Blog do Romilson Cuiabá, 04 de Agosto DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Alexandre e Lúdio fecharam acordos para eleições de 2012 e 2014 e incluíram UFMT

Por 16/03/2014, 09h:37 - Atualizado: 16/03/2014, 09h:49

O deputado Alexandre Cesar, principal articulador da pré-candidatura de Julier Sebastião ao governo, está na bronca com o colega petista Lúdio Cabral por este ter se apresentado por último também como virtual concorrente à sucessão estadual, atropelando etapas, o que acabou eclodindo nova crise interna e travando as definições de candidaturas majoritárias. Entre Alexandre e Lúdio havia acordo político, passando pelas eleições de 2012 e de 2014 e até pela disputa da Reitoria da UFMT.

Eis, abaixo, em tópicos, o que Alexandre comenta nos bastidores sobre negociações feitas sob chancela de Lúdio é que agora, segundo ele, não estão sendo cumpridos por Lúdio: 

Jonathan Fernandes/Rdnews

julier sebastião

Juiz Julier Sebastião deseja volta ao PT para disputar Governo

1) Em 2012, Lúdio entrou na disputa a prefeito da Capital apenas para ajudar a melhorar e dar visibilidade a imagem do PT, pois todos tinham convicção de que não haveria chance de vencer Mauro Mendes. Para surpresa geral, Lúdio foi ganhando espaço, com empurrão das máquinas dos governos Silval (PMDB) e Dilma (PT), levou o pleito para o segundo turno e se tornou uma das principais lideranças petistas.

2) Na ótica de Alexandre, houve entendimento para Lúdio deixar a tendência Graúna, com meia dúzia de seguidores, e migrar para o campo majoritário Construindo um Novo Brasil (antiga Unidade na Luta) para, assim, ganhar apoio de todo petismo à disputa à Prefeitura e, assim, foi feito. Alexandre até assumiu a coordenação-geral da campanha do colega no segundo turno.

3) No acordo, já vislumbrando o pleito de 2014, ambos "acertaram" que Lúdio concorreria a deputado federal, tendo o vereador cuiabano Alan Kardec como candidato a deputado estadual com apoio de Alexandre. O deputado, por sua vez, não iria tentar vaga na Assembleia. Se desvincularia da vida pública para, como professor universitário, se dedicar ao doutorado e, depois, disputar o cargo de reitor da UFMT, inclusive com respaldo da reitora Maria Lúcia Cavalli Neder, que retribuiria o apoio ao deputado, coordenador de suas duas campanhas vitoriosas.

4) Ainda na linha de Alexandre, Lúdio fora informado que o candidato do partido a governador seria Julier.

5) Eis que Lúdio se anima, instigado principalmente por apoios externos, costurados pelo cacique do PMDB Carlos Bezerra e pelo ex-petista, deputado federal Valtenir Pereira (Pros), e se lança também à sucessão estadual, aproveitando-se do fato do juiz federal ainda não ter se filiado ao PT.

6) Agora, o petismo tem dois pré-candidatos ao governo, embora Julier ainda não tenha retornado oficialmente à legenda. E, recorrendo aos acordos iniciais, a corrente CNB já decidiu que não haverá prévias, ou seja, os delegados vão deliberar para votar em apenas um nome. No embate interno, Julier leva vantagem, mesmo com uma série de outras desvantagens externas, como figurar entre os lanternas nas pesquisas, enquanto Lúdio pontua em segundo lugar, encontrar resistência de vários setores à candidatura e dificuldades de composições políticas.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • nelson fleury | Segunda-Feira, 17 de Março de 2014, 16h46
    1
    1

    porque que este senhor esta tao nervoso com o ludio sera inveja por ser o ludio do povao

  • Jandira Pereira | Domingo, 16 de Março de 2014, 19h28
    4
    2

    Votar nos marajás da justiça jamais. Voto nulo 00

  • alan | Domingo, 16 de Março de 2014, 17h13
    6
    1

    Deixo bem claro que o PT não tem dois candidatos, e, sim o trio alexandre, willian e abicalil, pois não houve consulta aos filiados, ou delegados, portanto não tem legitimidade o que alexandre afirma. Pois ele não tem procuração nem sequer de um unico filiado. Q droga esse cara não para de sacanear com as pessoas....estou idnignado com isso, e se realmente isso acontecer vamos fazer uma campanha interna no PT conta esse Julier nas urnas...

SEM CRISE

Mesmo com pandemia, 7 cartórios de Cuiabá faturam R$ 7 mi em julho

Por 03/08/2020, 18h:56 - Atualizado: 03/08/2020, 18h:59

Romilson Dourado

cartorio 7 oficio 680

Não há pandemia capaz de interromper os bons faturamentos dos cartórios extrajudiciais de Mato Grosso. As sete principais serventias de Cuiabá, que estavam atendendo sob agendamento, fecharam julho com R$ 7,5 milhões no caixa.

