Blog do Romilson Cuiabá, 22 de Maio DE 2019 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Arte, política e empatia #forçaandredlucca

Por 19/03/2019, 07h:26 - Atualizado: 19/03/2019, 07h:36

henrique maluf colunista espa�o fixo

Henrique Maluf

O inesperado convite para ser um articulista/colunista do RdNews veio como uma grata surpresa e, de prontidão, aceitei esse novo e instigante desafio. Cada semana um novo pensamento, uma nova pergunta, uma nova opinião, trazer minhas ideias, filosofia, modo de viver será um oportunidade de expansão e aprendizado.

Pensamentos, antes soltos em saborosos bate-papos, podem alçar novos ares e trazer ao leitor um diálogo instigante, que envolva cultura, música, arte, curiosidades, assuntando sobre o que nos rodeia no dia-a-dia. Espero aqui ter você como leitor.

A arte é vista por muitas pessoas apenas como entretenimento e, enquanto artista, eu também não fujo disso. A grande diferença é que podemos usá-la para transformar o mundo

Nesse primeiro artigo farei considerações sobre o ator André DLucca, que foi internado com quadro grave de desnutrição, ocasionado pela depressão e acredito que o acumulo de inúmeros desgastes que seus posicionamentos políticos sociais causaram, afetando sua saúde física, mental e espiritual.

Poucos dias antes da internação o ator postou em suas redes sociais que não fará mais denúncias políticas pois os mesmos nomes são reeleitos e ele vive uma incessante perseguição.

Nesse sobe e desce de governos, já são 19 anos. As vozes de seus personagens, em destaque a socialite Almerinda Lowsby, estão sempre falando sobre política, corrupção, hora em tons leves, noutras ácidas, de Almerinda ou “de cara limpa”, vestido apenas como André DLucca.

Desde que começamos a trabalhar juntos em 2014, eu e o André tivemos ótimas parcerias e firmamos uma boa amizade. Inicialmente a minha função de diretor musical foi primorosa, até passarmos a compor paródias juntos e somar nossos talentos nas produções dos espetáculos. Quando em algum refrão soltávamos o nome de algum político “enrolado”, a plateia delirava. Não seria diferente. Nesses anos, aprendi muito com sua coragem e noção de cidadania.

A arte é vista por muitas pessoas apenas como entretenimento e, enquanto artista, eu também não fujo disso. A grande diferença é que podemos usá-la para transformar o mundo, dar nosso recado, gerar reflexão e consciência coletiva e nisso André é expertise, tanto que nessa publicação teve inúmeros comentários com os dizeres: “Você é nossa voz”, “Quem nos representará?” e “Não se cale”. Realmente André DLucca representa a voz de muitas pessoas, inclusive a minha.

É preciso que mais vozes gritem nos dias de hoje, mais artistas, professores, agentes culturais, pensadores, jornalistas

Recém completado 1 ano do assassinato da vereadora do Rio de Janeiro Marielle Franco e o motorista Anderson Gomes, temos hoje a voz de uma líder que ecoa mundo a fora, recebendo homenagens, sendo reconhecida e memorada por suas causas e lutas, que, independentemente de sua posição partidária, reflete as ações de ideais de igualdade e justiça social. Vejo uma paridade de artistas, seja nos palcos plenários, seja em salas de teatro.

A voz de André não calará, mesmo que pare de fazer denúncias, a onda que ele causou agitará os mares políticos de nosso Estado por um bom tempo. É preciso que mais vozes gritem nos dias de hoje, mais artistas, professores, agentes culturais, pensadores, jornalistas, assim, reforçando e reafirmando nossa liberdade, senso crítico, para que vozes como de Marielles e Andrés não se calem, nem sejam caladas.

Um grande espetáculo está sendo produzido pra este domingo, dia 24, no Cine Teatro Cuiabá, terá mais de 19 atrações artísticas divididas entre exposições de artistas plásticos, músicos, atores, poetas, mais de 100 pessoas envolvidas numa ação de pura solidariedade e empatia. Reverteremos a portaria para o tratamento que André precisará fazer.

Henrique Maluf é músico, produtor cultural e pesquisador em Cuiabá. Escreve nesta coluna com exclusividade às terças-feiras. E-mail: herojama@gmail.com

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Clarice Helena Navarro | Terça-Feira, 19 de Março de 2019, 11h43
    3
    0

    Muito bem colocado e oportuno o artigo, Henrique. Empatia, esse é o caminho. Parabéns. Muito carinho por você.

  • Vitérico Jabur Maluf | Terça-Feira, 19 de Março de 2019, 10h01
    6
    0

    Toda e qq ação para calar a voz daqueles que lutam por respeito e igualdade se transforma suas lutas em nossas. Hj os gritos da Marielle é ouvida no mundo todo, da mesma forma q a voz do André D'Lucca vai ecoar nos 4 cantos de MT. BELO TEXTO FILHOTE!

