Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Outubro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

PALÁCIO PAIAGUÁS

Apesar do acordão, grupo de Jayme deve rachar sobre o apoio a Wilson

 Fernando Ordakowski

Wilson Santos (PSDB) é confirmado no projeto majoritário, vai renunciar ao mandato de prefeito de Cuiabá e tem esperança de ter apoio do DEM do senador Jayme Campos para ganhar força na corrida à cadeira de governador

   Duas décadas depois de travarem embates acalorados, tensos e marcados por troca de acusações, Wilson Santos e Jayme Campos oficializam um pacto por candidatura única a governador sem a segurança de que o acordão de cúpula será bem absorvido pelo eleitorado mato-grossense. Eles usaram como termômetro para medir o grau de satisfação dos dois nomes o resultado das pesquisas Ibope e Vox Populi, anunciados nesta sexta. Wilson levou vantagem. Sendo assim, terá de renunciar aos mais de dois anos de mandato como prefeito da Capital para encarar a corrida ao Paiaguás. O senador democrata, por sua vez, assistirá a tudo de camarote, afinal, continuará no Congresso Nacional até 2014.

   Desde já existe uma certa desconfiança do tucanato quanto ao envolvimento de Jayme na campanha. As bases dos dois grupos ainda não estão afinadas e existe razão para isso. Wilson e Jayme passaram duas décadas em campos opostos. No início dos anos 90, por exemplo, o hoje prefeito da Capital pertencia ao PDT e atuava como deputado estadual. Jayme, no velho e extinto PFL (hoje DEM), era governador. Na Assembleia, Santos fazia discursos duros e conseguiu instaurar até CPI contra a gestão Campos. As brigas políticas entre os dois prosseguiram por quase 20 anos.

    Embora PSDB e DEM estejam coligados nacionalmente há praticamente uma década, as questões paroquiais em Mato Grosso sempre distanciaram os dois grupos. Para ter um maior compromisso do senador com sua campanha, Wilson já avisou que deseja ter como vice da chapa a esposa do próprio Jayme, Lucimar Sacre de Campos. Além disso, preocupa a oposição o risco de desgaste da aliança. Entre os democratas, por exemplo, o ex-governador Júlio Campos e sua esposa Isabel não apoiam Wilson. Nos bastidores, demonstram maior simpatia pelo nome do peemedebista Silval Barbosa, que assume o governo no próximo dia 31, no lugar de Blairo Maggi, que renuncia para concorrer ao Senado.

     Tucanos e democratas sustentam a tese de que a composição não é mais algo traumático. O problema é apagar da memória do eleitor as confusões e confrontos entre os dois. Nesse resgate entra, por exemplo, aquela provocação do então deputado Wilson quando, da tribuna da Assembleia, ao se referir a uma festa promovida pelo então governador Jayme, comentou sobre a letra da música "Mexe-Mexe", de Leandro & Leonardo, com refrões, como "À meia-noite nada é proibido/ Mulher casada troca de marido/ O engraçadinho apaga a lampião/ E o amassa mamão fica mais divertido." Esse discurso gera polêmica até hoje.

Postar um novo comentário

Comentários (26)

  • Leandro e Leonardo | Domingo, 14 de Março de 2010, 22h47
    0
    0

    Leandro e Leonardo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • eraldo mendes | Domingo, 14 de Março de 2010, 07h29
    0
    0

    jaime não segura sentado o que fala de pé e vice versa. quando o wilsom renunciar para ser candidato a governador Jaime vira a casaca e vai apoioar seu antigo companheiro o PMDB, e leva junto o PP eai a Deus wilsom, um recado renuncia antes de analisar, não confia em jaime, tem duvida pergunta para o Dep Wallace.

  • André Luiz | Sábado, 13 de Março de 2010, 21h34
    0
    0

    Mais uma jogada de mestre de Jayme. Só ele ganhou com isso. Mídia, espaço, etc... Thau Pinóquio

OBRAS DA COPA-2014

Mesmo liberado, viaduto do Tijucal só será concluído de vez em 2021

Por 23/10/2020, 14h:33 - Atualizado: 02h atrás

viaduto tijucal 680

Mesmo em pleno funcionamento, o complexo do viaduto do Tijucal, em Cuiabá, orçado em R$ 32,9 milhões, não teve suas obras concluídas em definitivo.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • falei | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 16h17
    3
    0

    Beatriz, vc esta muito partidaria, leia o texto ao menos antes da critica, é feio.Esta obra é do Estado, da Copa, não tem nada a ver com a Prefeitura.

