Blog do Romilson Cuiabá, 22 de Janeiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Eleições

Embora participe de reuniões governistas e da oposição, PP segue “em cima do muro”

Partido conversa tanto com a base aliada quanto com a oposição

Por 19/04/2014, 08h:29 - Atualizado: 20/04/2014, 08h:51

O PP ainda está em cima do muro quando o assunto é quem vai apoiar nestas eleições. Já participou de cinco reuniões com a bancada governista, composta pelo PT, PR, PMDB, PC do B, PSD, PSC, PRB e Pros, e de um encontro com os opositores da coligação Mato Grosso Muito Mais, que conta com PDT, PSB, PPS, PV, PSDB e DEM. O nome de sojicultor Eraí Maggi (PP) chegou até a ser cotado como vice do pré-candidato Pedro Taques (PDT). Mesmo sem definição, o PP se mantém neutro, pois não quer “queimar” nenhuma das opções, nem com o pedetista e nem com Governo.

Embora evite se pronunciar sobre o assunto, o presidente regional do partido, deputado estadual Ezequiel Fonseca, afirma que ainda não há definição e eles têm até o dia 30 de junho para resolver. Ainda acrescenta que a sigla é independente e pode escolher qualquer um dos lados.

Como o PP foi da base que elegeu o governador Silval Barbosa (PMDB), em 2010, e tem tido mais reuniões com o grupo, a tendência é que apoie os governistas, ainda mais porque primeiramente fazia parte da coligação, que até então era chamada de grupo dos 9. O racha aconteceu devido Ezequiel criticar o andamento das obras para receber a Copa do Mundo e o mau desempenho da administração peemedebista.

Diante do cenário, as articulações para vice de Taques giram em torno, além de Eraí, de Luciane Bezerra (PSB), de Marino Franz (PSDB), de Rossana Marinelli e de Adilton Sachetti, ambos do PSB. Quanto ao grupo governista, somente cogitam nomes para a sucessão de Silval Barbosa, sem nenhuma definição. A escolha está principalmente entre Lúdio Cabral (PT), Julier Sebastião da Silva (PMDB) e Chico Daltro (PSD). Outro pré-candidato que teoricamente não faz parte nem da base e nem da oposição é o ex-diretor geral do Dnit Luiz Antonio Pagot (PTB).

Vice

Eraí Maggi a todo custo deseja uma vaga nas majoritárias. Nos bastidores estão dizendo que Taques convidou o sojicultor para ser vice na sua chapa, mas que ele só aceitaria desde que o PR esteja no palanque ou que, ao menos, o senador Blairo Maggi (PR), seu primo, vá para o bloco. Todavia, o republicano apoiar Taques é algo que provavelmente não irá acontecer, devido à conjuntura nacional e da sua proximidade com a presidente Dilma Rousseff (PT).

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Sérgio | Domingo, 20 de Abril de 2014, 21h44
    3
    0

    Vergonhoso esse PPorcaria. Só sabem sugar. Só querem estar ao lado do poder. Eles acham que nós esqueceremos quem e Pedro Henry, Azambuja e Ezequiel, o Trio Parada Podre. Acham que vamos esquecer o que fizeram na Saúde de Mato Grosso, junto com SIlval. Essas malditas OSS que até hoje aprontam nesses hospitais. Fora PPH... Chega.

  • elder | Domingo, 20 de Abril de 2014, 08h04
    3
    0

    Eles esta em cima do muro em tudo ate nas obras pq elas nunca aconteceram caceres q o diga... q merda....

  • Lucídeo | Sábado, 19 de Abril de 2014, 23h33
    2
    0

    O PDT no começo não queria o PP devido ao Pedro H. Mas, agora segundo um dos seus articuladores de " Taques Governador", o que vier é lucro.

  • Carla Abduela | Sábado, 19 de Abril de 2014, 15h54
    2
    0

    Esse ai é bom na magica, some com dindin dos contribuintes que é uma beleza!!

  • Rodrigo | Sábado, 19 de Abril de 2014, 12h41
    1
    1

    Rossana não quer ser Vice do Taques, ela apoiará a reeleição de Dilma (contra Eduardo) e Lúdio, seguindo o Prefeito Juarez Costa. Inclusive, nem no PSB, ela deseja permanecer.

  • Alexandre Gomes | Sábado, 19 de Abril de 2014, 10h32
    3
    0

    ele quer saber de uma legenda que ele seja eleito federal e o povo que se fod... naõ fez nada como deputado estadual, só engordou salarios altissimos e verba de gabinete, quem mora na região que sabe, aqui em Mirassol vc não terá a mesma votação seu promesseiro!

  • André | Sábado, 19 de Abril de 2014, 08h34
    5
    1

    Enquanto eles ficam em cima do muro o povo já decidiu conhecer as proposta e Votar no Muvuca... vamos abrir o olho Povo

SUPLEMENTAR AO SENADO

Álvaro e Selma querem Pode com Pivetta, o que inviabiliza Medeiros

Por 22/01/2020, 17h:05 - Atualizado: 06h atrás

Waldemir Barreto

jose medeiros

O ex-senador e deputado José Medeiros, vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, está com a faca, mas falta o queijo nas mãos para consolidar sua candidatura ao Senado na suplementar de 26 de abril.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • alvaro sincero | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 22h05
    0
    0

    Na verdade ele usou o partido Podemos, usou fundo partidario destinado ao podemos, foi desleal com Alvaro Dias e fez campanha par Bolsonaro.

