Blog do Romilson Cuiabá, 13 de Julho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Confronto

Sem Serys e agora com o PT menor, grupo de Abicalil vira unanimidade

 Fernando Ordakowski

Bloco de Carlos Abicalil, com Ságuas Moraes e Alexandre Cesar, se vê livre do grupo de oposição liderado por Serys

    O grupo de Carlos Abicalil, do qual fazem parte os deputados Ságuas Moraes (federal) e Alexandre Cesar (estadual), decidiu acabar com uma banda do já combalido PT em Mato Grosso e, assim, se tornar unanimidade interna. A única base de resistência captaneada pela ex-senadora Serys Marly foi anulada. Sob orientação do bloco de Abicalil, da mesma corrente de José Dirceu e Delúbio Soares, a comissão de Ética apresentou relatório pela expulsão de Serys e também pela advertência à Eroísa de Mello e por advertência e suspensão à ex-deputada Vera Araújo e ao vereador por Cuiabá Lúdio Cabral - saiba mais aqui. Serys se vê numa situação delicada. Além de perder para deputada federal, ainda encontra as portas fechadas do seu partido.

    Abicalil foi derrotado ao Senado e já conseguiu emprego de assessor especial no Ministério da Educação, em Brasília. Antes de abrir mão da presidência regional do petismo para ter o amigo Ságuas no comando partidário, ele orientou a comissão de Ética a agir com rigor contra Serys e outros traidores da campanha. Não "engoliu" o fato da ex-senadora tê-lo rejeitado como candidato e, de quebra, ainda trabalhar pela eleição de Pedro Taques (PDT), que conquistou uma das duas cadeiras em disputa. A outra ficou com Blairo Maggi (PR).

    O PT ficará ainda menor. Por causa da expulsão de Serys, vários militantes devem pedir desfiliação. Devido às brigas internas, o partido vem perdendo espaço. É grande em âmbito nacional, tanto que comanda o país com a presidente Dilma Rousseff, mas está pequeno em Mato Grosso.

    Apesar de ter disputado várias eleições majoritárias, inclusive com Serys, Abicalil e Alexandre, o petismo nunca conquistou o governo estadual. No ano passado, só assegurou uma cadeira na Assembleia. Reelegeu Ademir Brunetto. Até então, por três legislaturas seguidas, contava com dois representantes. Dos 8 federais mato-grossenses hoje, um é petista: Ságuas. O problema é que ele perderá a vaga para Nilson Leitão (PSDB) que, com recálculos dos votos e inclusão daqueles que estavam sub judice devido à postergação da vigência da Lei da Ficha Limpa, o tucano passa a ter direito ao posto que hoje é ocupado pelo petista. De 141 prefeitos, somente 15 são do PT. O partido possui 17 vice e, num universo de 1,3 mil vereadores, ocupa 115 vagas.

    Desiludidos, militantes históricos se afastaram, como Gilney Viana e Wanderlei Pignati. Restou a banda de Abicalil, que agora, livre, faz o que bem entender do partido. Busca composições para, a todo custo, aproveitar as benesses do poder.

Postar um novo comentário

Comentários (25)

  • geraldo | Quarta-Feira, 18 de Maio de 2011, 09h30
    0
    0

    O felipe Matos, deixa de comentar arneiras, o PT nunca foi e nem será um partido forte no MT. Ainda mais sem a Serys, eu mais algumas pessoas tem admiração pelo trabalho que ela fez. e Antipatia pelo tal de abcalil, pela suas perseguições.

  • Nelson | Segunda-Feira, 16 de Maio de 2011, 23h26
    0
    0

    Nely e Eveline, vocês são duas mentirosas e andam de conluio para postar essas obscenidades. Quem vocês acham que conseguem enganar? Nunca votaram em Abicalil, sempre fizeram campanha contra o PT. Aliás, já estão fazendo papel de pau mandados para as próximas eleições. Vão dar pitaco lá no ninho tucano, lugar de traíras e pau mandados como vocês.

