Blog do Romilson Cuiabá, 19 de Setembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

RUMO ÀS URNAS

Estratégia de Rayel eleva Silval

Marqueteiro Carlos Rayel    Com jeito humilde, discreto e desconhecido do público em Mato Grosso, o marqueteiro Carlos Rayel, experiente nos embates de bastidores das campanhas, inclusive presidenciais, tem apresentado papel fundamental no crescimento da candidatura à reeleição do governador Silval Barbosa. Ele ajudou o peemedebista a construir o projeto há quase dois anos, quando foi contratado. Mudou-se provisoriamente de São Paulo para Cuiabá. A partir daí, toda a estratégia da campanha foi construída por Rayel.

    Ocorreram ações apelativas, como a polêmica das cartas distribuídas até para crianças em Cuiabá, em nome de Silval, para atrair, desde cedo, a simpatia do eleitorado. Mas, por outro lado, o trabalho de envio de mala-direta e de marketing ajudou o peemedebista a ganhar espaço em Cuiabá, Grande Grande e também em Rondonópolis, cidade-pólo do Sul do Estado. Hoje, Silval não é o líder na capital, território eleitoral dos seus dois principais adversários Mauro Mendes (PSB) e Wilson Santos (PSDB), mas pontua em primeiro lugar nas intenções de voto em todo o Estado.

     A praticamente dois meses das eleições, Mendes, o último a oficializar a candidatura majoritária, ainda está na fase de organização da campanha, assim como Wilson, que já sonhava com o projeto de concorrer ao Paiaguás, mas não fez o planejamento estratégico.

     Pelo estilo moderado e, até então discreto no Paiaguás, uma forma de não criar conflitos com o governador Blairo Maggi, o vice Silval ficou mais retraído. Isso deu aos adversários e a muitos aliados da base governista argumentos de que o peemedebista não iria "decolar" e que poderia ser substituído por Mendes ou até mesmo pela candidatura de Wilson, que até o início deste ano flertava com Maggi, na esperança de tê-lo como cabo eleitoral.

    Como o projeto, mesmo discretamente, já andava sobre a batuta de Rayel, Silval apenas deu um "combustível" a mais na velocidade de sua candidatura, assim que assumiu a cadeira de governador. Ele poderia até estar melhor nas pesquisas, não fosse as conspirações, os escândalos, como da compra superfaturada de maquinário, de prisões de assessores e de aliados do PMDB e também do vacilo de Maggi em deixar o grupo se dividir em três.

     Os correligionários avaliam que, com a liderança nas pesquisas, Silval precisa apenas administrar questões paroquiais, apagar o chamado fogo amigo e contrapor os ataques da oposição, para reconquistar o Paiaguás. Outros entendem que o governador já está perdendo fôlego e que já teria atingido o teto eleitoral. Consideram que o programa eleitoral, que começa em 17 de agosto, e os debates, tendem a tirar voto do peemedebista.

     De todo modo, aqueles descrentes em Silval, já começam a mudar o discurso, porque todas as teses negativas não "colaram" no peemedebista. Um dos que ajudaram-no a superar os bombardeios foi Carlos Rayel. Em verdade, trata-se de um profissional que acumula experiência nesse tipo de ação. Foi marqueteiro de Anthony Garotinho, que disputou a Presidência em 2002 e que acabou contribuindo para levar o pleito ao segundo turno no embate entre José Serra e Lula. Rayel foi responsável ainda pelo marketing da campanha vitoriosa de Rosinha Matheus ao governo do Rio de Janeiro, também em 2002, e ajudou Lindbergue Farias a conquistar, por duas vezes, a Prefeitura de Nova Iguaçu (RJ). Atuou como marqueteiro de outras figuras políticas do cenário nacional.

    Em Mato Grosso, Rayel se destacou na vitória de Zé do Pátio à Prefeitura de Rondonópolis, em 2008. Na época, o peemedebista era tido como "zebra" diante do então prefeito Adilton Sachetti (PR), que buscava a reeleição com apoio dos governos estadual e federal e dos principais grupos políticos da região Sul, capitaneados por Blairo Maggi, Wellington Fagundes e vários deputados estaduais. Silval, assim que obteve referências do marqueteiro, o contratou. Enquanto isso, profissionais tanto da velha guarda quanto os novos tentaram desestabilizá-lo, diminuindo o trabalho realizado por Rayel e, para piorar, promovendo intrigas. Assim como no futebol, onde prevalece a tese de que em time que está ganhando não se deve promover trocas, Silval optou por continuar com o mesmo marqueteiro por considerá-lo humilde, seguro, capaz de aguentar pressão e que foi fundamental para a subida gradativa nas pesquisas, saindo de menos de 5%, no início de 2009, para os atuais 38% das intenções de voto.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • João Bertútúlio | Quarta-Feira, 28 de Julho de 2010, 19h34
    0
    0

    Não poderia ser diferente, pessoas humildes, honestas e batalhadoras se coincidem. E o sucesso por ventura é idêntico! PARABÉNS SILVAL.... sua humildade, generosidade, serenidade e cordialidade no trato com todos, principalmente os menos abastados, lhe trará a vitória nas mãos do Grande Arquiteto do Universo. Uma pessoa que veio só com as roupas do corpo para Mato Grosso, e se destacou em tudo o que fez, apesar de muitos ainda não o conhecê-lo quando assim o fizerem, realmente se encantarão com a sua história e batalha. CHEGA DE FAZER MATO GROSSO UM LABORATÓRIO. MATO GROSSO NÃO PRECISO DO "DIFERENTE", MATO GROSSO PRECISA DO "MELHOR". Você, quando compra um carro novo ou um bem à familia, prefere o "DIFERENTE" ou o "MELHOR"???? SILVA É O MELHOR PRA MATO GROSSO, COM CERTEZA. Reflitam....

