Blog do Romilson Cuiabá, 28 de Maio DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Justiça

Justiça bloqueia R$ 122,6 mil de Jaqueline

Primeira-dama foi punida por acumular dois empregos públicos

Por 21/02/2014, 10h:48 - Atualizado: 21/02/2014, 11h:56

Rodinei Crescêncio

walace-guimaraes-jaqueline-varzea-grande foto rodinei.jpg

A pré-candidata a deputada federal Jaqueline Guimarães teve bens bloqueados

A Justiça ordenou a indisponibilidade dos bens e valores da ex-secretária de Saúde de Várzea Grande, primeira-dama Jaqueline Guimarães (PMDB), no montante de R$ 122,6 mil. Ela é acusada pelo Ministério Público Estadual de atuar, desde 2009, em dois empregos públicos ao mesmo tempo, prática proibida por lei.

Esposa do prefeito do município, Walace Guiamarães (PMDB), Jaqueline foi titular da Saúde na gestão passada, entre 2009 e 2010, e 2013, sendo que saiu esse ano para concorrer a deputada federal. De acordo com a denúncia do MP, no mesmo período, trabalhou no Departamento Estadual de Trânsito (Detran), como perita.

Conforme consta na decisão do juiz da Segunda Vara Especializada de Fazenda Pública de Várzea Grande, Jones Gattas Dias, investigações comprovam que a primeira-dama não desenvolveu “suas funções a contento em nenhum dos cargos que ocupava, tendo em vista a incompatibilidade dos horários e a impossibilidade de acumulação de mais de dois cargos públicos em qualquer hipótese”.

Isso porque quando deveria dar expediente na secretaria, onde tinha que cumprir carga horária de 8 horas diárias (com entrada, intervalo e saída), Jaqueline atuava em uma unidade do Detran, na avenida Fernando Correia da Costa, em Cuiabá.

A ação contra a ex-secretária é uma das que se tornaram prioridade no Judiciário em razão do cumprimento da meta 18 do Conselho Nacional de Justiça (CNJ), que dá celeridade no julgamento de processos de improbidade administrativa.

A decisão do Judiciário não afeta o registro de candidatura de Jaqueline, caso efetive o nome na disputa eleitoral. A condenação, contudo, pode atrapalhar os planos políticos da peemedebista, que já foi inclusive bastante criticada pela gestão na Saúde. Por ser decisão em primeira instância cabe recurso. 

A reportagem tentou entrar em contato com Jaqueline, mas até a publicação desta matéria, não houve retorno das ligações.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • julio | Sexta-Feira, 21 de Fevereiro de 2014, 14h37
    3
    1

    Esse é a cara do Brasil

EM RONDONÓPOLIS

Senador é ignorado e deixa ato constrangido

Por 28/05/2020, 13h:01 - Atualizado: 01h atrás

damares favaro 680

O senador Carlos Fávaro (PSD) passou o maior constrangimento hoje, em Rondonópolis, durante ato de entrega de alimentos e máscaras faciais a povos indígenas com a presença da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos)

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Neto | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 14h06
    0
    0

    Vai lá senador defender o Bozobosta,kkkkk

BATALHA JURÍDICA

Pedido de Albano para voltar ao TCE será julgado pelo Supremo na terça

Por 28/05/2020, 12h:28 - Atualizado: 01h atrás

gilmar mendes 680

A Segunda Turma do Supremo julga na sessão da próxima terça (2 de junho), um agravo regimental do conselheiro Valter Albano, pleiteando retorno ao cargo. O pedido de HC chegou a entrar na pauta ontem, mas a presidente, ministra Cármen Lúcia, não o colocou em julgamento porque a sessão já havia extrapolado o prazo.

Postar um novo comentário

EM RONDONÓPOLIS

2 pré ao Senado disputam espaço em ato com ministra

Por 28/05/2020, 10h:30 - Atualizado: 03h atrás

fernanda victorio galli 680

Rúbia Fernanda (de blusa rosa) e seu suplente da chapa ao Senado, Victorio Galli, aguardando chegada da ministra

Dois pré-candidatos à suplementar ao Senado, tenente-coronel Rúbia Fernanda (Patriota), e o deputado José Medeiros (Pode), participam do ato nesta manhã, na sede da Conab, em Rondonópolis, com a presença da ministra Damares Alves (Mulher, Família e Direitos Humanos).

