Blog do Romilson Cuiabá, 10 de Julho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

TROPA OSTENSIVA

Estado tem hoje 7 mil PMs e poderia dobrar o efetivo sem nem alterar lei

Por 16/01/2020, 09h:00 - Atualizado: 16/01/2020, 01h:25

pm 680 formatura

Solenidade de formatura de policiais militares realizada em setembro de 2016, na administração Pedro Taques

Com uma dimensão continental (906.806 km²) e 3,4 milhões de habitantes distribuídos em 141 municípios, Mato Grosso conta hoje com uma tropa de 7.144 policiais militares - fora homens do Corpo de Bombeiros.

O efetivo, que poderia ser o dobro, inclusive já previsto em lei, está longe de conseguir atender as demandas e necessidades exigidas do trabalho ostensivo.

Lotacionograma da própria PM revela que somente entre soldados e cabos existem hoje 4.416 vagas por preencher. Estão na ativa 2.883 soldados e 456 cabos. Constam ainda como vagos 348 de tenentes, 238 de capitães e 76 entre majores e tenentes-coronéis. De 31 assentos destinados a coronéis, há vacância de apenas uma cadeira.

pm 680

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Davi | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 12h58
    14
    2

    Sou policial militar e por mim não realiza concurso. Com o efetivo atual o incompetente do secretário da fazenda (que está no cargo desde o governo Taques) não consegue sequer pagar os salários dentro do mês trabalhado. Não entregou farda para os policias, equipamentos de uso obrigatório, transfere militar sem pagar com a ajuda de custa que é um direito, não paga adicional noturno, não consegue manter o sistema de previdência. Se não pode taxar os exportadores de commodities melhor deixar o efetivo diminuir a cada dia como está acontecendo com as aposentadorias de policiais. Além disso, a sociedade comprou um discurso de que servidor público é um peso, então porque reclamar de falta de PM. Comprem um 38 e se defendam. Abraços!

  • povo | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 11h17
    20
    1

    Falta servidores na segurança é absurdo! 2019 fechou delegacias nos interiores, já não tem juiz e promotor, nem delegado e agora nem investigador. Os deputados estão calados! FALTA NÃO SÓ PM, NA PJC FALTA TUDO! O governador vai começar a fechar batalhões igual as delegacias. Esse secretário de segurança é um incapacitado! O crime só aumenta, o Estado com mais casos de violência domestica no Brasil. O que será da segurança até 2022?

  • Carlos | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 10h32
    3
    17

    Qual seria o real motivo para tantas críticas ao governo, seria a falta de papinha para algum setor da sociedade!

NOVO PARTIDO

Fracassa a busca por assinaturas em MT pelo Aliança de Bolsonaro

Por 10/07/2020, 12h:58 - Atualizado: 02h atrás

bolsonaro 680

Apesar de fazer muito barulho e prometer juras de amor eterno a Jair Bolsonaro, os apoiadores do capitão ainda não conseguiram avançar com a colheita de assinaturas para o Aliança, partido que a família Bolsonaro pretende criar.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Aldo | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 12h57
    11
    2

    Vai piorar muito ainda, agora sem o Facebook para espalhar mentiras.

  • Carlos Alberto | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 12h53
    0
    5

    Como brasileiro é preguiçoso por natureza, imagina que ele iria levar o cadastro no correio e ainda pagar para ser enviado, isso para a ALEGRIA dos que são contra né Romilson...

EM CUIABÁ

Relatório da CPI traz esperança a Niuan de se tornar prefeito

Por 10/07/2020, 12h:49 - Atualizado: 02h atrás

niuan ribeiro 680

O vice-prefeito Niuan Ribeiro (Podemos) encheu-se de esperanças de se tornar prefeito interinamente com a decisão da CPI do Paletó, que hoje aprovou relatório paralelo, propondo afastamento  do prefeito Emanuel Pinheiro por seis meses.

Postar um novo comentário

NOS BASTIDORES

"Amarrações" para Max ir para o TCE

Por 10/07/2020, 10h:44 - Atualizado: 02h atrás

max russi 680

Há uma forte movimentação nos bastidores que pode resultar na ida do deputado Max Russi para o TCE-MT.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Reginaldo | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 11h44
    1
    0

    Tai eleitor de MT, os donos do poder ajustam as peças no tabuleiro político onde, seja qual for o resultado, eles ganham, sabe por que? Porque contam com a certeza do nosso voto. Cabe a nós negarmos nossos votos a esses de sempre, o voto que eles mais precisam para concretizarem seus planos. Vamos dar um sonoro não, já nas eleições de novembro e nas eleições de 2022.

  • joao neto | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 11h33
    0
    0

    Não foi esse que deu um bola fora no botelho no caso AGER????? tOMA GOLLLLL

  • renato | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 11h15
    3
    0

    se ele soubesse o que tá por vir

CAMARA DE CUIABÁ

Relatório de Toninho à CPI do Paletó é pela absolvição do prefeito

Por 09/07/2020, 17h:57 - Atualizado: 09/07/2020, 18h:03

toninho de souza 680

O relatório de Toninho de Souza (PSDB) à CPI do Paletó, a ser apresentado amanhã na Comissão, é pela absolvição do prefeito Emanuel Pinheiro da acusação de que teria cometido infrações político-administrativas no episódio do vídeo em que aparece recebendo dinheiro, na época em que era deputado.

Postar um novo comentário

Comentários (13)

  • Luiz Esmael | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 11h51
    0
    0

    Um circo armado. Há cinco meses para fim do mandato Camara Municipal decide abrir CPI. Cobta outra piada. Vereadores nao merecem nenhum tipo de seriedade. Uma CPI leva quatro meses para ser concluida. E povo tratado como palhaco

  • Rubens | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 11h47
    0
    3

    Tmj meu vereador Toninho de Souza.

  • XoMano | Sexta-Feira, 10 de Julho de 2020, 11h14
    2
    2

    Enganador , no programa de televisão paga de correto

PROCESSO ELEITORAL

Reitor da UFMT caminha livre à reeleição

Por 09/07/2020, 11h:29 - Atualizado: 09/07/2020, 11h:36

evandro 680 ufmt

Com a força do cargo e de uma máquina detentora de R$ 1 bilhão anual de orçamento, o reitor Evandro Aparecido Soares caminha livre para a reeleição na UFMT.

Postar um novo comentário

EDUCAÇÃO

MEC reconhece mais 7 cursos superiores em 4 municípios de MT

Por 08/07/2020, 21h:52 - Atualizado: 08/07/2020, 21h:58

curso mec 680

O MEC renovou o reconhecimento de mais sete cursos superiores de graduação ministrados em quatro municípios mato-grossenses.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Amaral antunes | Quinta-Feira, 09 de Julho de 2020, 06h46
    8
    0

    Mais cursos de Direito. Ja tem tanto bacharel em recepcoes de hoteis, auxiliares administrativos, porteiros...

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2568