Blog do Romilson Cuiabá, 04 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Motoristas não cumprem decisão judicial para "pressionar" Mauro; greve continua

Por 23/05/2014, 15h:37 - Atualizado: 24/05/2014, 13h:46

.

ponto_onibus_vazio.jpg

População segue prejudicada com paralisação dos ônibus em Cuiabá e VG

Mesmo após decisão judicial para que os ônibus de Cuiabá e Várzea Grande retornassem a circular com 70% da frota, nesta sexta (23) o que se vê nas ruas dos dois municípios são pontos de ônibus vazios. Isso porque a categoria não está respeitando a determinação da desembargadora Maria Beatriz Theodoro. Conforme o advogado da Associação Mato-Grossense dos Transportadores Urbanos (MTU) Pedro Verão, nesta manhã um comunicado foi encaminhado à Justiça do Trabalho para afirmar que o Sindicato dos Motoristas e Trabalhadores de Transportes Terrestres de Cuiabá (STETTCR) não está cumprindo com o acordo de manter os 70% da frota funcionando em horário de pico e os 50% no entrepico.

De todo modo, nos bastidores a informação é que os motoristas estão sendo forçados a parar as atividades como forma de pressionar o prefeito de Cuiabá, Mauro Mendes (PSB), a aumentar a tarifa do ônibus. Diante disso, o secretário municipal de Trânsito e Transporte Urbano, Antenor Figueiredo, sustenta que de forma alguma Mauro vai aumentar a taxa. Explica que isso é feito somente uma vez por ano e que a data é dezembro. “Sem chances de isso acontecer. De jeito nenhum Mauro vai ceder”.

Antenor adianta que na próxima terça (27) haverá outra rodada de conciliação a fim de rever a situação e normalizar a questão de transporte nos municípios. Os motoristas entraram em greve nesta terça (20), com intuito de colocar apenas 30% da frota, ou seja, 480 veículos, para atender a demanda da população. No decorrer da semana, devido à decisão judicial, foram obrigados a colocar 70% para trabalhar. Segundo a desembargadora, o descumprimento acarretará em multa diária de R$ 30 mil caso o sindicato não manter o mínimo de 70% da frota em atuação no período da greve. “Diante da ausência do transporte coletivo, os cidadãos tendem a recorrer ao transporte privado, o que hodiernamente, em razão das obras da Copa, significaria o colapso no trânsito da Capital”, diz trecho da liminar.

Reivindicação

Os motoristas defendem que o salário e a comissão passem dos atuais R$ 1.650 e R$ 150 para R$ 1,8 mil e R$ 250, respectivamente. Pedem ainda ticket alimentação no valor de R$ 450, totalizando R$ 2.450 e mais um uniforme. Hoje, mais de 300 mil pessoas precisam do transporte público nos dois municípios. Procurado pelo Rdnews, o presidente do STETTCR, Ledevino da Conceição, não atendeu nem retornou às ligações, para prestar esclarecimentos. 

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Antonio Carlos Caxias Jr | Sábado, 24 de Maio de 2014, 06h22
    1
    2

    Bom Dia, Todos sabem que já fui Diretor de Transportes Urbanos da Capital de MT, pois bem, hoje venho expôr minha indignação contra a essa greve "desmedida e inconsequente", tenho o maior respeito pelo sindicato laboral mas, estão agindo por "Interesses" que não visam de fato o Trabalhador do SIT(Sistema Integrado de Transportes), essa greve está à Serviço das Empresas, que prestam um péssimo serviço à nossa População, afirmo isso pela postura do sindicato em castigar a nossa tão sofrida classe trabalhadora e que paga por esses "desserviços", por que se não estivessem servindo de massa de manobra dos Empresários(com as devidas ressalvas)estariam sim trabalhando de portas aberta, sem cobrança das passagens, aí sim cobrando de quem não atende a classe laboriosa do transporte, sem trazer prejuízos a quem necessita do transporte coletivo para trabalhar, estudar, tratar da saúde e até para o Lazer... E o pior vejo um Poder conscedente refém por não ter postura de exigir e cobrar com o devido propósito e o dever ao qual foram constituídos, planejar, gerenciar, monitorar e fiscalizar e ainda induzem o Prefeito Mauro Mendes ao equívoco do erro, necessário se faz o ALERTA, afinal estão atrapalhando e interferindo num dos Artigos mais importantes da nossa CF, o direito de ir vir e o tão poderoso MP e MPF a tudo assistem como se não fosse obrigação tomarem providências eficazes, aliás Promotores, Procuradores não andam de "Busão", e o Min Trab. demosntra a sua total falta de Poder, determina e nada é cumprido... SMC...( Amo Cuiabá e detesto quem atenta ao seu lado pacato e hospitaleiro)

