Blog do Romilson Cuiabá, 02 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

7 partidos fecham unidade e discutem chapa majoritária para contrapor Taques

Dirigentes Bezerra (PMDB), Daltro (PSD), Wellington (PR), Ezequiel (PP), Valtenir (Pros), William (PT) e Aislan (PC do B) avisam que terão nomes ao Governo e Senado e farão reuniões rotineiras

Por 14/01/2014, 11h:40 - Atualizado: 15/01/2014, 18h:27

Rodinei Crescêncio/Rdnews

carlos_bezerra_14-1.jpg

Deputado Carlos Bezerra, presidente regional do PMDB, conduz reunião em seu apartamento com dirigentes de outros 6 partidos e todos prometem unidade

Em reunião nesta segunda à noite, em Cuiabá, dirigentes de 7 partidos selaram unidade e compromisso de lançar candidatos majoritários, tanto para o governo estadual quanto ao Senado. Uma pesquisa qualitativa vai nortear a escolha das candidaturas. O encontro começou às 19h e se estendeu às 22h30, no apartamento do deputado Carlos Bezerra, no edifício Fontana di Trevi, no centro.

O bloco composto pelo PMDB, PR, PP, Pros, PT, PSD e PC do B discutiu alguns nomes à sucessão estadual. Cada legenda apresentou opção. O PR, presidido no Estado por Wellington Fagundes, ainda alimenta as esperanças de convencer o ex-governador e senador Blairo Maggi a entrar na disputa. Lembrou ainda dos nomes do pecuarista Maurição Tonhá e do empresário e primeiro-suplente de Blairo, Cidinho dos Santos. O PSD destacou o vice-governador Chico Daltro como alternativa. O PT, sob William Sampaio, anunciou que aguarda posição do juiz federal Julier Sebastião e que conta ainda com o ex-vereador pela Capital, Lúdio Cabral.

Estavam presentes os presidentes regionais Bezerra (PMDB), Wellington (PR), Daltro (PSD), Valtenir Pereira (Pros), Aislan Galvão (PC do B), William (PT) e Ezequiel da Fonseca (PP). Também participaram os deputados estaduais Wagner Ramos, João Malheiros, Teté Bezerra e Alexandre Cesar. No geral, o encontro reuniu, além dos presidentes, 6 deputados estaduais, 4 federais e o prefeito em exercício de Várzea Grande, Wilton Coelho, o Wiltinho (PR).

Senatória

Sobre o Senado, o grupo entende que é preciso aguardar oficialmente decisão do governador Silval Barbosa (PMDB), que tem prioridade. Caso não renuncie ao mandato e, assim, fique de fora da disputa, o que é mais provável, a opção seria o nome de Wellington. O PMDB deixou claro que, nesse caso, não abre mão de integrar chapa majoritária, seja com nome para vice, seja para a senatória, citando nomes como de Bezerra e da esposa Teté. 

Por enquanto, o grupo governista se mostrou afinado no discurso e na disposição de seguir unido para contrapor o bloco opositor, liderado pelo pré-candidato ao Palácio Paiaguás, senador Pedro Taques (PDT), que tende a reunir no palanque PSDB, DEM, PPS, PV e PSB. Ficou combinado de se realizar reuniões periódicas. No próximo mês voltam a se encontrar, instigado pela tese segundo a qual ou a base se une ou perde as eleições para Taques. Não se debateu neste primeiro encontro a situação do governo Silval.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • João | Quarta-Feira, 15 de Janeiro de 2014, 22h42
    0
    2

    Interessante que ninguém, nem candidatos nem eleitores, fale nada sobre projetos para MT. Ser governador, senador, etc, não e só para colocar gente no funcionalismo (compra indireta de votos). Vamos acordar! A maioria destes nomes que estão sendo discutidos já estão a mais de uma década no poder e MT, mesmo tendo melhorado muito sua economia, continua sendo pilhado, sem estradas, sem saúde, sem educação. Não se esqueçam que aqui em MT (celeiro do mundo) , Em 2013 revivemos as greves da Educação (lembram do tempo do Julio Campos). Mais uma vez, vamos acordar! O que cada um de nós esta fazendo? Pelo menos vamos votar certo!!!!

  • João Alves | Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2014, 21h21
    4
    3

    Claro que tá na palma da mão-Blairo Maggi governador, agora senador é Jaime Campos

  • SERGIO DO FILTRO | Terça-Feira, 14 de Janeiro de 2014, 20h58
    1
    1

    concordo com sua opinião Anversos Pontes Lacerda OBS ME LIGUE 99285136

NAS ARTICULAÇÕES

Recuo do CREA para pleitear candidatura de vice-prefeito

Por 02/06/2020, 10h:56 - Atualizado: 05h atrás

juarez samaniego 680

O secretário de Meio Ambiente e Desenvolvimento Urbano de Cuiabá, Juarez Samaniego, cogita recuar da candidatura a presidente do Conselho Regional de Engenheira e Agronomia de Mato Grosso (CREA), marcada para 15 de julho.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • GARCIA FILHO | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 11h33
    4
    3

    COM CERTEZA, PARA UM NOVO CAMINHO PARA O CREA-MT, O CLÉBER ÁVILA NA MINHA VISÃO TERÁ UMA MAIOR CONDIÇÕES PARA CONDUZIR A ENTIDADE, ATUALIZADO E COMPETÊNCIA NÃO LHE FALTAM. BORA.

