Blog do Romilson Cuiabá, 22 de Outubro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Palácio Paiaguás

Fiel a Maggi, Silval quer mudar estrutura, mas posterga decisão

   Silval Barbosa, que assume a cadeira de governador em 31 de março, está resistente em antecipar nomes de futuros secretários. Já avisou que não vai aceitar interferência do seu PMDB, tanto que o deputado e cacique do partido Carlos Bezerra nem se arriscou a apresentar uma lista de "notáveis" do partido que estão de olho em cargos de primeiro e segundo escalões. A maior pressão vem do PP dos deputados José Riva e Pedro Henry. A direção progressista já avisou que pode até fechar composição para apoiar a candidatura de Silval à sucessão estadual, mas não abre mão de indicar um novo secretário de Meio Ambiente. Quer, por tudo, a queda de Luís Henrique Daldegan, que se vê apreensivo com essa situação porque o desejo de Silval é mantê-lo no cargo.

   O vice-governador, que assumiu provisoriamente por nove vezes o comando do Estado nestes últimos três anos, não toma nenhuma decisão administrativa sem, antes, consultar Blairo Maggi. Ele pensa, por exemplo, em fundir algumas secretarias, com mudança de estrutura, mas posterga qualquer discussão nesse sentido para evitar conflitos com Maggi, afinal, o peemedebista ainda não é o chefe do Executivo. Silval se mostra ponderado até nos discursos. Seu maior esforço é para preservar o que costuma chamar de lealdade para com Maggi, que se transformou em seu principal cabo eleitoral. Seu desafio é manter o mesmo ritmo da atual administração e reconquistar o mandato com discurso da "continuidade" de um governo prestes a completar oito anos. Tem como possíveis adversários o prefeito cuiabano Wilson Santos (PSDB), o empresário Mauro Mendes (PSB) e o senador Jayme Campos (DEM).

   Silval é bacharel em Direito e empresário. Começou na vida pública há 18 anos, quando se elegeu prefeito de Matupá (a 695 km ao Norte de Cuiabá), município que surgiu com a abertura da rodovia Cuiabá-Santarém. Ele participou do processo de colonização de outras cidades, como Guarantã do Norte, Itauba, Marcelândia, Novo Mundo e Peixoto de Azevedo.

   Ainda pelo PTB, chega à cadeira de deputado estadual em 98 e se reelege, em 2002, pelo PMDB. Exerce os cargos de primeiro-secretário e de presidente da Assembleia. No pleito de 2006, sai das urnas como vice-governador. Agora, vai assumir o Paiaguás já pensando na reeleição e não quer nem saber de ressuscitar o velho discurso de divisão territorial de Mato Grosso.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • ALOISIO | Quinta-Feira, 04 de Fevereiro de 2010, 16h05
    0
    0

    E ANTES DE 1992, O QUE O SIVAL FAZIA NA VIDA? COMO VEIO PARAR EM MT?

  • luiz fernando | Quinta-Feira, 04 de Fevereiro de 2010, 10h06
    0
    0

    Esse Germano Souza Cruz, ou é funcionário do WS ou não tem noção nenhuma, dizer que o WS sempre esteve voltado para a população é no minimo de uma cegueira infinita. é so andar um pouco por Cuiabá e ver as pessimas condições da nossa cidade. O Sinval traz o estigma do CARLOS BEZERRA, um dos piores politicos do Brasil. Estamos em uma sinuca de bico, mas com a influência de Blairo sobre o Silval, talvez o CB. fique minimizado no processo. Nessas eleições vamos votar em, novos candidatos para Deputados Estadual, Federal e Senador, abram o olho eleitores de MT.

  • Antonio Carlos Silva | Quinta-Feira, 04 de Fevereiro de 2010, 09h56
    0
    0

    Formei com Silval Barbosa, não sei como ele pegou o diploma, alias sei sim, ele e Vice Governador do Estado, agora ele falar que e Bacharel em Direito e outra história, ele não assistia as aulas, tem hora que eu me envergonha da minha faculdade. Pobres Bacharéis, ainda bem que temos a PGE.

CABO ELEITORAL

O empenho de Blairo para reeleger o afilhado senador

Por 22/10/2020, 13h:12 - Atualizado: 04h atrás

blairo maggi 680

Blairo Maggi não tem saído do conforto de casa para pedir voto na base do corpo a corpo, sob argumento de que é preciso seguir as normas sanitárias de combate à Covid-19.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • Moreira | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 17h18
    0
    1

    Moreira , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • João Gomes | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 17h10
    0
    0

    João Gomes, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Eder Ribeiro | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 15h50
    5
    0

    Eder Ribeiro, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

PROPORCIONAL INDEFERIDA

PT saudações em Cuiabá

Por 22/10/2020, 08h:01 - Atualizado: 09h atrás

edna sampaio 680

Foi-se a única esperança do PT de voltar a ocupar cadeira na Câmara de Cuiabá. Havia expectativa de, com a professora Edna Sampaio, o partido eleger ao menos uma das 28 candidaturas.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • FRANK SABIÁ | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 12h17
    4
    2

    VISHI ! - Mas a Esquerda ainda tem um nome bom: ELISANGELA RENASCER, acessem o Facebook e conheçam a Trajetória dela. É 50 0 50 -

  • Cirlene | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 11h23
    7
    15

    Está parecendo o outro juiz , convicto do erro do PT. Pra mim o povo tem o que merece, falam mal do partido, mas é só ir ao mercado e constatar a diferença do quanto o carrinho agora sai vazio.