  • manoel | Sexta-Feira, 23 de Maio de 2014, 21h12
    3
    1

    votar nulo é um ato de cidadania, acima de tudo mostra que queremos mudanças no Brasil votar nulo vc garante que nosso país realmente vai mudar pois a constituição garante que 50%+1 voto no dia 05/10/2014, o governo fica obrigado a convocar nova eleição pra 30/12/2014 e todos os atuais politicos ficam inelegíveis pelos próximos 8 anos portanto vamos votar nulo por favor não confunda voto nulo com voto em branco pois voto em branco garante abstenção para o partido que estiver ganhando por isso vote nulo, vamos compartilhar se vc quer mudança vote nulo

PROCESSO ELEITORAL

Mesmo sob pandemia, reitor da UFMT já convoca Colégio Eleitoral

Por 04/06/2020, 20h:43 - Atualizado: 02h atrás

evandro ufmt 680

Mesmo com as atividades da UFMT suspensas por causa da pandemia, o reitor Evandro Soares da Silva, que já se movimenta pela recondução ao cargo, convocou reunião do Colégio Eleitoral Especial.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Antonio | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 22h01
    0
    0

    Na verdade há um consenso na UFMT para Evandro ser reeleito. Como ele é candidato único já que toda a oposição retiraram suas candidaturas sabendo que é um momento de união para salvar a UFMT de Weintraub, somente será feita uma Lista Tríplice. A consulta é inviável tanto presencial como online, pela questão de prazos. A prorrogação carece ainda de um parecer jurídico e aval do MEC.

ANTES E DEPOIS

Prefeito de Cáceres agora elogia Adriano; pura falsidade assista

Por 04/06/2020, 15h:46 - Atualizado: 06h atrás

francis maris 680

O prefeito de Cáceres Francis Maris, que desde a campanha de 2016 vinha fazendo ataques e denúncias contra Adriano Silva, gravou um vídeo, classificando o ex-adversário político de "líder", de "filho ilustre de Cáceres", para quem prestou grande serviço, seja junto à comunidade acadêmica, como professor e reitor da Unemat, seja pelos trabalhos prestados na região.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Claudomiro | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 19h00
    4
    0

    Politicamente nunca fui fã dos dois como politico, mas inoportuno e falso e esse comentário do rdnews.

  • O cara | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 17h04
    11
    0

    Adversário político não é inimigo pessoal. Cada comentário.

DESENVOLVIMENTO

Um pool de novas indústrias em Primavera; 7 anunciam fábricas

Por 04/06/2020, 12h:09 - Atualizado: 02h atrás

primavera do leste vista a�rea 680

No ranking de quinta economia do Estado e com quase 100 mil habitantes, Primavera do Leste está recebendo sete novas indústrias, mesmo em meio à pandemia da Covid-19, agravada com crises sanitária e econômica em praticamente todo o mundo.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Reginaldo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 22h03
    0
    0

    A posição geográfica, sócio econômica e malha viária já conta muito como grandes atrativo, mas isso não tira o mérito da administração local. Parabéns.

  • Francisco Assis roo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 13h17
    11
    1

    é isso mesmo Léo busca emprego e renda para essa cidade bonita e pugante que vc está tendo a oportunidade de administrar não fica nessa só de fazer praça e coisa e tal igual um prefeito que eu conheço na nossa região

INICIATIVA INÉDITA

Reeducandos em Cuiabá produzem saneantes e álcool em gel

Por 04/06/2020, 10h:42 - Atualizado: 04/06/2020, 10h:49

deiver ifmt producao 680

Cerca de 30 reeducandos em Cuiabá estão fabricando saneantes, substâncias destinadas à higienização e desinfecção, como água sanitária, detergente e desinfetantes, e ainda álcool em gel para distribuição nos presídios.

Postar um novo comentário

REPERCUSSÃO

Governo e AL vão decretar luto oficial; Adriano sonhava ser prefeito

Sem velório, corpo será transladado a Cáceres nesta 5ª e direto para cemitério

Por 03/06/2020, 21h:44 - Atualizado: 03/06/2020, 22h:04

adriano silva 680

O governador Mauro Mendes vai decretar luto oficial de três dias pelo falecimento nesta quarta do ex-reitor da Unemat, professor Adriano Silva, que presidia a Fapemat, fundação vinculada à secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação. A Assembleia Legislativa também fará igual.

Postar um novo comentário

PODER SEM PODER

Mesmo sem mandato, Selma quer manter controle de cargos federais

Por 03/06/2020, 19h:13 - Atualizado: 03/06/2020, 19h:19

selma arruda 680

A briga entre o senador tampão Carlos Fávaro (PSD) e a cassada Selma Arruda (Pode) tem um novo round. Nos bastidores, Selma tenta impedir que Fávaro assuma o controle de "seus" cargos federais.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2552