  • jj | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 18h11
    6
    11

    sou da seguinte opinião, o o cara mau assumiu como deputado federal, alias já não esta fazendo nada, e ja quer atravessar na frente. povo mato-grossense, ja que temos que votar em alguém, não vote em quem ainda com mandato aberto, mau assumiu ja quer pular o trampolim, acorda povo.

ORIENTAÇÕES E OMISSÕES

Selma e os "culpados" pela cassação

Por 22/01/2020, 09h:57 - Atualizado: 22/01/2020, 10h:02

lauro da mata 680

Selma Arruda, "a Moro de saias", pega em crimes eleitorais e punida com a perda do mandato de senadora, tem uma lista de "culpados" por isso.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Chirrão | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 21h14
    0
    0

    Votei nela MAS DOU GRAÇAS A DEUS PELA CASSAÇÃO...Olhem a CAMBADA QUE TAVA JUNTO COM ELA...TO FORA.

  • Ramon | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 18h59
    1
    0

    Quem tem Yuri, Pagot e mais uns não precisa de aliados e conselheiros.

  • walter liz | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 15h48
    11
    0

    ela ganharia a eleição sem marqueteiros, sem negociatas ,sem gastar muito dinheiro, infelizmente ela preferiu se misturar com pessoas que gravitam em torno do sistema politico cheio de vicios onde até cobra criada passa apuro.

  • Amadeu Fuik | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 15h37
    4
    0

    Hélcio lembro desse nome em algum lugar escuro

  • Diego A L | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 11h14
    11
    21

    A juíza Selma Arruda não é política e entrou com o intuito de tentar agir em novas leis para um Mato Grosso e um Brasil melhor, sendo assim muitos políticos encostaram se dizendo simpatizantes a sua postura indicaram toda a assessoria política que ela não tinha, muitos com experiência vasta e outros sem experiência alguma, aí imagino que foi feito já tudo de caso pensado para acontecer o que aconteceu...

ADVOCACIA

Cria de Blairo se torna lobista no DF

Por 21/01/2020, 19h:49 - Atualizado: 21/01/2020, 19h:56

novacki 680

Aos 46 anos e já aposentado como coronel PM-MT, recebendo proventos de R$ 30 mil, Eumar Novacki, hoje advogado, vai montar um escritório em Brasília, onde já reside há mais de 10 anos.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Armindo de Figueiredo Filho | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 08h28
    6
    0

    USOU O BOM SENSO!!!! ESTAVA NA HORA DE """ANDAR SOZINHO""". Com os próprios pés!!!!.. Em 10 anos (Diz ele... aqui no DF) ,sempre Apagado!!!ninguém o conhecia (totalmente OBSCURO (mesmo estando no MAPA) ...Sempre na SOMBRA DO BM.........

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 05h50
    11
    0

    Lobista, para mim também pode ser tratado como vaselina. O sujeito se aproxima daqui, dali e a coisa desanda.

  • Maria Figueiredo Gonçalves | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 23h36
    18
    1

    De fato, o Novacki é um privilegiadíssimo. Coronel PM aposentado aos 46 anos e ganhando R$ 30 mil. Isso é que é privilégio.

  • Francisco Assis roo | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h56
    1
    0

    Francisco Assis roo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • alex | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h39
    1
    0

    alex, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

CONTESTAÇÃO

Taques reage e diz não ser ladrão

Por 21/01/2020, 11h:54 - Atualizado: 21/01/2020, 20h:29

pedro taques 680

Como um leão que acaba de acordar de um sono profundo, o hoje advogado Pedro Taques (PSDB), que deixou a cadeira de governador há um ano, decidiu partir pra cima e contrapor quem lhe vincular à corrupção. Afirma que ficou um ano sabático e só apanhando. Agora, reagirá.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Jorge kurassaki | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h31
    9
    2

    Então reage Lulu; au au ! Então reage gatinho; miiaauu! Reage Pedrinho; pau- pau ; OBA!!!

  • jediel lemes | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 19h23
    15
    4

    Experimentando uma dose do seu próprio veneno ex. promotor Pedro Taques.

EM SORRISO

Rossato tem 5 opções e deve lançar ex-vereador para duelo com prefeito

Por 21/01/2020, 11h:44 - Atualizado: 21/01/2020, 11h:52

rossato 680 sorriso

Dilceu Rossato (centro) e aliados Cesar Schevinski, Silvana Faccio, Alei Fernandes, Cláudio Oliveira e Ilton Polizello

O ex-prefeito de Sorriso, empresário Dilceu Rossato, não vai à reeleição, para pretende mergulhar na campanha do aliado que definir para o confronto nas urnas com o prefeito Ari Lafin (PSDB), que buscará novo mandato.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • RICARDO BRAZ | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 18h56
    2
    0

    QUEM É O CANTO SERTANEJO, O PRIMEIRO DA FOTO?

  • CARLOS | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 18h53
    2
    0

    CERTINHO MEU LÍDER ROSSATO, SOMENTE A SILVANA QUE NÃO DEVE SER CANDIDATA NÃO FEZ NADA QUANDO FOI SUA SECRETÁRIA, BORA DE #CLAUDIO

EDUCAÇÃO

MEC credencia 3 faculdades de MT

Por 21/01/2020, 09h:00 - Atualizado: 21/01/2020, 01h:02

curso mec 680

Em sessão no mês passado, a Câmara de Educação Superior, vinculada ao MEC, aprovou o credenciamento da Faculdade Saber de Cuiabá (FASC), a ser instalada na rua Tenente Thogo da Silva Pereira. O relator Francisco Cesar de Sá se manifestou contra, mas foi voto vencido.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2479