Blog do Romilson Cuiabá, 18 de Janeiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Fora de vez da disputa, Blairo desautoriza até grupo a incluir seu nome em pesquisa

Por 19/01/2014, 00h:38 - Atualizado: 19/01/2014, 20h:06

Partidos da base dos governos Silval e Dilma terão mesmo de buscar outras alternativas para a disputa à sucessão estadual que não seja Blairo Maggi. Ninguém o convence a concorrer pela terceira vez ao Palácio Paiaguás, nem mesmo a presidente da República e o ex-presidente Lula. Para se ter ideia de que o ex-governador está mesmo fora do páreo, ele próprio desautorizou o núcleo que fomenta sua eventual candidatura a inclui-lo da pesquisa qualitativa que os 7 partidos situacionistas querem fazer para descobrir qual seria o melhor nome para a disputa majoritária.

Geraldo Magela

blairo_senador_blog_do_romilson.jpg

Senador Blairo Maggi (PR) não quer nem que seu nome seja incluído em pesquisa de intenção de voto

Na semana passada, dirigentes do PMDB, PR, PSD, PT, PC do B, Pros e PP se reuniram pela primeira vez. Num discurso unificado, disseram que a prioridade seria ter Blairo como candidato a governador e revelaram que fariam uma pesquisa. Trata-se de estratégia. Dependendo do resultado, o que tende a apontar o senador em primeiro, o grupo buscará demovê-lo da ideia de ficar de fora. Entende que o ex-governador é o mais forte para contrapor o projeto da oposição que vem com tudo com o senador Pedro Taques (PDT).

O bloco deve procurar outros nomes. No PR há dois aspirantes a candidato, os ex-prefeitos Maurição Tonhá (Água Boa) e Cidinho dos Santos (Nova Marilândia). O PT continua sonhando com a filiação para entrar como concorrente o juiz federal Julier Sebastião e tem também o ex-vereador Lúdio Cabral. O PSD cita o vice-governador Chico Daltro.

Foco nos negócios 

Blairo quer continuar senador, o que permite acompanhar de perto os negócios empresariais, embora não esteja mais dirigindo o Grupo Amaggi, do qual é um dos acionistas. A holding controla quatro divisões de empresas ligadas ao agronegócio e já está presente em outros países. O império faz de tudo (ou quase): do plantio, processamento e comércio de grãos, produção de sementes, reflorestamento, pecuária, venda de fertilizantes, geração de energia elétrica, administração portuária, transporte fluvial, exportação e importação. O grupo, com sede num prédio de cinco andares em Cuiabá, fatura US$ 3,7 bilhões por ano. Emprega 3,9 mil funcionários, incluindo nessa conta as quatro divisões do grupo, composto pela trading (Amaggi), por uma empresa de navegação (Hermasa), a divisão agro e a Maggi Energia e tem uma fundação criada em 1997, dedicada à prestação de serviço social.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • sebastiao jose de souza | Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2014, 21h51
    3
    1

    O Estado de MT está como esta é culpa de quem, este cidadão desmandou 08 anos e ainda deixou, Silval Barbosa de Presente pra nós, agora fica um bando de puxa saco falando besteira. Ele tem culpa no cartório pq não peita na eleição que os podres dele vai pra rua.

  • maria cristisna | Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2014, 20h04
    1
    2

    chega de repeteco nomes novos sou contra a reeleicao maximo quatro anos se tiver bos intencoes e bons gestores da para administrar muito o nosso querido Mato Grosso.

  • jose | Segunda-Feira, 20 de Janeiro de 2014, 12h56
    2
    1

    ainda bem,esse ai foi um péssimo administrador só bobo ainda pensa que ele foi o melhor,para os funcionários principalmente os aposentados ele foi péssimo.

