Blog do Romilson Cuiabá, 22 de Janeiro DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Senado

Cheguei no limite, não vou me candidatar, diz Sobrinho

29/12/2009, 14h:21 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

   Após exercer o cargo de senador por 121 dias, o ex-deputado estadual e ex-secretário de Governo de Cuiabá Osvaldo Sobrinho (PTB) se diz desiludido com a vida política. Ele figura em todas as pesquisas de intenções de votos ao Senado, mas garante que não disputará cargo eletivo em 2010. “Cheguei ao meu limite. Vou me dedicar à minha vida pessoal”, desconversa.

   Segundo suplente do senador Jayme Campos (DEM), Sobrinho assumiu em setembro devido à desistência do primeiro suplente Luiz Antônio Pagot em deixar o comando do Dnit para se dedicar aos trabalhos no Senado. Em 1º de fevereiro, o democrata volta a atuar no Congresso, enquanto Sobrinho pretende se dedicar à campanha do prefeito Wilson Santos (PSDB) ao governo do Estado. “Vou ajudar os amigos. Foi muito bom, valeu à pena, mas não dá mais”, diz.

    Se por um lado Sobrinho se mostra totalmente desiludido com a política, de outro demonstra empolgação ao falar dos projetos e pronunciamentos feitos no Senado. Ele pretende divulgar nos próximos dias um balanço de sua atividade parlamentar, que considera extremamente positiva. “Tivemos uma produtividade muito boa, vamos até divulgar um balanço com todos os dados”.

   Nos quatro meses em que ficou no Congresso, o petebista embolsou salário de praticamente R$ 16 mil. Ele também recebe R$ 11,5 mil como governador, apesar de ter assumido o comando do Estado por menos de 15 dias. Sobrinho era vice do então governador Jaime Campos (ex-PFL atual DEM).
 

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • maria amelia | Domingo, 03 de Janeiro de 2010, 12h20
    0
    0

    Até q enfim..., ja vai tarde!!!!!

  • Alex Vieiraa | Quarta-Feira, 30 de Dezembro de 2009, 02h27
    0
    0

    Uma pena, realmente uma perda, a desistencia da vida publica do Prof. Osvaldo, sempre etico e humilde, valorizou a categoria de professores quando foi delegado e secretario de educação.O brasileiro tem uma mania de generalizar a qualificaçao da vida publica dos politicos. Criticas tem e deve ser pontuadas, mas com embasamento.

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 30 de Dezembro de 2009, 00h50
    0
    0

    Gostaria que o sr. Osvaldo Sobrinho, me ensinase a fazer a ficar rico da noite para o dia, ou será o contrário? O cara era um simples professor, de repente tem várias emissora de rádio, fazendas, etc. O homem tem o toque de midas.

FONTE LIMPA

UFMT fecha negócio de R$ 5 mi para ter energia solar

Por 22/01/2021, 09h:15 - Atualizado: 02h atrás

ufmt 680

Até o final deste ano, a UFMT terá instalado em sua estrutura predial, na sede, em Cuiabá, energia solar fotovoltaíca ligada à rede SFCR, gerando energia sustentável e econômica pela radiação solar com aplicação conectado com a rede elétrica da Energisa.

Postar um novo comentário

CARGOS ELETIVOS

DEM é maior em MT em número de prefeitos e vereadores; MDB, 2º veja

Por 21/01/2021, 17h:38 - Atualizado: 21/01/2021, 17h:41

partidos quantidade mt 680

Com o resultado das urnas de novembro e já com os eleitos empossados, o DEM do governador Mauro Mendes se torna a maior legenda em número de ocupantes de cargos eletivos no Estado.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Reginaldo Malheiros Silva | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 17h55
    4
    0

    Só que em número de eleitores e população os Prefeitos do DEM representam apenas 10% do eleitorado de Mato Grosso, e pouco mais de 12,5% da população do Estado. O município mais expressivo que o DEM governa é Juara, é sim o MDB , PSB, PSDB que tem a maioria dos eleitores de MT. Vitória de mentirinha essa DEM de MT.

