Blog do Romilson Cuiabá, 27 de Fevereiro DE 2021 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

SAÚDE PÚBLICA

Sob pressão da CPI, Estado e municípios acabam com filas

29/03/2010, 19h:30 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:25


Sob observação do presidente da CPI da Saúde, deputado Sérgio Ricardo, os secretários Augustinho Moro (à dir.) e Maurélio Ribeiro assinam pacto para atendimento a usuários do SUS que estão na fila há um bom tempo
Foto: Jupirany Devillart

  Atendendo ao apelo da CPI da Saúde, presidida pelo deputado Sérgio Ricardo (PR), a secretaria de Estado de Saúde assinou nesta segunda uma resolução junto com o Conselho das secretarias municipais de Saúde para atender cerca de 21 mil usuários do SUS. São pessoas que estão há um bom tempo na fila para fazer exames e consultas de média e alta complexidade. Sérgio considera que o Estado atendeu a reivindicação da Comissão, que vinha pedindo que se implantasse o que se chama de "Programa Fila Zero". O parlamentar observou ainda que essa pactuação possibilitou uma maior integração entre as ações das pastas de Saúde do Estado com a de Cuiabá, hoje sob Maurélio Ribeiro.

    O secretário estadual Augustinho Moro disse, durante o evento que marçou assinatura da resolução, que o atendimento dos quase 20 mil usuários será possível graças à sensibilidade da Prefeitura de Cuiabá, que conseguiu restabelecer o diálogo entre os prestadores do SUS e também com o próprio Estado. Segundo ele, desde o final do ano passado o Estado vinha discutido com os municípios a realização desses atendimentos. Diz que, com a posse de Maurílio no lugar de Luiz Soares, foi possível ter diálogo e criar a Comissão Intergestora Bipartite (CIB) e prorrogar a Programação Pactuada e Integrada (PPI), que deveria ter findado os trabalhos no final de 2009. Os trabalhos se estendem agora até o próximo mês.  Augustinho explica que, "é na pactuação que se faz as negociações em torno da oferta e procura de serviços". Nesse caso, os municípios sentam à mesa e discutem a melhor forma de atender os usuários do SUS naqueles serviços que necessitam de especialidades e aporte tecnológico”.

    Procedimentos

    A ação do Estado em cooperação técnica com Cuiabá vai atender a 18 mil usuários do SUS em consultas especializadas tanto de Cuiabá quanto em outros municípios. No total, serão 21 mil procedimentos realizados, com prazo de 120 dias para execução, podendo, se necessário, ser prorrogada por mais 30 dias. Os procedimentos, que gerarão consultas e exames, vão ser realizados nas áreas de Broncoscopia, Retosigmoidoscopia, Eletroneuromigrafia Simples, RX Contrastado, Campimetria, Retinografia, Espirometria, Cintilografia Miocárdio, Cateterismo, IAG Laser, Colonoscopia, Ultrassonografia, Cardiologia, Ortopedia, Otorrinolaringologia, Otorrinolaringologia Cirurgião e Oftalmologia.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Judith Reis | Segunda-Feira, 29 de Março de 2010, 22h33
    0
    0

    hahahahaha, os municipios estão quebrados, não conseguem nem ter um pronto socorro descente, vão agora bancar cirurgia, exames, médicos, remédios? é piada? Olhe Rd, aqui em Rondonopolis, uma cirurgia para acontecer no Hospital Regional, familiares tem que ir no Ministério Público chorar para Promotor Público, senão o paciente morre nos corredores, fora aqueles pacientes e familiares desavisados que ficam na espera e morrem pela omissão do Governo do Estado sobre o comando do Dr. Blairo Maggico! Eu pensei que só o Blairo era Maggico, agora to vendo que Sergio Ricardo aprendeu rápido a fazer maggica, essa de envolver os municipios para acabar filas, foi de rir!

  • Maria Silviana Silva | Segunda-Feira, 29 de Março de 2010, 22h28
    0
    0

    é uma piada um acordo de papel resolver os problemas da saúde, onde 7 anos de governo Maggi não resolveu, agora Deputado Sergio vem com essa conversa fiada juntamente com o Secretario de Estado de Saúde, é brincar com a população, afinal, só brincam com a população, como a idéia fantastica agora que o caos se instalou na saúde, foi que o Deputado Sergio Ricardo deu a grande idéia de abrir curso de medicina na universidade pública do Estado, UNEMAT, engraçado, quanto tempo Sergio Ricardo é deputado? E ele é aliado de Blairo Maggi, que virou governador em 2003, se tivesse criado naquela época curso de medicina na unemat, hoje teriamos formandos do curso, e assim, amenizaria o caos instalado pela turma da botina. Eu sou apenas uma servidora pública da educação do Estado, na educação esta um caos, mas não mata pessoas, mas deixam elas apenas sem a formação adquada, mas a saúde pública de Mato Grosso ta matando pessoas, e o pior, as proprias autoridades estão revelando o proprio caos que eles mesmos criaram, estão tratando essa cpi como uma auditoria do bem, essa cpi é pra responsabilizar criminalmente o Governador Blairo Maggi, Secretario de Saúde esse tal de Agostinho, e quem mais for responsavel.