  • Rogério Alves | Segunda-Feira, 16 de Maio de 2011, 22h28
    0
    0

    Para todos os pau mandados de plantão, os asseclas da Serys e os falsos petistas que estão aí vomitando impropérios e destilhando peçonha contra Abicalil. Tomem vergonha na cara. Serys e sua corja tiveram o castigo que merecem, pois traíram o partido, a miltância, rasgaram o estatuto. O PT pode ter se tornado mais pequeno, mas se tornou mais limpo sem esses traíras. Está sendo feita uma depuração, uma limpeza, onde as batatas podres são excluídas. E as ratazanas que acompanhem a Serys; de preferência, procurem alento no ninho tucano, que é o lugar perfeito para traíras.

VACÂNCIAS

Definidos presidente e vice interinos da Assembleia de Deus de MT

Por 12/07/2020, 20h:56 - Atualizado: 12/07/2020, 21h:19

pastor joao de franca 680

O pastor João de França, que conduzia o campo da região de Sorriso, já responde como presidente interino da Assembleia de Deus de Mato Grosso, igreja pentecostal com maior número de fiéis tanto no Estado, chegando próximo de 400 mil, quanto no resto do país.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Laerte Canavarros | Domingo, 12 de Julho de 2020, 22h55
    1
    0

    Parabéns ao nosso novo presidente e também a mesa diretora por indicar o pastor Silas como presidente da região de Cuiabá! Deus abençoe os nossos líderes e estamos seguros que agirão sempre na orientação de Deus.

ARTICULAÇÃO

Stopa tem apoio de mais de 200 presidentes de bairros para ser vice

Por 12/07/2020, 11h:13 - Atualizado: 12/07/2020, 11h:19

jose roberto stopa 680

José Roberto Stopa, presidente estadual do PV, seria hoje o nome preferido do prefeito Emanuel Pinheiro para vice da chapa na corrida à reeleição na Capital.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Ademir | Domingo, 12 de Julho de 2020, 20h30
    0
    0

    Ademir, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Moreira | Domingo, 12 de Julho de 2020, 19h18
    5
    0

    PRESIDENTE DE BAIRRO DETERMINA VOTO?? KKKK

  • Lapada | Domingo, 12 de Julho de 2020, 18h44
    5
    1

    Rapaz esse cara é estupido,até o terceiro ano de mandato na secretaria ele era até de boa,depois começou a se achar ,tanto que esse cara mandou funcionário embora,por ouvir só um lado da história,se como secretario ele é assim imagina da o poder para um cara desse,mas vai tenta e leva o José Marcos Barbosa que tanto você defende, pra ser o seu tesoureiro da sua campanha,os servidores fica agradecido por você ter saido,,some da nossa frente e não volta mais.

alerta geral

Covid em MT fora de controle e pode superar todos Estados, alerta Hallal

Por 11/07/2020, 18h:24 - Atualizado: 11/07/2020, 18h:47

pedro halll 680

O coordenador do maior estudo epidemiológico sobre Covid-19, epidemiologista Pedro Hallal, reitor da  Universidade Federal de Pelotas (UFPel), no RS, acendeu a luz vermelha para Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Helena | Domingo, 12 de Julho de 2020, 19h49
    5
    0

    Bravo!!! Precisamos de pessoas verdadeiramente compromissada com a vida,com as famílias q sofrem pelo descaso de nossas autoridades assistindo d camarote as mortandades e enchendo seus cofres particulares! Q vergonha Mato Grosso.

  • Kellen | Domingo, 12 de Julho de 2020, 08h52
    9
    0

    O mais “engraçado “ que acelera em tudo para adoença e ninguém acelera para a saúde , espera o pico para ainda pensar ou melhor não pensar em construir nada.... já recebeu $$$$ ajuda , promessas a juiz ( toda semana faz e juiz faz de conta que acredita ... o pior de tudo ) e nada é feito. Engraçado é que neste dias juízes , MP e outras autoridades ficam em silêncio total.

