Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Outubro DE 2019 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Articulação

De olho em vaga na Câmara, Macrean quer cassar Xavier

Macrean dos Santos, presidente municipal do PRTB   O presidente municipal do PRTB, Macrean dos Santos, ingressou com uma ação na Justiça Eleitoral para tentar cassar o diploma do primeiro suplente de Edemir Cláudio Xavier, do mesmo partido. Assim, Macrean passaria a ser o primeiro suplente e, numa eventual licença dos titulares Néviton Fagundes e Totó César, ele sentiria o “gosto” de ser vereador por Cuiabá. Xavier se tornou o primeiro suplente ao ter 2.877 votos. Já Macrean obteve 2.093 votos em 2008. No pedido da cassação, protocolado em 25 de novembro, Macrean argumenta que por falha da secretaria do partido a Justiça Eleitoral não foi informada que Xavier foi expulso do partido após ser julgado pelo Conselho de Ética, no processo administrativo 001/2008.

   O primeiro suplente do PRTB faz parte do grupo de 12 candidatos a vereador do PRTB que se envolveram em um escândalo que ganhou repercussão nacional após serem acusados de receber R$ 420 mil para apoiar Mauro Mendes (PR), candidato derrotado à Prefeitura de Cuiabá em 2008. O curioso é que até o final do ano passado, porém, a executiva não havia anunciado nenhuma punição ao suplente. “Requer-se a cassação do diploma do senhor Edemir Cláudio Xavier”, pede Macrean, quem em seguida solicita que a Câmara de Cuiabá seja comunicada sobre o fato. O caso está sob a juíza da 54ª Zona Eleitoral da Capital, Cleuci Terezinha Chagas.

  Xavier, por sua vez, contrapõe Macrean. Reforça que o peticionário é justamente o segundo suplente, que tem interesse na ação porque articula a ida de um dos parlamentares para o staff do prefeito Wilson Santos (PSDB), o que permitiria que ele se efetivasse na Câmara. “Somente uma mente sórdida poderia maquinar um plano como este, tirando o direito conquistado nas urnas”, diz trecho da defesa do primeiro suplente. Macrean pressiona Wilson para que dê uma secretaria ao PRTB. Diz que o prefeito teria se comprometido, antes mesmo das eleições de 2008, a contemplar a sigla com uma pasta. Por enquanto, o tucano ainda não ofereceu nenhuma secretaria.

   O presidente do PRTB argumenta também que tanto o diretório municipal quanto o regional não existem e funcionam em regime provisório. “O prazo para revalidação por parte do diretório nacional expirou em julho (2008). Sendo assim, não há, no momento, diretório oficial em Mato Grosso”, diz, numa referência ao fato de Samuel Lemos ser, em tese, o dirigente estadual do PRTB. Por fim, ele requer que a magistrada arquive o pedido. Até agora não houve uma decisão sobre o imbróglio jurídico.


Trecho do pedido de cassação do diploma do primeiro suplente do PRTB, Edemir Xavier, feito pelo presidente Macren dos Santos

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Fernando Capilé | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 14h59
    1
    0

    Caro Romilson Dourado, Gostaria de esclarecer que não escrevi qualquer comentário referente a essa matéria. Muito embora não aprove a atitude do Sr. Marcrean, não me manifestei anteriormente sobre o assunto e gostaria que o comentário postado acima (que não é de minha autoria) fosse retirado, pois foi usado por terceiro, desautorizado. Obrigado e tenha uma boa tarde!

  • Fabio do Pedregal | Terça-Feira, 19 de Janeiro de 2010, 09h36
    1
    0

    Marcrean,te conheço desde quando vc fazia parte do "povo do IVAN", sei que vc recebeu muito recursos para a campanha de 2008, mas pela sua incompetencia não conseguiu ser eleito; mesmo sabendo de sua farsa ,mentir para seus proprios eleitor Xavier é homem honrado e, voce tem que se conformar que foi derrotado nas urnas,voce é perdedor,aprenda a aceitar suas derrotas.Abraços

  • fernando Capilé | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 19h51
    1
    0

    Macrean,voce tem que se conforma que foi derrotado nas urnas,voce é perdedor,apreda a aceitar suas derrotas de cabeça erguida,quem nascer pra ser fracasado morrerá facasado. Abraços

  • Fernando Pessoa | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 18h14
    1
    0

    Marcrean é uma farça. Sua vida é baseada em mentiras. Mente que é evangélico, quando na verdade seus atos dizem o contrário. Mente que é primeiro suplente, quando, na verdade, é o Xavier o titular de tal posição. Mente que é presidente do diretório municipal de Cuiabá, quando, na verdade, já espirou o prazo, tanto para o municipal quanto o estadual, para os provisórios. Finalmente, mente para a população que trabalha por Cuiabá, quando, na verdade, fica ocioso, só pensando numa maneira de fazer o mal aos companheiros. E o pior é que tudo isso motivado pela ambição desenfreada. Marcrean, aqui se faz, aqui se paga. O teu está guardado. Só poderia terminar dizendo: "vai ter com a formiga, ó preguiçoso".

