Blog do Romilson Cuiabá, 29 de Setembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Congresso

Em ano eleitoral, senador quer mais rigor em lei de fidelidade

   O senador e candidato ao Governo de São Paulo, Aloízio Mercadante (PT) é autor de um projeto de lei que tramita na Câmara dos Deputados e prevê mais rigor nos critérios da fidelidade partidária. A matéria trata da alteração da "Lei Orgânica dos Partidos Políticos", prevendo que aqueles que quiserem concorrer a um cargo eletivo devem estar filiados à legenda há, pelo menos, 3 anos, e também dispõe sobre a perda de mandato para os dissidentes.

   Atualmente, um candidato precisa estar filiado a pelo menos um ano na sigla, se quiser disputar as eleições por ela. A proposta de Mercadante é que esse tempo seja aumentado para três anos, salvas algumas excessões, como fusão de partidos, criação de uma nova legenda, desvio do programa partidário ou discriminação pessoal, todos devidamente comprovados pela Justiça Eleitoral.

   No caso da perda de mandato para aqueles que abandonarem seus partidos depois de eleitos, o projeto deve estender a sanção aos cargos majoritários, já que somente membros do Legislativo estão sujeitos à essa penalidade hoje. Com essas medidas, Mercadante visa fortalecer os partidos políticos. A mensagem ainda será analisada pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJC) antes de entrar em votação no plenário.

   Em Mato Grosso, os casos de infidelidade partidária que mais vieram à tona depois do início do período oficial de campanha eleitoral foram as declarações de prefeitos e outras lideranças municipais de apoio a candidatos de coligações adversárias às integradas por seus partidos. Apesar de, em alguns casos, como no PSDB, cuja presidente do diretório estadual já avisou que os infiéis deverão ser expulsos do partido, nenhuma sanção ainda foi imposta.

   Pela legislação em vigor, nenhum prefeito correria o risco de perder o mandato por ir contra às decisões tomadas pelo partido durante as convenções. Se o projeto do senador paulista já tivesse sido aprovado, um dos principais candidatos do Estado ao Palácio Paiaguás, Mauro Mendes (PSB), estaria impossibilitado de disputar a eleição, já que deixou o PR em meados do ano passado para integrar a sigla socialista.

Postar um novo comentário

FAMILIOCRACIA

7 deputados têm esposas, irmãos e tio candidatos - saiba quem

Por 28/09/2020, 19h:05 - Atualizado: 09h atrás

max andreia 680

Dos 24 deputados estaduais, sete contam com algum familiar na disputa eleitoral de 15 de novembro, seja a prefeito, vice e/ou a vereador.

Postar um novo comentário

EM CUIABÁ

8 ex-vereadores querem voltar

luiz pocao 680

Oito ex-vereadores pela Capital se inscreveram para o teste das urnas, na esperança de reconquistar mandato.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • marta | Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2020, 14h04
    0
    0

    marta, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

INVESTIGAÇÃO

Pela 2ª vez, Câmara de Cuiabá vota amanhã relatório da CPI do Paletó

Por 28/09/2020, 10h:01 - Atualizado: 28/09/2020, 10h:09

convocacao cpi 680

A Câmara de Cuiabá realiza amanhã, às 9h, uma sessão extraordinária por videoconferência para votar, de novo, o relatório da CPI do Paletó. A convocação já foi feita pelo presidente Misael Galvão - veja documento acima.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Eloi Wanderley da Silva | Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2020, 10h35
    11
    2

    Se for arquivado novamente será uma desonra a classe política municipal de Cuiabá. Contra imagens não há argumentos, vamos ficar de olho na corja que pedirá arquivamento da CPI do paletó.

CASANDO A IMAGEM

A segunda "senadora de Bolsonaro"

Por 28/09/2020, 09h:38 - Atualizado: 28/09/2020, 09h:40

fernanda adesivo 680

Em 2018, Selma Arruda fez campanha como "senadora de Bolsonaro". Todo material publicitário trazia imagem dela colada à do presidente.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Dra Alice Albuquerque | Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2020, 14h01
    5
    5

    Patético. Uma mulher sendo capacho de um incapaz.

  • Antonio Miguel da Silva | Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2020, 13h04
    5
    2

    Só uma pergunta, ela está mentindo ou o povo tem que aceitar realmente que ela é de fato a candidata escolhido pelo presidente

UM VICE DESCARTADO

Queria tudo, ficou sem nada

Por 27/09/2020, 18h:46 - Atualizado: 27/09/2020, 18h:51

niuan ribeiro 680

Alçado vice-prefeito de Cuiabá a partir de 2017, Niuan Ribeiro se sentiu grande. Achou que atingira tamanha envergadura que lhe possibilitaria ocupar todos espaços políticos possíveis que viriam pela frente, seja de prefeito, de senador, seja de dirigente partidário.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Carlos | Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2020, 17h01
    1
    0

    ...e para sempre!!!

DERROCADA

Desacreditado e isolado, PT disputa em 4 pólos apenas com chapa pura

Por 27/09/2020, 13h:48 - Atualizado: 27/09/2020, 13h:51

julier 680

Nocauteado pela chegada da direita ao poder, o PT ficou tão fragilizado e desacreditado que, nos 10 maiores municípios de MT, só lançou candidato a prefeito em quatro (Cuiabá, Rondonópolis, Sinop e Cáceres). E, mesmo assim, com chapa pura.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Janio carlos | Segunda-Feira, 28 de Setembro de 2020, 05h06
    0
    0

    Janio carlos, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Pedro Laurin | Domingo, 27 de Setembro de 2020, 22h36
    10
    28

    Espera pra ver. O PT é quem defende trabalhadores.

  • Beto | Domingo, 27 de Setembro de 2020, 20h44
    27
    8

    pt NUNCA MAIS.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2607