Blog do Romilson Cuiabá, 02 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Familias cervejeiras - A Lambic

Por 09/02/2019, 09h:38 - Atualizado: 09/02/2019, 09h:43

vinicius Masutti colunista lateral fixo

Vinícius Masutti

Sim, você leu certo, escrevi “a Lambic”, separado mesmo, porque não é uma palavra só e não se trata de destilação, porque não vamos falar de alambique, que é o equipamento que destila a cachaça, por exemplo. Aqui falamos de cerveja, e prometi que contaria pra você um pouco sobre cada uma das famílias cervejeiras e a “Lambic” é uma delas.

qui falamos de cerveja, e prometi que contaria pra você um pouco sobre cada uma das famílias cervejeiras e a Lambic é uma delas

É bem provável que nunca tenha ouvido falar dela, ao contrário da famosa Lager ou da Ale, que já falamos aqui. Isso é porque cervejas da família Lambic são mesmo muito raras, pois ao contrário das outras, em que o cervejeiro seleciona a levedura/fermento que vai usar, as lambic são fermentadas com leveduras selvagens, o que significa que elas não são isoladas e adicionadas no mosto. Calma que eu explico

Para fazer uma cerveja lambic, a cervejaria faz o mosto, aquela sopa de cereais de que já falamos, e ao invés de acondicioná-lo num tanque de inox hermeticamente fechado com uma levedura específica, é preciso fazer o contrário. O cervejeiro passa o mosto para grandes tanques abertos, tipo piscinas, abrem as janelas da cervejaria e deixam que qualquer levedura ou bactéria presente no ar fermentem aquele mosto. Isso aliás, vai contra toda regra de produção de cerveja, onde o cervejeiro toma muito cuidado para que nenhuma levedura além daquela escolhida, dê seu pitaco na cerveja. Mas ué, como assim?

Pois é, essa é a ironia. Isso só funciona em regiões com um microclima muito específico (muito mesmo!), em que há uma ambiente propício para uma certa flora de microorganismos que atuarão na cerveja de forma benéfica, ou seja, trazendo sabores interessantes sensorialmente.

A coisa é tão específica, que podemos dizer que cervejas da família Lambic são produzidas quase que exclusivamente em uma pequena região da Bélgica próxima a capital Bruxelas, e olhe que esse país é menor que o estado do Paraná, por exemplo. apesar de já haver tentativas (algumas bem sucedidas) de produzir cervejas Lambic pelo mundo. Além disso, só se produz Lambic nessa pequena região da Bélgica, em um período do ano, nas estações mais frias, que é uma forma de controlar bactérias nocivas.

Após a primeira fermentação que dura alguns dias, esse mosto vai para tonéis de carvalho e ficarão lá por no mínimo mais seis meses (podendo ultrapassar três anos), nesse período continua a fermentação com outras leveduras. Esse processo é chamado de fermentação espontânea e é isso que define uma cerveja da família Lambic, que aliás, é o tipo mais antigo de cerveja. Lembram no nosso primeiro capítulo, quando falei da origem da cerveja? Pois então, aquela cerveja primordial que nasceu por acidente foi fermentada espontaneamente e por isso podemos dizer que era uma Lambic.

Beleza, agora você ficou curioso pra tomar uma dessas certo? Eu fiquei com vontade, mas acalme-se e prepare-se, porque cervejas fermentadas dessa maneira, tem características muito peculiares, como alta acidez, tons azedos e notas aromáticas muito diferentes das demais. Mas se você gosta de vinhos bem secos como o Tannah uruguaio ou ainda prefere espumantes Brut e Extra Brut, pode se arriscar. As cervejas Lambic são extremamente complexas, e apesar de razoavelmente raras, são possíveis de encontrar aqui no Brasil. Gostou? Espere o próximo capítulo...saúde!

