Blog do Romilson Cuiabá, 26 de Fevereiro DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

LEGISLATIVO

Araguaia, Oeste e Médio-Norte têm menores representatividade na AL

16/02/2010, 08h:55 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

Deputado Adalto de Freitas   As regiões do Araguaia, Oeste e Meio-Norte são as mais descobertas hoje na Assembleia em termo de representatividade política. Levantamento feito pelo blog aponta que o Araguaia, com 32 municípios e um universo de aproximadamente 340 mil habitantes e 210 mil eleitores, só possui como espécie de porta-voz o deputado Adalto de Freitas, o Daltinho, que reside em Barra do Garças. Embora com duas cadeiras ocupadas por Airton Rondina, o Português, de Araputanga, e Antônio Azambuja, de Pontes e Lacerda, o Oeste não possui um parlamentar de Cáceres, cidade-pólo de uma região com 22 municípios e com mais de 200 mil eleitores. A situação é similar ao do Médio-Norte, que tem como representantes Wagner Ramos, de Tangará da Serra, e Otaviano Pivetta, de Lucas do Rio Verde.

   Esse mapeamento político num Estado com 141 municípios distribuídos em 906.069 km2 é uma prova de que reina a desigualdade regional até no meio político. Nesse caso, a culpa é do próprio eleitor. É comum em época de campanha candidatos reclamarem da invasão de outros em suas regiões, embora não tenham esse direito, afinal, o eleitor escolhe quem bem entender para representá-lo tanto no Legislativo quanto no Executivo. Por outro lado, dificilmente um deputado de uma região vá priorizar outra, mesmo tendo conseguido "arrancar" alguns votos por lá.

   São 24 deputados, com salário de R$ 15 mil cada e com direito ao mesmo valor de verba indenizatória. São pagos para, durante quatro anos, apresentar projetos e outras proposituras e para fiscalizar os atos do Poder Executivo.

    A Baixada Cuiabana, representada por ao menos nove municípios (Cuiabá, Várzea Grande, Acorizal, Barão de Melgaço, Chapada dos Guimarães, Jangada, Nossa Senhora do Livramento, Poconé e Santo Antônio de Leverger), reune quase 800 mil eleitores. Na Assembleia, é a que conta com maior representatividade. Hoje são 8: Sérgio Ricardo e João Malheiros (ambos do PR), Alexandre Cesar (PT), Wallace Guimarães e Antônio Brito (os dois do PMDB), Chica Nunes (DEM), Maksuês Leite (PP) e Guilherme Maluf (PSDB). O curioso é que eles ou residem na Capital ou em Várzea Grande.

    Em meio às mudanças de bancadas, seja por renúncia, rodízio entre titulares e suplentes ou cassação de mandato, o Nortão ganhou força. Seus porta-vozes hoje são 5, se igualando ao Sul, região capitaneada por Rondonópolis. Se identificam como do Nortão Dilceu Dal Bosco (DEM), que mora em Sinop; Mauro Savi (PR) e José Domingos (DEM), de Sorriso; Ademir Brunetto (PT), de Alta Floresta; e Nilson Santos (PMDB), de Colíder. Constantemente, a bancada do Nortão se amplia com retorno de Pedro Satélite (PPS), de Guarantã do Norte.

    Da Grande Rondonópolis estão na Assembleia os ex-prefeitos Percival Muniz (PPS) e Jota Barreto (PR), Sebastião Rezende (PR), Wilma Moreira (PSB) e Gilmar Fabris (DEM). O presidente da Assembleia José Riva (PP) reina sozinho como representante do Vale do Arinos.

    Um dos que mais reclamam da falta de representatividade no Araguaia é Daltinho. A extensa região é batizada de Vale dos Esquecidos. De ponta-a-ponta (Alto Taquari a Vila Rica) são cerca de 1,2 mil km. A região é carente de infra-estrutura. Neste período chuvoso, por exemplo, muitas estradas ficam interditadas, isolando municípios.


Mapa de MT e seus municípios e regiões em destaque que contam com representantes na Assembleia Legislativa

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • luiz fernando | Terça-Feira, 16 de Fevereiro de 2010, 22h27
    0
    0

    A alguns dias atrás vi um discurso deste dep. Daltinho em uma audiência pública, olha nunca vi tanta besteira e tanta falsidade em um discurso de politico (só perde pro WS), é desses politicos que MT precisa ? Estamos perdidos!

