Blog do Romilson Cuiabá, 17 de Julho DE 2019 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Aqui, só eu toco

Por 19/11/2018, 14h:51 - Atualizado: 19/11/2018, 15h:03

Dulce Figueiredo

Dulce Figueiredo

Como falar sobre abuso sexual com as crianças? Costumo responder que essa conversa só precisará acontecer se a família não construir valores cotidianos sobre a importância, o cuidado e o respeito pelo corpo.

É possível agir preventivamente, ao construir, no dia a dia, desde muito cedo, uma relação saudável da criança com o corpo. O primeiro passo é nomear todas as partes, inclusive as íntimas, falando sobre suas funções, cuidados e higiene de forma aberta e clara.

A cada faixa etária ampliamos as informações sobre as funções e consequências da falta de cuidados e carinho com o corpo. É muito importante validar o desejo da criança de não receber carinho de pessoas estranhas, amigos da família ou parentes.

Assim, ela saberá que pode dizer não quando se sentir constrangida, envergonhada ou com dor durante um carinho. As crianças não sabem diferenciar carinhos saudáveis de carinhos abusivos se não puderem exercer e exercitar esse direito de escolha.

As crianças não sabem diferenciar carinhos saudáveis de carinhos abusivos

Nós, brasileiros, somos muito calorosos nos contatos interpessoais e, muitas vezes, ensinamos e até mesmo obrigamos as crianças a aceitarem carinho de outros adultos sem consultá-las. Assim, as crianças ficam confusas quando os pais as orientam a dizer não para carinhos abusivos.

É muito difícil para uma criança perceber a intenção por trás do carinho de um adulto. Seja direto e objetivo ensinando sua criança a não permitir que outros vejam ou toquem suas partes íntimas e que, por sua vez, ela não toque nas partes do corpo do outro.

A regra “aqui, só eu toco” ajuda a criança a estabelecer um limite claro para si e para o outro. Ensine ainda seu filho ou filha a perguntar a um adulto de confiança, sempre que tiver dúvidas, sobre o comportamento de determinada pessoa.

A família deve construir com a criança um círculo de confiança, entre ela e os adultos com os quais possa contar, quando precisar perguntar ou dizer algo. Nesse círculo deve haver outras pessoas de confiança além dos pais, pois muitas vezes o agressor ameaça tirar a vida dos pais da criança e será a essas pessoas que ela poderá pedir ajuda.

O segredo é a tática usada pelos agressores, dessa forma, diferencie segredos bons de segredos maus. O segredo que causa tristeza, ansiedade, medo não é bom e deve ser contado para alguém do círculo de confiança. Um segredo bom causa alegria, expectativa, como uma festa surpresa.

Os agressores são geralmente pessoas próximas da família que usam estratégias de aliciamento para ganhar a confiança da criança, entre elas, dar presentes (balas e objetos) e também pedem segredo. Então, a regra em casa deve ser contar sempre para alguém do círculo quando uma pessoa lhe pedir para guardar segredos, oferecer presentes, balas, lembrancinhas ou tentar ficar a sós com ela.

Nos relacionamentos familiares, troque silêncio por diálogo; medo e tabu por construção de conhecimento e amor pelo próprio corpo.

Uma em cada cinco crianças é vítima de violência ou abuso sexual, não importando raça, classe social, poder aquisitivo ou gênero. Os principais agressores são da própria família (pai, padrasto, tio, irmão mais velho, avô), amigos próximos ou profissionais encarregados da educação e/ou formação da criança ou que estejam nesses ambientes. A família deve ficar atenta a qualquer estória que a criança conte, mesmo que use personagens infantis para exemplificar, muitas vezes é mais fácil contar sobre o abuso dessa forma. Então, atenção se de repente o ‘lobo mau’ tocar alguma parte íntima da ‘Chapeuzinho Vermelho’, porque pode ser um pedido de ajuda.

Quando posso iniciar esse processo de orientação quanto ao abuso sexual com meus filhos? A regra “aqui, só eu toco” pode ser introduzida a partir do momento em que ela esteja apta a fazer sua higiene pessoal, sem assistência direta dos pais.

Como atualmente pais e filhos convivem cada vez menos em função do trabalho, é necessário criar um momento diário para troca de informações sobre o dia de cada um. A criança deve ser incentivada a dizer com quem esteve e o que fizeram juntos, uma estratégia consciente para o reforço de vínculos, no círculo de confiança.

Fique sempre atento, pois esta situação é muito frequente e traz muitos prejuízos ao desenvolvimento da criança, gerando traumas difíceis de serem apagados. Nos relacionamentos familiares, troque silêncio por diálogo; medo e tabu por construção de conhecimento e amor pelo próprio corpo.