Vinícius H. Masutti é sommelier especializado em cervejas, formado pela Universidade Positivo e Barista pelo Senac-PR e escreve exclusivamente neste espaço todo sábado. É responsável pelo treinamento e pela carta de cervejas de mais de 40 estabelecimentos pelo país, presta consultoria para bares, empórios e restaurantes, promove cursos e treinamentos sobre a bebida. Nasceu no Paraná e fincou raízes em Cuiabá. E-mail: viniciusmasutti@gmail.com

Postar um novo comentário

EM ALTO ARAGUAIA

Prefeito estima torrar quase R$ 2 mi pra revitalizar praça; MPE é avisado

Por 02/06/2020, 18h:30 - Atualizado: 04h atrás

gustavo de melo 680 alto araguaia

O prefeito de Alto Araguaia, Gustavo de Melo (PSDB), licitou e pretende gastar nada menos que R$ 1,8 milhão na revitalização da praça da Matriz em plena época de pandemia global, agravada com crises sanitária e econômica.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • segura peoaooooo | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 22h13
    1
    0

    sssegura peaoooo, é dinheiro para fazer expoaia e festival nautico nao tem. mas pra fazer reforma de pracinha tem ne. dindim paraisso nao falta ne

  • Felipe | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 21h56
    0
    1

    Bom, os vereadores aprovaram a suplementação para a revitalização da praça... Aprovaram por unanimidade... A obra foi licitada em fevereiro, ANTES DA PANDEMIA... não foi dada ordem de serviço justamente por causa da pandemia... Basta olhar para a praça para ver que a obra não começou, e nem começaram enquanto não tiver segurança sanitária para tal... Os vereadores tem conhecimento, porém usam o expediente deste ofício para realizar um verdadeiro espetáculo circense! E, diga-se de passagem, nenhum vereador agiu rápido, visto que tal expediente não passa se um pedaço de papel repleto de basofias! Não tem calor algum dada a absoluta falta se competência do poder legislativo em intervir em procedimento regular do Poder Executivo!

  • Globo | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 21h45
    1
    0

    Pode isso Arnaldo??? A regra é clara, tá ERRADO. O juiz, quer dizer o prefeito, é fraco. A cbf, quer dizer, os VEREADORES tem que ficar atento a isso.

GOVERNO MAURO

Secretário numa corda bamba

Por 02/06/2020, 17h:14 - Atualizado: 06h atrás

nilton borgato 680

Com a desistência de Faissal de entrar no staff do governo estadual, Nilton Borgato ganhou um certo fôlego como secretário de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação, mas está sufocado, andando numa corda bamba.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Lindaura Rodrigues | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 20h37
    0
    0

    Outra cagada? já não basta perder toneladas de alimentos por pura incompetência, agora perder dinheiro de convênio? onde isso vai parar?

NAS ARTICULAÇÕES

Recuo do CREA para pleitear candidatura de vice-prefeito

Por 02/06/2020, 10h:56 - Atualizado: 02/06/2020, 11h:01

juarez samaniego 680

O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano de Cuiabá, Juarez Samaniego, cogita recuar da candidatura a presidente do Conselho Regional de Engenheira e Agronomia de Mato Grosso (CREA), marcada para 15 de julho.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Eduardo | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 20h06
    0
    0

    Isso é mentira! Juares Não vai desistir da presidência do CREA-MT. Nota falsa. Este site deve nota de esclarecimento. Infelizmente há muita fake news nas mídias e temos que dar valor a sites confiáveis. Este site perdeu meu respeito depois dessa noticia. #fakenewsécrime E aos candidatos adversários, não é preciso fazer política de ódio. Deveriam mesmo é expor suas propostas e fazer campanha para si.

  • Rodrigo | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 17h34
    0
    1

    Juares só vai ser Vice de Emanuel e continuar no cargo de Secretário caso se eleja Presidente do Crea. Se não ele já era em tudo. Vai ter que voltar pro TJ. Não adianta recuar pra escapar duma derrota. Isso só o queimaria com seu próprio grupo pra sempre.