EM PEDRA PRETA

Justiça destitui mais uma tabeliã e lacra cartório

Por 25/02/2021, 14h:34 - Atualizado: 25/02/2021, 14h:38

cartorio primeiro oficio pedra preta 680

Mais uma tabeliã é destituída do cargo em Mato Grosso por diversas irregularidades.  Desta vez, a punição é para a interina Carmem Aparecida Monteiro,  responsável pelo Cartório do 1º Ofício de Notas e Registro de Títulos e Documentos de Pessoas Jurídicas de Pedra Preta.

Postar um novo comentário

NA ASSEMBLEIA

De volta pela 5ª vez nesta legislatura

Por 25/02/2021, 09h:15 - Atualizado: 25/02/2021, 09h:18

romoaldo junior 680

Aos 60 anos, 40 deles de vida pública, Romoaldo Júnior está de volta, pela quinta vez nesta legislatura, à cadeira de deputado. Aliás, nos últimos 24 meses, ele só ficou 20 dias na reserva, mesmo derrotado nas urnas de 2018.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Caio junior | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 23h00
    0
    0

    Em Sinop interveio em 2 e nao abre outras 5....eita TJ

APOIOS EXTERNOS

Queda-de-braço entre deputados na eleição da Ucmmat

Por 24/02/2021, 20h:07 - Atualizado: 24/02/2021, 20h:07

bruno rios ucmmat 680

O processo eleitoral na Ucmmat, que terminou hoje com a vitória à presidência do vereador e advogado Bruno Rios (PSB), por uma diferença de 13 votos, se transformou numa queda-de-braço entre deputados estaduais e federais.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Robson Oliveira | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 11h55
    0
    1

    O maior cabo eleitoral do Edcley foi o Deputado Leonardo. Inexpressivo e traira

  • fabinn | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 11h51
    1
    0

    Perdeu porque fez um péssima gestão

  • Marcelo | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 11h44
    0
    0

    Perdeu com Riva pai e Riva filha juntos, no mesmo pacotão e de quebra deu um tapa na cara de WF, Neri Gueller e Emanuelzinho

PROJEÇÃO POLÍTICA

Investida no novo presidente da AL

Por 24/02/2021, 16h:25 - Atualizado: 24/02/2021, 16h:25

Rdnews/arquivo

max russi 680

Agora presidente da Assembleia, Max Russi (PSB), que se identifica como "deputado social", aos 45 anos, quer chegar a postos mais importantes na vida pública.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Bainho | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 08h43
    1
    0

    Agnello, indicar para uma pessoa estudar é preconceito? Como? Aposto que vc seja de ideologias da esquerda.

  • Heleno | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021, 19h28
    6
    4

    Primeiro tem estudar, como vai ser governador sem estudo?

CONTRATO EMERGENCIAL

Governo freta avião para transportar indígenas em MT

Por 24/02/2021, 12h:59 - Atualizado: 24/02/2021, 12h:59

indios kayapo 680

Quem pensa que índios da etnia Kayapó, na região de Colíder (Nortão), não viajam de avião está enganado. Com autorização do Ministério da Saúde, um monomotor, às custas da União, está agora à disposição dos indígenas para atender casos emergenciais de saúde.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Chico Bento | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021, 15h34
    4
    1

    Enquanto isso o trabalhador que produz e paga impostos, tem de viajar durante mais de 24 horas num busão para se deslocar de sua cidade à Cuiabá atrás de um atendimento no hospital de Câncer, ortopedia, exames que só fazem na capital, etc.

INFRAESTRUTURA

Mais 2 mil km de concessão de rodovias

Por 23/02/2021, 14h:54 - Atualizado: 23/02/2021, 14h:55

Mayke Toscano

mauro mendes 680

O governo estadual já promoveu a concessão de quase mil km de rodovias e planeja entregar, até final do próximo ano, mais dois mil km à iniciativa privada.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Realista mais realista que o rei | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021, 08h46
    8
    1

    "Bão demax" isso! O estado entra com a realização da obra paga com os impostos de nos contribuintes, e depois passa para alguém lucrar horrores cobrando mais uma vez desse contribuinte tão surrupiado. Brasil acorda!

  • Caio junior | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021, 07h59
    8
    1

    REFAZENDO COMENTARIO: MAURO PEDAGIO MENDES.

  • Caio junior | Terça-Feira, 23 de Fevereiro de 2021, 16h43
    2
    0

    Caio junior, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2674