Dulce Figueiredo é psicóloga com 24 anos de experiência e pedagoga pela UFRJ, especialização em terapia de família sistêmica e MBA Gestão de Recursos Humanos. E-mail: dulcefig@gmail.com

Postar um novo comentário

RUMO A 2020

Mauro pede tempo a França sobre definição de candidatura a prefeito

Por 17/07/2019, 20h:11 - Atualizado: 02h atrás

roberto franca 350

 

O ex-prefeito da Capital e ex-deputado Roberto França teve uma longa conversa política com Mauro Mendes, no Palácio Paiaguás. Buscou testá-lo sobre preferência eleitoral.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • joao | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 21h51
    0
    0

    VAI FAZER PALAVRAS CRUZADAS FRANÇA.

  • Benedito costa | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 21h38
    0
    0

    Ao Mauro Mendes pedir a Roberto França esperar mais um pouco? Ta na cara que ele nao quer colocar o governo do Estado a serviço de França rumo a Prefeitura. Neste caso é encostar em Jayme, Julio, Botelho, sua própria muié e o resto da cambada.

  • Albert carlos | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 20h18
    2
    0

    Tudo merda, Roberto pensa que povo e bobo, não esqueceu as preserpadas dele....... Vem q o bicho vai pegar

ALTOS SALÁRIOS

9 do MPE receberam mais de R$ 80 mil de rendimento apenas em junho

Por 17/07/2019, 14h:34 - Atualizado: 07h atrás

luiz scallope 680

De 252 membros do Ministério Público Estadual, entre promotores e procuradores, nove receberam acima de R$ 80 mil de rendimentos na folha de junho. A conta bancária destes "engordou" por causa da inclusão de benefícios, como gratificação natalina e férias.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Ricardo | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 18h11
    2
    0

    Graças a Deus o MT tá falido aí eu quero receber esses salários

  • walter liz | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 16h43
    4
    0

    olhem o tanto de penduricalho que inventam, "abono de permanencia" é pracabar, como disse um comentario abaixo, até quando vamos suportar essa desigualdade ?

  • Realista | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 16h29
    7
    0

    Com esse festival de super salários de alguns poucos setores da máquina estatal cai por terra todo e qualquer argumento do governador MM e seus assessores da área econômica que querem fazer os outros acreditarem que há crise financeira no estado. Não cola mais.

  • ELIAS | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 16h25
    7
    1

    ESSES DOUTORES NÃO FICAM ENVERGONHADOS? SACANAGEM PURA COM O POVO BRASILEIRO E MATOGROSSENSE!!!

  • alexandre | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 16h16
    5
    0

    A justiça TJ por exemplo, ninguem está acima da lei...

  • Nilza | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 15h47
    7
    0

    MEU PAI SEMPRE FALAVA QUE ESSES ALTOS SALÁRIOS SÃO CONCENTRAÇÃO DE PODERES.

  • Ggm | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 15h26
    7
    0

    Aí está o motivo dessa corrida para taxar tudo, até o sol. Até quando vai essa desigualdade?

  • renato | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 15h01
    8
    0

    quem tem moral para investigar os promotores???

  • alexandre | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 14h46
    10
    1

    por isso que o dinheiro não dá, super duodecimos...

ESCUTAS NO GAECO

Promotor da "grampolândia" já deveria ter sido afastado do cargo

Por 17/07/2019, 09h:11 - Atualizado: 17/07/2019, 09h:13

marco aurelio 680 promotor

O promotor de Justiça Marco Aurélio de Castro, ex-coordenador do Gaeco, braço investigativo do Ministério Público, já deveria ter sido afastado do cargo. São gravíssimas as denúncias contra ele e outros membros do MPE sobre escutas telefônicas e outras práticas ilegais.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • José | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 12h47
    6
    1