  • TOBIAS DE AGUIAR | Domingo, 19 de Janeiro de 2014, 21h55
    2
    0

    "E as águas foram diminuindo até ao décimo mês, e no primeiro dia do décimo mês apareceram os picos das montanhas. " E as águas foram diminuindo até ao décimo mês, e no primeiro dia do décimo mês apareceram os picos das montanhas..."

  • Mitchel jackson | Domingo, 19 de Janeiro de 2014, 18h49
    3
    1

    O qe Blairo qer Mais ! Virou banqueiro usando os Mais de 1 milhao de Votos que nos demos a ele . Usou o mandato mto Bem gaucho ! Que vergonha !

  • João Campos | Domingo, 19 de Janeiro de 2014, 17h23
    3
    1

    Ele já sabe o que silval vai deixar de dividas e muitas sujeiras que estão embaixo do tapete que ao ver da maioria isso não aparece ele tem é que dizer pra população mato-grossense o que esta acontecendo de fato e o que vai acontecer após o governo que esta ai.

  • Otaviano muniz Júnior | Domingo, 19 de Janeiro de 2014, 16h57
    2
    1

    Romilson! Tem que trocar exclui- lo por inclui- lo,no primeiro parágrafo , senão muda todo o sentido da matéria! Abc Otaviano Muniz Resposta - Obrigado, Otaviano, pela correção, já feita no texto. Abraço - Romilson Dourado

NOVA GESTÃO NO TCE

Maluf define postos de comando

Por 18/01/2020, 11h:25 - Atualizado: 52min atrás

Thiago Bergamasco

guilherme maluf 680

Empossado há um mês na presidência do TCE-MT, Guilherme Maluf definiu quase todos os mais de 30 cargos de secretários, diretores e outros postos de comando do órgão de controle externo de toda estrutura dos poderes públicos municipais e estadual.

Postar um novo comentário

CASAL MENDES

Caras diz que Mauro salvou esposa

Reprodução/Caras

mauro caras 680

Numa reportagem de três páginas, ilustrada com 10 fotografias e destaque de capa do casal Mendes, a revista Caras, que chegou hoje às bancas, diz que o governador Mauro Mendes, em 2014, salvou a vida da esposa Virgínia ao doar um rim a ela, que sofria de uma doença hereditária.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Elvis levino da Silva | Sábado, 18 de Janeiro de 2020, 09h40
    0
    0

    Dê glórias ao bom Deus por ter salvo a sua esposa. Agora, faça um favor pra todos os trabalhadores de Mato Grosso, salve-os das suas taxações e impostos fora da realidade.

  • ronaldo araujo | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 18h59
    7
    2

    A unica coisa que não entendi foi pq ele levou para São Paulo, ele foi prefeito de Cuiabá, deixou a saúde perfeita com upas, e dois pronto socorro.... Se nem ele acredita no trabalho dele como gestor imagina eu.

  • Vanessa | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 17h35
    5
    1

    Quase perdeu uma das mãos, agora um rim. É melhor ficar atento governador parece que tem alguém lá em cima insatisfeito com suas diabruras.

  • Lauro Cesar | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 15h45
    17
    1

    Eu aposto 1000 contra 1 que MM ainda tem os dois rins! me engana que eu gosto.

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Pré-candidatos ao Senado entram em disputa por apoio de Bolsonaro

Por 17/01/2020, 10h:32 - Atualizado: 17/01/2020, 10h:38

Marcos Corrêa

jair bolsonaro 680

Pré-candidatos ao Senado, na inédita eleição suplementar marcada para 26 de abril, estão buscando, de alguma forma, apoio do presidente Bolsonaro. E quem o obtiver ganhará um forte cabo eleitoral.

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • Júlio | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 17h43
    4
    4

    Sou morador do Altos da Serra, voto Elizeu. O resto só vem aqui pedir voto, como esse Max que depois da eleição nunca mais vi. Esses Campos estão ricos enquanto VG está à mingua.

