Blog do Romilson Cuiabá, 17 de Fevereiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

AGÊNCIA REGULADORA

Governo muda lei para diretor de Transporte não ser mais de carreira

Por 21/08/2019, 17h:20 - Atualizado: 21/08/2019, 17h:29

ager 680

Fachada do prédio da Agência Estadual de Regulação dos Serviços Delegados do Estado, composta por 3 diretores

O governo estadual encaminhou um requerimento à Assembleia, inclusive com dispensa de pauta, para mudar critérios na indicação de nome ao cargo de diretor de Transportes da Ager-MT, tornando-o de livre nomeação e não mais limitado a servidor de carreira, no caso, analista regulador.

Essa solicitação deve ser aprovada pelos deputados de imediato. O Palácio Paiaguás tomou tal decisão após a Assembleia reprovar recentemente o nome de Emerson de Almeida. Já a indicação de José Rodrigues para o posto de Ouvidor da Agência teve aprovação unânime dos parlamentares presentes na mesma sessão.

São três cadeiras de diretoria da Ager, fora a presidência, hoje sob Fábio Calmon. Para os postos de diretores de Energia e da Ouvidoria a lei permite livre nomeação pelo chefe do Executivo estadual. Já para diretor de Transporte, uma proposta apresentada pelo deputado Sebastião Rezende e que foi aprovada, exige que seja ocupada por servidor de carreira.

Após a rejeição do nome de Emerson, havia possibilidade do analista Paulo Henrique ser indicado. Mas, com a possível mudança na lei, o governador Mauro Mendes buscará outro nome. O mandato de diretor da Agência, que tem 70 funcionários, é de quatro anos. O salário não é nada atrativo. Não chega a R$ 10 mil.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • JORGE LUIZ | Quinta-Feira, 22 de Agosto de 2019, 14h04
    3
    2

    MAURO MENTE QUERENDO ARRUMAR UMA TETA PARA UM CABO ELEITORAL SEU, ASSIM É A POLÍTICA

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Abicalil vai mesmo encarar Senado

Por 17/02/2020, 15h:55 - Atualizado: 05h atrás

carlos abicalil 680

O PT vai mesmo lançar o ex-federal Carlos Abicalil à suplementar ao Senado marcada para 26 de abril. Seu nome será oficializado no próximo dia 28.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • jj | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 17h09
    4
    2

    ave maria!

  • elias | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 16h37
    6
    7

    Melhor nome

  • Fernanda | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 16h26
    9
    6

    Essa candidatura já nasce morta.

PESO PRESIDENCIAL

Bolsonaro chega de carreta na BR-163 e sob aplausos veja

Por 17/02/2020, 10h:16 - Atualizado: 17/02/2020, 10h:28

bolsonaro 163 680

Não é à toa que os principais pré-candidatos ao Senado brigam pelo apoio de Jair Bolsonaro. Quem o atrair para o palanque, transformando-o no principal cabo eleitoral na suplementar de abril, terá dado passo importante à vitória.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • elias | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 16h38
    3
    5

    Oportunista...inaugurando obra de outros governos...

  • Tcha | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 13h42
    7
    6

    Levando claque , qualquer ganha aplauso.

  • alexandre | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 12h53
    10
    8

    Porque que o lula não fez ?

Câmara de Cuiabá

Abílio aposta últimas fichas no relatório da CCJ e tenta se salvar

Por 17/02/2020, 10h:05 - Atualizado: 04h atrás

Rodinei Crescêncio

abilio_junior

Com a corda no pescoço, o vereador Abílio Júnior aposta suas últimas fichas no parecer da Comissão de Constituição e Justiça. Lá, entende ter dois aliados, na batalha para não ser cassado, Kero Kero (PSL)  e  Lilo Pinheiro (PDT).

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • kamila Araújo | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 14h46
    7
    4

    Abilio, que decepção, perdi meu voto...decepção geral, moleque, uma criança mimada, agora volta de novo pro Grande Templo e receber aquele salario grande que recebia. e pior ne paga com nossos dizimos,

  • eleitor cuiabano | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 14h25
    2
    1

    Juca do guaraná????que tiveram rusgas esses dias??? Adilson levante que é irmão de Oséas Machado...??? vixxi...Apela por AQUELE lá de cima bem melhor.

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Contra tese de Lúdio, majoritário petista tenta levar Abicalil à disputa

Por 16/02/2020, 18h:01 - Atualizado: 09h atrás

carlos abicalil 680

Em resolução política assinada hoje, após encontro do diretório estadual, o PT decidiu por candidatura ao Senado e a tendência é que seja o ex-federal Carlos Abicalil.

Postar um novo comentário

Comentários (6)

  • Alberto | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 13h02
    0
    0

    Alberto, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Reginaldo Pinheiro | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 12h25
    4
    6

    Vai perder porque é do PT. Candidato bom para Mato Grosso é candidato comprometido com o movimento " MUDA SENADO". O que é bom para Wellington, para os Campos e para Abicaliu com certeza não é bom para Mato Grosso. Taques não é o melhor candidato, mas, é melhor que qualquer um desses, se não foi bom governador, mas, foi excelente senador.

  • alexandre | Segunda-Feira, 17 de Fevereiro de 2020, 08h45
    10
    4

    vai perder de qualquer jeito..

AFAGO AO CAPITÃO

Ciumeira e disputa da bancada de MT para viajar no avião presidencial

Por 16/02/2020, 10h:55 - Atualizado: 16/02/2020, 14h:16

bolsonaro 680

Na segunda viagem de Bolsonaro como presidente da República a Mato Grosso, desta vez na divisa com Pará, na última sexta, rolou novamente a maior ciumeira entre os membros da bancada federal.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Benedita da Silva | Domingo, 16 de Fevereiro de 2020, 15h58
    4
    0

    Rindo até a próxima eleição majoritária!

  • Maria Helena Barros | Domingo, 16 de Fevereiro de 2020, 14h40
    4
    1

    Neri e Barbudo barrados.....kkkkkkkk

  • QUARTO CRESCENTE CERVEJA E CIA | Domingo, 16 de Fevereiro de 2020, 13h33
    11
    1

    aí o puxa saco sofre

INAUGURAÇÃO

Ex-deputado barrado no baile da 163

Por 15/02/2020, 17h:45 - Atualizado: 15/02/2020, 17h:50

nilson leitao 680

Nilson Leitão (à direita) posa para fotografia com aliados políticos do Nortão, no curto tempo em que ficou no ato 

Sem mandato eletivo e no cargo de consultor da CNA, o ex-prefeito de Sinop e ex-deputado federal tucano Nilson Leitão não conseguiu autorização para ficar no dispositivo de autoridades, ontem, na inauguração de um trecho de 51 km da BR-163, na divisa de Mato Grosso com Pará.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • JORGE | Domingo, 16 de Fevereiro de 2020, 07h59
    14
    1

    ESSAS PRAGAS TEM Q CAIR NO ESQUECIMENTO

  • Evandro | Sábado, 15 de Fevereiro de 2020, 19h19
    23
    3

    Esse Leitão, adora aparecer, sempre foi e continua sendo o mais enxerido dos politicos Matogrossenses, tomou na cara e se f..., pois diz ser apoiado pelo Planalto para Senadore siquer conseguiu ser citado ou sentar no dispositivo de autoridades. Tenha humildade rapaz, voce já era ?

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2492