  • elias | Segunda-Feira, 29 de Março de 2010, 22h27
    0
    0

    o que o ano eleitoral não faz né.....isso é um dever de nossos politicos não fazem mais do que a obrigação, mas como tudo na politica tem que ser no tranco....

RUMO A 2022

Pátio agora quer ser governador

Por 27/02/2021, 10h:09 - Atualizado: 02h atrás

ze do patio 680

Empolgado com a reeleição em Rondonópolis e por ver seis colegas do seu partido, o Solidariedade, garantir as maiores votações para vereador, o prefeito Zé do Pátio propaga que agora quer concorrer ao governo estadual.

Postar um novo comentário

CARGO VITALÍCIO

O próximo conselheiro do TCE

Por 26/02/2021, 13h:32 - Atualizado: 26/02/2021, 13h:33

eduardo botelho 680

O deputado Eduardo Botelho, ex-presidente da Assembleia, vai mesmo para o TCE. Entrará na primeira vaga que surgir.

Postar um novo comentário

Comentários (9)

  • Cidadao | Sábado, 27 de Fevereiro de 2021, 10h19
    1
    0

    O sr indicado poderia disponibilizar seu curriculo para comprovar que detem os requisitos constitucionais de notorio saber nas areas do TC... Se tiver, será um bom conselheiro, considerando que tem sido um bom deputado.

  • marta | Sábado, 27 de Fevereiro de 2021, 09h46
    2
    0

    só jogadinha politica, e o povo que se lasque, pergunto, por que não escolhem o servidor de carreira do estado para uma vaga no tce? por que ele pode não compactuar com os rolos jogadinhas?

  • JUSTO VERISSÍMO | Sábado, 27 de Fevereiro de 2021, 07h14
    2
    0

    Isso e uma palhaçada, colocar políticos para julgar contas públicas, isso tem que acabar, nessa casa de corte, so tem cobra criada e espertos, enquanto o povo sofrido trabalhador Matogrossense ralando de domingo a domingo para sustentar essa classe que nao faz nada.

EM PEDRA PRETA

Justiça destitui mais uma tabeliã e lacra cartório

Por 25/02/2021, 14h:34 - Atualizado: 25/02/2021, 14h:38

cartorio primeiro oficio pedra preta 680

Mais uma tabeliã é destituída do cargo em Mato Grosso por diversas irregularidades.  Desta vez, a punição é para a interina Carmem Aparecida Monteiro,  responsável pelo Cartório do 1º Ofício de Notas e Registro de Títulos e Documentos de Pessoas Jurídicas de Pedra Preta.

Postar um novo comentário

NA ASSEMBLEIA

De volta pela 5ª vez nesta legislatura

Por 25/02/2021, 09h:15 - Atualizado: 25/02/2021, 09h:18

romoaldo junior 680

Aos 60 anos, 40 deles de vida pública, Romoaldo Júnior está de volta, pela quinta vez nesta legislatura, à cadeira de deputado. Aliás, nos últimos 24 meses, ele só ficou 20 dias na reserva, mesmo derrotado nas urnas de 2018.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Junior | Sexta-Feira, 26 de Fevereiro de 2021, 11h39
    0
    0

    Em Alto Taquari seria interessante uma varredura dessa!

  • Caio junior | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 23h00
    0
    0

    Em Sinop interveio em 2 e nao abre outras 5....eita TJ

APOIOS EXTERNOS

Queda-de-braço entre deputados na eleição da Ucmmat

Por 24/02/2021, 20h:07 - Atualizado: 24/02/2021, 20h:07

bruno rios ucmmat 680

O processo eleitoral na Ucmmat, que terminou hoje com a vitória à presidência do vereador e advogado Bruno Rios (PSB), por uma diferença de 13 votos, se transformou numa queda-de-braço entre deputados estaduais e federais.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Robson Oliveira | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 11h55
    0
    2

    O maior cabo eleitoral do Edcley foi o Deputado Leonardo. Inexpressivo e traira

  • fabinn | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 11h51
    1
    0

    Perdeu porque fez um péssima gestão

  • Marcelo | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 11h44
    0
    0

    Perdeu com Riva pai e Riva filha juntos, no mesmo pacotão e de quebra deu um tapa na cara de WF, Neri Gueller e Emanuelzinho

PROJEÇÃO POLÍTICA

Investida no novo presidente da AL

Por 24/02/2021, 16h:25 - Atualizado: 24/02/2021, 16h:25

Rdnews/arquivo

max russi 680

Agora presidente da Assembleia, Max Russi (PSB), que se identifica como "deputado social", aos 45 anos, quer chegar a postos mais importantes na vida pública.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Bainho | Quinta-Feira, 25 de Fevereiro de 2021, 08h43
    2
    1

    Agnello, indicar para uma pessoa estudar é preconceito? Como? Aposto que vc seja de ideologias da esquerda.

  • Heleno | Quarta-Feira, 24 de Fevereiro de 2021, 19h28
    8
    5

    Primeiro tem estudar, como vai ser governador sem estudo?

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2675