  • Maria | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 17h41
    2
    0

    Maria, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Dormeval | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 17h32
    1
    4

    Eduardo Bolsomim foi só o Júlio Campos dizer que seria candidato que os processos de homicídio contra ele começaram a andar na Justiça. Será porque? Sobre os candidatos, fico entre Medeiros e Elizeu Nascimento.

  • Vilson Peres | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 16h31
    7
    6

    ESCREVE AI O SENADOR DO BOLSONARO E MEU É ZE MEDEIROS E VAI SER DE GOLEADA NESTE julio campos .

  • Eduardo Bolsomim | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 16h24
    1
    9

    Só fofoca, e fake-news, pois na realidade Bolsonaro não vai apoiar ninguem na eleição para o Senado em MT, pois o proprio candidato do DEM é seu amigo e foi seu eleitor o Julio Campos, e tem o apoio do Presidente da Camara Rodrigo Maia,do Presidente do Senado Davi Alcolumbre, dos Senadores Jaime Campos e Wellington Fagundes, e dos Ministros do DEM: Onyx Lourenzoni (Casa Civil),Henrique Mandetta (Saúde),Tereza Cristina(Agricultura)e do seu primo Roberto Campos Neto, Presidente do Banco Central do Brasil. Julio eleito, Bolsonaro terá um Senador firme e competente, por isso esqueça, o Presidente JB é inteligente e não vai entrara numa briga dessa,onde ele só tem a perder.

  • Mike | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 15h53
    1
    8

    Se o Bolsonaro não apoiar o sargento Elizeu Nascimento vai pegar uma queda de braço com os militares de Mato Grosso, que sempre foram seus cabos eleitorais gratuitos desde o início em favor de oportunistas como esse Pivetta que sempre foi PDT (esquerda) e sempre apoiou o ex-Presidente condenado.

  • Lúcia | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 15h49
    1
    8

    Vão juntar todos esses caras pra perder pro deputado Elizeu, da mesma forma que todo agro perdeu pra juíza Selma Arruda.

  • Hugo | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 15h47
    1
    7

    Cadê o deputado Elizeu na matéria? Façam uma pesquisa pra ver, esse cara tem voto por causa da CPI da energisa, cota zero e sua luta contra a Reforma da Previdência no estado.

  • Patrícia | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 15h44
    1
    8

    Sou servidora pública voto Elizeu Nascimento. Chega do agro.

  • Túlio | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 15h13
    7
    6

    O deputado mais atuante é esse Elizeu, mas o Medeiros também tem bastante voto. Como os dois são amigos do Bolsonaro acho que vão entrar num acordo pra sair um dos dois.

MUNDO SOCIAL

Caras entra na intimidade do casal Mendes; destaca família e superação

Por 16/01/2020, 23h:27 - Atualizado: 16/01/2020, 23h:36

Reprodução/capa/Caras

caras mauro mendes 680

O governador Mauro Mendes é um dos destaques de Caras, revista dedicada ao noticiário de famosos e celebridades e que chega às bancas nesta sexta.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • JORGE LUIZ | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 12h21
    0
    0

    JORGE LUIZ, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Maykom | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 23h58
    3
    4

    Realmente é uma história de superação atual.

PAUSA PRA DESCANSO

Prefeito da Capital sai de "férias" por uma semana; vice não assume

Por 16/01/2020, 16h:34 - Atualizado: 16/01/2020, 16h:49

elvis emanuel emanuelzinho e marcia pinheiro 680

Prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro, a esposa Márcia e filhos Elvis e Emanuelzinho tiram "férias" de uma semana

O prefeito da Capital Emanuel Pinheiro (MDB) viaja nesta sexta com a família para sete dias de descanso no litoral brasileiro.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • antonio da silva | Sexta-Feira, 17 de Janeiro de 2020, 11h51
    2
    0

    Está de férias com o paletó.

