Blog do Romilson Cuiabá, 23 de Janeiro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Secretário e vereador se estranham devido ao aumento da tarifa de ônibus em Cuiabá

Por 15/03/2014, 14h:33 - Atualizado: 15/03/2014, 14h:37

Davi Valle/Rdnews

montagem-Dilem?rio Alencar-antenor fiqgueiredo-14-03-2014-Davi Valle.jpg

Antenor Figueiredo e Dilemário Alencar (à direita) se digladiam devido ao reajuste da tarifa de ônibus

O secretário de Trânsito e Transporte de Cuiabá, Antenor Figueiredo, e o vereador Dilemário Alencar (PTB) não param de se estranhar por conta do aumento da tarifa do transporte. Em visita ao grupo Rdnews, nesta semana, Figueiredo afirmou que o petebista está fazendo palanque eleitoral com a questão. Prova disso, segundo ele, é que Dilemário ficou calado com aumentos que ocorreram nos anos de 2011 e 2012, na gestão Chico Galindo (PTB), da qual fez parte como secretário de Governo. “Ele (Dilemário) dá tiro a torto e à direita e está indo pelo caminho errado. O superfaturamento na tarifa ocorreu em 2012 na época em que foi secretário. Porque não interviu na época?”, questiona.

Dilemário justifica a inércia neste período, dizendo que não era mais secretário e sim vereador eleito. “Eu deixei a gestão em abril para disputar as eleições e quando o aumento foi solicitado pelas empresas, em novembro, eu já não era mais secretário”, alega.

O vereador diz que Figueiredo tenta desqualificar a sua luta, porque se porta como advogado dos empresários e não encontra argumentos concretos para justificar a necessidade de aumento. O petebista, inclusive, alfineta o secretário ao dizer que não desistirá de “bater duro” na questão.

Diante da troca de farpas, a população deixa de ver com bons olhos e começa a desconfiar sobre qual o real interesse por trás de tanta disputa. Durante entrevista no RDTV, o vereador foi chamado de demagogo por um internauta. “Ao mesmo tempo que o senhor defende a redução da tarifa, também defende a isenção no transporte (passe livre) e da água para igrejas e outras entidades. Acontece que este valor que não é pago pelos isentos é rateado entre os usuários pagantes porque onera a tarifa”, observa.

Índices inflacionários

O embate só está começando. Isso porque Dilemário promete recorrer à Justiça para suspender o aumento da tarifa de R$ 2,60 para R$ 2,80, que entrará em vigor nesta segunda (17). Ele quer a suspensão temporária do reajuste até que um perito nomeado pelo Judiciário faça auditoria na planilha.

O vereador questiona que o aumento anunciado, nesta sexta (14), foi de 13,8%, bem acima do índice inflacionário. Cita que o acumulado dos últimos 12 meses do índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) foi de 5,58%. Garante ainda que foi o maior aumento dos últimos tempos, pois em 2011 foi de R$ 2,30 para R$ 2,50 (8,7%), em 2012 para R$ 2,70 (8%) e em 2013 para R$ 2,95 (9,3%).

O petebista também questiona o fato do cálculo atual ter sido feito pela mesma equipe que efetuou as contas da tarifa superfaturada entre final de 2012 e início de 2013. Alega ainda que há divergência no cálculo referente à compensação financeira que deve ser feito pelas concessionárias aos usuários, por ter cobrado passagem superfaturada em 2013. O valor apresentado pelas empresas é de R$ 8,8 milhões e pela associação dos usuários é de R$ 13,4 milhões. O primeiro representa um desconto na passagem de R$ 0,14 e o segundo de R$ 0,25.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • PAULINHO BROTHER | Segunda-Feira, 17 de Março de 2014, 10h26
    0
    0