Postar um novo comentário

PREOCUPAÇÃO

Por questão de segurança, Michelle Bolsonaro cancela agenda em MT

Por 28/05/2020, 07h:07 - Atualizado: 06h atrás

michelle bolsonaro 680

Por recomendação do Gabinete de Segurança Institucional (GSI), a primeira-dama Michelle Bolsonaro cancelou sua participação no evento de entrega de cestas básicas para comunidades indígenas hoje, em Rondonópolis.

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Jedae | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 10h20
    4
    3

    Ver petistas, comunas e toda raça infame chorar, não tem preço. Bolsonaro, só precisa fazer duas coisas. Primeiro: Não deixar haver roubos em todos os níveis. Segundo: Nunca mais deixar o poder cair nas mãos dessa quadrilha, que se intitula progressistas. De quebra, limpar esse STF, repleto de corruptos e vendidos. Nem sei quem é pior. Se é o ex-carregador de malas do mula ou o ex do Temer, enterno vice da anta!!!!!!!!!

  • MOSSUETO | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 09h46
    4
    3

    Ridícula essa justificativa, o nosso País nunca teve esse tipo de ameaças, mas a falta de postura e respeito com os eleitores é que está gerando esse tipo de reação.

  • Riccardo Delatorre | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 09h36
    6
    1

    Pode soltar a boiada que a patroa não vem...

EM CUIABÁ

Prefeito anuncia nesta 5ª reabertura de shoppings, bares e academias

Por 27/05/2020, 21h:02 - Atualizado: 27/05/2020, 21h:05

emanuel pinheiro 680

Em uma live programada para esta quinta, às 9h30, pelo Facebook e Instagram, o prefeito Emanuel Pinheiro vai anunciar a reabertura de algumas atividades econômicas de Cuiabá, há quase três meses de portas fechadas por causa da Covid-19.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Marcinho | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 11h36
    9
    9

    Preparem os caixões....e põe na conta do Prefeito Manèl do Paletó

  • Márcio | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 11h25
    9
    5

    Demorou, né... Mas meus parabéns ao vosso prefeito... Na minha opinião não precisava tudo isso, pra existem muitos outros tipos de morte que ninguém mostra, todos os dias. Que Deus conceda sabedoria tanto ao nosso prefeito quanto os demais políticos, e que verdadeiramente pensei no povo em primeiro lugar.

  • Jomax | Quinta-Feira, 28 de Maio de 2020, 11h09
    7
    15

    TOTAL IRRESPONSABILIDADE

CARGO PÚBLICO

Em plena pandemia, Cocalinho já aprova novos salários para 2021

Por 27/05/2020, 20h:11 - Atualizado: 05h atrás

dalva prefeita cocalinho 680

Com sete meses de antecedência e em plena crise econômica e sanitária agravada pelo coronavírus, vereadores de Cocalinho, município do Araguaia com menos de seis mil habitantes, já aprovaram reajuste salarial para 2021, se estendendo até 2024.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Reginaldo | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 22h41
    7
    1

    Meu sonho é votar em Cocalinho, deve ser um sonho de cidade, deve ser melhor que Nova Mutum, Sorriso ou Lucas do Rio Verde. Prefeita e vereadores pensaram assim: O quê? Vai faltar dinheiro nessa pandemia e pós pandemia. Pode faltar para qualquer tipo de assistência social, tipo escolas, creches, asilo e saúde, mas não para o salário da prefeita, dos vereadores e dos secretários... Farinha pouca, meu pirão primeiro.

  • Reginaldo | Quarta-Feira, 27 de Maio de 2020, 22h26
    8
    1

    Tai um município bem administrado. Certamente em Cocalinho há hospital público de qualidade, ensino público digno de pais de primeiro mundo, asilo que mais se parece colônia de férias e os vereadores não precisam ir a capital atrás de emendas parlamentares, porque em Cocalinho o dinheiro não é problema. Isso visto pelos aumentos de salários anunciados.

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2548