Blog do Romilson Cuiabá, 27 de Maio DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Chapada

Neves não comparece e sessão para votar cassação é transferida para 3ª; clima tenso

Por 29/05/2014, 15h:15 - Atualizado: 30/05/2014, 10h:57

.

prefeito_chapada_interna.jpg

José Neves está a um passo da cassação

A situação está cada vez mais complicada para o prefeito de Chapada dos Guimarães, José de Souza Neves (PSDB), afastado do cargo pela Justiça por atos de improbidade. Isso porque está marcada para as 17h, desta quinta (29), sessão extraordinária da Câmara Municipal para apreciação do relatório que pede a cassação do tucano. Nos bastidores, a informação é de que, pelo menos, seis vereadores devem votar pela perda de mandato de Neves. Apesar disso, para que o prefeito seja cassado são necessários 2/3 dos votos, ou seja, dos 11 parlamentares, 8 devem ser favoráveis à cassação.

De todo modo, a tendência é que o tucano seja cassado. O fato é considerado histórico no município, tendo em vista que a Câmara nunca havia votado pela cassação de um gestor. Consta no relatório de denúncia que José Neves pagou um advogado para defendê-lo no TSE, com dinheiro da prefeitura. Além dessa situação, a população está na bronca com o gestor pelo mau desempenho no cargo. Desde que assumiu, em 2012, pouco fez pelo município, uma vez que a maior reclamação é por não conseguir conduzir os serviços essenciais, como a saúde. Neste sentido, o Ministério Público ingressou com Ação Civil Pública devido ao fato de o prefeito não nomear nenhum secretário para administrar a pasta de Saúde.

Outro desgaste enfrentado pelo tucano é o afastamento do cargo, por ter contratado empresas para o transporte escolar sem licitação sob o valor de R$ 484,3 mil por quatro meses, haja vista que os veículos utilizados para transportar os estudantes estão em péssimas condições. O MP apurou que houve direcionamento e empresas predeterminadas. Como não bastasse, em fevereiro deste ano, o PSDB rompeu com a administração. Em ofício assinado por 9 membros da executiva, o partido registrou que estaria descontente com os rumos da gestão.

José Neves foi o 2º colocado nas urnas e só assumiu porque o ex-prefeito Gilberto Mello foi enquadrado como ficha suja. Agora, diante do cenário em que o prefeito vive, quem está administrando a cidade, com “cautela”, é o peemedebista Lisu Kobestain, vice-prefeito. Nos bastidores, o atual gestor está agindo de forma indefinida, preocupado em tomar decisões enquanto o tucano está afastado. Caso Neves seja cassado hoje, Lisu assumirá definitivamente. Apesar dos esforços do prefeito em reverter a situação, desde o início da manhã, a oposição trabalha para convocar a população a participar da reunião, por meio de carros de som.

Cassação

O clima na Câmara de Chapada dos Guimarães é tenso. Segundo a vereadora, Monique Haddad (PR), o silêncio predomina o Legislativo. Diz que nenhum parlamentar comenta o voto, embora todos saibam qual parecer devem dar, no decorrer da sessão. “Todos estão preocupados, agindo de forma cautelosa. É uma situação difícil e complicada, pois Chapada nunca vivenciou isso”, destaca. 

Já o presidente do Legislativo, Carlos Eduardo de Lima Oliveira, o Carlinhos do PT, afirma que não vai beneficiar nem oposição nem situação. Explica que no primeiro momento, quem deve falar será o prefeito. Em seguida, cada vereador terá 15 minutos para se pronunciar. Após isso, a defesa do tucano, que poderá ser ele ou o procurador do município, terá 2h para argumentar. Conforme Carlinhos, a tendência é que a sessão termine por volta das 23h.

Às 18h55 - Prefeito não comparece e sessão é suspensa

A sessão que votaria a cassação de José Neves iniciou por volta das 18h com presença dos 11 vereadores. Como o prefeito não estava presente, o presidente da Câmara Carlinhos do PT suspendeu os trabalhos por 30 minutos na expectativa que o tucano chegasse no local. Transcorrido o tempo, a sessão foi transferida para próxima terça (3). Se o tucano não comparecer na nova data estabelecida, um advogado será nomeado para defesa e a votação acontecerá a revelia. Rdnews tentou contato com o prefeito, mas os telefonemas não foram atendidos. 

Postar um novo comentário

ELEIÇÃO AO SENADO

Julinho prestes a jogar a toalha

Por 26/05/2020, 16h:59 - Atualizado: 26/05/2020, 17h:03

Rodinei Crescêncio/Rdnews

julio campos 680

Julio Campos (DEM) não admite publicamente, mas, em conversa reservada com os mais próximos, já fala em jogar a tolha sobre eleição suplementar ao Senado.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Filpo | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 20h53
    2
    5

    Por duas razões o grupo de jc acha que ele não deve tirar o time de campo: primeiro é que ele está bem pontuado e, segundo, eles acham os principais competidores são relativamente fracos, irão dividir votos no nortão, e perderão nas principais das demais regiões para ele. São favas contadas.

