Blog do Romilson Cuiabá, 02 de Março DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Antipetismo

Taques antecipa apoio a Bolsonaro em eventual 2º turno, mas afirma acreditar em virada de Alckmin

Por 28/09/2018, 15h:14 - Atualizado: 29/09/2018, 10h:56

 O governador Pedro Taques (PSDB) decidiu apoiar o presidenciável Jair Bolsonaro (PSL) no segundo turno. A decisão foi motivada pelo antipetismo já que o tucano se orgulha de ter sido pioneiro na defesa do impeachment da ex-presidente da República Dilma Rousseff (PT) e se nega a fazer autocrítica pela postura do PSDB nos últimos anos.

Rodinei Crescêncio

Pedro Taques chega a debate

 Aliado ao PSL em Mato Grosso, governador Pedro Taques já antecipa o apoio a Jair Bolsonaro em eventual  2º  turno 

Ocorre que o ex-presidente nacional do PSDB, senador pelo Ceará Tasso Jereissati, já admitiu publicamente que a sigla errou ao ter questionado o resultado das eleições de 2014 após a derrota do correligionário Aécio Neves na disputa presidencial. Também considerou com equivoco ter se aliado com o ex-presidente da Câmara dos Deputados Eduardo Cunha (MDB-RJ) para aprovar as chamadas pautas bombas e ajudado a agravar a crise que afeta o Brasil até hoje.  

        No entanto, Taques afirma que ainda acredita na possibilidade do tucano Geraldo Alckmin, que aparece com 8% das intenções de voto na última pesquisa Ibope, chegar ao segundo turno. O levantamento mostra Bolsonaro liderando com 27% e o petista Fernando Haddad consolidado na segunda colocação com 22%.

Se Alckmin não for ao segundo turno, mas eu acredito que vá, eu não apoio o PT. Vou apoiar o Bolsonaro. Está decidido já

Pedro Taques

“Nós vamos ao segundo turno com Alckmin. Se Alckmin não for ao segundo turno, mas eu acredito que vá, eu não apoio o PT. Vou apoiar o Bolsonaro. Está decidido já”, declarou Taques após o debate entre os candidatos ao Governo do Estado promovido pela TV Vila Real nesta sexta (28).  

A coligação de Taques, denominada Segue em Frente Mato Grosso,  tem a participação do PSL do presidenciável conservador e de direita famoso por declarações consideradas machistas, misóginas, racistas e homofóbicas. No entanto, a juíza aposentada Selma Arruda, que concorre ao Senado pela sigla com o slogan “A senadora do Bolsonaro” rompeu com o tucano o acusando de corrupção.

 Descontente com a divisão do tempo de TV, Selma anunciou ruptura do Taques e com o candidato ao Senado pelo PSDB Nilson Leitão. Além disso, acusou a dupla de participação no esquema de corrupção na pasta da Educação, desmantelado pela Operação Rêmora, com base nas delações premiadas do ex-secretário Permínio Pinto e do empresário Alan Malouf, já homologadas pelo Judiciário.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Bertha | Segunda-Feira, 01 de Outubro de 2018, 08h46
    1
    0

    Já estava perdido, agora declarando apoio ao #EleNao, perdeu também os votos das mulheres!

  • Dose Dupla | Domingo, 30 de Setembro de 2018, 22h15
    2
    2

    A ressaca pós eleitoral vai ser dolorida demais para Pedro Taques... vai ser derrotado novamente apoiando o #EleNão

  • Roberto Pires | Sábado, 29 de Setembro de 2018, 07h36
    8
    6

    Traiu os antigos companheiros, traiu os eleitores e agora trai o 'amigo' Alckmin. A falta de lealdade do nosso governador parece não ter limites. Que Bolsonaro faça bom proveito, nós cansamos.