FUTURA MESA DA ASSEMBLEIA

Botelho arrasta negociação para fechar chapa; 12 disputam 7 cargos

Por 01/06/2020, 18h:29 - Atualizado: 01/06/2020, 18h:35

eduardo botelho 680

Eduardo Botelho entra nos 10 últimos dias para a eleição da Mesa Diretora arrastando as negociações e tendo de conviver com queda-de-braço entre colegas por espaço. Há 12 deputados, metade da composição da Assembleia, disputando sete cargos na Mesa.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Jedae | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 08h12
    3
    0

    Todos querem uma boquinha nessa farta teta!

BOLSONARISTA

Ex-suplente "mordido" com Selma por criticar filho de Bolsonaro ouça

Por 01/06/2020, 15h:06 - Atualizado: 01/06/2020, 15h:26

beto possamai 680

O sojicultor de Sorriso, Beto Possamai (PSL), ainda não digeriu a cassação e, em especial, a falta de habilidade política da ex-senadora Selma Arruda, de quem foi primeiro-suplente e financiador milionário da campanha feita, em parte, com caixa 2.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • jose | Terça-Feira, 02 de Junho de 2020, 12h02
    1
    0

    a selma achou que era a dona do pedaço

  • Amaral antunes | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 22h35
    6
    0

    Possamai foi um fantoche, usaram a grana dele, e só. O ruim é que ele acreditou nessa gente...dançou gsucho...

  • USIEL | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 19h16
    7
    15

    Eu não quero saber, mais de Shelma Arruda, nem do Piveta ou do Faváro, eu já tô na luta pela eleição para o Senado, do Julio José de Campos, o 251. O resto é resto..kkkk

EMBATE EM VÁRZEA GRANDE

Jayme quer "esticar" mandato e Flávio fala em quebrar os Campos

Por 01/06/2020, 12h:13 - Atualizado: 01/06/2020, 18h:47

flavio vargas 680

Enquanto o senador Jayme Campos se movimenta em Brasília pela prorrogação de mandatos de prefeitos e vereadores, o que beneficiaria a esposa Lucimar com mais dois anos à frente do Paço Couto Magalhães, o empresário Flávio Vargas está em pré-campanha à sucessão em Várzea Grande.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • João Vacarias | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 15h54
    0
    0

    João Vacarias, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • max | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 14h45
    18
    20

    Agora VG é Flavio

  • Israel Borges | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 12h33
    32
    18

    vamos aguardar flavio so para ver a surra que voce vai tomar

PREOCUPAÇÃO

Pais e crianças pedindo esmolas logo cedo nos semáforos em Cuiabá

Por 31/05/2020, 22h:03 - Atualizado: 31/05/2020, 22h:06

sos 680

É de partir o coração a cena de crianças, logo cedo, por volta de 7 horas, inclusive acompanhadas e exploradas pelos pais, pedindo esmolas ou qualquer outro tipo de ajuda a motoristas nos semáforos em Cuiabá. Alguns são oriundos de outros países, como Venezuela.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • AMLID | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 12h58
    3
    1

    POIS É , AO CONTRÁRIO DE ALGUNS QUE PODEM USAR O CORONAVOUCHER!!! Nestes caso, só lhes resta pedir e certamente é melhor que roubar ou vender outros acessórios. No caso, seria profissão roubar, vender drogas...... Veja a situação "in loco" antes de emitir opiniões sem quaisquer humanidades.

  • Walter liz | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 09h49
    9
    2

    isso infelizmente virou " Profissão ", e as autoridades não se mexem para resolver

  • AMLID | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 08h16
    7
    3

    ONDE ESTÁ O INSTITUTO MAGGI E SEUS COLABORADORES. ACASO A FOME TEM NACIONALIDADE? TALVEZ ESTA POPULAÇÃO NÃO RENDA VOTOS. Talvez fosse o momento de menos marketing e mais atitudes. Se perdermos um minuto do nosso precioso tempo(assim falam alguns) e conversem com estas pessoas. Alguns possuem nível superior, são profissionais qualificados em seus países e aqui é uma população invisível, assim, como os haitianos e tantos outros. O que nos dá enjoo é saber que muito usam da miséria humana para se tornarem brilhantes marketeiros. FAÇAM E QUE A MÃO DIREITA O QUE A ESQUERDA NÃO VEJA!!!!!

IMPASSE

Entre reeleição e disputa ao Governo

Por 31/05/2020, 15h:40 - Atualizado: 31/05/2020, 15h:44

emanuel pinheiro 680

A sete meses de concluir o mandato, o prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (MDB) vive um impasse político, de olho no presente e pensando no futuro.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Povo otario | Segunda-Feira, 01 de Junho de 2020, 09h47
    3
    5

    Mané governador e vice Sinval...Riva e Pedro do Taques coordenador de campanha

  • servidora massacrada | Domingo, 31 de Maio de 2020, 21h28
    10
    1

    mil vezes o mané como governador do que esse atual que todo dia trama alguma coisa para retirar algum direito dos servidores publico. em 2022 só vou votar em quem tem compromisso com o servidor publico, chega de apanhar!

  • Maurício coophamil | Domingo, 31 de Maio de 2020, 20h57
    1
    2

    Maurício coophamil, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2550