ARTIGOS

Quinta-Feira, 12 de Setembro de 2019, 07h:20 | Atualizado: 12/09/2019, 07h:34

Keka Werneck

Mustache, o cão que salvou o dono em assalto

Keka Werneck artigo

Mustache era uma cachorrinho vira-lata preto, que chegou em casa filhote. Quando ainda não tinha alcançado a vida adulta, foi atropelado na rua por um carro em uma das vezes que ele aproveitou uma fresta no portão para dar uma passeada. A roda passou sobre o corpo dele. Quase morreu, ficou internado, por milagre escapou, com algumas sequelas.

Muitos diziam que era feio, como o diabo. No impacto com o carro, o olho esbugalhou. Não tinha também muita harmonia, equilíbrio. Mustache latia alto e estridente e tinha uma energia caninha, que dava canseira só de olhar para ele pulando ao ver a gente chegando ou animado com qualquer besteira. Escandaloso de alegria.

Vizinhos logo se incomodaram com ele, com o latido dele, ninguém parava para dizer "olha, que cãozinho bonitinho" e o denunciaram várias vezes ao ponto de termos de dá-lo para parentes, antes que fôssemos multados.

Para defender o dono, durante um roubo à residência, levou um tiro do ladrão desalmado

O cachorrinho foi embora, mas nunca deixou de me olhar nos olhos sempre que nos encontrávamos, como se dissesse: não te esqueço. Foi muito amado pela nova dona, muito, mas muito mais do que eu o amei, e ela o adotou sem olhar feiúra, vendo a boniteza que há em cada animal, do humano ao inseto. Cada qual com suas características. O cachorro porém é um amigo mesmo, ele se apaixona pela gente e acompanha. Quando a gente chora, fica por perto, sente. Esta é uma lição muito bonita que os cães ensinam.

Mas lá na nova dona também não deu mais para ele ficar. Era um cãozinho problemático. Sendo assim, mudou-se novamente para casa de um conhecido da família, que também o adotou com carinho.

E ele, tal qual todo ser carente, também adotava cada novo dono que a vida lhe apresentava, sem discriminação. Tocava o barco, vivia sua vidinha de cão serelepe, recebendo carinho e dando sempre em dobro.

Passou o tempo e fiquei sabendo da notícia derradeira: Mustache morreu. Não pude deixar de sentir aquele vazio, apesar dele ter me atormentado muitas vezes com seu jeito tresloucado de existir. Arruinava a casa e mordia tudo, desenrolava papel higiênico, fazia xixi para demarcar território.

Não somos melhores que eles (bichos e plantas). Na verdade, somos até piores

Quis saber como ele morreu e a história é boa, de filme. Para defender o dono, durante um roubo à residência, levou um tiro do ladrão desalmado. Sim, Mustache entrou na frente do dono e morreu feito herói.

Ficou ali sangrando no chão, até a alma subir para o céu dos bichos. Deve estar no céu mesmo, porque - gente - ali não havia maldade nenhuma.

É incomum cães morrerem a tiros. Rotineiros são os crime de envenenamento, atropelamentos e outros maus tratos. 

Os pais deveriam ensinar os filhos a conviver melhor com cães e gatos e a respeitar toda e qualquer forma de vida, incluindo bichos e as plantas. Não somos melhores que eles. Na verdade, somos até piores.

Esta semana começou com o Facebook lembrando a foto de quando Mustache chegou filhote. Que bonitinho que ele era. Fica em paz, garoto. Este mundo aqui não está legal de se viver não.

Keka Werneck é jornalista em Cuiabá e editora do site Rdnews. E-mail: keka@rdnews.com.br

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Edivaldo Emiliano | Quinta-Feira, 12 de Setembro de 2019, 08h43
    0
    0

    Valeu Keka , adorei a reportagem , Mustache me deu muito trabalho também, tive que dar ele duas vezes, mas valeu o tempo que fiquei com ele , me emocionei muito, não tive como conter algumas lágrimas, você é demais... Parabéns pela reportagem. Abraços. ..

Matéria(s) relacionada(s):

De fora da disputa em Rondonópolis

percival muniz 400   O pecuarista Percival Muniz (foto), hoje "mergulhado" nas duas fazendas na região do Xingu, adianta que não será candidato a prefeito de Rondonópolis, posto já ocupado por ele por três vezes. Mesmo com recall junto à população de bom gestor e popular, ele é...

Conselheira e o faturamento familiar

jaqueline jacobsen curtinha 400   Está repercutindo muito mal para a conselheira substituta do TCE-MT Jaqueline Jacobsen (foto) a notícia publicada pelo site O Livre, nesta sexta, de que a sua irmã, advogada Camila Jacobsen, em sociedade com Eveline Guerra, filha da conselheira, são sócias da "Jacobsen &...

Selma vê maior conforto no Podemos

selma curtinha 400   No grupo de WhatsApp "PSL Mulher MT", Selma Arruda (foto) escreveu um texto de despedida do partido. Disse estar chateada "com tudo isso", mas que não perdeu a fé e que o Governo Bolsonaro vai dar certo. Afirma sair do PSL com "coração partido" e que continua com os mesmos ideais no Podemos, onde...

Podemos esperando Selma se salvar

alvarodias_curtinhas   Na busca para ampliar a bancada do Podemos no Senado, o senador Alvaro Dias, derrotado à presidência no ano passado, só correu atrás de Selma, no sentido de convencê-la a se filiar no partido, depois que foi informado que ela tem chances reais de derrubar no TSE a cassação por...

Fávaro e esperança em assumir vaga

carlosfavaro_curtinha   O representante do escritório de MT em Brasília Carlos Fávaro (PSD) está convicto de que a senadora Selma não só será cassada de vez pelo TSE nos próximos meses, como a decisão da Corte lhe permitirá assumir a vaga enquanto não for eleito um novo...

Maturidade e nova visão sobre o TCE

janaina_riva_curtinha   No segundo mandato e sentindo-se mais madura politicamente, apesar de ainda bem jovem – completou 30 anos em 21 de janeiro – a deputada Janaína Riva revela que pensa diferente sobre a indicação de políticos ao cargo de conselheiro do TCE. Ao autorizar os colegas a derrubar a...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Na sua opinião, como está indo o Governo Mauro Mendes?

excelente

bom

regular

ruim

péssimo

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.