EXÉRCITO EM MT

Sede do 9º BEC será mesma transferida para Sinop

Por 02/03/2021, 06h:32 - Atualizado: 01h atrás

nono bec sinop 680

O 9º BEC terá mesmo sua sede transferida de Cuiabá para Sinop.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Caio junior | Terça-Feira, 02 de Março de 2021, 07h28
    0
    0

    Véio caronero

EM CÁCERES

Ex-prefeito empurra dívidas e complica caixa da sucessora

Por 01/03/2021, 21h:35 - Atualizado: 01/03/2021, 21h:39

francis maris 680

O ex-prefeito de dois mandatos de Cáceres, Francis Maris, propaga até hoje que deixou R$ 33 milhões em caixa. Ele só não comenta que esse dinheiro ficou carimbado e será insuficiente para cobrir tantos compromissos e dívidas milionárias.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Regina Mendes | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 22h45
    2
    6

    Essas informações não são oficiais e a prefeitura não confirma. O ex-prefeito Francis tem como provar o que deixou na conta. Vamos fazer jornalismo sério!

NA ASSEMBLEIA

Deputado abandona chapéu após operação da PF

Por 01/03/2021, 19h:24 - Atualizado: 01/03/2021, 19h:26

nininho 680

Empresário, pecuarista, ex-prefeito de Itiquira e deputado pelo terceiro mandato, Ondanir Bortolini, o Nininho (PSD), abandonou o chapéu de palha que o acompanhou há anos nas sessões na Assembleia e nos eventos públicos.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Zeca Valeiro | Terça-Feira, 02 de Março de 2021, 07h27
    0
    0

    Sujeito sem noção de civismo. Chapéu é usado para cobrir sol, sereno, até pequena chuva. É apetrecho, não é peça de vestuário para se usar no trabalho na AL ou em qualquer lugar fechado.

  • Saulo | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 22h44
    8
    0

    E famoso, ganhou até um nome da operação da PF, acontece que tem imunidade, dificilmente vai preso.

  • Mato grossense | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 21h56
    7
    6

    Matéria tendenciosa. O deputado abandonou o chapéu faz tempo desde que colocou a mão no bolso e colocou cabelo na cabeça

TESTE DAS URNAS

Um delegado com pretensões políticas

Por 01/03/2021, 17h:14 - Atualizado: 01/03/2021, 17h:15

mario demerval 680

O diretor-geral da Polícia Civil, Mário Dermeval Aravéchia de Resende, pode ser uma das novidades dos quadros do governo na disputa por cargo eletivo.

Postar um novo comentário

NO GABINETE

46 assessores de senador de MT ganham quase R$ 500 mil por mês

Por 01/03/2021, 08h:34 - Atualizado: 01/03/2021, 08h:55

wellington fagundes 680

Em um Congresso Nacional que é o segundo mais caro do mundo, onde se consome mensalmente mais de R$ 32 milhões com a folha, perdendo apenas para o dos EUA, o senador mato-grossense Wellington Fagundes tem o privilégio de contar com 46 assessores no gabinete.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Antônio Carlos | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 19h37
    4
    1

    A culpa não é dele ...a culpa é de quem elege ele ...se eu estivesse no lugar dele faria o mesmo!!!...isso é o sistema ...cadê o povo pra ir pra rua protestar...e impedir essa bagunça ...então ..pq só ele é que está errado ...o maior errado é o povo .

  • PAULO | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 19h04
    5
    1

    Infelizmente não tem meu voto, vejo uma pessoa muito ambiciosa para poder assumir um cargo tão importante.

  • joao | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 14h23
    15
    1

    Que maravilha, tudo com o dinheiro do contribuinte. Tem jeito um país assim?.

INFRAESTRUTURA

Sem bancada federal, prefeito vai a Ministério pela duplicação da 163

Por 28/02/2021, 18h:35 - Atualizado: 28/02/2021, 18h:47

roberto dorner 680

O prefeito sinopense Roberto Dorner passou a liderar um movimento que, na prática, deveria ser encampado pela bancada federal mato-grossense, que tem, entre os 11 integrantes, o deputado do município Juarez Costa.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Edilson Almeida | Segunda-Feira, 01 de Março de 2021, 08h09
    2
    4

    Não é verdade. O senador Wellington estava com o prefeito Dorner e outros prefeitos do Norte estavam na mesma audiência com o secretário nacional de Transportes Terrestres

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2676