Arena gera custo de R$ 500 mil/mês

Por 22/05/2019, 10h:45 - Atualizado: 02h atrás

Lenine Martins

arena pantanal 680

 

Não é à toa que o governo estadual estuda entregar para iniciativa privada, por meio de concessão, a Arena Pantanal, construída para sediar parte dos jogos do Mundial de 2014.

Postar um novo comentário

O desafio de educar sem punir

Por 22/05/2019, 08h:37 - Atualizado: 04h atrás

Gina Coelho psic�loga

Gina Coelho

"De onde tiramos a ideia absurda de que, para levar uma criança a se comportar melhor, antes precisamos fazê-la se sentir pior?” A frase a psicóloga, educadora e mãe de sete filhos, Jane Nelsen, que é uma das fundadoras da disciplina positiva, nos convida a rever o processo educativo baseado em violência.

Postar um novo comentário

Cuidar do que é nosso

Por 22/05/2019, 08h:31 - Atualizado: 05h atrás

Dayanne Dallicani

Colunista Ana Lacerda

 

Recentemente, o Ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, anunciou que o governo federal planeja repassar para a iniciativa privada, ainda em 2019, em um modelo de concessão, pelo menos 20 unidades de conservação, dentre elas, uma bastante conhecida do povo mato-grossense, o Parque Nacional de Chapada dos Guimarães.

Postar um novo comentário

AL tem 57 militares à disposição

Por 22/05/2019, 08h:02 - Atualizado: 21/05/2019, 21h:26

Helder Farias

fachada assembleia 680

 

Cinquenta e sete militares, que poderiam estar nas ruas, atuando ostensivamente e na repreensão, estão cedidos pelo governo à Assembleia Legislativa. São 52 praças e 5 oficiais, entre eles dois coronéis e dois tenentes-coronéis.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Xomano | Quarta-Feira, 22 de Maio de 2019, 09h24
    6
    1

    Querem o que? tirar os militares que fazem diversas funções inerentes a "segurança" e contratar comissionados pelo triplo do valor? sei... tô entendendo... tá igual na "virada" do governo onde exoneraram alguns comissionados e contrataram o dobro...

EFEITO-RGA

Câmara de Campo Verde engorda VI

Por 21/05/2019, 20h:22 - Atualizado: 21/05/2019, 21h:30

solivan c�mara campo verde 680

 

Em Campo Verde, os 13 vereadores, na esteira dos mesmos índices da RGA dos servidores públicos, obtiveram reajuste da verba indenizatória. Passa a ser agora de R$ 5,3 mil, um aumento de 5%. No caso da presidência da Mesa Diretora, hoje sob Solivan Costa Fonseca, a VI sobe para R$ 6,4 mil.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • galaxiecv@hotmail.com | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 22h07
    0
    1

    galaxiecv@hotmail.com , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

fora das ruas

36 militares da ativa cedidos ao TCE

Por 21/05/2019, 15h:15 - Atualizado: 21/05/2019, 20h:34

tce fachada 680

 

O Tribunal de Contas do Estado tem nos seus quadros, cedidos pelo governo, 36 militares, sendo 4 oficiais e 32 praças.

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Kaique Silva | Quarta-Feira, 22 de Maio de 2019, 06h34
    9
    1

    Aonde será que ficam esses 36 militares no TCE? Porque a venda nos corredores e gabinetes estão correndo solto, eles não estão obedecendo a portaria que o Dr Isaías conselheiro do Tribunal de Contas do Estado de MT baixou alguns meses atrás, Presidente Domingos Neto devolve esses policiais para as ruas, estamos precisando de segurança é na RUA, e não dentro de Gabinete, dentro de plenário, dentro dos corredores do Tribunal de Contas? Temos que denunciar estes fatos seja neste site, na TV, nos rádios ou até mesmo na Ouvidoria do Estado de MT.

  • REVOLTADO TAMBEM | Quarta-Feira, 22 de Maio de 2019, 06h24
    9
    3

    KKKK ESSA VAI PRA VC "REVOLTADOS" que como vc mesmo diz, 23 anos de tribunal, só mamando no dinheiro publico, porque vc bem sabe que vcs, funcionario do tribunal de faz de contas não tem moral pra discursar sobre moralismo. Um orgão que se fechar ninguem sentiria a falta a não ser voces que mamam essa verba indenizatoria que isso assim alem de receberem altos salarios ainda recebem essa " tar" de VI que, me de papai tambem essa VI

  • Os aposentados | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 22h05
    10
    1

    Só resta saber se esses militares batem ponto? Porque no TCE os cargos comissionados não batem ponto, somente os efetivos e contratados, cadê o Ministério público que não enxergou essa situação ainda? Os Conselheiros exigem dos Gestores públicos a lista de presença até dos médicos das policlinicas , eles precisam ser exemplos para os Gestores públicos e baixar uma portaria e obrigar os comissionados bater ponto, porque tem tantos funcionários e cumprir a carga horária não querem, aproveitando que estamos falando deste órgão fiscalizador presidente do Tribunal de Contas precisa acabar com as mamatas das diárias, está nítido que tem servidores que só querem trabalhar mediante diárias, já pensou se essa onda pega?

