ARTIGOS

Segunda-Feira, 08 de Novembro de 2010, 09h:36 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:28

Artigo

Para Dejair Soares, ex-prefeito Wilson esqueceu passado político

Muita gente era amiga do prefeito e não de Wilson Santos

   Esta semana, lendo uma entrevista do Wilson Santos, me surpreendi com esta frase. Eu não sei se ele estava morando na Lua ou em Marte. O camarada mudou totalmente os seus conceitos? Esqueceu-se de onde saiu?  Lembro-me que em 1988, como presidente da CUT/MT e filiado ao PT, encarei todos os opositores da época para fazer deste rapaz a liderança que achamos que seria. Foi eleito o vereador mais votado de 1988 e sua carreira foi meteórica, até que foi picado pela mosca azul (o poder). Tínhamos um colegiado chamado de grupo alfa. Todas as ações passavam por esse colegiado até que nossa última reunião se deu no segundo ano do seu primeiro mandato como prefeito de Cuiabá. A partir daí só deu “os irmãos e irmãs” usando de fofocas e inverdades contra todos aqueles que se aproximassem do prefeito, ou mesmo aqueles que apontavam alguns erros em sua gestão. Todos viravam inimigos do poder.

   Wilson, neste momento em que você se encontra se remoendo, vou deixar algumas máximas maquiavélicas para te ajudar a se remoer melhor. Lembre-se sempre: nunca fui prefeito, ESTOU prefeito. Nunca fui deputado, ESTOU deputado. Nunca fui governador, me candidatei e fui o terceiro colocado.

   “Os fins justificam os meios”

   “Não se pode chamar de 'valor' assassinar seus cidadãos, trair seus amigos, faltar à palavra dada, ser desapiedado. Essas atitudes podem levar à conquista de um império, mas não à glória”

   “Tendo o príncipe necessidade de saber usar bem a natureza do animal, deve escolher a raposa e o leão, pois o leão não sabe se defender das armadilhas e a raposa não sabem se defender da força bruta dos lobos. Portanto é preciso ser raposa, para conhecer as armadilhas e leão, para aterrorizar os lobos”

   Lembre-se sempre desse princípio. Você se achou o máximo e esqueceu-se de ser o leão e a raposa.

   “Pelo que se nota que os homens ou são aliciados ou aniquilados”

   Nenhuma outra atividade como a política, no sentido da luta pelo poder, implica tanta disposição a trair os mentores que se apresentam como companheiros ou amigos. Maquiavel situou a traição dentro da “virtú” política, que pouco tem a ver com a moral e com o ódio. A traição pode plasmar a dialética hequeliana (só que sem a idéia de progresso) na qual se nega o anterior: não se trai para ser igual ao traído. Para ser traidor deve-se ter resistência. As traições ocorrem dentro de uma mesma família (política). Não se trata de passar ao inimigo, mas de trair o amigo, o companheiro, dentro do próprio grupo. Os desdobramentos nem sempre são pacífico.

   Agora que você terá quatro anos sem ser chamado de vossa senhoria apreenda com seus erros, caso queira. Senão fique achando que é Deus, ou então, recomece sua carreira sem mentiras, sem promessas falsas, valorize os seus companheiros, aqueles que te colocaram um dia no poder.

   Outra máxima para você remoer. Quando estava no poder as suas palavras eram “a minha equipe será minha cara, totalmente técnica”. Esse foi o resultado de sua equipe técnica, fazer você ter duas gestações de elefantes.

   Dejair Soares é ex-diretor da extinta Fema (hoje Sema), ex-diretor Comercial da Sanecap, publicitário e gestor público e ambiental

Postar um novo comentário

Comentários (36)

  • chico léo | Segunda-Feira, 31 de Janeiro de 2011, 00h49
    0
    0

    dejair, tiro o chapeu pelo belissimo artigo escrito, acho q talvez depois disso nao só o sr wilson ,mas outros q até estao no poder irao refletir melhor antes de enganar o cidadao cuiabano e mato grossense. abraço e mais uma vez parabens !!!!