  • Paulo Pedro Francisco dos Santos | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 15h50
    0
    2

    Vereador precisa ser Carismático, vote Paulinho ou Paulo Pedro nº 101010

  • BEATRIZ | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 15h42
    1
    2

    COMO SEMPRE EMANUEL INAUGURA ANTES DE CONCLUIR A OBRA. NOVIDADE

TRUNFO

Ainda esperando apoio do governador em Rondonópolis

Por 23/10/2020, 10h:06 - Atualizado: 07h atrás

thiago muniz 680

O candidato do DEM a prefeito de Rondonópolis, vereador Thiago Muniz, aguarda ansiosamente apoio público de Mauro Mendes, do mesmo partido. Mas, até agora, o governador não deu sinais de se tornará cabo eleitoral de Thiago.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Millena dias da Silva | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 16h43
    2
    0

    O Governador já entrou na campanha, mandou retirar as o atendimento ao pacientes com Covid do Hospital Regional, isto é uma ajuda e tanto..

  • joaoderondonopolis | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 12h51
    2
    0

    Pra você Thiago tem jeito não, Zé do Pátio será reeleito com tranquilidade.

NOVA MUTUM

Principal nome da oposição apronta lambança e tem chapa indeferida

Por 22/10/2020, 21h:59 - Atualizado: 22/10/2020, 22h:05

quick e rogerio 680

Vereador Quick, do DEM, e o advogado e vice da chapa Rogério Antonio (PSDB) já são reprovados antes das urnas

O juiz Cássio Leite de Barros Netto, da 5ª Zona Eleitoral de Nova Mutum, decretou indeferimento do registro da candidatura do vereador de terceiro mandato Airton Pessi, o Quick (DEM), considerado o principal candidato a prefeito pela oposição.

Postar um novo comentário

VÁRZEA GRANDE

Kalil dá bolo no único debate entre os candidatos

Por 22/10/2020, 21h:02 - Atualizado: 22/10/2020, 21h:06

debate varzea grande 680

Candidatos Emanuelzinho, Miltão e Flávio Frical participam de debate, enquanto Kalil Baracat não comparece

O único debate programado com os candidatos a prefeito de Várzea Grande, realizado nesta quinta à noite, pelo site VG Notícias, não teve a presença de Kalil Baracat (MDB), líder nas pesquisas e apoiado pelos Campos.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • JUSTO VERISSÍMO | Sexta-Feira, 23 de Outubro de 2020, 11h52
    1
    0

    Seguiu exemplo do Mané Pinheiro em Cuiabá. Então esta justificado sua ausência.

  • Amanda Campos | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 22h56
    7
    6

    Flávio frical é o melhor pelo debate, tem meu voto e da minha família. 40 neles #ondaroxa

  • José do povo | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 21h32
    7
    4

    Coronel Jaiime Campos, esse é o candidato a prefeito que vai trazer melhorias a nossa cidade??????

CABO ELEITORAL

O empenho de Blairo para reeleger o afilhado senador

Por 22/10/2020, 13h:12 - Atualizado: 22/10/2020, 13h:16

blairo maggi 680

Blairo Maggi não tem saído do conforto de casa para pedir voto na base do corpo a corpo, sob argumento de que é preciso seguir as normas sanitárias de combate à Covid-19.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Josué | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 18h26
    0
    1

    Está critalino que o apoio a Leitão pelos campos direciona em sentido contário ao Fávaro. A estratégia de colocá-lo em terceiro plano deu certo na eleição de Selma, e enfrentá-lo diretamente agora também está surtindo efeito. Desgastando mais ainda Blairo.

  • Moreira | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 17h18
    1
    2

    Moreira , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • João Gomes | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 17h10
    0
    0

    João Gomes, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

PROPORCIONAL INDEFERIDA

PT saudações em Cuiabá

Por 22/10/2020, 08h:01 - Atualizado: 22/10/2020, 08h:07

edna sampaio 680

Foi-se a única esperança do PT de voltar a ocupar cadeira na Câmara de Cuiabá. Havia expectativa de, com a professora Edna Sampaio, o partido eleger ao menos uma das 28 candidaturas.

Postar um novo comentário

Comentários (12)

  • Povo de Matogrosso | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 20h18
    4
    1

    Deus tentando salvar Cuiabá... ninguém merece esse povo.

  • naldo | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 18h42
    1
    5

    Parabéns, RD! Mais uma vez conseguiu tirar os ratos anti-petistas da toca para disseminar ódio. Lembrando mais uma vez que por causa desse ódio infundado, baseado em fakes, conduziram um miliciano, aliás, uma família de milicianos, na presidência da república. E os resultado está aí. Só não vê quem não quer, especialmente estes coitados, os pobres de direita.

  • FRANK SABIÁ | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 12h17
    5
    10

    VISHI ! - Mas a Esquerda ainda tem um nome bom: ELISANGELA RENASCER, acessem o Facebook e conheçam a Trajetória dela. É 50 0 50 -

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2617