Blog do Romilson Cuiabá, 25 de Setembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

PEDRA PRETA

Juíza manda ex-prefeito para cadeia e dá multa de R$ 50 mil

Nelson Dias de Moaris, ex-prefeito de Pedra Preta   O ex-prefeito de Pedra Preta, Nelson Dias de Morais (DEM), foi condenado a três anos de reclusão, em regime inicialmente aberto, e ao pagamento de R$ 50 mil a título de reparação por danos morais, pela utilização indevida de bens, rendas ou serviços públicos em proveito próprio. A decisão foi da juíza Joseane Viana Quinto, que também declarou o ex-prefeito inábil para o exercício de cargo ou função pública, eletivo ou de nomeação, pelo prazo de cinco anos.

   Nelson, que comandou Pedra Preta entre 2001 e 2004, utilizou em sua administração símbolo e frase usados anteriormente em sua campanha eleitoral. Tratam-se de um coração e da frase "avançar com você", que passou a constar nos informes publicitários, órgãos e documentos da prefeitura. Segundo a denúncia, o ex-prefeito também desprezou a logomarca da municipalidade aprovada pela Câmara Municipal.

   Em sua defesa, o democrata alegou que a utilização de símbolos pessoais não seria conduta vedada, mas sim permitida e amplamente utilizada pelos administradores públicos. Disse que o slogan de sua campanha teria sido “Sou mais 45 – Somos o futuro, queremos o exemplo”.

  Mesmo assim, a magistrada entendeu que a materialidade do crime foi comprovada por meio de fotos, contratos, documentos confeccionados pela prefeitura contendo o símbolo pessoal do democrata, comprovantes fiscais que demonstram gastos com material gráfico efetuados em nome da secretaria de Saúde e que serviram para promoção pessoal de Nelson, tabela de gastos públicos com publicidade, além de depoimentos colhidos durante a fase de instrução probatória, em especial o depoimento do acusado, que não negou a conduta. O ex-prefeito chegou a afirmar que em alguns santinhos de sua campanha usou a figura do coração.

   Para ter direito a cumprir a pena em regime aberto, Nelson deve comprovar num prazo de 30 dias que está trabalhando, além de indicar e comprovar seu endereço. Ele também não poderá se ausentar da comarca onde reside por mais de 30 dias sem a expressa autorização e comunicação ao juiz e não poderá sair de casa entre as 22h e 6h. Mensalmente, deverá comparecer pessoalmente em Juízo para informar e justificar suas atividades. O ex-prefeito também não poderá mudar de residência sem comunicar o Juízo. O descumprimento de qualquer destes requisitos importará em regressão para o regime fechado.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • ELIBERTO | Sábado, 28 de Março de 2020, 22h28
    0
    0

    Apos muito tempo relendo esta matéria, gostaria de afirmar que em que pese não morar mais em Pedra Preta, tenho parentes e amigos que residem no município e novamente afirmo, tem gestores que até hoje respondem processo por improbidade administrativa e o povo de lá sabe bem quem são esse pessoal.

  • robson ulisses de oliveira | Sábado, 12 de Março de 2011, 22h21
    0
    0

    Estou muito atrazado para este comentário.Mas,tenho que obrigação de fazer."Ao sr. Eliberto Francisco da cruz.Como diz que é filho de Pedra Preta mas seus conhecimentos da vida da cidade é nula.Nem lá o sr. mora.Conhece a atuação da justiça e da realidade da cidade?Vc não tem nenhum direito de comentar,porque vc não conhece e não sabe o que se passou na época.Tu és um mero alienado do que lê,um marionete da midia e dos que tem visão limitada das coisas.

  • Eliberto Francisco da Cruz | Sexta-Feira, 29 de Janeiro de 2010, 09h09
    0
    0

    Parabéns a magistrada que proferiu a sentença da condenação, posso falar porque sou filho de Pedra Preta e conheço a atuação de alguns "Gestores" que por lá passaram. O povo daquela cidade é ordeiro e trabalhador e isso tem que ser respeitado por aqueles que passaram bem como aqueles que estão no poder municipal.

VAIDADES

Disputa de ego entre 2 entidades faz ministra cancelar agenda em Cuiabá

Por 24/09/2020, 16h:25 - Atualizado: 24/09/2020, 16h:29

antonio galvan normando corral

Antonio Galvan, da Associação dos Produtores de Soja, e Normando Corral, que dirige a Federação da Agricultura

Uma disputa pelo protagonista do que seria a construção de uma agenda para a ministra Tereza Cristina (Agricultura) em Cuiabá, envolvendo a Famato e Aprosoja, as duas maiores entidades do agronegócio, acabou jogando por água abaixo a tal programação.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Sem terra de Poconé | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 21h20
    1
    0

    02 pessoas que usam às instituições em benefício próprio. Normando Corral toca a FAMATO dando mordomia e beneficies a seus “amigos”, já Galvan é tido como louco é extremamente vaidoso.... O agro tá muito mal representado nesse momento...