    LEIA O QUE DIZ A LEI ORGÂNICA DO MUNICÍPIO DE CUIABÁ: “Art. 70. As tarifas dos serviços públicos e de utilidade pública deverão ser fixadas pelo Prefeito, a exceção das tarifas de transporte e de água, que só serão reajustadas após prévia autorização pela Câmara Municipal de Cuiabá, considerando-se, para tal fim, a justa remuneração, segundo critérios estabelecidos em Lei."   "Art. 80. "Parágrafo único. Os preços e tarifas públicas serão fixados pelo Executivo, por Decreto e observado as normas gerais de Direito Financeiro e as Leis atinentes à espécie, excetuando a tarifa de água e de transportes que só serão alteradas após prévia autorização da Câmara Municipal de Cuiabá". A referida emenda, inicialmente apresentada pelo Vereador Chico 2000, alterou também o art. 17, inciso XV, da lei orgânica municipal e posteriormente foi reeditada e publicada no dia 08/02/2014 pela presidência da Câmara Municipal de Cuiabá. A lei orgânica como principal instrumento legal de um município, sempre que necessário, poderá sofrer adaptações ás transformações de interesse local. Ocorre que, a emenda feita á lei orgânica, apesar de ser uma norma válida e legitima, não se tornou uma lei eficaz e consequentemente, não atendeu a função social para que veio. Em fim, para que serviu a emenda á lei orgânica? Paulinho Brother

  • M. CECILIA | Segunda-Feira, 17 de Março de 2014, 10h07
    1
    0

    OS GESTORES DO TRANSPORTE DE PASSAGEIROS TEM AGORA UMA NOVA MISSÃO DE ADMINISTRAR OS SEUS CONTRATOS DE CONCESSÃO QUANTO AO SEU EQUILIBRIO ECONOMICO E FINANCEIRO. HOJE NÃO CABE MAIS TARIFA POLÍTICA OU MESMO A OMISSÃO DO PODER CONCEDENTE E SIM AQUELA MERAMENTE TÉCNICA, DENTRO DO PERÍODO CONTRATUAL ESTIPULADO, CONSIDERANDO A RECENTE DECISÃO DO STF RELATIVO À INDENIZAÇÃO A EX-COMPANHIA VARIG.

  • Ataíe Ramalho | Domingo, 16 de Março de 2014, 11h31
    2
    2

    O VEREADOR DILEMÁRIO COM CERTEZA TEM TODO O APOIO DA POPULAÇÃO, PRINCIPALMENTE DOS USUÁRIOS DE ÔNIBUS QUE SÃO OBRIGADOS A USAR O PÉSSIMO TRANSPORTE COLETIVO DE CUIABÁ E PAGAR UMA DAS PASSAGENS DE ÔNIBUS MAIS CARA DO BRASIL.

  • Dornele$ | Domingo, 16 de Março de 2014, 11h13
    1
    2

    Será que esse ai, imagina que a população ainda vai acreditar nessa mesma balela de sempre? Mauro Mendes é refém dos empresários do transporte e pronto. A fatura esta sendo cobrada!

  • Rejane Pereira | Sábado, 15 de Março de 2014, 20h45
    1
    2

    Quem se posiciona contra o vereador Dilemário que luta pelo não aumento da tarifa de ônibus e por melhorias no transporte coletivo com certeza nunca andou de ônibus em Cuiabá e é insensível com o sofrimento diários de milhares de pessoas que tem como única opção de transporte o ônibus coletivo.

  • nelson fleury | Sábado, 15 de Março de 2014, 19h27
    1
    1

    qual seria o motivo deste secretario defender o aumento das passagens, e nao ficar com povo

  • Lucieder Luz | Sábado, 15 de Março de 2014, 17h40
    3
    0

    Esse Secretario e mais que advogado dos empresários. Pra cima dessa Máfia vereador Dilemário Alencar, o povo esta do seu lado. Vereador de luta.

  • Zé Poxoréo | Sábado, 15 de Março de 2014, 15h07
    0
    1

    Esses vereadores são mesmo um bando de demagogos que procuram polemizar para arranjar um espaçosinho na mídia, ninguém nunca vê um desses vereadores entrar na justiça visando derrubar decisões que contrariam o interesse do povo. Será que eles sabem que têm esse direito? Se sabem por que não fazem?