  • Kellen | Domingo, 12 de Julho de 2020, 08h51
    6
    0

    O mais “engraçado “ que acelera em tudo para adoença e ninguém acelera para a saúde , espera o pico para ainda pensar ou melhor não pensar em construir nada.... já recebeu $$$$ ajuda , promessas a juiz ( toda semana faz e juiz faz de conta que acredita ... o pior de tudo ) e nada é feito. Engraçado é que neste dias juízes , MP e outras autoridades ficam em silêncio total.

CARGO VITALÍCIO

Eis um cotado do Executivo pro TCE

Por 11/07/2020, 09h:23 - Atualizado: 11/07/2020, 09h:30

rogerio gallo 680

Os rumores de que o secretário de Fazenda de Mato Grosso, Rogério Gallo, teria interesse em assumir uma vaga de conselheiro do TCE têm causado um desconforto na Assembleia Legislativa.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Benedito costa | Domingo, 12 de Julho de 2020, 13h11
    0
    0

    De um lado o governador atendendo a seus interesses e de outro lado o presidente da assembleia querendo essa bocona. A briga vai ser boa boa e acalorosa

  • Realista | Sábado, 11 de Julho de 2020, 19h29
    11
    3

    Sinceramente, nenhum dos dois. Um já é um procurador de estado e nem tanto assim competente pois já vem de dois governos na gerencia da secretaria de fazenda e o estado continua essa "maravilha. Será que indo para lá vai acumular dos dois salários também? E o outro, certamente um politico ex parlamentar, nem precisa argumentar...vôte, credo! O certo mesmo seria mexer na Constituição Federal e suprimir esse critério espúrio de escolha membros do conselho de TC.

  • . | Sábado, 11 de Julho de 2020, 18h48
    10
    3

    Eu torço para que NÃO consiga.

NOVO PARTIDO

Fracassa a busca por assinaturas em MT pelo Aliança de Bolsonaro

Por 10/07/2020, 12h:58 - Atualizado: 10/07/2020, 13h:03

bolsonaro 680

Apesar de fazer muito barulho e prometer juras de amor eterno a Jair Bolsonaro, os apoiadores do capitão ainda não conseguiram avançar com a colheita de assinaturas para o Aliança, partido que a família Bolsonaro pretende criar.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • decedido | Domingo, 12 de Julho de 2020, 21h14
    1
    1

    Chora moluscos! Desencarnem, vocês não tem mais vez no Brasil.

  • Ggm | Sábado, 11 de Julho de 2020, 16h11
    12
    13

    Mato Grosso não tem só gado, fora bozo.

  • Marcos | Sábado, 11 de Julho de 2020, 15h09
    12
    10

    BOLSONARO 2022....Chora Petezada...kkk

EM CUIABÁ

Relatório da CPI traz esperança a Niuan de se tornar prefeito

Por 10/07/2020, 12h:49 - Atualizado: 10/07/2020, 13h:02

niuan ribeiro 680

O vice-prefeito Niuan Ribeiro (Podemos) encheu-se de esperanças de se tornar prefeito interinamente com a decisão da CPI do Paletó, que hoje aprovou relatório paralelo, propondo afastamento  do prefeito Emanuel Pinheiro por seis meses.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Amaral antunes | Sábado, 11 de Julho de 2020, 07h12
    0
    0

    Amaral antunes, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Ricardo | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 23h22
    1
    2

    Gostaria de fazer uma esclarecimento. No mês de fevereiro os governadores e perfeitos não podiam decretar quarentena por duas razões: a primeira, essa atribuição so foi conferida em abril de 2020 por decisão do STF; segundo e mais importante, na PL13.979 de 09 de fevereiro de 2020 de autoria do poder execultivo federal em seu art. 1° e no §1° do art.3°, fica claro e cristalino que no mês do carnaval não podia ser decretado quarentena. Logo fica fácil de afirmar que os governadores e prefeitos NÃO são culpados. Sendo assim, considerando que o presidente nunca, repito NUNCA foi favorável distanciamento social. Então ele é o único culpado.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2569