  • Profº. Marcos | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 18h08
    1
    0

    Conheço a pessoa do Xavier, como: Homem que tem serviços prestados em nossa comunidade, agora quem é Macrean? tem história? tem serviços prestados? pode até não respeitar o companheiro de partido, mais tem que reconhecer os 2.877 votos que credenciam Xavier a primeiro suplente!!!

  • Messias | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 17h43
    1
    0

    Macrean voce com essa ação mostra quem realmente é, quer ser vereador vai atrás de voto, não queira ser vereador puxando o tapete do nosso honrado companheiro Xavier, isso é uma vergonha Marcrean.

  • AUGUSTO NETO | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 17h31
    1
    0

    AUGUSTO NETO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • JULIO CESAR DA COSTA RIBEIRO | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 16h14
    1
    0

    macrean tenta outra vez reconheça xavier nao tem nada a ver com esta maracutaia xavier é homem honrado, trabalhador , dentista respeitado, uma das poucas reserva moral deste partido e porque nao dizer da classe politica cuiabana deve sim fazer rodizio neste partido e xavier assumir como vereador para trabalhar pela sua regiao nao dessista nao XAVIER nois acreditamos em voce DR XAVIER e voce macrean vai trabalha la pro pedregal que nem isso esta fazendo direito q

ESTRUTURA E MUDANÇAS

Seduc corta 55% dos servidores da sede e terá ambiente corporativo

Por 22/10/2019, 22h:49 - Atualizado: 04h atrás

Mayke Toscano

otaviano pivetta 680

O prédio cheio de labirinto, onde funciona hoje a secretaria estadual de Educação, em Cuiabá, empregava até o ano passado, no Governo Taques, nada menos que 1.260 servidores.

Postar um novo comentário

EDUCAÇÃO

R$ 496 mil em ares-condicionados; MT só tem 1/3 de escolas climatizado

Por 22/10/2019, 16h:08 - Atualizado: 22/10/2019, 16h:17

marioneide 680 seduc

A secretaria de Estado de Educação, sob Marioneide Klimaschewsk, fechou um contrato de R$ 496,2 mil com a empresa Wanda Comércio de Móveis e Equipamentos na compra de aparelhos de ares-condicionados. Mas esse investimento está muito aquém do necessário para se conseguir climatizar todas as 15.888 salas de aula, ocupadas por 395 mil alunos.

Postar um novo comentário

ESQUEMÃO NO CEPROMAT

Auditoria já citava rombo milionário sob Dentinho, que foi preso hoje

Por 22/10/2019, 11h:10 - Atualizado: 22/10/2019, 11h:17

dentinho 680

O cerco já vinha se fechando contra o ex-presidente da Câmara de Cuiabá, ex-deputado estadual e ex-presidente do antigo Cepromat (hoje MTI), Wilson Celso Teixeira, o Dentinho, que foi preso nesta terça na operação Quadro Negro, deflagrada pela Delegacia Especializada de Combate à Corrupção.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Otávio | Terça-Feira, 22 de Outubro de 2019, 15h29
    0
    0

    Não é de hoje que o disse-me-disse corre solto nesse sentido. Pensei que fosse passar batido mas essa. Eta Mato Grosso ainda falta muito para uma boa moralização.

CASO INUSITADO

Apenas 2 vão votar e neles próprios

Por 21/10/2019, 19h:40 - Atualizado: 21/10/2019, 20h:46

guilherme maluf 680

Embora com colegiado formado por sete conselheiros titulares, apenas dois vão votar e, curiosamente, neles próprios. Sob um cenário inédito e inusitado, a eleição para renovar a diretoria do TCE-MT acontece em 5 de novembro.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • joana | Terça-Feira, 22 de Outubro de 2019, 10h16
    3
    1

    Simples assim, e ponto final .

  • Seminina | Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019, 22h52
    3
    1

    Caro jornalista, a situação em MT será a mesma o vice acumulará também a corregedoria !

EM CUIABÁ

2 figurões nacionais brigam pela concessão do transporte coletivo

Por 21/10/2019, 15h:47 - Atualizado: 21/10/2019, 16h:54

Assis Marcos Gurgacz 680

Após 20 anos, a Prefeitura de Cuiabá abriu disputa para concessão do transporte coletivo. E, entre as cinco empresas concorrentes, duas têm como donos familiares de figurões nacionais.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Luciano | Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019, 18h33
    4
    1

    E você não comenta das empresas do Botey e do Jayme porque?

ALTO PARAGUAI

Pivô da prisão de desembargador, casal ainda segue firme no poder

Por 21/10/2019, 11h:19 - Atualizado: 21/10/2019, 12h:56

diane e alcenor 680

Em Alto Paraguai, o ex-prefeito Alcenor Alves se tornou o prefeito de fato, mas não de direito. Embora a esposa Diane Alves seja a chefe do Executivo, quem dita as regras administrativas é Alcenor, que se envolveu num escândalo em 2010, chegando a ser preso.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Antônio Joaquim do nascimento neto | Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019, 21h06
    0
    0

    Tem um matérial aqui sobre as calamidade de alto paraguai 93443569 chama eu passo pra vc

  • Joadir | Segunda-Feira, 21 de Outubro de 2019, 15h20
    5
    1

    Na VG aconteceu o mesmo e ninguém foi preso. Mas está tudo cristalino.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2438