  • Leonardo | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 18h42
    9
    2

    Tá igual o irmão dele, só monta em cavalo já arriado! Kkkkk

MESA DA ASSEMBLEIA

Negociação de Bezerra para Max abrir caminho à Janaina Riva

Por 26/05/2020, 10h:42 - Atualizado: 26/05/2020, 10h:47

carlos bezerra 680

O cacique do MDB, deputado Carlos Bezerra, entrou no circuito para convencer Max Russi (PSB) a desistir de vez da disputa à Primeira-Secretaria da próxima Mesa da Assembleia.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Lulu | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 18h26
    7
    3

    E José Riva volta a ser o ordenador de despesas da Casa Cidadã....

  • Critico | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 16h33
    1
    0

    Critico, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • DE OLHO | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 15h25
    15
    6

    O FRUTO NÃO CAI LONGE DO PÉ !! vejam quem é o pé da JANAINA.

ARTICULAÇÃO

A investida de um suplente para se tornar secretário de Estado

Por 25/05/2020, 18h:27 - Atualizado: 25/05/2020, 18h:30

oscar bezerra 680

Com a desistência de Faissal Calil do comando da Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação e retorno à cadeira na Assembleia, o primeiro-suplente Oscar Bezerra perdeu espaço e ficou sem perspectiva para viabilizar sua candidatura a prefeito de Juara.

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • Roberto | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 09h06
    3
    5

    Efa Forte, comente sobre a gestão desta família aí em Juara. Luciane Bezerra fez um bom trabalho a frente da Prefeitura?

  • Efa Forte | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 07h53
    9
    1

    Esse cidadão acabou com a carreira política da sua esposa. Nem sei como consegui dormir. Agora quer ser prefeito novamente. É brincadeira esse nosso Mato Grosso. E ainda vai ganhar, pois são muito ricos.

  • Comentarista | Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020, 19h13
    1
    3

    E eu achando que era o adjunto que queria ser

Rondonópolis

Vice nega elo com ex-filiado que denuncia prefeito e vereadores

Por 25/05/2020, 11h:32 - Atualizado: 25/05/2020, 11h:42

ubaldo vice-prefeito 680

O vice-prefeito de Rondonópolis, empresário Ubaldo Tolentino de Barros, que já está no quarto partido em menos de 10 anos de vida pública, tratou de se antecipar, aplicando "vacina" em si próprio,  sobre uma denúncia grave feita pelo radialista e apresentador de TV, Waldemir Costa, contra o prefeito Zé do Pátio e vereadores.

Postar um novo comentário

INSTITUTO FEDERAL

Na disputa à Reitoria, uma ameaça à hegemonia de um antigo grupo

Por 24/05/2020, 22h:39 - Atualizado: 25/05/2020, 07h:33

deiver alessandro ifmt 680

Apoiado pelas chamadas bases de servidores com sentimentos de mudanças, o professor Deiver Alessandro Teixeira, diretor-geral do Campus do IFMT Cuiabá Bela Vista, se tornou uma ameaça à hegemonia do grupo do reitor Willian de Paula, que comanda o Instituto Federal de Mato Grosso há mais de duas décadas, ainda da época da escola técnica e CEFET.

Postar um novo comentário

Comentários (14)

  • Giuliano Robledo | Terça-Feira, 26 de Maio de 2020, 21h18
    1
    0

    Sempre ouvi falar muito bem do trabalho do Professor Deiver e da Equipe do Bela Vista e tenho comprovado toda a boa fama nas mídias e redes sociais e a notoriedade entre os colegas conhecidos. Parabéns Professor Deiver pela iniciativa de pré-candidatura!

  • Carlos Costa | Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020, 23h55
    0
    0

    Carlos Costa, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • gislaine.costa2022 | Segunda-Feira, 25 de Maio de 2020, 22h38
    7
    3

    E vamos de Deiver! A eleição não será fácil. A máquina sempre jogou pesado nas eleições. Olhem as portarias. Tem remoção de servidor acontecendo mesmo com as atividades suspensas! Vamos ficar de olho.

EFEITO-PANDEMIA

Coronavírus vai matar reeleição de muitos prefeitos

Por 24/05/2020, 21h:27 - Atualizado: 24/05/2020, 22h:57

z� do patio 680

A Covid-19 deve matar o projeto de reeleição de muitos prefeitos, seja por causa de denúncias de irregularidades e má aplicação dos recursos à saúde, seja pela postura adotada em relação à pandemia. 

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2546