ELEIÇÃO SUPLEMENTAR

Bolsonaro com Medeiros ao Senado

Por 23/01/2020, 16h:21 - Atualizado: 02h atrás

jose medeiros bolsonaro 680

Presidente Jair Bolsonaro recebe o deputado José Medeiros, que lhe presenteia com viaturas em miniaturas da PRF

Jair Bolsonaro decidiu que, na suplementar de 26 de abril em Mato Grosso para o Senado, apoiará o seu vice-líder na Câmara, deputado José Medeiros. Trata-se do mais importante cabo eleitoral e que tende a ser decisivo no pleito.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • joao ires | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 16h58
    8
    2

    meu voto ta decidido .

DISPUTA NO DEM

A esperança de Gilberto de ser o cardápio escolhido pelo governador

Por 23/01/2020, 12h:23 - Atualizado: 06h atrás

Brunna Maria

gilberto figueiredo 680

O vereador licenciado da Capital Gilberto Figueiredo, secretário estadual de Saúde, está animado com a possibilidade de ser escolhido pelo seu futuro partido, o DEM, para concorrer ao Palácio Alencastro.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • Eleitor Atento | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 15h41
    1
    0

    MM quer fazer uma Monarquia tudo para os amigos do rei. Vamos ao voto, solta a fera.

VIDA EMPRESARIAL

Os Barbosa expandindo os negócios

Por 23/01/2020, 09h:00 - Atualizado: 22/01/2020, 23h:18

rodrigo barbosa 680

Em silêncio, o ex-governador Silval Barbosa, que não quer mais saber de política, está reerguendo os negócios mantidos nas áreas da pecuária, mineração e comunicação.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • arildo | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 09h49
    20
    1

    PARABENS AO MINISTERIO PUBLICO DE MATO GROSSO CONTINUE ASSIM, VOCES SAO UMA VERGONHA.

SUPLEMENTAR AO SENADO

Álvaro e Selma querem Pode com Pivetta, o que inviabiliza Medeiros

Por 22/01/2020, 17h:05 - Atualizado: 22/01/2020, 17h:10

Waldemir Barreto

jose medeiros

O ex-senador e deputado José Medeiros, vice-líder do Governo Bolsonaro na Câmara, está com a faca, mas falta o queijo nas mãos para consolidar sua candidatura ao Senado na suplementar de 26 de abril.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Hélio Povoas | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 14h15
    1
    4

    Até agora partidariamente o único candidato que merece o meu apoio para o Senado e' o Júlio Campos, que nunca traiu o seu partido e os seu correligionários pois foi da ARENA, PDS,PFL e agora DEM / nunca fez trairagem como esses outros concorrentes ao Senado, que mudam de Partido como mudam de camisa. Fora vendilhões: sou JULIO JOSE DE CAMPOS para Senador.

  • Francisco Assis roo | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 13h58
    1
    0

    Quem têm mandato tem que comprir o mandato por isso que eu falo que tem que ser a Gisela ela já mostrou liderança quando obteve53mil votos na eleição passada e a vaga era de uma mulher nada mais justo eleger uma mulher

  • Francisco Assis roo | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 13h56
    1
    0

    Quem têm mandato tem que comprir o mandato por isso que eu falo que tem que ser a Gisela ela já mostrou liderança quando obteve53mil votos na eleição passada e a vaga era de uma mulher nada mais justo eleger uma mulher

  • Marlan | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 06h05
    6
    5

    CARO MEDEIROS VAI APRENDENDO QUE O PODER ECONÔMICO É QUE MANDA EM QUALQUER ATIVIDADE HUMANA, SOBRETUDO, NA POLÍTICA. CONTINUE A DESEMPENHAR COM AFINCO, DEDICAÇÃO E HONESTIDADE SEU MANDATO DE DEPUTADO QUE A POPULAÇÃO MATOGROSSENSE ESTÁ ATENTA AO DESEMPENHO PARLAMENTAR DE TODOS NOSSOS REPRESENTANTES, E VC TEM SE DESTACADO... É POR AÍ O CAMINHO ...

