Blog do Romilson Cuiabá, 05 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

COPA 2014

Operários do COT da UFMT reclamam de condições de trabalho e deflagram greve

Por 10/03/2014, 10h:08 - Atualizado: 10/03/2014, 14h:37

Davi Valle/Rdnews

interna_greve_operarios.jpg

Operários da obra do COT UFMT protestam por melhores condições de trabalho

Cerca de 190 operários da obra do Centro Oficial de Treinamento da UFMT paralisaram por tempo indeterminado os trabalhos na construção desde as 7h da manhã de hoje (10). O protesto visa melhores condições de trabalho na obra, cuja responsável pelo consórcio é a construtora Engeglobal. Também é responsável pela obra a empresa Três Irmãos.

De acordo com Antonio Hélio Correia Leite, um dos funcionários, apenas o COT da UFMT paralisou as obras por enquanto, pois as condições de trabalho são terríveis. Segundo ele, os banheiros estão entupidos, não há água de qualidade no bebedouro, o local está com cheiro forte de carniça e não há marmita para todos. Os salários deste mês também estariam atrasados, as horas extras não são contabilizadas e o FGTS não está sendo depositado. Eles reclamam ainda do não fornecimento de vales e passes de ônibus. “Não tem como irmos trabalhar a pé, sem água e sem comida. É um desrespeito conosco. Somos tratados pior do que cachorros”, reclama. Antonio Hélio ainda afirma que “se a Engeglobal não tem condições de fazer essa obra e pagar os nossos salários, que passe para outra empresa terminar”.

Joaquim Santana, presidente do Sintraiccm, que defende a classe, observa que nem mesmo a falta de mão-de-obra, que chegou a atrasar o andamento da construção, motiva a construtora a cumprir com a legislação trabalhista. Segundo ele, a falta de infraestrutura mínima nos canteiros poderá comprometer o andamento da obra, já que a insatisfação é geral. “Este é um dos fatores que está provocando tantos problemas nas obras da Copa: trabalhadores maltratados ficam desmotivados".

O prazo estipulado para que a obra seja entregue é maio. Até agora, somente a seleção do Japão se mostrou interessada em utilizar um COT de Cuiabá, o dop Pari, em Várzea Grande. Os demais times que jogarão, Chile, Austrália, Rússia, Coreia do Sul, Nigéria e Bósnia-Herzegovina, ainda não definiram o local de treinamento, entanto, a informação é que nenhuma destas seleções se interessaram em treinar na cidade, justamente por conta dos atrasos. As delegações estudam um plano B, que seriam os Estados vizinhos, como Campo Grande e Goiânia. 

No último dia 24, o sindicato já havia encaminhado aos órgãos de fiscalização um documento informando sobre as péssimas condições de trabalho nas obras do COT da UFMT.  A denúncia foi encaminhada ainda ao Ministério Público do Trabalho (MPT) e à Superintendência Regional do Trabalho e Emprego (SRTE) e será entregue ainda hoje à Secopa-MT e à empresa. 

O Rdnews tentou entrar em contato com Robério Garcia, dono da Engeglobal, mas até o fechamento dessa matéria não obteve resposta. Ao contatar a Três Irmãos, o empresário Carlos Avalone informou que todos os questionamentos do caso devem ser feitos à Engeglobal.

COT da UFMT pode ficar parado

Postar um novo comentário

Comentários (4)

  • Jardim Vitória | Segunda-Feira, 10 de Março de 2014, 15h26
    0
    0

    https://www.facebook.com/jardimvitoria.cuiaba.9/posts/607357116017796

  • Gean | Segunda-Feira, 10 de Março de 2014, 12h47
    0
    0

    É cada uma deste DesGoverno que dá tristeza, esta SECOPA não acompanha estas obras, não sabe o porque de tantos atrasos, finge que trabalha e estas empreiteiras deitam e rolam, se depender dos mesmos, entregam 1 dia antes da Copa, uma vergonha!!! Isso que muitas não serão inauguradas, e a qualidade das mesmas, zero!!!

  • Francisco Botelho Pinto | Segunda-Feira, 10 de Março de 2014, 11h57
    1
    0

    O proprietário da Engeglobal é o candidato a deputado federal do prefeito Mauro Mendes, Fábio Garcia. O cara não consegue administrar a empresa vai ser bom deputado? Abre o olho povão.