  • JUARES SILVEIRA SAMANIEGO | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 16h21
    0
    0

    NOTA DE ESCLARECIMENTO JUARES SILVEIRA SAMANIGO, engenheiro civil candidato à presidência do CREA/MT nas Eleições de 2020, vem por meio dessa nota informar sobre a inverdade acerca da divulgação de notícia falsa (fakenews) em relação ao candidato amplamente divulgada no site www.rdnews.com.br que afirma em matéria “RECUO DO CREA PARA PLEITEAR CANDIDATURA DE VICE-PREFEITO”, onde eu estaria cogitando em recuar da minha candidatura a presidente do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Mato Grosso. Trata-se de uma inverdade a referida notícia, tendo sequer sido entrevistado pelo site para confirmação de tais informações, o que desde já repudiamos esse tipo de conduta que, sem sombras de dúvidas, foi orquestrada pelos concorrentes no intuito de desestabilizar nossa campanha que conta com grande apoio da classe de engenheiros. Reafirmo meu compromisso de que sou candidatíssimo à presidência do CREA/MT e extremamente focado em nossa campanha e em nossa instituição pois, unidos somos mais fortes! JUARES SILVEIRA SAMANIEGO CHAPA 33

FUTURA MESA DA ASSEMBLEIA

Botelho arrasta negociação para fechar chapa; 12 disputam 7 cargos

Por 01/06/2020, 18h:29 - Atualizado: 01/06/2020, 18h:35

eduardo botelho 680

Eduardo Botelho entra nos 10 últimos dias para a eleição da Mesa Diretora arrastando as negociações e tendo de conviver com queda-de-braço entre colegas por espaço. Há 12 deputados, metade da composição da Assembleia, disputando sete cargos na Mesa.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Jedae | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 08h12
    5
    0

    Todos querem uma boquinha nessa farta teta!

BOLSONARISTA

Ex-suplente "mordido" com Selma por criticar filho de Bolsonaro ouça

Por 01/06/2020, 15h:06 - Atualizado: 01/06/2020, 15h:26

beto possamai 680

O sojicultor de Sorriso, Beto Possamai (PSL), ainda não digeriu a cassação e, em especial, a falta de habilidade política da ex-senadora Selma Arruda, de quem foi primeiro-suplente e financiador milionário da campanha feita, em parte, com caixa 2.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • jose | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 12h02
    3
    0

    a selma achou que era a dona do pedaço

  • Amaral antunes | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 22h35
    8
    0

    Possamai foi um fantoche, usaram a grana dele, e só. O ruim é que ele acreditou nessa gente...dançou gsucho...

  • USIEL | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 19h16
    7
    18

    Eu não quero saber, mais de Shelma Arruda, nem do Piveta ou do Faváro, eu já tô na luta pela eleição para o Senado, do Julio José de Campos, o 251. O resto é resto..kkkk

EMBATE EM VÁRZEA GRANDE

Jayme quer "esticar" mandato e Flávio fala em quebrar os Campos

Por 01/06/2020, 12h:13 - Atualizado: 01/06/2020, 18h:47

flavio vargas 680

Enquanto o senador Jayme Campos se movimenta em Brasília pela prorrogação de mandatos de prefeitos e vereadores, o que beneficiaria a esposa Lucimar com mais dois anos à frente do Paço Couto Magalhães, o empresário Flávio Vargas está em pré-campanha à sucessão em Várzea Grande.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Pato rocco | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 15h41
    0
    0

    Várzea Grande não teve sorte com os forasteiros.

  • JULIA NERIS DE CARVALHO DE FREITAS | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 15h36
    0
    0

    mato grosso precisa de sangue novo...politica do coronelismo precisa chegar ao fim.

  • João Vacarias | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 15h54
    0
    0

    João Vacarias, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2551