Blog do Romilson Cuiabá, 28 de Novembro DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Justiça Eleitoral

TRE julga 9; processos contra Wilson, Juarez e Vilson na pauta

17/01/2010, 10h:46 - Atualizado: 26/12/2010, 12h:15

   Na primeira sessão ordinária de 2010, marcada para esta segunda (18), membros do Pleno do Tribunal Regional Eleitoral apreciam nove processos. O primeiro deles trata de um recurso do prefeito de Cuiabá Wilson Santos (PSDB), que teve a prestação de contas da campanha reprovada em primeira instância. A votação está empatada em 2 a 2. Se perder o recurso, o prefeito poderá ficar inelegível, o que dificulta o projeto de candidatura do tucano à sucessão do governador Blairo Maggi (PR).

   Em outro recurso, o prefeito de Sinop Juarez Costa (PMDB) tenta reformar a decisão que reprovou a prestação de contas de sua campanha de 2008. Dificilmente ele conseguirá reverter a condenação, pois quatro membros do Pleno já se manifestaram pela rejeição do embargo de declaração, embora seja possível o recuo do voto. Faltam apenas os votos de Eduardo Jacob, que pediu vistas, e de Samir Hammoud.

   No terceiro processo na pauta, o prefeito de Paranatinga Vilson Pires (PRP) tenta reverter a condenação da 57ª Zona Eleitoral por compra de votos. Ele já teve o diploma cassado e se mantém no cargo por força de uma liminar. O parecer do Ministério Público Eleitoral é pelo improvimento do recurso. A defesa de Vilson fará a sustentação oral dos argumentos durante a sessão desta segunda. Depois disso, os membros do Pleno apreciam um pedido de liminar, com efeito suspensivo, também proposto pelos advogados do prefeito de Paranatinga. Desta vez, ele tenta suspender a cassação de primeira instância por irregularidades na arrecadação e nos gastos de campanha.

   O quinta recurso a ser apreciado foi proposto pelo vereador de Vila Bela da Santíssima Trindade, Orlando César dos Santos (PP). O progressista foi eleito por média, com 326 votos, mas teve a prestação de contas reprovada em primeira instância. O parecer do MPE é pelo improvimento do recurso, mas o relator Eduardo Jacob acatou parcialmente o pedido da defesa, e foi acompanhado por Yale Sabo Mendes e Samir Hammoud. O juiz José Pires da Cunha negou provimento ao recurso. Faltam os votos do desembargador Rui Ramos Ribeiro e do juiz José Zuquim Nogueira.

Adair José   O sexto recurso da pauta foi apresentado pelo prefeito de Alto Paraguai, Adair José Alves Moreira (PMDB). Ele foi condenado em primeira instância por inconsistência na prestação de contas de campanha e abuso de poder político e econômico. Diante disso, teve não apenas o mandato cassado, mas foi declarado inelegível por três anos. Eleito com 1.645 votos, Adair retornou ao cargo por força de uma liminar. O parecer do MPE é pelo improvimento do recurso.

   Outro processo trata da prestação de contas do diretório regional do Partido dos Trabalhadores, referente ao exercício financeiro de 2004, ano em que o hoje deputado estadual Alexandre Cesar concorreu à Prefeitura de Cuiabá e foi derrotado no segundo turno pelo tucano Wilson Santos (PSDB). Alexandre responde por caixa 2. Acompanhando o parecer do MPE, o relator Yale Sabo Mendes votou pela desaprovação das contas e suspensão das cotas do fundo partidário por seis meses. Apesar de cinco membros do Pleno terem proferido voto pela irregularidade nos balancetes, o julgamento foi adiado em razão do pedido de vistas do desembargador Rui Ramos Ribeiro.

   No oitavo processo, os membros apreciam o recurso de Claudio Emílio da Silva, referente à prestação de contas da campanha a deputado estadual em 2006. Ele tentou se candidatar pelo PL, mas teve o registro negado. Mesmo assim, o nome foi incluído no pleito e agora Claudio Emílio responde a processo na Justiça Eleitoral por não ter apresentado os balancetes. O último processo da pauta trata da prestação de contas do diretório do PPS de Planaldo da Serra, referente à campanha de 2008. O partido compôs o arco de aliança que elegeu o democrata Dênio Peixoto Ribeiro, com 1.081 votos. No TRE, a matéria é relatada pelo juiz Samir Hammoud.

