Blog do Romilson Cuiabá, 21 de Janeiro DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

ARTICULAÇÃO

Chico 2000 rejeita 2 cargos; posse de Misael fica indefinida

16/04/2010, 14h:11 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:25

Chico 2000  Foto: Luiz Alves   O vereador Chico 2000 (PR) não aceitou os dois cargos de segundo escalão no staff de Silval Barbosa (PMDB) articulados por deputados republicanos com o peemedebista. Por enquanto, o vereador terá que se contentar em continuar na Câmara de Cuiabá. Ao RDNews, ele disse que decidiu rejeitar o posto de superintendente estadual de Manutenção das Rodovias e de diretor-adjunto da secretaria estadual de Infraestrutura (Sinfra), sob Vilceu Marchetti (PR), por entender que não conseguiria atuar como “executor”.

    A superintendência é ocupada por Valter Sampaio, enquanto o comando da secretaria-adjunta permanece vago após a exoneração de Joaquim Curvo. “Voltamos à estaca zero porque não aceitei nenhum dos cargos. Houve muita conversa e pouca definição”, reclamou o vereador, que sonha em ocupar um cargo no primeiro-escalão.

   Na tropa de “escudeiros” que negocia o ingresso de Chico 2000 no staff está o deputado estadual João Malheiros (PR) e do diretor da Agecopa, Carlos Brito. Eles “batem duro” para emplacar o parlamentar no governo porque têm interesse na estréia do presidente da Associação do Shopping Popular de Cuiabá, Misael Galvão (PR), na Câmara. O suplente tem influência não só entre os comerciantes, como na região do bairro Doutor Fábio, onde já presidiu a associação de moradores.

   Chico 2000 assegura que vai pedir licença para beneficiar Misael mesmo se não conseguir um cargo no governo. “vou dar espaço para ele”, garante. O problema é que o Regimento Interno e a Lei Orgânica determinam que o suplente só será chamado em caso de doença ou se o titular assumir um cargo na prefeitura ou no governo estadual. Como Chico 2000 não está doente, Misael teve que guardar o ‘terno” e agora espera a definição do impasse.

   Nas eleições de 2008, ele teve 3.069 votos e figura na condição de segundo suplente da coligação. O primeiro da “fila”, Arnaldo Penha (PMDB), se efetivou na cadeira de Lutero Ponce (PMDB), cassado por improbidade administrativa.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • João cândido | Sexta-Feira, 16 de Abril de 2010, 16h02
    0
    0

    Misael, Deus escreve certo por linhas tortas, o seu momento vai chegar mesmo com tantas dificuldades, mas dificuldade para vc que é do povo não é algo estranho e assustador, confio em vc. E quanto ao veredor Chico 2000 espero que sai sim, mas com cargo para assim poder ajudar o povo.

  • Evaristo | Sexta-Feira, 16 de Abril de 2010, 15h59
    0
    0

    Exa. o seu discurso é até bonito, porém incoerente,pense nisso.

  • Sergio Nogueira | Sexta-Feira, 16 de Abril de 2010, 15h51
    0
    0

    Vereador Chico 2000, admiro seu trabalho, porém estou sem sabe o que realmente está acontecendo, os cargos que foi oferecido para o sr são cargoe que poderam ajudar muito o povo cuiabano e matogrossense.

CARGOS ELETIVOS

DEM é maior em MT em número de prefeitos e vereadores; MDB, 2º veja

Por 21/01/2021, 17h:38 - Atualizado: 01h atrás

partidos quantidade mt 680

Com o resultado das urnas de novembro e já com os eleitos empossados, o DEM do governador Mauro Mendes se torna a maior legenda em número de ocupantes de cargos eletivos no Estado.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Reginaldo Malheiros Silva | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 17h55
    0
    0

    Só que em número de eleitores e população os Prefeitos do DEM representam apenas 10% do eleitorado de Mato Grosso, e pouco mais de 12,5% da população do Estado. O município mais expressivo que o DEM governa é Juara, é sim o MDB , PSB, PSDB que tem a maioria dos eleitores de MT. Vitória de mentirinha essa DEM de MT.

COMPRA MILIONÁRIA

Membros do MPE sem data para receber celulares de última geração

Por 21/01/2021, 12h:34 - Atualizado: 06h atrás

Rodinei Crescêncio/Rdnews

jose antonio borges 680

Os promotores e procuradores de Justiça de MT ainda não sabem quando receberão os aparelhos celulares de última geração para uso funcional.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Revoltado | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 13h05
    8
    0

    Parem de notíciar isso, não vamos poder fazer nada mesmo, povo acomodado. A tendência desse governo é privilegiar os órgãos que podem fiscaliza_lo em detrimento do resto da população.