PAUTAS E PATERNIDADE

Deputado chama senador de cara de pau, mentiroso e demagogo

Por 18/09/2020, 21h:26 - Atualizado: 07h atrás

bolsonaro carlos favaro 680

Presidente Jair Bolsonaro conversa com o senador tampão Carlos Fávaro, nesta sexta, na visita a Sinop e Sorriso

O deputado federal bolsonarista José Medeiros chamou de cara de pau, demagogo e mentiroso o senador tampão Carlos Fávaro.

Postar um novo comentário

VISITA PRESIDENCIAL

Na visita ao Nortão, Bolsonaro é ovacionado e abraça até cachorro

Por 18/09/2020, 16h:12 - Atualizado: 18/09/2020, 16h:14

bolsonaro sinop cachorro

Surfando na onda do populismo e da popularidade, Jair Bolsonaro foi ovacionado em sua terceira visita a Mato Grosso como presidente da República, hoje, tanto em Sinop quanto em Sorriso, no Nortão.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Said Joseph | Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 17h28
    9
    5

    Um cachorro sempre reconhece o outro.

ANTI-ESQUERDA

Pode rejeita aliança com esquerda em Barra e deve dissolver diretório

Por 18/09/2020, 08h:49 - Atualizado: 18/09/2020, 08h:53

jose medeiros 680

O presidente estadual do Podemos, deputado e candidato a senador José Medeiros, reagiu de imediato contra o encaminhamento feito por Sandro Saggin, que levou o Pode para uma coligação com a esquerda em Barra do Garças.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • xOMANO | Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 20h43
    2
    6

    Voto no Medeiros, fez e vai fazer muito pelo Mato Grosso

  • Diego | Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 14h16
    13
    10

    Demagogo esse Medeiros..ele se elegeu na coligação com o PT...para ele pode tudo...para os outros não

  • Rosino Manoel de Bonfim bonfim | Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 11h29
    16
    9

    QUEM SE JUNTAR A ESSES PARTIDOS DE ESQUERDA....TA FADADO AO FRACASSO !! #PTNuncamais.

rumo às urnas

Juarez leva vantagem na "largada" em Sinop

Por 17/09/2020, 19h:32 - Atualizado: 17/09/2020, 22h:14

juarez costa 680

Candidato à Prefeitura de Sinop, Juarez Costa (MDB) está sorrindo à toa.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Robson Oliveira | Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 13h00
    3
    0

    Junta tudo e leva taca de Juaarez e Billy. Juarez é quem o povo quê.

  • Amaral antunes | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 21h16
    4
    0

    BILLY e não DILLY

  • Leonardo | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 20h28
    0
    12

    Muito se engana o site! Meio tendencioso, Dorner e Dalton tem muitos votos. Cuidado com essas matérias!

Rumo às urnas

Pai e filho disputam comando das 2 maiores cidades de MT

Por 17/09/2020, 14h:23 - Atualizado: 17/09/2020, 14h:35

emanuel emanuelzinho 680

Com a decisão de Emanuel Pinheiro (MDB) de concorrer à reeleição, pai e filho disputam o comando das 2 maiores cidades de MT.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Amarildo | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 19h33
    8
    1

    TUDO PELO PODER...infelizmente ainda encontra pessoas que votam...espero que os eleitores acordem ate dia 15...

  • Carlos Alberto | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 18h31
    7
    6

    Errou feio, foi a lua pensando que é queijo, vai sair politicamente queimado e vai sofrer duas derrotas, lá na VG e aqui em Cuiabá. O pior de tudo, sai com TRAIDOR, do seu partido o MDB que tem um seu militante autentico Kalil Baracat como candidato, dos velhos amigos Julio e Jaime Campos que desgastaram com o Governador Mauro Mendes em defende-lo, e com o povo Cuiabano e Varzeagrandense. Que pena, jogou fora uma grande opurtunidade de até um dia chegar a ser Governador do Estado. O Povo adora uma traição, mais não perdoa um traidor.

  • Zé Alves | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 17h24
    4
    7

    Vamos ganha nus dois municipio ,mane pai ganhando no cba,vai a governo

Rumo às urnas

Estrategista, Fávaro agrada Mauro e Emanuel nas municipais

Por 17/09/2020, 10h:38 - Atualizado: 17/09/2020, 20h:15

carlos favaro 680

O senador tampão Carlos Fávaro (PSD), ao fechar coligação nas duas principais cidades de MT, conseguiu agradar o governador Mauro Mendes (DEM) e o prefeito de Cuiabá Emanuel Pinheiro (MDB).

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Carlos Alberto | Sexta-Feira, 18 de Setembro de 2020, 20h15
    0
    2

    Eu e muito amigos vamos votar no Emanuelzinho para Prefeito de VG, mas para Senador eu apoio o Nilson Leitão, por causa do Julio Campos, ser seu suplente. Aqui é 456 na cabeça.

  • Francisco | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 18h59
    3
    0

    Nunca vote em candidato que não cumpriu o mandato pelo qual foi eleito: traiu seu voto!

  • Paulo | Quinta-Feira, 17 de Setembro de 2020, 16h00
    10
    3

    Estrategista não oportunista quer poder a qualquer preço vai levar tacada

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2602