    QUANDO É QUE SERÁ INVESTIGADO O DESGOVERNO PEDRO TAQUES ? O DESGOVERNO PEDRO TAQUES QUEBROU O ESTADO POR CAUSA DOS MAIS DE R$25 BILHÕES DE IRREGULARIDADES EM 2015 A 2018. Até agora não foi apurada a responsabilidade de todos os membros do desgoverno taques quanto aos desvios e fraudes do desgoverno da transformação do estado em caos e roubalheira, cujas irregularidade somadas já ULTRAPASSARAM OS $25 BILHÕES. Só para lembrar aí vai a lista detalhada dos mais de $25 bilhões em irregularidades pendentes de serem apuradas: R$69 milhões em desvios na caravana da transformação; perdão de R$645 milhões em dívida da petrobrás; perdão de R$5 milhões de reais em dívidas da unimed cuiabá; a operação Rêmora por desvio de R$57 milhões na SEDUC; operação Bereré por desvio de R$30 milhões no Detran; operação Grampolândia na segurança pública usada para chantagear adversário; delação de Alan Malouf sobre Brustolin recebendo R$80 mil por fora todo mês; delação de Alan Malouf e Perminio indicando que secretários (Permínio, Brustolin, Julio Modesto e etc) recebendo mensalinho de R$30 mil/mês; mensalinho R$100 milhões por dentro para os deputados; rombo de R$4 bilhões no caixa e desvio de $500 milhões do Fundeb; desvio de R$1,2 milhões no fundo de trabalho escravo; desvio e apropriação de R$300 milhões dos municípios; desvio e apropriação de R$300 milhões dos poderes; aumento de $2 bilhões nos Incentivos Fiscais; aumento de milhares de cargos políticos comissionados, aumentou da folha de pagamento pela contratação de mais de 10.000 pessoas; uso da justiça para proteger seus amigos e secretários conforme disse o cabo Gerson; delação de Alan Malouf tratando de 12 tipos de corrupção entre elas os $10 milhões de caixa 2 administrados por Alan Malouf e Julio Modesto; licitação irregular de 11 bilhões para transporte interestaduais; desvio de R$58 milhões em pontes na SINFRA; $300 milhões em vantagem cobrada de quem recebeu antecipado no decreto do bom pagador; crédito de R$100 milhões para o primo Paulo Taques; maracutaia com a juizá candidata para ferrar o Silval e a família dele; irregularidades de R$3 bilhões no Edital nº 02/2018 da Secretaria de Estado de Infraestrutura e Logística (Sinfra) sobre rodovias MT 246, MT 343, MT 358 e MT 480. Além disso, apropriação indébita de R$70 milhões descontado dos salários dos servidores públicos para pagar empréstimos consignados, estouro da folha pagando vantagens para apaniguados políticos que receberam salários acima de R$100 mil, contratação irregular de 2000 cabos eleitorais na SEDUC para fazer campanha para o ex-secretário Mahafon, peculato ao gastar R$10 milhões em telefone por secretaria do estado durante a campanha eleitoral para o governo 2018; R$180 milhões em indenizações irregulares pagas em 2018 as empresas supostamente prestadoras de serviços na Secretaria de Estado de Saúde Secretaria. Pedro Taques e Gallo cometeram crime de responsabilidade de R$3,7 bilhões ao deixar restos a pagar para o próximo governo sem a devida provisão de fundos exigida na Lei de Responsabilidade Fiscal.

  • João Carlos | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 12h03
    3
    14

    Vi os PMS falarem, mas não vi um documento comprovando o alegado. Se o jornalista está dizendo que deve ser afastado, presumo que tenho provas ou seria total irresponsabilidade. Se tiver as provas, publique

  • Ana Maria | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 11h33
    16
    0

    Parabéns Romilson, muita coragem jornalística em aprofundar o assunto expondo de maneira clara o que a sociedade espera que seja investigado.

  • Manoel | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 10h33
    27
    0

    Isso é o que o povo espera! Quero ver o MP cortar na própria carne, pois, na carne dos que não são seus pares, eles cortam. E o fazem com gosto.

  • aurelindo | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 09h44
    22
    0

    Excelente opinição, digno de um sério jornalista que és...

SAÚDE EM CUIABÁ

PS será fechado em setembro para abrigar depois o Hospital da Família

Por 16/07/2019, 15h:17 - Atualizado: 16/07/2019, 15h:25

Luiz Alves

pronto socorro 680

O agora velho Pronto-Socorro de Cuiabá, de tantas vidas salvas, de mortes e polêmicas, vai ser fechado em setembro, 29 anos depois de ter sido inaugurado pelo então prefeito Frederico Campos.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Marcelo Amorim | Terça-Feira, 16 de Julho de 2019, 22h29
    3
    5

    Triste... enquanto estiver em reforma....a população vai pra UPA? Se for assim estamos cerrados, pois com o Pronto Socorro aberto ficamos horas e horas para ser atendido, imagine com ele fechado. Lamentável... quem sofre é a população, pois para o novo Hospital só vai quem é escolhido como acontece com o São Benedito

PAUTA BOMBA

Votação do projeto que suspende pesca por 5 anos fica para setembro

Por 16/07/2019, 09h:45 - Atualizado: 16/07/2019, 09h:49

mauren sema 680

A Mesa Diretora da Assembleia, já envolvida com tantas pautas bombas, resolveu empurrar para depois de setembro a discussão da Mensagem 107 do governo que propõe suspender todo tipo de pesca nos rios de Mato Grosso por cinco anos.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • carla | Terça-Feira, 16 de Julho de 2019, 20h51
    0
    1

    Será que o nosso governador está com medo? está recuando nem estudo técnico ele tem para fechar a pesca em nosso estado por 5anos, chega de mimimi Governador sua função é Governar para o povo e não para a Elite, não se cansa em dar o tiro no pé????

ESTILO BOLSONARO

Após "tiro no pé", Bezerra recorre à bancada nacional para obter cargos

Por 15/07/2019, 20h:18 - Atualizado: 15/07/2019, 20h:23

carlos bezerra 680

Aos 78 anos, o deputado mato-grossense Carlos Bezerra resolveu partir para o plano B para conquistar espaço e indicar apadrinhados no Governo Bolsonaro.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Benedito costa | Quarta-Feira, 17 de Julho de 2019, 21h33
    0
    0

    Esse só sabe indicar pessoas de seu interesse. Não sabe indicar nada de interesse de Mato Grosso, verdadeiro mala sem alça

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2393