Blog do Romilson Cuiabá, 06 de Junho DE 2020 Rdnews RDTV facebook twitter RSS

4674.png

Política

Poderes

Bastidores

Negócios

Análise

Opinião

Uma ata "fraudada" no caminho de Taques

Por 23/03/2014, 09h:08 - Atualizado: 24/03/2014, 11h:02

Pedro Taques vive hoje no purgatório e está prestes ou a seguir para o paraíso ou a cair no inferno político. Com uma carreira admirável no Ministério Público Federal, onde atuou como procurador da República por quase 20 anos, e, a partir de 2011, como senador, ele corre risco de perder o mandato por causa de indícios de fraude na ata partidária que homologou sua candidatura juntamente com a dos dois suplentes. Por outro lado, caminha como favorito nas intenções de voto para governador.

pedro taques candidatura governador

Pedetista Pedro Taques toca a pré-campanha a governador preocupado em perder cadeira de senador

O pedetista alega que não houve fraude, mas sim falha na hora de preencher a ata apresentada à Justiça Eleitoral. Nela, consta como primeiro-suplente o patrulheiro rodoviário federal José Medeiros (PPS), de Rondonópolis. Medeiros entrou na chapa com a desistência de Zeca Viana (PDT), que optou por concorrer a deputado estadual e se elegeu. Eis que o segundo-suplente Paulo Fiúza (PV), de Sinop, resolve “desenterrar” o assunto quatro anos depois motivado pela expectativa de poder, primeiro, porque Taques deve se licenciar do Senado ao menos por três meses para disputar as eleições e, segundo, porque, uma vez eleito, o suplente imediato assume a cadeira no Congresso para quatro anos de mandato.

Diferente do que afirma Taques, Fiúza jura que houve fraude na ata e nas assinaturas. Sustenta que ele próprio é quem deveria constar como primeiro-suplente e não Medeiros. A Justiça Eleitoral decidiu checar tudo. Pediu a ata original para fazer exame grafotécnico, mas esta não apareceu até agora. Segundo informações, teria sido rasgada. Fora para o lixo. Sem a ata original, o registro de Taques pode ser considerado nulo. E aí quem se tornaria senador na sua vaga seria o petista Carlos Abicalil, segundo colocado nas urnas.

Embora não demonstre publicamente, Taques está temeroso. E por isso investe ainda mais na pré-candidatura ao Governo como voz forte da oposição. Se perder a cadeira em Brasília, pode ganhar outra no Palácio Paiaguás. Esta semana será decisiva para o ex-procurador da República considerado paladino da moralidade e da ética que, em quatro anos, virou político, disputou e perdeu a Presidência do Senado, quer manter-se no cargo e ao tempo, de olho na cadeira de governador. A batalha neste momento é para encontrar a ata original. O prazo dado pelo TRE está acabando.

Postar um novo comentário

Comentários (16)

  • VALDECIR DE MELLO | Terça-Feira, 25 de Março de 2014, 08h30
    0
    0

    Natascha Lopes, Ignorância, é acreditar no que diz a turma que é contra o pedro taques... A saber Abicalliu e Cumpanheiros do PT (rsrs), que chegam ao absurdo de pedirem para Dilma intervir na executiva nacional do PDT para que taques não seja candidato a governador, afinal qual é o medo? será que é só das urnas ou pode outras tantas coisas virem a tona? Me admira muito um eleitor to PT vir me chamar de Ignorante, votam, apoiam e até arrecadam dinheiro para pagar multas milionarizarias desviadas dos cofres públicos... Me diz Natascha Lopes o que isso significa será que é ignorância? ou podemos dar algum outro nome para isso... e enquanto aos suplentes duvido que alguém pesquise sobre a vida dos mesmos, ainda mais quem vota em mensaleiro e nessa corja que os apoiam... e mai Natascha Lopes o choro é livre

  • valdir | Segunda-Feira, 24 de Março de 2014, 10h20
    1
    8

    quero ele para governador e depois para presidente deste País,creio que ele é a pessoa ideal!

  • Natascha Lopes | Segunda-Feira, 24 de Março de 2014, 10h19
    4
    0

    "afinal ninguém vota em suplente rsrsrsrs" Que ignorância sr. Valdecir de Mello? é claro que votamos no suplente, é de rir mesmo da sua ignorância.

ASSOCIAÇÃO MILITAR

Relatório aponta desvio de dinheiro de Associação para conta de coronel

Por 06/06/2020, 18h:14 - Atualizado: 03h atrás

gil e kleber 680

Os coronéis Ricardo de Almeida Gil (esq.) e José Kleber Duarte, que administraram Associação por mais de 10 anos

O presidente interino da Associação Beneficente de Saúde dos Militares de MT, coronel Dival Pinto Martins, conseguiu acesso a duas contas bancárias (C. A. M. e A. G. H. F.) ligadas à entidade e criadas pelos dirigentes afastados, coronéis José Kleber e Ricardo Almeida Gil.