Postar um novo comentário

Comentários (7)

  • Luiz Fernando | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 16h08
    0
    0

    Desses prefeitos, talvez o Adair seja o único a ser cassado, simplesmente por ter derrotado a candidata do Governador em Alto Paraguai. Vamos torcer para que o nosso "Nobre" TRE, que anda com medo do CNJ, tenha, pelo menos uma vez, decência nos seus julgamentos.

  • carlos jose | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 15h38
    0
    0

    Caro Romilson, como podemos atribuir a lesura deste julgamento em pleno ano eleitoral??! Pena da população cuiabana, do povo que tanto clama por justiça, vale lembrar o Caetano Veloso: O Haiti é aqui, cairia bem não acha?!Que justiça essa que tem presidente de bairro com vasta lista de infrações e sai ileso,é presidente atual do bairro, suplente de vereador prestes a assumir a vaga, oque me diz...hennnnnnnn O verdadeiro Juiz é Jesus Cristo que nos vai julgar e o Espírito Santo é o Justiceiro contra os juizes inequos, assim ja revela a história desde antes da era de Jesus... Viva justiça terrena e viva as pizzas.....

  • ALCAPONE | Segunda-Feira, 18 de Janeiro de 2010, 10h25
    0
    0

    ALCAPONE, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

RUMO A 2022

Fortalecidos em Várzea Grande, Tião e Frical vão concorrer a deputado

Por 27/11/2020, 21h:00 - Atualizado: 06h atrás

flavio vargas tiao da zaeli 680

Ex-prefeito várzea-grandense Tião da Zaeli e Flávio Vargas, que foi bem votado, agora vão a deputado estadual

O empresário Flávio Vargas, o Frical, que saiu bastante fortalecido das eleições para prefeito de Várzea Grande, está disposto a encarar outro desafio eleitoral e, desta vez, em parceria com seu coordenador da campanha, o ex-prefeito Tião da Zaeli.

Postar um novo comentário

Comentários (2)

  • Eleitor de Kalil Baracat | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 21h38
    0
    0

    Eu vou votar no candidato que o prefeito eleito Kalil Baracat apoiar, porque é muito importante para o nosso município ter um Deputado Estadual para trazer recursos para o nosso município, é novos tempos, BORA BORA AVANÇAR COM KALIL BARACAT

  • Os Varzeagrandensses | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 21h18
    0
    0

    Várzea Grande precisa fazer um Deputado Estadual para nos representar na Assembleia legislativa, não podemos admitir que forasteiros venham no nosso município só em época de campanha, rouba nossos votos e somem

FUTURA MESA

Sob Emanuel, Marcrean pode vir a presidir Câmara; com Abílio, Diego

Por 27/11/2020, 16h:19 - Atualizado: 27/11/2020, 16h:22

marcrean santos 680

O futuro presidente da Câmara da Capital, como historicamente acontece, será aquele sintonizado com o Palácio Alencastro, que indiretamente interfere no processo.

Postar um novo comentário

Comentários (1)

  • winx | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 17h16
    0
    0

    winx, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

TESTADO E REPROVADO

Julinho absorve rápido mais uma derrota

Por 27/11/2020, 08h:49 - Atualizado: 27/11/2020, 09h:10

julio campos 680

Aos 73 anos, Júlio Campos segue tranquilo, curtinho suas três aposentadorias. Absorveu rápido a derrota eleitoral no último dia 15.

Postar um novo comentário

Comentários (8)

  • Maria do Carmo Silva | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 18h22
    1
    3

    Júlio José de Campos ou simplesmente Julinho, não precisa de mandato para ser prestigiado e querido pelo povo, ele será sempre respeitado e querido por todos nós Cuiabanos e Matogrossense por ser um cara simples, honrado e amigo de todos. Sou mesmo um admirador do Dr.Julio, e muito tem inveja da sua pessoa e até do seu patrimônio e da família. Nunca vc viu os seus 4 filhos denegrir a imagem dos CAMPOS.