ESTRATÉGIA

Com base e cargos, Wilson sufoca deputados de Rondonópolis

Por 20/01/2021, 22h:45 - Atualizado: 20/01/2021, 22h:49

Fablicio Rodrigues

wilson santos 680

Matreiro político, o ex-prefeito de Cuiabá, ex-deputado federal e hoje estadual Wilson Santos está ampliando base eleitoral além da Baixada Cuiabana.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Naldinho | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 06h31
    6
    3

    Ele precisa distribuir o seu livro para que esse pessoal não se eleja nunca mais. Por sinal, o Pátio traiu o PMDB em prol da candidatura alvissareira do Wilson a governador.

CORPORAÇÃO

MT tem hoje menos de 7 mil PMs para o trabalho ostensivo

Por 20/01/2021, 17h:54 - Atualizado: 20/01/2021, 17h:58

pms 680

A Polícia Militar conta hoje com 6.993 integrantes (fora 1.321 bombeiros) para atuar no policiamento ostensivo e preservação da ordem em um Estado com 3,6 milhões de habitantes nos 141 municípios. A proporção é de um policial para 514 habitantes, metade do número recomendado pela ONU.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Ruy | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 18h01
    0
    0

    Onde já se viu uma Polícia Militar com menos de 7 mil homens na sua tropa ter 214 Tenente-coronéis e 30 Coronéis. É um desperdício de dinheiro público tremendo e desnecessário. Precisamos sim de SOLDADOS, CABOS E SARGENTOS que estão na linha de frente enfrentando os BANDIDOS e não Almofadinhas que ficam em Gabinetes coçando o saco e conversando fiado.

  • jair monteiro | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 10h01
    5
    0

    Qual a necessidade de oficial estar lotado em órgão publico? Tem que ir pra rua e sair do ar condicionado

  • RAFAEL | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 09h52
    4
    0

    O número de policial por habitante na prática é muito menor. É muito policial em funções administrativas e na de imprensa, a serviço em outros órgãos e nas funções mais diversas. Só na segurança do governador tem um monte. Aí no TCE vemos diariamente vários deles, alguns organizando o estacionamento do órgão, o que se repete no TJ, MP e AL. Não bastasse isso, se criou um dito batalhão fazendário, onde só acompanham as fiscalizações. E mais, os números demonstram muito cacique para pouco índio na corporação...

PRESIDÊNCIA

2 mulheres na "briga" pelo Indea-MT

Por 20/01/2021, 13h:06 - Atualizado: 20/01/2021, 13h:09

daniella bueno indea 680

Emanuele Gonçalina de Almeida assumiu interinamente a presidência do Indea e com possibilidade de se efetivar no posto de comando.

Postar um novo comentário

Comentários (23)

  • Servidora do Indea-MT | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 08h40
    0
    0

    Servidora do Indea-MT, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Só observo | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 17h31
    0
    1

    Só observo , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Lucineide_delgado@gmail.com | Quarta-Feira, 20 de Janeiro de 2021, 17h29
    4
    0

    É fácil descobrir “ Carlos Alberto” se o marido dela é servidor público do Estado também, se ele já foi “fornecedor” do Indea basta jogar o nome dele no Diário Oficial!! Nao fala mentira sobre um polícia rapaz!!

CLUBE-EMPRESA

Os Dresch colhem o que plantaram com o Cuiabá na elite do futebol

Por 19/01/2021, 23h:55 - Atualizado: 19/01/2021, 23h:59

familia dresch cuiaba clube 680

A família Dresch, dona da indústria de borracha Drebor, está com sorriso largo. E não é para menos.

Postar um novo comentário

Comentários (18)

  • Claure Santos da silva | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 15h35
    3
    0

    Parabens assim que esta familia tem que ter.os pés no chão e não ter pessoas que tentam roubar e uma VERGONHA para outros times de Cuiaba que foram a falencia pensando SOMENTE em passar a mão no pouco que tem viva o DOURADO sou.de Campo Grande Ms Matrogrossense de Chapa e Cruz.

  • Mathias Mario | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 14h20
    5
    0

    S E N S A C I O N A L !!! OBRIGADO FAMILIA DRESCH, VOCES E NÓS CUIABANOS MERECEMOS. CUIABA E.C O NOSSO DOURADO,E O NOSSO GRANDE ORGULHO.

  • Citizenship | Quinta-Feira, 21 de Janeiro de 2021, 11h31
    2
    2

    Há pessoas que precisam descobrir que territórios políticos são apenas construções históricas e não genética. Existem seres humanos, segundo a genética. Nâo importa se nasceram em território A ou B. O território não determina se a pessoa age moralmente ou tecnicamente bem nem mal. Se é capaz ou não. Se é inteligente ou não. Então, nem para jogadores nem para dirigentes há que se exigir comprovação de endereço para permitir que sejam valorizados ou desprezados. Quem exigia comprovante de endereço e exame de sangue eram os nazistas. Será que não foi suficiente aquela destruição que o racismo produziu?

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2659