MORTE OU VIDA POLÍTICA

A incógnita Pedro Taques

Por 24/09/2020, 11h:49 - Atualizado: 24/09/2020, 11h:54

pedro taques 680

A resposta das urnas a ser dada a Pedro Taques em 15 de novembro, como um dos 11 candidatos a senador, representará a sua morte política ou então o consagrará como aquele que conseguiu dar a volta por cima.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • luizitosales@gmail.com | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 14h18
    13
    5

    Sou servidor público e tive o desprazer de participar de uma reunião com esse indivíduo quando ela estava (ainda bem) governador. Impressionante a arrogância, prepotência e falta de humildade. Se depender do meu voto, vai continuar no ostracismo político.

  • Joaquim Silva | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 13h42
    10
    12

    Eu voto nele, um dos destaques no Congresso nacional entre 2010 a 2014. Não foi um governador eficiente, mas a eleição aqui é para Senador, cargo que ele já ocupou com tanto brilhantismo que o alçou a Governador. Perfis diferentes, não dá para confundir as atribuições de um e de outro. Ele é político do Legislativo, não executivo, igual Welington Fagundes.

  • Joaquim Silva | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 13h42
    7
    10

    Eu voto nele, um dos destaques no Congresso nacional entre 2010 a 2014. Não foi um governador eficiente, mas a eleição aqui é para Senador, cargo que ele já ocupou com tanto brilhantismo que o alçou a Governador. Perfis diferentes, não dá para confundir as atribuições de um e de outro. Ele é político do Legislativo, não executivo, igual Welington Fagundes.

EM CUIABÁ

PSB deixa Emanuel e espera sim do Paiaguás para fechar com França

Por 24/09/2020, 09h:54 - Atualizado: 24/09/2020, 09h:57

adilson levante 680

O PSB pulou do palanque à reeleição do prefeito cuiabano Emanuel Pinheiro, deixou a chapa de 38 candidatos a vereador numa saia-justa e está esperando sinalização do Palácio Paiaguás para ver se fecha mesmo aliança com Roberto França (Patriota).

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Candidata | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 20h59
    0
    0

    Nota mentirosa. PSB está firme com Emanuel. Nunca se uniria a Mauro Mendes

  • Psdbista | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 20h59
    0
    0

    MAIOR MENTIRA DO PLANETA. RUSSI SABE QUE O DEM SAÍRA MAIS PERDIDO QUE CACHORRO QUE CAIU DE MUDANÇA E NÃO IA ESTRAGAR A CHAPA DO PSB. DIVULGUEM A VERDADE

  • Ojusticeiro | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 15h15
    5
    0

    Na política vale tudo..... olha Máxi dando pitada na política cuiabana QUA. QUA QUA ele vai e nos eleitores não mais QUA

VISITA

Ministra em agenda do agro em Cuiabá

Por 23/09/2020, 22h:46 - Atualizado: 23/09/2020, 22h:50

tereza cristina 680

A ministra Tereza Cristina (Agricultura, Pecuária e Abastecimento) visita Cuiabá na próxima segunda (28).

Postar um novo comentário

SOJICULTORES

Aprosoja vai renovar diretoria e, por enquanto, um se lança à presidência

Por 23/09/2020, 20h:01 - Atualizado: 23/09/2020, 20h:07

fernando cadore 680

Com cerca de 7 mil associados, a Aprosoja-MT, entidade que representa a categoria de sojicultores que detém o maior peso da economia estadual, escolherá seu novo presidente e outros 11 da diretoria em 9 de novembro.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Juscileide Kliemaschewsk Rondon | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 19h27
    0
    0

    Bando de canalhas! Se serviram da EMBRAPA, empresa brasileira pública para começar o plantio da soja no estado e agora jogam pedra nos serviços públicos!

  • Caio Oliveira | Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020, 21h06
    6
    0

    Aproenoja...

  • Jose | Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020, 20h55
    6
    1

    A aprosoja ao invés de se preocupar com as queimadas fica fazendo propaganda pra reforma administrativa

PLANTAÇÃO E COLHEITA

A estratégia de Mauro para 2021

Por 23/09/2020, 15h:25 - Atualizado: 23/09/2020, 15h:30

mauro mendes 680

Independente da busca ou não da reeleição, Mauro Mendes está convicto de que, a partir do próximo ano, irá elevar a popularidade, inclusive em setores, como do funcionalismo público e do agronegócio, que torceram o nariz e fizeram protesto contra o governo por causa das reformas implementadas.

Postar um novo comentário

Comentários (10)

  • ROGERIO SENA DA SILVA | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 13h25
    2
    0

    Tá achando que o servidor público é bobó chera chera. Perdemos poder de compra sem RGA e agora diminuiu nosso salário com aumento da alicota previdenciária. Muitos estão com dificuldades pra comprar remédios e entrando em empréstimos. Não esqueceremos terá o mesmo fim de Pedro

  • Charles Dias | Quinta-Feira, 24 de Setembro de 2020, 11h53
    7
    1

    Nunca mais terá o meu voto, enganou os servidores público, não taxou o agronegócio e ainda taxou os Pensionista e Aposentados 14% na alíquota previdenciária. A corda sempre arrebenta para o lado mais fraco. Se o Roberto França eleger para Prefeito vai acontecer a mesma coisa, apoiado por Mauro MENTE!!! ABRE O OLHO SERVIDOR PÚBLICO MUNICIPAL!!!

  • Marlan | Quarta-Feira, 23 de Setembro de 2020, 20h15
    4
    9

    ...QUE OS ANJOS DIGAM AMEM...

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2605