Postar um novo comentário

RUPTURA SEM VOLTA

A tentativa frustrada de Júlio de unir Emanuel e Mauro

Por 03/08/2020, 14h:30 - Atualizado: 03/08/2020, 14h:29

emanuel pinheiro julio campos 680

Prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro (MDB) e Júlio Campos (DEM), que foi prefeito, deputado, governador e senador

Acumulando experiência de mais de 40 anos de vida pública, Julio Campos enfrenta uma situação paradoxal.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Manoel Ribamar | Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020, 19h22
    1
    0

    Mauro Mendes e seu grupo, esta de na passagem no DEM, já usaram o DEM para chegar ao Governo, e já deixaram o Partido na Estrada da amargura faz tempo,portanto mesmo com toda experiencia e prestigio politico, não vai conseguir o seu objetivo dessa falsa união de contrários.

  • joao | Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020, 17h44
    1
    1

    Cabe aos Campos indicarem o vice na chapa de Emanuel Pinheiro para a reeleição.

RECURSOS FEDERAIS

Juína perde R$ 805 mil do MS por não habilitar unidades

Por 03/08/2020, 10h:30 - Atualizado: 03/08/2020, 10h:32

altir peruzzo 680

Administrada hoje pelo petista Altir Peruzzo, Juína, no noroeste mato-grossense, na divisa com Rondônia, deixará de receber neste ano R$ 805,3 mil do Ministério da Saúde por não cumprir os requisitos de habilitação das unidades de Suporte Avançado (USA) e de Suporte Básico (USB) do Samu.

Postar um novo comentário

PANDEMIA

Cuiabá deve acabar com toque de recolher; prefeito decide nesta 2ª

Por 02/08/2020, 17h:12 - Atualizado: 02/08/2020, 17h:19

Davi Valle

emanuel pinheiro 680

Emanuel Pinheiro fecha nesta segunda (3) o primeiro ciclo de monitoramento dos casos de Covid-19 e tudo indica que suspenderá o toque de recolher em Cuiabá, em vigor hoje entre 22 horas e 5 horas.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • marta | Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020, 09h15
    0
    4

    manoel infelizmente não anda como cuiaba quer, demora para dar soluçoes, fraco prefeito e depois do paleto, piorou.

  • Marcio Mario Albuquerque | Segunda-Feira, 03 de Agosto de 2020, 05h29
    1
    4

    Gosto do Emanuel e acho que fez muito por Cuiabá mais o covid enterrou ele politicamente e o Ze Carlos de Rondonópolis a mesma situação e acho quase impossível a eleição de ambos.

TRANSFERINDO DEMANDAS

O combinado é que só Cuiabá seria referência da Covid, diz prefeita

Lucimar afirma não existir só coronavírus e precisa agir sobre outras doenças

Por 02/08/2020, 09h:44 - Atualizado: 02/08/2020, 10h:05

lucimar campos 680

A prefeita várzea-grandense Lucimar Campos disse que, numa reunião com representantes de vários órgãos, como TCE, Assembleia, governo estadual e as duas maiores prefeituras, ficou combinado que a referência no tratamento de pessoas com Covid-19 só seria em Cuiabá.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Dos Santos | Domingo, 02 de Agosto de 2020, 10h47
    17
    0

    Embora as cidades do interior tem dado melhor exemplo no combate a covid, com maior numero de recuperados se comparado a Cuiabá e VG. Varzea grande não é interior, pois é a 2ª maior cidade e esta na região metropolitana, tem obrigação de junto com Cuiabá ser referência também no atendimento para Covid. Como é fácil transferir responsabilidade para os outros e tirar o corpo de fora, não é mesmo, prefeita?...

  • Manoel | Domingo, 02 de Agosto de 2020, 10h03
    3
    15

    Não sou eleitor de Várzea Grande, e nem tenho poderes para defender a Prefeita Municipal de V.Grande, mais nisso ela tem razão: Logo que iniciou a Pandemia do Coranavirus, o Governo do estado via Secretária da Saude (sr.Gilberto Figueiredo)e as Prefeituras de Cuiabá e V.Grande, acertaram de que o H.PS de V.Grande, não iria cuidar de pacientes do COVID 19, mais de todas as outras doenças, e que os doente do COVID seriam referenciados para o Hospital Metropolitano do Cristo Rey (que é Estadual),e foi ampliado mais 200 leitos de 50 UTIS para o COVID, mais a Santa Casa (que tambem é Estadual), e o Hospital São Benedito e o antigo Pronto Socorro de Cuiabá, que ficaria exclusivamente para o COVID 19. E o HPSocorro de VG, atenderia outras doenças, menos COVID 19. Essa é a verdade, e Prefeita Lucimar falou certo.

APOSENTADORIA POLÍTICA

Sou adepto da renovação, diz Blairo

Por 01/08/2020, 20h:40 - Atualizado: 01/08/2020, 20h:52

blairo maggi 680

Do megaempresário Blairo Maggi, que ocupou mandato eletivo por quase 20 anos, ao reafirmar que está fora de vez da vida pública:

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Amaral antunes | Domingo, 02 de Agosto de 2020, 08h45
    4
    0

    Renovacao que você apoiou no TCE, quando governador né?! blairo, blairo, blairo, mad merda, confiava tanto em vc, decepção pura

  • Reginaldo | Sábado, 01 de Agosto de 2020, 21h21
    10
    1

    Muito bem, mas nunca se esqueça que dos acordos espurius feitos pelo sr, surgiu um dos piores governadores de MT, ladrão confesso Silval Barbosa, parte da culpa é do senhor, tomara que os novos não venha a alimentar os hábitos da velha política... acordos, conchavos e negociatas.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2580