ARTIGOS

Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010, 08h:00 | Atualizado: 26/12/2010, 12h:28

Artigo

Para prefeito, rodovia deveria receber nome de cidadão local

MT-010 - Rodovia Ary Leite de Campos

   No próximo ano Rosário Oeste comemora 150 anos de emancipação política-administrativa. Ao longo desse tempo a cidade construiu uma história muito bonita, repleta de homens e mulheres que deixaram legados riquíssimos de conduta exemplar, de pioneirismo e de contribuição para chegarmos até o então governador Blairo Maggi, o grande responsável pela conclusão e inauguração da pavimentação asfáltica da MT-010, que finalmente fez a conexão entre Cuiabá, Acorizal e Rosário Oeste.

   Muitos rosarienses sonharam com essa ligação asfáltica até Cuiabá, pois ela permite uma viagem mais curta, mais rápida e sem os riscos de ser atropelado por um comboio de carretas na BR-364. Mas, infelizmente, muitos desses conterrâneos nos deixaram antes da realização desse sonho, contudo a nossa geração está aqui para usufruir deste benefício e dar o nosso testemunho para o futuro.

   Vamos começar a prestar nosso tributo a ex-prefeita Ligia Borges de Figueiredo, a primeira prefeita eleita de Mato Grosso na década de 40 que, com certeza, teve uma contribuição importante, tanto na abertura como na manutenção desta rodovia. Tanto ou até mais que a ex-prefeita, podemos citar o coronel Arthur Borges, um visionário do seu tempo, que naquela época já vislumbrava os projetos da estrada Cuiabá – Santarém e da Cuiabá – Porto Velho.

   Rosário Oeste presenteou Mato Grosso com seu filho, Arnaldo Estevão de Figueiredo, um dos melhores governadores da década de 40 ou 50. Por essa mesma época, o chefe do Poder Executivo de Rosário, Oeste Manoel Loureiro, que durante muitos anos ficou a frente do comando do nosso município. Ambos devem ter gasto muito dos seus esforços e dos recursos do Estado e da prefeitura na busca da consolidação estrutural dessa estrada. Também por essas décadas muitas foram as vezes que o deputado Estadual rosariense, Oátomo Canavarros, levantou a voz na tribuna da Assembleia Legislativa em defesa das melhores condições de trafegabilidade da MT-010.

   Na década de 20 e 30 chegavam em Rosário Oeste muitos libaneses que abriam com os caminhos de roça a MT-010 e escolheram Rosário como sua terra adotiva. Tais, como o meu avo Feik Joaquim, Tufik Affi, Cesário Miguel Asckar, Nasser, Seba e tantos outros que me perdoem a memória. Quero me reportar a Cesário Miguel Asckar, o pioneiro no transporte coletivo com uma jardineira nos idos de 1940 e 1950 fazendo linha regular de Rosário a Cuiabá. A cada viagem vivia uma aventura com duração média de dois dias por conta dos atoleiros, buracos e pinguelas que meu tio, Fuad Joaquim, tido como um motorista corredor, fazia com menos tempo no seu portentoso caminhão GMC.

   Não tenho a mínima ideia de quem era o proprietário da primeira empresa de transporte de passageiros da Baixada Cuiabana na década de 60 conhecida por “Baleia”, mas, com certeza, pelo seu pioneirismo, deixou marcas que contribuem para chegarmos até aqui. Não podemos deixar de lembrar que nessas décadas, de 1940 a 1960, Rosário Oeste vivia o auge da sua economia transformando-se na capital mundial da borracha, sendo o grande depositório das borrachas produzidas nos seringais de Mario Spinelli, Canguru, Marco da Luz, Propício Loureiro, Gazuza, Fuad e muitos outros que não me lembro ou não os conheci. Estas borrachas saiam de Rosário pelas mal traçadas curvas da MT-010 e eram distribuídas para o mundo e, certamente, cada um destes seringalistas deram sua contribuição para a viabilização da MT-010.

   Faço questão de registrar as famílias tradicionais rosarienses como a de Pedro Advíncola, avô do promotor de Justiça Mauro Zarque, bem como a memória do seu pai, major Juarez do Exército brasileiro, que pela patente e pela carreira brilhante ouvia freqüentemente dos mais velhos as referências a seu respeito com muito orgulho e admiração. Como usuários da MT-010, de forma direta ou indireta, contribuíram para a realização deste sonho.