COMPRA MILIONÁRIA

Membros do MPE sem data para receber celulares de última geração

Por 21/01/2021, 12h:34 - Atualizado: 21/01/2021, 12h:37

Rodinei Crescêncio/Rdnews

jose antonio borges 680

Os promotores e procuradores de Justiça de MT ainda não sabem quando receberão os aparelhos celulares de última geração para uso funcional.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Aldo | Sexta-Feira, 22 de Janeiro de 2021, 07h13
    1
    0

    Enquanto isso quem trabalha e paga altas taxas de impostos mal conseguem pagar suas contas e comprar alimentos para suas famílias. Impostos pagos pelo povo pra comprar smartphones para os funcionários públicos que tem os maiores salários do estado.

  • Revoltado | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 13h05
    10
    0

    Parem de notíciar isso, não vamos poder fazer nada mesmo, povo acomodado. A tendência desse governo é privilegiar os órgãos que podem fiscaliza_lo em detrimento do resto da população.

ESTRATÉGIA

Com base e cargos, Wilson sufoca deputados de Rondonópolis

Por 20/01/2021, 22h:45 - Atualizado: 20/01/2021, 22h:49

Fablicio Rodrigues

wilson santos 680

Matreiro político, o ex-prefeito de Cuiabá, ex-deputado federal e hoje estadual Wilson Santos está ampliando base eleitoral além da Baixada Cuiabana.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Naldinho | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 06h31
    6
    3

    Ele precisa distribuir o seu livro para que esse pessoal não se eleja nunca mais. Por sinal, o Pátio traiu o PMDB em prol da candidatura alvissareira do Wilson a governador.

CORPORAÇÃO

MT tem hoje menos de 7 mil PMs para o trabalho ostensivo

Por 20/01/2021, 17h:54 - Atualizado: 20/01/2021, 17h:58

pms 680

A Polícia Militar conta hoje com 6.993 integrantes (fora 1.321 bombeiros) para atuar no policiamento ostensivo e preservação da ordem em um Estado com 3,6 milhões de habitantes nos 141 municípios. A proporção é de um policial para 514 habitantes, metade do número recomendado pela ONU.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Ruy | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 18h01
    0
    0

    Onde já se viu uma Polícia Militar com menos de 7 mil homens na sua tropa ter 214 Tenente-coronéis e 30 Coronéis. É um desperdício de dinheiro público tremendo e desnecessário. Precisamos sim de SOLDADOS, CABOS E SARGENTOS que estão na linha de frente enfrentando os BANDIDOS e não Almofadinhas que ficam em Gabinetes coçando o saco e conversando fiado.

  • jair monteiro | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 10h01
    5
    0

    Qual a necessidade de oficial estar lotado em órgão publico? Tem que ir pra rua e sair do ar condicionado

  • RAFAEL | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 09h52
    4
    0

    O número de policial por habitante na prática é muito menor. É muito policial em funções administrativas e na de imprensa, a serviço em outros órgãos e nas funções mais diversas. Só na segurança do governador tem um monte. Aí no TCE vemos diariamente vários deles, alguns organizando o estacionamento do órgão, o que se repete no TJ, MP e AL. Não bastasse isso, se criou um dito batalhão fazendário, onde só acompanham as fiscalizações. E mais, os números demonstram muito cacique para pouco índio na corporação...

PRESIDÊNCIA

2 mulheres na "briga" pelo Indea-MT

Por 20/01/2021, 13h:06 - Atualizado: 20/01/2021, 13h:09

daniella bueno indea 680

Emanuele Gonçalina de Almeida assumiu interinamente a presidência do Indea e com possibilidade de se efetivar no posto de comando.

Postar um novo comentário

Comentários (23)

  • Servidora do Indea-MT | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 08h40
    0
    0

    Servidora do Indea-MT, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Só observo | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 17h31
    0
    1

    Só observo , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Lucineide_delgado@gmail.com | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 17h29
    4
    0

    É fácil descobrir “ Carlos Alberto” se o marido dela é servidor público do Estado também, se ele já foi “fornecedor” do Indea basta jogar o nome dele no Diário Oficial!! Nao fala mentira sobre um polícia rapaz!!

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2660