  • Zenil Marques Da Silva | Quinta-Feira, 23 de Janeiro de 2020, 05h23
    7
    2

    Medeiros termina o seu mandato de deputado federal... precisamos aprender votar, não votar em quem nem terminou o seu mandato e já quer entrar em outro será porque? Pensem meu povo MT.

  • alvaro sincero | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 22h05
    11
    3

    Na verdade ele usou o partido Podemos, usou fundo partidario destinado ao podemos, foi desleal com Alvaro Dias e fez campanha par Bolsonaro.

  • jj | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 18h11
    15
    14

    sou da seguinte opinião, o o cara mau assumiu como deputado federal, alias já não esta fazendo nada, e ja quer atravessar na frente. povo mato-grossense, ja que temos que votar em alguém, não vote em quem ainda com mandato aberto, mau assumiu ja quer pular o trampolim, acorda povo.

ORIENTAÇÕES E OMISSÕES

Selma e os "culpados" pela cassação

Por 22/01/2020, 09h:57 - Atualizado: 22/01/2020, 10h:02

lauro da mata 680

Selma Arruda, "a Moro de saias", pega em crimes eleitorais e punida com a perda do mandato de senadora, tem uma lista de "culpados" por isso.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Chirrão | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 21h14
    7
    3

    Votei nela MAS DOU GRAÇAS A DEUS PELA CASSAÇÃO...Olhem a CAMBADA QUE TAVA JUNTO COM ELA...TO FORA.

  • Ramon | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 18h59
    6
    0

    Quem tem Yuri, Pagot e mais uns não precisa de aliados e conselheiros.

  • walter liz | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 15h48
    14
    2

    ela ganharia a eleição sem marqueteiros, sem negociatas ,sem gastar muito dinheiro, infelizmente ela preferiu se misturar com pessoas que gravitam em torno do sistema politico cheio de vicios onde até cobra criada passa apuro.

  • Amadeu Fuik | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 15h37
    5
    0

    Hélcio lembro desse nome em algum lugar escuro

  • Diego A L | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 11h14
    13
    24

    A juíza Selma Arruda não é política e entrou com o intuito de tentar agir em novas leis para um Mato Grosso e um Brasil melhor, sendo assim muitos políticos encostaram se dizendo simpatizantes a sua postura indicaram toda a assessoria política que ela não tinha, muitos com experiência vasta e outros sem experiência alguma, aí imagino que foi feito já tudo de caso pensado para acontecer o que aconteceu...

ADVOCACIA

Cria de Blairo se torna lobista no DF

Por 21/01/2020, 19h:49 - Atualizado: 21/01/2020, 19h:56

novacki 680

Aos 46 anos e já aposentado como coronel PM-MT, recebendo proventos de R$ 30 mil, Eumar Novacki, hoje advogado, vai montar um escritório em Brasília, onde já reside há mais de 10 anos.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Armindo de Figueiredo Filho | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 08h28
    6
    0

    USOU O BOM SENSO!!!! ESTAVA NA HORA DE """ANDAR SOZINHO""". Com os próprios pés!!!!.. Em 10 anos (Diz ele... aqui no DF) ,sempre Apagado!!!ninguém o conhecia (totalmente OBSCURO (mesmo estando no MAPA) ...Sempre na SOMBRA DO BM.........

  • Paulo Roberto | Quarta-Feira, 22 de Janeiro de 2020, 05h50
    13
    0

    Lobista, para mim também pode ser tratado como vaselina. O sujeito se aproxima daqui, dali e a coisa desanda.

  • Maria Figueiredo Gonçalves | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 23h36
    19
    1

    De fato, o Novacki é um privilegiadíssimo. Coronel PM aposentado aos 46 anos e ganhando R$ 30 mil. Isso é que é privilégio.

  • Francisco Assis roo | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h56
    1
    0

    Francisco Assis roo, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • alex | Terça-Feira, 21 de Janeiro de 2020, 21h39
    1
    0

    alex, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2479