  • Renato Oliveira | Quarta-Feira, 17 de Novembro de 2010, 16h47
    0
    0

    • Dejair Soares, porque não diz nada sobre os escândalo dos maquinários que o governo mais uma vez protela a conclusão do inquérito, é assim que agem essa turma da botina, sempre tentando enganar o povo.... no ano que vem eles falam que só no próximo ano até a prescrição do mesmo... Outra coisa a Secretaria de Saúde de Estado, tem que tomar vergonha na cara e largar de fazer quem precisa de remédios controlados de besta, estão comprando remédio caros no atacado e superfaturando os mesmos, e quem precisa do remédio não tem vez....onde estamos chegando? Chega de tanta roubalheira, me desculpem mas isso me revolta ...

  • Margarida Bodnar | Terça-Feira, 09 de Novembro de 2010, 23h55
    0
    0

    Parabens Dejair Soares , você é um homem corajoso e verdadeiro, você falou quase tudo, que estava engasgado na garganta do povo Cuiabano. Porque este acabou com a esperança do povo,em votar em alguém que se diz "eu casei com uma cuiabana e me considero cuiabano" morreu este dizer,o povo não pode acreditar.... Ele vai ser professor de contar mentiras, mentir promessas, de ensinar em enganar as pessoas. Quantos chefes de familia que perdeu o trabalho, porque apoiou ele de corpo e alma ? e depois foi a procura dele, ele virou as costas. Muitos passaram por humilhação. Ele não sabe ser companheiro. Ele é um homem vingativo. Numa sociedade democrática, não se mudam as coisas com ódio, com vingança, com desrespeito aos companheiros . Mas com fé, esperança, solidariedade e respeito ao próximo, Medite Sr. Wilson Santos ex: prefeito de Cuiabá ,Aquele que não é capaz de governar a si mesmo, não será capaz de governar os outros. (Gandhi) Vocês não conhecem Wilson , vão conhecer agora, dizer de Dante Martins de Oliveira ex:governador. Wilson disse: se Dante subisse no palanque com ele queimaria a sua candidatura. Como pode um homem que dizia que Dante era o seu padrinho politico dizer isso ? MAS DEUS COLOCOU A MÃO E O FEZ ABAIXAR A CABEÇA PARA QUE SEJA HUMILDE. ESTA DERROTA FOI A BENÇÃ DE DEUS.

  • Maria Marcia Silva | Terça-Feira, 09 de Novembro de 2010, 17h59
    0
    0

    Dejair ,parabéns pelo texto inteligente e verdadeiro. Quase não consegui ler devido há uma vontade de vomitar só de lembrar desse Pinpoquio,graças a Deus perdeu e perdeu feeeeeeeeiiiiiiiio,agora só nos resta esquece-lo juntamente com o mal q ele nos fez. Só desejo q o meu filho não seja alunono dele,pq ele vai voltar p a sua raiz,ser professor ,Que saber q matéria?Mentiralogia rsrsrrsrr estamos livre desssa ,uffffffaaaaaaaaaaaaaaaa

  • Roberto Caldas | Terça-Feira, 09 de Novembro de 2010, 11h05
    0
    0

    Esta de parabens seu Dejair, com esse artigo, pois o Wilson que se diz ser um homem de Deus,tem que rever seus erros e procurar corrigi-los, para que possa ser aben;oado por Deus.Procurar seus amigos e pedir perd'ao pelos seus erros e falta de humildade.

  • Ricardo Alfarazon | Terça-Feira, 09 de Novembro de 2010, 10h56
    0
    0

    Parabéns Dejair, OTIMO O ARTIGO! PARABENS

  • julio augusto de oliveira soares | Segunda-Feira, 08 de Novembro de 2010, 22h20
    0
    0

    O Wilson Santos, assim como o PSDB o seu partido perderam a identidade política por falta de projetos deixaram se envolver pela armadilha do PT e PMDB por não saberem mostrar ao povo a necessidade das privatizações que nos tirou da era das sombras em matéria de desenvolvimento, muito bem aproveitado pelo presidente Lula, o plano real que foi a consolidação da vitória sobre a inflação que sufocava a classe trabalhadora.Quanto o artigo deste cidadão Dejair só tenho a dizer que votei para o Wilson Santos para dep.federal e para o seu primeiro mandato de prefeito e acredidanto em sua biografia envolvi familiares e amigos e sem nunca pedir um litro sequer de combustível, dividiamos gasolina para ir a seu comite de campanha pegar material e participar de carreatas pela cidade, assim como eu sei que milhares fizeram o mesmo pois viamos no ainda jovem político a marca da ética e correção de atitude que buscamos nos homens públicos. Deixei de acreditar e votar nele já na reeleição para prefeitura e para o governo do Estado primeiro pela baixa qualidade da sua equipe de governo com rarissimas excessões que trouxeram o caos para nossa Cuiabá amada, perdeu o meu voto devido a soberba de ouvir até das pedras que formam o mosaico de nossa capital que deixou de valorizar aquilo que para Deus depois da família é sagrado que é a amizade não a do compadrio e de interesses mais aquela de provérbios 17-17 "A todo momento ame o amigo e na angústia nasce o irmão", A nossa vida é como uma cristal opaco encontrado na natureza que com o lapidar certo representado pela liberdade das nossa escolhas pode se transforma num belo brilhante ou quebrar-se em mãos erradas que são as angustias dos nossos erros cujo o pedaços podemos transformar em jóia rara se tivemos a humildade do recomeço na busca dos velhos companheiros deixados a margem do nosso caminhar.