PROCESSO ELEITORAL

Mesmo sob pandemia, reitor da UFMT já convoca Colégio Eleitoral

Por 04/06/2020, 20h:43 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:48

evandro ufmt 680

Mesmo com as atividades da UFMT suspensas por causa da pandemia, o reitor Evandro Soares da Silva, que já se movimenta pela recondução ao cargo, convocou reunião do Colégio Eleitoral Especial.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Antonio Carlos jaudy | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h47
    0
    0

    Quero saber quem disse que ele é candidato único? Quero saber se consulta a instituição se faz através de uma Live? Se esse pleito não tiver transparência, justiça e legalidade será motivo de demanda jurídica e responsabilização dos que não cumprirem os ditames legais. A professora Danieli Backes é também candidata e está muito bem cotada quero ver se o nome dela não irá constar da lista tríplice.

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h34
    0
    0

    Antônio, quem é você que fala em nome da UFMT? De onde parte sua informação de que os pre-candidatos retiraram sua candidatura? E esse consenso, foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h30
    0
    0

    Antônio, esse consenso foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

ANTES E DEPOIS

Prefeito de Cáceres agora elogia Adriano; pura falsidade assista

Por 04/06/2020, 15h:46 - Atualizado: 04/06/2020, 16h:43

francis maris 680

O prefeito de Cáceres Francis Maris, que desde a campanha de 2016 vinha fazendo ataques e denúncias contra Adriano Silva, gravou um vídeo, classificando o ex-adversário político de "líder", de "filho ilustre de Cáceres", para quem prestou grande serviço, seja junto à comunidade acadêmica, como professor e reitor da Unemat, seja pelos trabalhos prestados na região.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Claudomiro | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 19h00
    8
    1

    Politicamente nunca fui fã dos dois como politico, mas inoportuno e falso e esse comentário do rdnews.

  • O cara | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 17h04
    14
    0

    Adversário político não é inimigo pessoal. Cada comentário.

DESENVOLVIMENTO

Um pool de novas indústrias em Primavera; 7 anunciam fábricas

Por 04/06/2020, 12h:09 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:57

primavera do leste vista a�rea 680

No ranking de quinta economia do Estado e com quase 100 mil habitantes, Primavera do Leste está recebendo sete novas indústrias, mesmo em meio à pandemia da Covid-19, agravada com crises sanitária e econômica em praticamente todo o mundo.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Reginaldo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 22h03
    1
    0

    A posição geográfica, sócio econômica e malha viária já conta muito como grandes atrativo, mas isso não tira o mérito da administração local. Parabéns.

  • Francisco Assis roo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 13h17
    12
    1

    é isso mesmo Léo busca emprego e renda para essa cidade bonita e pugante que vc está tendo a oportunidade de administrar não fica nessa só de fazer praça e coisa e tal igual um prefeito que eu conheço na nossa região

INICIATIVA INÉDITA

Reeducandos em Cuiabá produzem saneantes e álcool em gel

Por 04/06/2020, 10h:42 - Atualizado: 04/06/2020, 10h:49

deiver ifmt producao 680

Cerca de 30 reeducandos em Cuiabá estão fabricando saneantes, substâncias destinadas à higienização e desinfecção, como água sanitária, detergente e desinfetantes, e ainda álcool em gel para distribuição nos presídios.

Postar um novo comentário

REPERCUSSÃO

Governo e AL vão decretar luto oficial; Adriano sonhava ser prefeito

Sem velório, corpo será transladado a Cáceres nesta 5ª e direto para cemitério

Por 03/06/2020, 21h:44 - Atualizado: 03/06/2020, 22h:04

adriano silva 680

O governador Mauro Mendes vai decretar luto oficial de três dias pelo falecimento nesta quarta do ex-reitor da Unemat, professor Adriano Silva, que presidia a Fapemat, fundação vinculada à secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação. A Assembleia Legislativa também fará igual.

Postar um novo comentário

PODER SEM PODER

Mesmo sem mandato, Selma quer manter controle de cargos federais

Por 03/06/2020, 19h:13 - Atualizado: 03/06/2020, 19h:19

selma arruda 680

A briga entre o senador tampão Carlos Fávaro (PSD) e a cassada Selma Arruda (Pode) tem um novo round. Nos bastidores, Selma tenta impedir que Fávaro assuma o controle de "seus" cargos federais.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2552