triplicou sua capacidade de produção.

E o consumidor também ganha com os produtos fabricados aqui, pois serão vendidos mais baratos

José Wenceslau

O centro urbano é quem ganha, pois veículos pesados não vão circular pelas vias principais, e sim, pelos Distritos, reduzindo a poluição ambiental e sonora - garantido a segurança no tráfego de veículos.

Com mais indústrias, vamos conseguir a tão sonhada verticalização, e manufaturar os produtos produzidos em Mato Grosso, no próprio estado, com preços competitivos.

E o consumidor  também ganha com os produtos fabricados aqui, pois serão vendidos mais baratos.

A Fecomércio-MT, representante maior do segmento de bens, serviços e turismo em Mato Grosso, atua buscando corrigir esse erro na política energética, em dar mais um passo rumo à superação dessa fase tão difícil para todos.

José Wenceslau de Souza Júnior é comerciante há 40 anos, e está como presidente da Fecomércio, Sesc e Senac em Mato Grosso. Email: presidência@fecomerciomt.org.br

Postar um novo comentário

Comentários

  • Comente esta notícia

Dorner vai tentar prefeitura de novo

roberto dorner 400 curtinha   Em Sinop, o empresário e ex-deputado federal por alguns meses Roberto Dorner (foto), que deixou o PSD e aderiu ao Republicanos, está disposto a encarar de novo a disputa a prefeito. Em 2016, ele perdeu para Rosana Martinelli (PR) por uma diferença de 3.388 votos. É possível que ambos...

Um líder sob insatisfação dos colegas

dilmar dal bosco curtinha 400   O líder do governo na Assembleia, Dilmar Dal Bosco (foto), tem enfrentado crítica velada e insatisfação dos colegas, principalmente dos deputados da base. Reclamam que o interlocutor do governador Mauro não move uma palha em defesa da liberação das emendas e, nas...

Jogada do prefeito Francis em Cáceres

paulo donizete 400 curtinha caceres   A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cacerense Francis Maris (PSDB) lançou uma jogada estratégica para ver se "cola". Apoia publicamente para prefeito o seu diretor da autarquia Águas do Pantanal, Paulo Donizete (foto), do mesmo partido, inclusive participou da reunião...

Luta por mais leitos de UTI em Sinop

rosana martinelli 400 curtinha   A prefeita de Sinop, cidade pólo do Nortão, Rosana Martinelli (PR), demonstra preocupação com os poucos leitos de UTI do Hospital Regional no município. A unidade atende moradores de mais de 30 municípios da região e só dispõe de 10. Rosana diz esperar...

Priminho Riva deve disputar em Juara

priminho riva 400 curtinha   Dezesseis anos depois de comandar Juara por dois mandatos (1997 a 2004), Priminho Riva (foto) está de volta. Filiado ao PR, ele deve concorrer a prefeito. Político bastante popular e carismático, tende a enfrentar um páreo duro com dois nomes considerados fortes, o do ex-vice e que se tornou...

Contas de prefeita são reprovadas

thelma 400 curtinha   As contas de 2018 da prefeita chapadense Thelma de Oliveira (foto), do segundo ano de mandato, foram reprovadas pelo TCE-MT. Agora, cabe à Câmara Municipal aprová-las ou rejeitá-las. Em seu parecer, o conselheiro interino João Batista apontou 15 irregularidades, sendo 11 delas sobre...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você conhece alguém próximo que foi infectado pelo coronavírus?

sim

não

em dúvida

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.