Blog do Romilson Cuiabá, 25 de Setembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

OPERAÇÃO JURUPARI

Henry aproveita encontro do PP para fazer críticas a magistrado

Pedro Henry - Foto: Josimar Moreira   Ao abrir a série de pronunciamentos no encontro que reuniu mais de 200 lideranças políticas do PP nesta segunda (24), o deputado licenciado Pedro Henry demonstrou revolta em relação à Operação Jurupari que levou à prisão, na última sexta (21), a coordenadora da Sala da Mulher e esposa do presidente da Assembleia José Riva, Janete Riva.

   “Vou falar sobre isso porque estou iniciando, mas peço que depois de mim, ninguém mais toque neste assunto”, começou. “Isso está convenientemente preparado há vários meses”, disse sobre a operação, cujos mandados de prisão foram expedidos pelo juiz federal Julier Sebastião da Silva. Revoltado, Henry disse que "acabou a inteligência da PF, agora só existem grampos".

   O progressista garantiu que já procurou todos os partidos do Estado e que conversou com o governador Sival Barbosa, o pré-candidato ao Senado Blairo Maggi, o presidente do PR, deputado federal Wellington Fagundes, e o ex-prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB) para unir forças contra as ações do magistrado. “Procuramos todas as forças políticas para dar um basta no abuso do Poder Judiciário”, exclamou.

   “Quem aqui não sabe do conluio que existe entre Julier e o procurador Mário Lúcio Avelar? Quem aqui não sabe do seu desejo de ser governador?”, questionou perante os colegas do partido. Afirmou que o juiz utiliza as forças da sociedade por conta de um projeto político, o que classificou como detestável e deplorável.

   O deputado licenciado afirmou que irá ao Conselho Nacional de Justiça (CNJ), ao Conselho Nacional do Ministério Público (CNMP) e à Polícia Federal cobrar explicações, isto porque, segundo ele, a democracia e a celeridades desta eleição estão em xeque. “Existem maus profissionais em todas as áreas, medicina, política e no Poder Judiciário, no MP e na PF tem gente que não aguenta nem cinco minutos de auditoria”, ressaltou.

   Mesmo sob o pedido de Henry para encerrar o assunto e não permitir que a polêmica prejudique os projetos do partido, Riva revelou que, apesar do profundo aborrecimento com o fato, ele consegue deitar a cabeça em seu travesseiro e dormir tranquilamente e aproveita para perguntar se o magistrado consegue fazer o mesmo.

    Já o presidente regional da legenda, deputado federal Chico Daltro, limitou-se a dizer que a questão envolve apenas situações individuais que não tem nada a ver com o partido.

Postar um novo comentário

Comentários (15)

  • Hélio | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 14h46
    0
    0

    graças a deus existe o grampo! Para pegarem pessoas como vcs!

  • GONÇALINA BEIRA RIO | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 11h11
    0
    0

    GONÇALINA BEIRA RIO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Willian | Terça-Feira, 25 de Maio de 2010, 09h02
    0
    0

    kkkk Olha quem tá cobrando explicações. Pedrinho... haja olho de peroba hein... Não foi o Sr. que se recusou a ajudar Cáceres só porque seu inimigo está na prefeitura e agora vem falar da atuação do Julier. tenha paciência! Se alguém tiver que falar mal do julier com certeza essa pessoa não é vc, pq simplesmente não há lógica. Correção : Óleo de Peroba

REFORÇO ELEITORAL

A esperança de França em 2 apoios graúdos

Por 25/09/2020, 14h:28 - Atualizado: 04h atrás

roberto franca 680

Pela primeira vez, Roberto França (Patriota) entra numa disputa eleitoral ao Executivo num cenário nem tanto favorável, como nos pleitos em que se elegeu prefeito de Cuiabá, em 1996 e 2000.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Ocuiabano | Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 16h34
    8
    0

    INFELIZMENTE COM. MAURO MENDES.....MAL. ACOMPANADO.....NÃO TEM O NOSSO VOTO.

  • Adaildo | Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 15h46
    3
    0

    A culpa do Bolsonaro não apoiar o Roberto França é da Tenente Coronel Fernanda, que rebelou e não aceitou o que o presidente Bolsonaro pediu que fizesse, isso vai custar muito caro para o Patriota e principalmente para o Roberto França! Isso só mostrou que pessoas com interesses próprios, não pensou em Cuiabá e muito menos no partido, ganância pelo poder!