   Airton Serra, proprietário do cartório de registro de imóveis, personalidade muito forte na defesa dos interesses de Rosário Oeste, bem como o ex-vereador e presidente da nossa Câmara, Renato Nasser, carinhosamente chamado de coronel pela combatividade na luta pelos interesses do nosso município, que, com certeza, tiveram participação importante na história da MT-010.

   Quem não se lembra de meu pai Zezé Balduino, comerciante por mais de 50 anos em Rosário Oeste, ex-prefeito e ex-vereador de Diamantino, assim como ex-vereador e ex-presidente da Câmara de Rosário. Lembraremos sempre de Oscarino Ourives, comerciante por mais de 50 anos, vereador por vários mandatos e presidente da Câmara Municipal. Benedito Alonso Barreto, delegado da receita federal, carinhosamente conhecido por seu Moreno, referência para toda região norte do Estado. Francisco Loureiro, que na década de 50 transitava na MT-010 com o primeiro automóvel de luxo, um Pontiac importado. Ainda Paulo Miranda e seu irmão popularmente conhecido por seu Piau, comerciantes tradicionais da cidade e tantos outros, que como usuários dessa estrada, de forma direta ou indireta, contribuíram também para a realização deste sonho.

   Por fim, quantos esforços despendidos pelo construtor e ex-vereador Reinaldo da Cruz Ribeiro ao construir a ponte sobre o rio Cuiabá, tal qual a pavimentação asfáltica era esperada com muita ansiedade pelo nosso povo para nos livrarmos das dificuldades da travessia na velha balsa. Tenho na minha lembrança o pastor mister Freud, da Igreja Prebisteriana, que junto com o seu gipe trouxe também o primeiro avião teco-teco. A enfermeira Raquel que aliviou muitas dores e curou muitos rosarienses. Tenho absoluta certeza que estou sendo injusto ao não citar muitos nomes importantes que também colaboraram com a MT-010, mas perdoem a labilidade da minha memória.

   A Igreja Católica confunde-se com a história de Rosário Oeste na figura carismática de Frei Quirino, bem como Frei Fredolino, o Patrono do Hospital AMPARO, que conseguiu recursos financeiros da comunidade e até da Alemanha para a conclusão e funcionamento da unidade. E ainda a inconfundível e belíssima história de amizade, paixão e amor que Frei Heraldo dedicou durante toda a sua vida por Rosário Oeste, tornando-se um verdadeiro menestrel das obras de Deus caminhando a cavalo pelas tortuosas curvas da MT-010.

   Todos os nomes aqui citados Deus já os levou, com exceção do grande amigo dos rosarienses Frei Heraldo, que atualmente mora na Alemanha. Mas eu tenho plena convicção de que qualquer um deles poderia receber a homenagem da denominação da MT-010. Homenagem muito mais do que justa pela importância que nós reconhecemos em cada um deles e pelo legado de trabalho e de amor por Rosário Oeste. Isso porque cada um deles, a seu modo, deu sua contribuição para que essa realidade acontecesse mesmo não tendo sido possível realizá-la no seu tempo.

   E, eu, Joemil Araújo, filho desta terra que Dom Aquino Correa denominou de “A Rosa do Norte”, atualmente exercendo o mandato popular de prefeito já pela segunda vez, mas nem por isso, e sim por acreditar que neste momento represento muito mais o sentimento da grande maioria do nosso povo, convoco para sugerirmos que seja dada à Rodovia MT-010 a denominação de Rodovia Prefeita Ligia Borges de Figueiredo, a primeira mulher eleita de Mato Grosso, e provavelmente do Brasil. Assim homenagearemos as nossas raízes e as nossa mulheres num momento em que elegemos pela primeira vez na história do nosso país uma mulher ao cargo de presidente do Brasil.

   Pelo amor de Deus deputados, não deixem a história da nossa centenária Rosário Oeste rasgada e corrijam esse grande equívoco histórico e jurídico. Revoguem a lei que denomina a MT-010 de Rodovia Ary Leite de Campos e aprovem uma nova para denominá-la de Rodovia Prefeita Ligia Borges de Figueiredo, que assim a história os perdoarão.

   Joemil Araujo é médico cardiologista e prefeito de Rosário Oeste

Postar um novo comentário

Comentários (20)

  • botelho | Terça-Feira, 11 de Janeiro de 2011, 14h34
    0
    0

    Deixa o homem trabalhar pessoal, tem gente com muito siume. Ele trabalha só tem que ter paciencia.