  • cintia | Segunda-Feira, 08 de Novembro de 2010, 22h09
    0
    0

    PARABÉNS PELO ARTIGO DEJAIR MUITAS PALAVRAS DO LIVRO O PRÍNCIPE MAQUUIAVEL........CREIO QUE O WILSON SANTOS já leu mas não colocou em prática apesar que tem muitos conceito muito antigo para a politica de hoje.........mas muito PARABÉNS PELO ARTIGO

  • F L O R I S B E L O | Segunda-Feira, 08 de Novembro de 2010, 21h35
    0
    0

    D E J A I R, voce disse o que muitos amigos ou ex-amigos, ex-secretarios humilhados na gestao WILSON gosTariam de falar, e voce teve ombridade em RELATAR. Ele é o que sempre foi, apenas o P O D E R , P O T E N C I A L I Z O U o que ele ja era.....por isso foi E L E I T O R A L M E N T E punido.

  • hebert campos silva | Segunda-Feira, 08 de Novembro de 2010, 21h30
    0
    0

    parabens!!! quem se cercou de um pc farias como o rosa...só poderia dar nisso!!!!!!!!

Túlio, inabilidade política e frustração

tulio fontes 400 curtinha   Túlio Fontes (foto), que ainda faz mistério sobre disputa à sucessão em Cáceres, ficará mesmo fora do embate das urnas. Ex-prefeito e derrotado duas vezes para deputado estadual, ele não moveu uma palha para fortalecer o seu nanico PV. Conclusão: o partido só...

Pátio, vice, o MDB e ex-secretário

adonias fernandes 400 curtinha   Em Rondonópolis, o prefeito Zé do Pátio não desistiu de vez do seu antigo partido, o MDB, no qual militou por mais de duas décadas. Embora em rota de colisão com alguns líderes emedebistas, Pátio ainda tem bom contato com o ex-padrinho político, o...

Prefeito de Sapezal e aditivo com 15%

valdecir casagrande 400 curtinha sapezal prefeito   O prefeito de Sapezal, Valcir Casagrande (foto), autorizou o quarto aditivo de um contrato sem licitação, firmado em 2019 entre o município e a Casa de Saúde Santa Marcelina. Chamam atenção o valor e o aumento. A continuidade do atendimento aos...

Partidos acirram disputa a vice de Léo

leonardo 400 curtinha   Em Primavera do Leste, o prefeito emedebista Léo Bortolin (foto), um dos mais bem avaliados gestores mato-grossenses, convive com uma disputa acirrada de pretendentes ao cargo de vice-prefeito de sua chapa. A corrida por novo mandato está tão confortável que Léo praticamente não tem...

MDB e PRB devem se juntar em ROO

luizao 400 curtinha   Ao menos dois blocos de oposição em Rondonópolis estão levando a sério a observação do ex-governador e ex-senador Blairo Maggi, para quem Zé do Pátio ganharia a reeleição numa boa se o município tiver várias candidaturas. Ou seja, quanto...

Parlamentares numa disputa cômoda

thiago silva 400 curtinha   Parlamentares que estão se aventurando na disputa a prefeito nada têm a perder. Não precisam nem se afastar dos mandatos para concorrer ao pleito. Em caso de derrota nas urnas de novembro, continuam com suas cadeiras garantidas até 2022 (situação de estadual e federal) e...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

O Governo de MT estuda retomada das atividades escolares presenciais possivelmente em agosto ou setembro. O que você acha?

Estou de acordo

Não - aulas não podem voltar por agora

tanto faz

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.