  • Funcionários públicos | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 21h52
    8
    5

    Já pensaram tem 36 militares no TCE e nós sem segurança alguma nas ruas, será que dentre esses 36 militares nenhum deles já presenciou uma servidora comissionada do gabinete do Conselheiro Moiseis Maciel vendendo jóias nos setores deste órgão? Cadê a segurança que se tem neste órgão? Presidente do Tribunal de Contas corta de vez esses militares, está ficando feio a situação dentro do Tribunal, para que tanto militar assim? Além deles tem os auxiliares da empresa DSS que dão suporte e trabalham somente meio período, porque tem tantos funcionários que se colocar para trabalhar o dia todo vai ter super lotação, cadê a secretária, a administração desse órgão que não vê isso? Será que somente nós funcionários que visualizamos essa disparidade de servidores da segurança e recepção? Para que tanta gente se o atendimento é péssimo? Sem segurança e sem melhoria no atendimento... .

  • Servidores da Casa | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 21h42
    10
    1

    Domingos Neto presidente do Tribunal de Contas devolve esses militares apadrinhados dos conselheiros afastados, fica somente com militares para sua segurança, além desses militares tem mais de 20 funcionários da DSS que auxiliam na segurança deste Tribunal e não se tem segurança no TCE, tem também as recepcionistas que são desta mesma empresa DSS que liberam a entrada para qualquer um, ficam só na internet, fazem lanche na recepção, até maquiagem, ficam de cabeça para baixo e não comprimenta m nem nós servidores da Casa imagina os visitantes

  • Maria da Glória | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 21h34
    6
    3

    36 militares no TCE, a maioria é herança dos antigos conselheiros, eu acho um desperdício tudo isso sem fazer nada, tem até um bombeiro que se acha lá dentro e segurança que é bom nada, tem até a Major Jussara irmã do Novacki que fica só dentro do seu gabinete, ninguém tem controle da entrada do restaurante de lá de dentro do Tribunal, vão no caixa eletrônico, no prédio aonde fica a presidência nem crachá tem as recepcionistas anotando em um caderno está ultrapassado esse órgão fiscalizador precisa atualizar, as recepcionistas ficam só de bate papo, é preciso fazer um curso para as mesmas, não tem postura, quem será que toma conta dessa recepção que está largada, entra quem quer e sai quem quer também, Conselheiros vcs estão sem segurança alguma, fica a dica devolvam esses militares e substitui essas recepcionistas porque a recepção está péssima o atendimento

  • Paulete Soares | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 21h25
    5
    4

    Aproveitando Domingos Neto coloca a disposição todos esses militares, diminui pela metade as recepcionistas porque na recepção se vê recepcionistas estudando, comendo, fazendo maquiagem, usando celular e na internet e trabalhar que é bom nada! Sobra tempo até para ficar com conversas com militares, cadê a secretária de Gestão e o chefe do gabinete da Presidência que não vê isso, está ficando desagradável.

  • Diego Tardelli | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 20h27
    9
    1

    Governador Mauro Mendes corta esses militares, coloca nas ruas para fazer a nossa segurança, aonde já se viu ter 36 militares no TCE, além dos auxiliares da empresa DSS e 17 recepcionistas, e tem mais não se tem segurança total neste Tribunal, tem um restaurante e 01 banco lá dentro entra e sai quem quer que seja, as catracas não funcionam, mais os militares tem gabinete com computadores, ar condicionado e cafezinho a vontade e deixam as recepcionistas para cuidarem da segurança da recepção

  • Cassia Guedes de Oliveira | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 20h08
    8
    1

    Presidente do Tribunal de Contas faz um limpa aproveite e coloca os militares a disposição do estado, e corta pela metade a quantidade de recepcionistas do TCE, tem muitas mais descalificadas, mal educadas, é preciso ter servidoras eficientes, esta empresa DSS que é responsável pela recepção e por esses funcionários que auxiliam na segurança, tem posto lá que tem 2 a 3 funcionários, e segurança não tem, Mauro Mendes corta de vez com essa situação no TCE, coloca moral e ordem neste órgão fiscalizador.

  • Os internautas | Terça-Feira, 21 de Maio de 2019, 19h58
    9
    0

    Neste Tribunal de Contas vc vê de tudo servidores que só fica vendendo nos setores e corredores, e os militares fazem vista grossa e só ficam nos seus respectivos gabinetes no ar condicionado e cafezinho, a Major Jussara irmã do Novacki coronel diz que faz segurança do órgão, as câmeras de segurança não está funcionando algum tempo, não tem crachá suficiente, tem um restaurante lá dentro entra e sai quem quer, as recepcionistas não tem controle

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2773