  • Roberto gil | Segunda-Feira, 27 de Dezembro de 2010, 13h09
    0
    0

    Vejo que o objetivo do Joemil foi alcaçado,pois os comentario traduz a indignaçao,Aqui destaco a ILEGALIDADE,cabe ao MP que cumpra sua funçao.Segundo destaco a pratica dos deputados de decidir pelos seus intersse sem consultar a populaçao,pois na cidade nao se sabia de tal denominaçao.Terceiro nomes em Rosario nao falta,lembro de Maria Quitanda,Irmã Dasia,Silvio Zamar e tantos outros e esclareço o Ari campos e merecedor assim como o Joemil,sem duvida os maiores politicos da cidade,porem estao vivo! Portanto cabe uma providencia. O meu voto e para ser Cel.Artur Borges,primeiro Matogrossense a possuir um veiculo,era marca "ORION" e primeiro construtor de estradas automotiva.

  • Carlos Alberto | Segunda-Feira, 27 de Dezembro de 2010, 09h02
    0
    0

    Concordo com o Andre, o Sr. Paulo deve ser lembrado pela determinação por Rosario Oeste.

  • sebastiao | Sábado, 25 de Dezembro de 2010, 12h23
    0
    0

    No fundo, no fundo, acho que ele (Joemil) queria mesmo é que o novo nome a ser dado à Rodovia seria D. Maria.

  • Avelar Souza Borges | Sábado, 25 de Dezembro de 2010, 01h32
    0
    0

    O prefeito tenta disfarcar sua administracao pifia, e bota pifia nisso, escrevendo artigos pra mudar nome de Rodovia, ahhh , tenha paciencia... Vai trabalhar joemil.

  • Frederico Ferreira | Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010, 19h44
    0
    0

    Importante posicionamento do Prefeito de Rosário Oeste, não só pelo Cargo que exerce, como também de cidadão de uma comunidade consciente de sua história e sacrificios daqueles que desbravaram este primeiro posto avançado da conquista da parte Amazonica de Mato Grosso. Particularmente, desconheço os feitos do Sr.Ary Campos em prol a cidade de Rosário, contudo alguma coisa diz que ele deveria escrever primeiro sua história de cidadão ético e honrado nesta cidade, e esperar que ele fosse lembrado daqui a alguns anos como aquele que transformou a cidade para melhor. Caso contrario, será mais uma placa de nome no meio do mato e lembranças particular da vaidade para ressaca da velhice. Até que Deus permita...

  • mano | Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010, 18h16
    0
    0

    joemil, o sr. nao poderia ser mais feliz com o seu comentario, aqui na chapada dos guimaraes, as principais rodovias estão com nomes de pessoas que nunca fizeram nada para o municipio, porem acho que seria muito importante nao colocar nomes de pessoas que fizeram muito para os nossos municipio, junto com esses insignificantes indicados

  • ana maria | Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010, 17h19
    0
    0

    HA NÃO POSSO E NEM DEVO DEIXAR DE DAR MEU TESTEMUNHO A ESTE TEXTO TÃO BEM LEMBRADO POR DR JOEMIL QUE QUEIRAM ALGUNS OU NÃO É UM VERDADEIRO FILHO DE ROSARIO OESTE ASSIM COMO NÓS TODOS QUE NAÕ FOMOS LEMBRADOS AQUI, MAS COM CERTEZA SOMOS NO CORAÇÃO DE TODOS ROSARIENSES QUE TEM ORGULHO SIM DA TERRA QUE NASCEU E SE CRIOU , DR JOEMIL SEMPRE COMO NOS MOSTROU COMO AMA SUA CIDADE SEUS HABITANTES , MAIS AOS OLHOS DOS POLITIQUEIROS QUEREM TIRAR ESSA PAIXAÕ QUE NÓS TBEM SENTIMOS POR SER FILHOS DESSA TERRA , EM TODOS OS CANTOS DO BRASIL SE HOMENGEAM SEUS HABITANTES QUE CONHECERAM AS DIFICULDADES DE VIVER EM UMA CIDADE BUCOLICA E PERTO DA Capital MAIS COM DISTANCIAS QUE REMETIAM A LONGAS JORNADAS ; FALO AINDA DIO MEU PAI QUE 'A CAVALO POR 30 LONGOS ANOS DESBRAVOU MATAS AO NORTE E AO SUL DE ROSARIO OESTE LEVANDO A COMUNICAÇÃO ATRAVES DOS FIOS POSTADOS NA MATA ATRVEZ DOS CORREIOS E TELEGRAFOS PARA QUE MT SE INTEGRASSE AO RESTO EM SUA DIMENSÃO MEU PAI "HUMBERTO GOMES" FAZ PARTE DESSA HISTORIA DE GRANDES ROSARIENSES MORREU AMANDO ESSA CIDADE COMO NÓS SEUS FILHOS NOS ORGULHAMOS DELA.. PARABENS DR JOEMIL DEFENDA SEMPRE A HISTORIA DE UM POVO POIS UM POVO SEM HISTORIA NÃO MERECE SER LEMBRADA... AGRADEÇO ANA MARIA GOMES......