  • Frank Sabiá | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 20h06
    0
    6

    Toda Batalha exige um Guerreiro bem preparado. A Eleição de 2020 será mais pesada do que a de 2012. Uma Semana só é pouco tempo, mas um é que decide o que precisa para Recarregar a Bateria.

  • Ivan Deluqui | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 18h48
    8
    15

    Pode recarregar quantas baterias quiser, mas que vai levar uma surra nas urnas pode esperar, essa pesquisa feita foi pra alegrar o rei deposto e seus bobos da corte.

  • LUIS | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 18h31
    10
    1

    AOS DESAVISADOS UMA DICA. PARA QUE O VICE PREFEITO ASSUMA O CARGO É NECESSÁRIO QUE O AFASTAMENTO SUPERE 15 DIAS, OU QUE O MANDATÁRIO SE AUSENTE DO PAIS. NA HIPÓTESE VENTILADA NÃO HÁ PREVISÃO LEGAL DE ASSUNÇÃO DO VICE. PORTANTO, NÃO HÁ QUALQUER IMPEDIMENTO CRIADO PELO PREFEITO ELEITO. SÓ UMA QUESTÃO DE CUMPRIMENTO DA NORMA QUE DISCIPLINA OS AFASTAMENTOS.

  • octavio augusto regis de oliveira | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 17h51
    13
    6

    MERECIDO DESCANSO , POIS ESTE ANO VAI SER BEM AGITADO E ELEIÇAO DE SENADOR LOGO EM SEGUIDA PREFEITO , BOM DESCANSO PREFEITO

  • Luciano | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 17h06
    0
    1

    Luciano, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • junior | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 16h46
    12
    14

    ele pode proibir o vice em assumir ? é ditador esse paletó

TROPA OSTENSIVA

Estado tem hoje 7 mil PMs e poderia dobrar o efetivo sem nem alterar lei

Por 16/01/2020, 09h:00 - Atualizado: 16/01/2020, 01h:25

pm 680 formatura

Solenidade de formatura de policiais militares realizada em setembro de 2016, na administração Pedro Taques

Com uma dimensão continental (906.806 km²) e 3,4 milhões de habitantes distribuídos em 141 municípios, Mato Grosso conta hoje com uma tropa de 7.144 policiais militares - fora homens do Corpo de Bombeiros.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Davi | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 12h58
    12
    2

    Sou policial militar e por mim não realiza concurso. Com o efetivo atual o incompetente do secretário da fazenda (que está no cargo desde o governo Taques) não consegue sequer pagar os salários dentro do mês trabalhado. Não entregou farda para os policias, equipamentos de uso obrigatório, transfere militar sem pagar com a ajuda de custa que é um direito, não paga adicional noturno, não consegue manter o sistema de previdência. Se não pode taxar os exportadores de commodities melhor deixar o efetivo diminuir a cada dia como está acontecendo com as aposentadorias de policiais. Além disso, a sociedade comprou um discurso de que servidor público é um peso, então porque reclamar de falta de PM. Comprem um 38 e se defendam. Abraços!

  • povo | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 11h17
    19
    1

    Falta servidores na segurança é absurdo! 2019 fechou delegacias nos interiores, já não tem juiz e promotor, nem delegado e agora nem investigador. Os deputados estão calados! FALTA NÃO SÓ PM, NA PJC FALTA TUDO! O governador vai começar a fechar batalhões igual as delegacias. Esse secretário de segurança é um incapacitado! O crime só aumenta, o Estado com mais casos de violência domestica no Brasil. O que será da segurança até 2022?

  • Carlos | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 10h32
    3
    17

    Qual seria o real motivo para tantas críticas ao governo, seria a falta de papinha para algum setor da sociedade!

  • Silas | Quinta-Feira, 16 de Janeiro de 2020, 09h59
    15
    1

    Cadê o concurso público pra 1000 vagas, desde 2016 esse GOVERNADOR GOVERNA + AS EMPRESAS DELE do q Administra o ESTADO

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2477