CORRIDO À PREFEITURA

Pela 2ª vez, governador e vice em palanques diferentes em Lucas

Por 25/09/2020, 10h:52 - Atualizado: 08h atrás

mauro mendes otaviano pivetta 680

Governador Mauro Mendes, que apoia Binotti em Lucas do Rio Verde, enquanto Otaviano Pivetta lança Miguel Vaz

Pela segunda vez, vice e governador estão em palanques diferentes nas eleições em Lucas do Rio Verde. E repetindo alguns dos personagens.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • joao | Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 14h34
    1
    0

    Roberto não a lugar algum.

  • maicon douglas | Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 14h09
    1
    0

    eu não voto nem no canadidato do mauro mente e nem no candidato do pivetti por justamente por causa dos dois to fora desses dois

  • ladislau do vale batista | Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 14h03
    1
    0

    ladislau do vale batista, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

VAIDADES

Disputa de ego entre 2 entidades faz ministra cancelar agenda em Cuiabá

Por 24/09/2020, 16h:25 - Atualizado: 24/09/2020, 16h:29

antonio galvan normando corral

Antonio Galvan, da Associação dos Produtores de Soja, e Normando Corral, que dirige a Federação da Agricultura

Uma disputa pelo protagonista do que seria a construção de uma agenda para a ministra Tereza Cristina (Agricultura) em Cuiabá, envolvendo a Famato e Aprosoja, as duas maiores entidades do agronegócio, acabou jogando por água abaixo a tal programação.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Israel Borges | Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 07h00
    10
    2

    Antonio Galvan foi ele quem arrumou um pessoal para ficar vaindo gov mauro em sinop ... ele e disreipeitoso eos agricultores de mt nao mereçe ter um cara desse representando o nosso agro fora galvan

  • Sem terra de Poconé | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 21h20
    16
    1

    02 pessoas que usam às instituições em benefício próprio. Normando Corral toca a FAMATO dando mordomia e beneficies a seus “amigos”, já Galvan é tido como louco é extremamente vaidoso.... O agro tá muito mal representado nesse momento...

MORTE OU VIDA POLÍTICA

A incógnita Pedro Taques

Por 24/09/2020, 11h:49 - Atualizado: 24/09/2020, 11h:54

pedro taques 680

A resposta das urnas a ser dada a Pedro Taques em 15 de novembro, como um dos 11 candidatos a senador, representará a sua morte política ou então o consagrará como aquele que conseguiu dar a volta por cima.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • luizitosales@gmail.com | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 14h18
    23
    9

    Sou servidor público e tive o desprazer de participar de uma reunião com esse indivíduo quando ela estava (ainda bem) governador. Impressionante a arrogância, prepotência e falta de humildade. Se depender do meu voto, vai continuar no ostracismo político.

  • Joaquim Silva | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 13h42
    19
    22

    Eu voto nele, um dos destaques no Congresso nacional entre 2010 a 2014. Não foi um governador eficiente, mas a eleição aqui é para Senador, cargo que ele já ocupou com tanto brilhantismo que o alçou a Governador. Perfis diferentes, não dá para confundir as atribuições de um e de outro. Ele é político do Legislativo, não executivo, igual Welington Fagundes.

  • Joaquim Silva | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 13h42
    13
    17

    Eu voto nele, um dos destaques no Congresso nacional entre 2010 a 2014. Não foi um governador eficiente, mas a eleição aqui é para Senador, cargo que ele já ocupou com tanto brilhantismo que o alçou a Governador. Perfis diferentes, não dá para confundir as atribuições de um e de outro. Ele é político do Legislativo, não executivo, igual Welington Fagundes.

EM CUIABÁ

PSB deixa Emanuel e espera sim do Paiaguás para fechar com França

Por 24/09/2020, 09h:54 - Atualizado: 24/09/2020, 09h:57

adilson levante 680

O PSB pulou do palanque à reeleição do prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro, deixou a chapa de 38 candidatos a vereador numa saia-justa e está esperando sinalização do Palácio Paiaguás para ver se fecha mesmo aliança com Roberto França (Patriota).

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Candidata | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 20h59
    0
    0

    Nota mentirosa. PSB está firme com Emanuel. Nunca se uniria a Mauro Mendes

  • Psdbista | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 20h59
    0
    0

    MAIOR MENTIRA DO PLANETA. RUSSI SABE QUE O DEM SAÍRA MAIS PERDIDO QUE CACHORRO QUE CAIU DE MUDANÇA E NÃO IA ESTRAGAR A CHAPA DO PSB. DIVULGUEM A VERDADE

  • Ojusticeiro | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 15h15
    5
    0

    Na política vale tudo..... olha Máxi dando pitada na política cuiabana QUA. QUA QUA ele vai e nos eleitores não mais QUA

VISITA

Ministra em agenda do agro em Cuiabá

Por 23/09/2020, 22h:46 - Atualizado: 23/09/2020, 22h:50

tereza cristina 680

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) visita Cuiabá na próxima segunda (28).

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2605