  • Zeca | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 11h03
    18
    8

    Aí está mais uma prova da incompetência e analfabetismo funcional do PT. O partido tem advogados, professores, porém são pessoas desprovidas de capacidade. Por isso só sabem gritar, xingar, por defeito nos outros sem olharem os deles.

SEM SOBRENOME

O Pedro que agora esconde Taques

Por 21/10/2020, 20h:04 - Atualizado: 21/10/2020, 20h:10

Mayko Toscano

pedro taques 680

Diferente das três campanhas eleitorais já disputadas até hoje, uma de senador (2010) e duas para governador (2014 e 2018), José Pedro Gonçalves Taques (SD) resolveu, neste pleito em que concorre ao Senado, suprimir o sobrenome Taques.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Chico Bento | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 11h20
    13
    2

    Os comunistas PSOL , PCdoB e PT mudaram suas cores de vermelho para verde e amarelo. Não daria também um bor artigo?

  • Zé Alves | Quinta-Feira, 22 de Outubro de 2020, 05h50
    7
    4

    Foi os escândalo....

  • marcio | Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 20h16
    33
    7

    Emanuel, também esta escondendo o Pinheiro , divulga ai também

PAUTA FURADA

A "burrice" de Barbudo

Por 21/10/2020, 17h:00 - Atualizado: 21/10/2020, 17h:05

nelson barbudo 680

O deputado-youtuber Nelson Barbudo (PSL), disposto a chamar para si os holofotes, mesmo não sendo candidato, convocou entrevista coletiva hoje à tarde, em Cuiabá.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Roberto | Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 23h21
    0
    1

    Roberto, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Revoltado | Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 21h36
    13
    3

    Que ZÉ Ruela, não faz outra coisa a não ser puxar o sa................co do bozo

  • Sonia | Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 19h12
    18
    1

    Alguém ou alguma coisa ainda dá credibilidade a esse pré-histórico chamado de Barbudo?

LOGÍSTICA

Despesas com eleições em MT próximas de R$ 17 mi

Por 21/10/2020, 10h:10 - Atualizado: 21/10/2020, 10h:14

tre despesas 680

A Justiça Eleitoral estima uma despesa de R$ 16,7 milhões, média de R$ 7,23 por eleitor, para realizar as eleições nos 141 municípios de MT conjuntamente com a escolha para uma cadeira no Senado, em 15 de novembro.

Postar um novo comentário

EM CUIABÁ

Os 4 com as maiores chances de disputar 2º turno

Por 20/10/2020, 17h:24 - Atualizado: 20/10/2020, 17h:28

emanuel pinheiro, roberto fran�a, abilio junior, gisela simona 680

Maiores chances de ganhar Prefeitura de Cuiabá: Emanuel Pinheiro, Roberto França, Abílio Júnior e Gisela Simona

A 26 dias das eleições, a discussão de bastidores na Capital é sobre quem serão os dois candidatos que vão para o segundo turno na corrida ao Palácio Alencastro.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Robson Pedroso | Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 10h27
    6
    8

    Entre eles uma Única Mulher é Negra como será Cuiabá nas mãos dessa Advogada. Será que teremos os olhos de machistas ou encararemos que uma mulher e capaz de administrar essa cidade, que precisa de tanto amor e cuidado, principalmente para os menos favorecidos. As periferias de Cuiabá precisa de alguém que tenha olhos de respeito. Fico pensando será que seria essa a Mulher Maravilha do Mato Grosso.

  • Moreira | Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 09h38
    10
    6

    Rafael, para sustentar 3000 mil pelegos mais de 10000 mil famílias em Cuiabá cagam sangue pra sustentar 3000 mil que não trabalham. Não é justo. Fora pelegada do Paletó

  • Dos Santos | Terça-Feira, 20 de Outubro de 2020, 22h26
    28
    21

    A Gisela é uma boa candidata, demonstrou bom preparo com propostas, Roberto França é muito experiente, mas dentre os candidatos, Emanuel Pinheiro, de longe, ainda é o mais preparado. Além de conhecer a detalhadamente a máquina pública, esteve muito seguro na apresentação de suas propostas. Mostrou que conhece todo segmento comercial de Cuiabá, apresentou propostas de recuperação economica, sem rodeios e acusações pra fujir das perguntas. Diferente do Abílio tem que se preparar melhor, estudar mais...cara fala que mandar 3 mil servidores embora, extinguir a SEMOB....reduzir pra 11 secretarias. cara, você tá maluco, as coisa não tão simples assim. No discurso é muito fácil, a realidade é outra.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2617