  • Venceslau Ferreti | Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010, 16h55
    0
    0

    Isso é um absurdo, dar o nome de Ary Leite de Campos a uma rodovia...afinal o que ele fez de importante para merecer tal honraria? Depois de anos na mordomia do TCE, conseguiu colocar o filho na própria vaga, outro favorecimento inaceitável. É brincadeira...

  • Zé do Povo | Sexta-Feira, 24 de Dezembro de 2010, 16h17
    0
    0

    Concordo em grau e em numero do Sr. Joemil Araujo. Veja o caso da MT251, que liga Chapada dos Guimarães a Campo verde, colocaram o nome Antonio Clarismundo Scheffer em que pese o currilum deste desbravador pai do Sr Eraí Maggi, um dos maiores plantadores de soja do estado de Mato Grosso, mais que pouco significa para os moradores de Chapada dos Guimarães. Ninguém em lá sabe quem é,

Acordo com Euclides partiu de Allan

allan kardec 400   Otaviano Pivetta, vice-governador licenciado por 30 dias para cuidar de problemas de saúde, disse que nada tem a ver com o tal acordo "costurado" pelo presidente regional do PDT, deputado Allan Kardec (foto), com Euclides Ribeiro, candidato a senador pelo Avante. Explica que só apresentou Euclides para Allan e...

Família Maia tenta retomar o poder

martha maia 400   O ex-prefeito de Alto Araguaia por quatro vezes, Maia Neto, não entrou na disputa de novo ao Executivo, mas lançou a irmã Martha Maia (foto), cuja filha Sylvia Maia é vereadora. Filiada ao PP, Martha entra como principal candidata da oposição ao prefeito Gustavo Melo, que vai à...

Welinton fará grande ato em Barra

welinton marcos 400 curtinha   Welinton Marcos (foto) lança sua candidatura a prefeito de Barra do Garças, na segunda (28), em um grande ato. Mesmo pelo sistema drive-in, devido à necessidade de adotar medidas sanitárias contra a Covid-19, são esperadas na solenidade cerca de mil pessoas, num espaço amplo,...

Irmão de Riva está na disputa em Juara

priminho riva 400 curtinha   O irmão do ex-deputado José Riva, Priminho Riva (foto), filiado ao PL, será mesmo candidato a prefeito em Juara, posto já ocupado por ele por duas vezes (1997/2004). Priminho pertence a uma famíliade políticos. Além de Riva, que foi prefeito e deputado, é...

PSB deve ficar fora da aliança de EP

max russi curtinha 400   O PSB, presidido pelo deputado Max Russi (foto), pulou mesmo do barco de Emanuel Pinheiro. Deve formalizar apoio à candidatura de Roberto França ao Alencastro. O PSB não consta na lista oficial de siglas que estão com o prefeito, que busca à reeleição. Os 11 que estão...

Taisir coordena campanha de Eliene

taisir karim 400 curtinha   O ex-reitor da Unemat e uma das lideranças do PSD na região Oeste, Taisir Karim (foto), que chegou a se lançar de última hora como pré-candidato a prefeito de Cáceres, mas logo em seguida recuou, será o coordenador-geral da campanha de Eliene Liberato (PSB), atual...

ENQUETE

facebook whatsapp twitter email

Você acha que o efeito-Bolsonaro terá impacto no resultado das eleições de novembro em MT?

sim - onda Bolsonaro continua

não - efeito não influencia mais

sei lá!

Não se trata de pesquisa eleitoral, mas de um mero levantamento de opiniões de leitores do RDNews e do Blog do Romilson, com participação espontânea dos internautas. Resultado sem valor científico.