Blog do Romilson Cuiabá, 31 de Maio DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Blairo diz não ser candidato, assim como Cidinho, incentiva Lúdio e PR tem 2 pleitos

Ex-governador pondera ser preciso esperar até dia 5 para saber as decisões de Silval e Julier e descarta apoiar Taques a pedido da presidente Dilma, que pediu palanque exclusivo em MT; quer PR com Wellington ao Senado e chapão à AL para eleger até 7

Por 12/03/2014, 16h:47 - Atualizado: 12/03/2014, 16h:47

lúdio blairo valtenir

O senador Blairo Maggi (ao centro), em reunião em Brasília com o pré-candidato a governador Lúdio Cabral (à esq.) e o deputado federal Valtenir Pereira; republicano incentiva petista a manter o projeto 

O ex-governador e senador Blairo Maggi assegurou nesta terça, em reunião com Lúdio Cabral, que não será candidato à sucessão estadual, assim como o seu afilhado político, empresário Cidinho dos Santos, e incentivou o petista a se manter no páreo como pré-candidato majoritário. O republicano ponderou que é preciso aguardar até o próximo dia 5 para saber qual vai ser o destino do governador Silval Barbosa (PMDB), de renúncia para concorrer ao Senado ou de permanência no cargo até o final do mandato, e também se Julier Sebastião vai mesmo deixar a magistratura. Observou que se o peemedebista deixar o governo, o cenário tende a mudar com inserção de uma terceira candidatura forte, que seria do vice-governador Chico Daltro (PSD), que disputaria com a força da máquina.

Este Blog apurou que, em cerca de uma hora de conversa numa sala na Liderança do PR no Senado, Blairo disse que a prioridade do seu partido é de eleger Wellington Fagundes senador, enfatizando que este cumpre o sexto mandato de deputado federal e é legítimo que agora seja candidato à senatória, e também que se forme um chapão para o PR pode manter a maior bancada na Assembleia, com 6 ou 7 deputados. Essa coligação proporcional repetiria a de 2010, com republicanos juntos com petistas e peemedebistas. Na época conquistou 12 das 24 vagas de estadual.

O deputado federal Valtenir Pereira (Pros) também participou do encontro entre Lúdio e Blairo. O senador observou que ninguém de sua família aceita sua eventual candidatura ao Palácio Paiaguás, assim como seus diretores do Grupo Amaggi e disse que "é hora de renovação". Observou que Lúdio está correto em "botar o pé na estrada" e elogiou a postura do petista em procurar partidos e diferentes grupos políticos para tentar viabilizar o projeto majoritário. Orientou que o ex-vereador e candidato derrotado a prefeito de Cuiabá em 2012 "monte uma chapa da juventude".

Efeito-Cidinho e Dilma

Perguntado se apoiaria Cidinho, que assumirá sua vaga no Congresso neste mês para atuar no cargo por seis meses, Blairo foi enfático em dizer que o empresário não pretende concorrer a governador. Anunciou ainda que programa duas viagens ao exterior para cuidar de negócios empresariais, uma para os Estados Unidos no próximo mês, e outra para a Europa, em maio.

Na conversa, o senador republicano admitiu que estava mantendo um bom diálogo com o colega senador Pedro Taques (PDT), com possibilidade de apoiá-lo, mas que refluiu a pedido da presidente Dilma Rousseff. A petista e pré-candidata à reeleição o convocou para ajudar na montagem de um palanque único e exclusivo em Mato Grosso e afirma que se comprometeu a fazer isso. Sendo assim, descartou subir no palanque de Taques, pré-candidato de oposição tanto ao governo Dilma quanto à administração Silval.

Lúdio permanece em Brasília até quinta. Nesta terça, além de Blairo, ele conversou e esteve reunido com algumas lideranças em Brasília, se apresentando como pré-candidato a governador. "Estou muito animado, principalmente depois dessa conversa com o Blairo. Percebi muito sinceridade nas palavras dele", diz Lúdio, que ainda enfrenta embate interno no PT porque alguns líderes da chamada corrente majoritária querem Julier como candidato do partido à sucessão estadual. A convicção do ex-vereador é de, a partir de agora, se firmar como único nome da base na corrida ao Paiaguás e com apoio inicial de 8 partidos situacionistas, sendo eles PT, PR, PMDB, PC do B, PSD, PSC, PRB e Pros.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • josé pedro serafini | Quarta-Feira, 12 de Março de 2014, 10h53
    8
    4

    Blairo Maggi deverá ser o coordenador reeleição de Dilma junto ao agronegócio brasileiro e principal articulador dela no MT. Permanecerá no senado e, possívelmente, se tornará um futuro ministro no segundo mandado da petista.