  • Mario Márcio | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 18h08
    1
    2

    O Dr.Julio Campos, aceitou a 1° Suplencia ao Senado do Nilson Leitão, apenas para colaborar e se reclicar com os politicos do Interior de MT. O derrotado foi Leitão,e não Julio, ele está demais de preocupado com os invejosos, esta´muito bem de saude, empresarialmente o Grupo Futurista (radios,Tvs, Loteamentos e Condominios,Mineração, Reserva Ecologica e outros seus empreendimentos tá faturando e crescendo muito já sob comando dos Filhos), então vai curtir o seu poder,sua simpatia, e seu prestigio que é muito grande entre nós Matogrossenses.

  • Sr Alenxar Pulquerio | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 14h27
    7
    2

    Chico Bento vá estudar para não passar vergonha. Bozonaro é outro sanguessuga que fpi reformado aos 32 anos de idade e vc manso trabalha pra pagar impostos e sustentar ele. Seja manso. Obrigado.

ONTEM E HOJE

Coronel que ajudou a eleger Abílio hoje quer distância do ex-aliado

Por 26/11/2020, 19h:16 - Atualizado: 26/11/2020, 19h:19

leovaldo sales 680

O coronel PM da reserva Leovaldo Sales, secretário de Ordem Pública de Cuiabá, foi o coordenador e braço fundamental da campanha vitoriosa de Abílio Júnior a vereador, em 2016. Ajudou a arregimentar votos de centenas de fiéis. 

Postar um novo comentário

Comentários (23)

  • Felipe Matos | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 13h54
    11
    2

    Com todo respeito, religião tem que ser tratada dentro da igreja. Misturar igreja com política dá nisso. Vejam esses candidatos eleitos com os votos dos fiéis das igrejas evangélicas. Vejam o nível desses vereadores. O que esse Abílio, eleito com os votos da Assembleia de Deus fez pelo povo de Cuiabá ao longo do seu mandato? Cuiabá é grande demais, tem várias religiões, que a fé de cada um seja respeitada, mas não usem a fé para ganhar voto e ficar 4 anos sem fazer nada.

  • LUIZ ANTONIO NOGUEIRA GARCIA | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 09h51
    23
    15

    Não conheço pessoalmente o Coronel Sales, mas já tive a oportunidade de ouvi-lo e conviver com pessoas que o conhece bem, e as informações que me repassaram tratar-se de um pessoa honesta, integra, de um caráter ilibado.

  • DE OLHO | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 09h07
    0
    0

    DE OLHO, Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

Rumo às urnas

Abílio avalia se vai ao debate da TV Vila Real

Por 26/11/2020, 16h:52 - Atualizado: 26/11/2020, 17h:24

abilio_680

Abílio Júnior (Pode) está refletindo se comparece ou não ao debate, nesta sexta (27), na TV Vila Real, do grupo Gazeta de Comunicação.

Postar um novo comentário

Comentários (19)

  • Ze da roça | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 10h11
    0
    0

    Ze da roça , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Ze da roça | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 08h48
    0
    0

    Ze da roça , Há expressões agressivas, ofensas e/ou denúncias sem provas. Queira, por gentileza, refazer o seu comentário

  • Angelo | Sexta-Feira, 27 de Novembro de 2020, 08h04
    11
    0

    Só participa de debates quem têm ideias e sabe expor com clareza seus pensamentos ... o que, obviamente, não é o caso desse bravateiro evangélico ... esse tipo de gente só sabe citar a bíblia, ainda assim, mal e porcamente, de acordo com suas conveniências ... pobre povo de Cuiabá se colocar esse ignorante no paço municipal ...

CÂMARA DE CUIABÁ

Dos 10 vereadores reprovados, Toninho foi o menos votado confira

Por 26/11/2020, 10h:57 - Atualizado: 26/11/2020, 11h:00

toninho de souza 680

Dos 10 vereadores da Capital que não conseguiram se reeleger, o menos votado foi Toninho de Souza (PSDB), justamente o campeão de votos das urnas de 2016. Toninho saiu de 5.620 votos conquistados há quatro anos para apenas 885 desta vez.

Postar um novo comentário

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2633