Blog do Romilson Cuiabá, 05 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Desintrusão

Pela 2ª vez, governo federal coordena ação para retirada de produtores de Suiá Missu

Por 21/03/2014, 16h:54 - Atualizado: 21/03/2014, 19h:03

.

suia_missu_dentro.jpg

Em dezembro de 2012, produtores lutaram contra a Força Nacional para "defender" terras ocupadas

O governo federal alerta que, nos próximos dias, dará início à ordem de reintegração de posse da Terra Indígena Marãiwatsédé, novamente invadida por produtores, no início do mês. Caso estes não colaborarem serão aplicadas medidas de repressão. A Justiça Federal também solicita a participação da Polícia Federal, da Polícia Rodoviária Federal e da Força Nacional de Segurança.

O imbróglio na gleba Suiá Missu, entre Alto Boa Vista e São Félix do Araguaia, teve início em dezembro de 2012, com a retirada de sete mil famílias. A desintrusão ocorreu em janeiro de 2013. A fim de não deixar os produtores desabrigados, o governo federal verificou 619 pontos entre residência e comércios, tanto na área rural como no distrito de Posto da Mata. Todos estavam desocupados. Neste sentido, cerca de 271 famílias foram selecionadas para o programa nacional de Reforma Agrária. Destas, 97 de Posto da Mata foram para o Assentamento Casulo Vida Nova. Lá, receberam recursos de Crédito Apoio Inicial/Alimentação e Fomento, ao custo de R$ 3,2 mil, por família.

Apesar dos esforços, durante a desintrusão alguns produtores não aceitaram ser deslocados para o Assentamento Santa Rita, oferecido à época. Desde então, após um ano da primeira desocupação, 25 pessoas morreram por causas diversas, entre elas o suicídio e depressão. Problemas como alcoolismo, consumo de drogas e prostituição fazem parte do dia-a-dia dos produtores rurais.

Histórico

A Terra Indígena Marãiwatsédé foi reconhecida pelo Estado brasileiro como terra tradicional indígena, homologada por decreto presidencial em 1998. Na década de 1960, a Agropecuária Suiá Missu se instalou na região, onde sempre viveu o povo Xavante de Marãiwatsédé. Em 1980, a fazenda Suiá Missu foi vendida para a empresa petrolífera italiana Agip, que, durante a ECO 92, após reconhecimento público do direito indígena a terra, manifestou ao governo o interesse em devolver a terra indígena. 

Antes que a decisão se concretizasse, ocorreram invasões no local. De Segundo o processo sobre o caso, em poder do Ministério Público Federal, as invasões de não-indígenas foram planejadas e incentivadas por lideranças, muitas das quais passaram a ocupar grandes fazendas dentro da terra indígena. A intenção  dos invasores foi conhecida publicamente durante reunião, ocorrida na localidade de Posto da Mata e transmitida ao vivo pela Rádio Mundial FM, no dia 20 de junho de 1992. A gravação compõe o processo, que está disponível para consulta no MPF. Acredita-se que o ano de 1992 marcou o início da invasão em massa da terra por ocupantes não-índios. A ação de desocupação teve início em agosto de 2012, atendendo decisão do Juiz da Primeira Vara de Cuiabá. (Com Assessoria)

Postar um novo comentário

Comentários (3)

  • ALBINO PFEIFER NETO | Sexta-Feira, 21 de Março de 2014, 21h10
    3
    0

    Para bater em trabalhador a Policia Brasileira é muito competente, mas para prender político ladrão que tem aos montes em Brasilia, chega corta volta. Nunca vi a FUNAI analisar as fazendas do LULA no MT e no PA, tenho certeza que elas são áreas indígenas desocupadas para grandes grupos! ORDEM E PROGRESSO!!

  • EDNOR FERNANDES | Sexta-Feira, 21 de Março de 2014, 18h23
    2
    0

    ESSE DINHEIRO ESTA VINDO DE TARTARUGA POR QUE ATE O MOMENTOS ESSA PESSOAS NÃO RECEBERAM UM CENTAVO, E MAS O LOCAL ONDE ELES QUEREM COLOCAR ESSAS PESSOAS NÃO SERVE NEM PRA PLANTAR CAPIM, POU SEJA NAO PRODUZ NADA. VOCES TEM KE VIM VER COMO É.

  • nelson fleury | Sexta-Feira, 21 de Março de 2014, 17h23
    3
    0

    para que este montao de terra para tao poucos indios, quem trabalha tem que sucumbir a este absurdo..responda.. indio produz alguma coisas para naçao

MORTE PREMATURA

1º exame em Adriano dá negativo para Covid-19

Por 05/06/2020, 12h:42 - Atualizado: 01h atrás

adriano silva 680

O exame feito em Cáceres em Adriano Silva, que faleceu na última quarta (4), deu negativo para Covid-19.