  • José Francisco | Quarta-Feira, 12 de Março de 2014, 10h46
    7
    5

    Acho imoral essa relação de juiz com partidos político e vice-versa. O juiz que quiser ser político que primeiro largue a toga. Vocês não concordam? Assim como fez o Pedro Taques! Pela forma de agir, percebe-se que é sério. Vocês não acham?o

  • Du | Quarta-Feira, 12 de Março de 2014, 10h10
    9
    8

    Blairo não é bobo,sabe muito bem que o Ludio será o Primeiro médico que será governador deste estado e fácil de carregar.

FORA DA LISTA

Senador leva reclamação a ministro por constrangimento sofrido em MT

Por 30/05/2020, 21h:33 - Atualizado: 05h atrás

carlos favaro 680

Inconformado por ter sido ignorado na solenidade da última quinta, em Rondonópolis, com a presença da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos), o senador Carlos Fávaro levou o caso para Brasília.

Postar um novo comentário

EM SINOP

Pré-candidato passa por cirurgia

Por 30/05/2020, 20h:07 - Atualizado: 06h atrás

roberto dorner 680

Aos 72 anos, o empresário e pré-candidato a prefeito de Sinop, Roberto Dorner, está hospitalizado. Se recupera de uma cirurgia.

Postar um novo comentário

EM RONDONÓPOLIS

10 metros de pizza em protesto à Câmara por não abrir investigação

Por 30/05/2020, 19h:01 - Atualizado: 05h atrás

protesto cei rondonopolis 680

Saiu mesmo a pizza de 10 metros de comprimentos e servida em praça pública em Rondonópolis, neste sábado.

Postar um novo comentário

EFEITO-PANDEMIA

Prefeitos e as máscaras sem licitar

Por 30/05/2020, 10h:32 - Atualizado: 05h atrás

francis maris 680

Na correria para adquirir equipamentos e produtos de proteção, em tempos de pandemia, prefeitos partiram para compras com dispensa de licitação. E estão amparados por leis.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Adão Gomes | Sábado, 30 de Maio de 2020, 19h25
    2
    0

    O povo morrendo

  • Monica Santos | Sábado, 30 de Maio de 2020, 19h23
    2
    0

    Vergonhoso essas compras sem licitação e nada que melhora a saúde

HOMENAGEM

Turma do Pedal e 64 anos de Blairo

Por 29/05/2020, 19h:48 - Atualizado: 29/05/2020, 19h:54

pedal blairo 680

Mesmo fora da vida pública, Blairo Maggi continua bastante prestigiado, carrega conceito de bom gestor e se tornou referência para muitos políticos de MT.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Henrique Dias | Sábado, 30 de Maio de 2020, 15h29
    1
    2

    Quando que esse super-corrupto do Blairo Maggi vai ser preso ? Aprontou demais como Governador de MT, continuou aprontando como Senador e Ministro da Agricultura, e até hoje tá solto. Realmene no Brasil, a Justiça só PUNE os pobres,pretos,e desqualificados. Os ricos nunca são punidos, MORO nelle.

  • Neto | Sexta-Feira, 29 de Maio de 2020, 22h42
    7
    2

    Matéria Lamentável .

Rondonópolis

Ato anti-vereadores por enterro de CEI terá pizza de 10 metros

Por 29/05/2020, 17h:45 - Atualizado: 29/05/2020, 17h:53

cei rondonpolis 10

Vereadores de Rondonópolis, uma das cidades mais politizadas do Estado, enterraram no último dia 22 um pedido de investigação contra o prefeito Zé do Pátio e, com isso, provocaram a ira do Movimento Popular, que neste sábado realiza um ato de protesto na praça Brasil.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • jao | Sábado, 30 de Maio de 2020, 09h08
    0
    0

    É o Zé que o povo quer. Tapinha nas costas, Lulista, demagogo, populista, anti empresariado, enfim, roo cada vez mais indo pro buraco. Literalmente.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2549