Postar um novo comentário

EM CHAPADA

Prefeita comunica estar com câncer veja

Por 06/06/2020, 12h:25 - Atualizado: 09h atrás

thelma 680

A ex-deputada federal e hoje prefeita de Chapada dos Guimarães, Thelma de Oliveira, anunciou hoje que, após tratamento de trombose, foi diagnosticada com câncer de mama.

Postar um novo comentário

RUMO À APOSENTADORIA

Ex-deputado vai "arrastado" pra sala

Por 05/06/2020, 20h:02 - Atualizado: 05/06/2020, 20h:08

ellene lima 680

Aos 65 anos e já cansadão, Eliene Lima, que voltou à sala de aula após quase 30 anos de vida pública, estava indo arrastado para o IFMT, onde é lotado como professor de matemática, até antes da pandemia. 

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • joana | Sábado, 06 de Junho de 2020, 13h31
    3
    0

    mas o IFMT esta tendo aula? mesmo q on line?

  • MT mais transparente | Sábado, 06 de Junho de 2020, 08h31
    6
    0

    Engraçado como servidor sem titulação de mestre e está fora sala de aula mais 20 anos e aposentar como mestre é irregular. O RDC impede qualquer tipo de aproveitamento sem estar em sala de aula. Sendo assim devemos realizar uma apuração junto CGE esta situação.

  • Juca | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 21h42
    20
    0

    Esse tem histórico de m...

MORTE PREMATURA

1º exame em Adriano dá negativo para Covid-19

Por 05/06/2020, 12h:42 - Atualizado: 05/06/2020, 12h:45

adriano silva 680

O exame feito em Cáceres em Adriano Silva, que faleceu na última quarta (4), deu negativo para Covid-19.

Postar um novo comentário

PRECAUÇÃO

Governador deixa residência para fazer exame e nega viagem para SP

Por 05/06/2020, 11h:52 - Atualizado: 05/06/2020, 12h:26

mauro mendes 680

O governador Mauro Mendes, por meio da Secretaria de Comunicação, assegura que continua em casa e desmente a informação de que teria viajado a São Paulo, nesta madrugada, para continuar tratamento contra coronavírus no hospital Sírio-Libanês.

Postar um novo comentário

Comentários (11)

  • Mauro | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 21h39
    13
    2

    Num momento de dificuldades pelo qual todos nós estamos passando na minha opinião faz-se necessário todo órgão de impressa ter cuidado e checar primeiro a informação antes de divulgá-la, sob pena de produzir e publicar algo inverídico o que de nada contribui no momento atual

  • Eve | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 17h16
    33
    4

    Vocês publicaram que ele tinha viajado para Sao Paulo se tratar no Sírio. Qual é a noticia verdadeira ? Ou voces espalham FAKES NEWS?

  • fabinn | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 14h39
    39
    3

    Isso ai governador, não lhe desejo mal, porém, peço que mostre a qualidade dos hospitais públicos em Cuiabá. Por favor, não pensem errado sobre minha opinião, mas será que o governador iria para o Metropolitano? Santa Casa? Mostre que confia no serviço desses hospitais sr governador. Por favor, eu peço perdão pela fala, não desejo mal de ninguém, não estou usando a doença do governador, só uma curiosidade minha. Desejo melhoras ao nosso chefe de estado.

PROCESSO ELEITORAL

Mesmo sob pandemia, reitor da UFMT já convoca Colégio Eleitoral

Por 04/06/2020, 20h:43 - Atualizado: 04/06/2020, 20h:48

evandro ufmt 680

Mesmo com as atividades da UFMT suspensas por causa da pandemia, o reitor Evandro Soares da Silva, que já se movimenta pela recondução ao cargo, convocou reunião do Colégio Eleitoral Especial.

Postar um novo comentário

Comentários (5)

  • Antonio Carlos jaudy | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h47
    5
    1

    Quero saber quem disse que ele é candidato único? Quero saber se consulta a instituição se faz através de uma Live? Se esse pleito não tiver transparência, justiça e legalidade será motivo de demanda jurídica e responsabilização dos que não cumprirem os ditames legais. A professora Danieli Backes é também candidata e está muito bem cotada quero ver se o nome dela não irá constar da lista tríplice.

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h34
    3
    4

    Antônio, quem é você que fala em nome da UFMT? De onde parte sua informação de que os pre-candidatos retiraram sua candidatura? E esse consenso, foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

  • DANIELI BACKES | Sexta-Feira, 05 de Junho de 2020, 09h30
    3
    1

    Antônio, esse consenso foi construído como? Quando a comunidade interna da UFMT foi consultada a respeito?

INíCIO
ANTERIOR
1 de 2553