Postar um novo comentário

PRECAUÇÃO

Governador deixa residência para fazer exame e nega viagem para SP

Por 05/06/2020, 11h:52 - Atualizado: 02h atrás

mauro mendes 680

O governador Mauro Mendes, por meio da Secretaria de Comunicação, assegura que continua em casa e desmente a informação de que teria viajado a São Paulo, nesta madrugada, para continuar tratamento contra coronavírus no hospital Sírio-Libanês.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Claudiano Almeida | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 13h39
    7
    0

    Boa tarde a todos será que vai la para o Hospital Metropolitano em VG ou para o Hospital Sírio libanês em SP ?

  • Josiane | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 13h19
    17
    2

    Olá Governador Mauro Mendes moro em Cáceres quero saber como fica a população de Cáceres e região por que aqui não tem UTI estamos cem condições, o que o Senhor está fazendo para nóis. Quero resposta.

  • Fatimaduda2014@gmail.com | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 12h50
    20
    3

    Mauro deveria passar pelo msm processo que NÓS passamos . Agora ele acredita na DOENÇA.

PROCESSO ELEITORAL

Mesmo sob pandemia, reitor da UFMT já convoca Colégio Eleitoral

Por 04/06/2020, 20h:43 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:48

evandro ufmt 680

Mesmo com as atividades da UFMT suspensas por causa da pandemia, o reitor Evandro Soares da Silva, que já se movimenta pela recondução ao cargo, convocou reunião do Colégio Eleitoral Especial.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Antonio Carlos jaudy | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h47
    3
    1

    Quero saber quem disse que ele é candidato único? Quero saber se consulta a instituição se faz através de uma Live? Se esse pleito não tiver transparência, justiça e legalidade será motivo de demanda jurídica e responsabilização dos que não cumprirem os ditames legais. A professora Danieli Backes é também candidata e está muito bem cotada quero ver se o nome dela não irá constar da lista tríplice.

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h34
    2
    1

    Antônio, quem é você que fala em nome da UFMT? De onde parte sua informação de que os pre-candidatos retiraram sua candidatura? E esse consenso, foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h30
    2
    0

    Antônio, esse consenso foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

ANTES E DEPOIS

Prefeito de Cáceres agora elogia Adriano; pura falsidade assista

Por 04/06/2020, 15h:46 - Atualizado: 04/06/2020, 16h:43

francis maris 680

O prefeito de Cáceres Francis Maris, que desde a campanha de 2016 vinha fazendo ataques e denúncias contra Adriano Silva, gravou um vídeo, classificando o ex-adversário político de "líder", de "filho ilustre de Cáceres", para quem prestou grande serviço, seja junto à comunidade acadêmica, como professor e reitor da Unemat, seja pelos trabalhos prestados na região.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Claudomiro | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 19h00
    10
    1

    Politicamente nunca fui fã dos dois como politico, mas inoportuno e falso e esse comentário do rdnews.

  • O cara | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 17h04
    16
    0

    Adversário político não é inimigo pessoal. Cada comentário.

DESENVOLVIMENTO

Um pool de novas indústrias em Primavera; 7 anunciam fábricas

Por 04/06/2020, 12h:09 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:57

primavera do leste vista a�rea 680

No ranking de quinta economia do Estado e com quase 100 mil habitantes, Primavera do Leste está recebendo sete novas indústrias, mesmo em meio à pandemia da Covid-19, agravada com crises sanitária e econômica em praticamente todo o mundo.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Reginaldo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 22h03
    1
    0

    A posição geográfica, sócio econômica e malha viária já conta muito como grandes atrativo, mas isso não tira o mérito da administração local. Parabéns.

  • Francisco Assis roo | Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020, 13h17
    13
    1

    é isso mesmo Léo busca emprego e renda para essa cidade bonita e pugante que vc está tendo a oportunidade de administrar não fica nessa só de fazer praça e coisa e tal igual um prefeito que eu conheço na nossa região

INICIATIVA INÉDITA

Reeducandos em Cuiabá produzem saneantes e álcool em gel

Por 04/06/2020, 10h:42 - Atualizado: 04/06/2020, 10h:49

deiver ifmt producao 680

Cerca de 30 reeducandos em Cuiabá estão fabricando saneantes, substâncias destinadas à higienização e desinfecção, como água sanitária, detergente e desinfetantes, e ainda álcool em gel para distribuição nos presídios.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2552